Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde

Campus Virtual de Saúde Pública

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Paracoco [Paracoccidioidomicose]

Rafael Figueiredo; Christovão Paiva; Eduardo Costa; Mônica Bittencourt.
Recursos Educacionais Abertos em Português | CVSP - Brasil | ID: cvsp-brasil--333550
oai:brasil.campusvirtualsp.org:333550 2018-07-11 type:LearningObject Paracoco [Paracoccidioidomicose] Rafael Figueiredo Christovão Paiva Eduardo Costa Mônica Bittencourt Quem trabalha na lavoura, no plantio, está sempre respirando a poeira que sobe da terra. Esta poeira pode conter um fungo causador de uma doença conhecida como paracoco. O paracoco é curável, mas se não for tratado a tempo pode deixar sequelas e até levar à morte. A doença acontece apenas na América Latina e só o Brasil responde por oitenta por cento dos casos, principalmente nas áreas rurais. Por falta de informação, pode ser confundido com outras doenças. A apresentadora Mônica Bittencourt conversou com Ziadir Francisco Coutinho, dermatologista do Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria - CSGSF/ENSP/Fiocruz. Participantes: Cenas do filme 'Paracoco, endemia brasileira' distribuição Vídeo Saúde; Estevão Prudêncio Ramos, agricultor; José Maurício da Silva, agricultor; Riki Osoegawa, 92 anos; Sati Temer; Dr. Silvio Alencar Marques, dermatologista da Faculdade de Medicina de Botucatu FMB/Unesp; Rinaldo Poncio Mendes (Dr. Tiete) infectologista FNB/Unesp. Canal Saúde Fiocruz 2018-07-11T00:00:00 Learning Object Vídeo http://www.canal.fiocruz.br/video/index.php?v=Paracoco-LES-1762 pt-br Prover saberes sobre a Paracoccidioidomicose que é uma micose que afeta pele, mucosas, nódulos linfáticos e órgãos internos e é causada pelo Paracoccidioides brasiliensis.
Quem trabalha na lavoura, no plantio, está sempre respirando a poeira que sobe da terra. Esta poeira pode conter um fungo causador de uma doença conhecida como paracoco. O paracoco é curável, mas se não for tratado a tempo pode deixar sequelas e até levar à morte. A doença acontece apenas na América Latina e só o Brasil responde por oitenta por cento dos casos, principalmente nas áreas rurais. Por falta de informação, pode ser confundido com outras doenças. A apresentadora Mônica Bittencourt conversou com Ziadir Francisco Coutinho, dermatologista do Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria - CSGSF/ENSP/Fiocruz. Participantes: Cenas do filme 'Paracoco, endemia brasileira' distribuição Vídeo Saúde; Estevão Prudêncio Ramos, agricultor; José Maurício da Silva, agricultor; Riki Osoegawa, 92 anos; Sati Temer; Dr. Silvio Alencar Marques, dermatologista da Faculdade de Medicina de Botucatu FMB/Unesp; Rinaldo Poncio Mendes (Dr. Tiete) infectologista FNB/Unesp.