Your browser doesn't support javascript.
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 33
Filter
2.
Revista Espaço para a Saúde ; 20(1): [62-74], jun.2019. tab, ilus
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: biblio-1007937

ABSTRACT

O objetivo da pesquisa foi desvelar o conhecimento de coordenadores e discentes de graduação sobre a relevância da temática gestão em saúde na formação em Enfermagem e Medicina. Utilizou-se método exploratório-descritivo, analítico, com abordagem mista. Participaram 5 coordenadores e 116 estudantes dos cursos estudados. Realizou-se em três fases: coleta e análise das informações avaliando-se e investigando-se documentalmente os Projetos Pedagógicos de Curso (PPC) e Matrizes Curriculares (MC), buscando-se conteúdos da gestão. Entrevista semiestruturada com coordenadores analisando-se conhecimentos da gestão. Questionário com escala Likert para estudantes, avaliando-se o aprendizado na gestão. Os resultados demonstram que: PPC e MC seguem a legislação, coordenadores possuem pouca percepção e experiência, não tem o conhecimento dos conteúdos em gestão. Estudantes não estão preparados para atuarem na gestão. Conclui-se: PPC e MC devem ser integrados, com aplicação de metodologias ativas nos processos de ensino em gestão da saúde.


Subject(s)
Health Education , Quality Management , Education, Nursing, Continuing
3.
Rev. bras. educ. méd ; 43(1,supl.1): 598-605, 2019. tab
Article in English | LILACS-Express | ID: biblio-1057622

ABSTRACT

ABSTRACT The evaluation of the General Competencies in undergraduate courses in the healthcare area remains challenging. Objectives To develop an instrument for supporting teaching staff in evaluating the General Competencies of undergraduate students in the healthcare area; to test the reliability of the instrument with teachers and students of the same working field; validate the instrument of General Competencies, directed to teachers and students from the health area. Methods the present was a Methodological study, approved by REC N. 826.770. The validation of the construct, criterion and content based on the National Curricular Guidelines (NCG), and the search for a theoretical framework were performed, as well as statistical tests such as alpha Cronbach, t Test, p-value, Factorial Analysis, Pearson's Correlation Coefficient and Akaike Information Criterion, which also ensured the reliability. The study was performed in a Higher Education Institution in Curitiba/PR, in the courses of Nursing, Biomedical Sciences, Pharmacy, Psychology and Medicine. The study population consisted of 50 evaluations of students and 50 of teachers, covering all the periods and courses during the second half of 2014. Results it was possible to create one model with three versions of instruments that evaluated the general competencies for the healthcare area courses. One of these was directed towards the general competencies of 10 courses in the healthcare area, subdivided in Health Care, Decision-making, Communication, Leadership, Administration and Management and Continuing Education, with one instrument directed at the student and another 'mirror' at the professor. The second and third versions had three dimensions: Health Care, Management in Healthcare and Education in Health, directed towards the general competencies of the new structure of the NCG of the medical course. The three versions also had an instrument for teachers and a mirror one for students. Conclusion To validate the instrument on General Competencies, directed to teachers and undergraduate students of health area courses, the theoretical search, the NCG and the experts' evaluation were used for Content Validity; the t Test, Chi-square Test and Pearson's correlation coefficient were used for Criterion Validation; statistical tests of exploratory and confirmatory factorial analysis and the AIC were used for Construct Validity; and Cronbach's alpha and the AIC were used for Content validity, using the same steps described for the first goal, to ensure the reliability of the instruments. After this process three versions of the instrument were developed, the first two to be used with teachers and with teachers and students together; and the third version is adequate to be used with students or teachers; and also, for teachers and students together. However, it can be used by all health courses studied.


RESUMO A avaliação das competências gerais nas graduações da área da saúde permanece desafiante. Objetivos Desenvolver um instrumento para apoiar os docentes na avaliação das competências gerais dos graduandos de cursos da área da saúde; testar a confiabilidade do instrumento com professores e estudantes do mesmo campo de atuação; validar o instrumento de competências gerais, direcionado aos professores e graduandos da área da saúde. Métodos A pesquisa foi do tipo metodológico, aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa nº 826.770. Foram realizadas a validação de constructo, a de critério e a de conteúdo com base nas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) e na busca de referencial teórico, além de testes estatísticos como alfa de Cronbach, test t, valor de p, análise fatorial, correlação do coeficiente de Pearson e Akaike information criterion (AIC), que também garantiram a confiabilidade. O estudo foi desenvolvido em uma instituição de ensino superior de Curitiba (PR), nos cursos de Enfermagem, Biomedicina, Farmácia, Psicologia e Medicina, sendo a sua população composta de 50 avaliações de estudantes e 50 de professores, o que contemplou todos os períodos e cursos em andamento no segundo semestre de 2014. Resultados Foi possível a confecção de um modelo com três versões de instrumentos que avaliam as competências gerais para os cursos da área da saúde. A primeira englobou as competências gerais de 10 cursos da área da saúde, que se subdividem em: atenção à saúde, tomada de decisões, comunicação, liderança, administração e gerenciamento e educação permanente. A segunda e terceira versões contam com três dimensões, atenção à saúde, gestão em saúde e educação em saúde, voltadas para as competências gerais da nova formulação das DCNs do curso de Medicina. As três versões contam com um instrumento voltado para o professor e outro, espelho, dirigido ao estudante. Conclusão Para validar o instrumento sobre competências gerais, direcionado aos professores e graduandos de cursos da área da saúde, foram utilizadas, no que se refere ao seu conteúdo, a busca de referencial teórico, as DCNs e a avaliação de experts; para a validação de critério, o teste t, o teste χ2e a correlação de coeficiente de Pearson; e para validade de constructo, os testes estatísticos de análise fatorial exploratória e confirmatória e o AIC. Para validade de conteúdo, recorreu-se aos mesmos passos descritos para o primeiro objetivo, a fim de garantir a confiabilidade dos instrumentos, e empregaram-se o alfa de Cronbach e o AIC. Após esse processo, foi possível o desenvolvimento de três versões do instrumento, sendo as duas primeiras para utilização de professores e para professores e estudantes em conjunto; e a versão 3 foi apropriada para professores ou estudantes e ainda para professores e estudantes em conjunto, porém ela pode ser utilizada por todos os cursos da área da saúde estudados.

4.
Espaç. saúde (Online) ; 19(1): [65-75], ago. 2018.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: biblio-967585

ABSTRACT

A educação Permanente é aprendizagem constante dos indivíduos envolvidos em uma prática profissional. Objetivou-se nesta pesquisa analisar a compreensão da equipe de enfermagem em relação à eficácia da educação permanente: descrever a experiência da equipe de enfermagem sobre a educação permanente; identificar os benefícios e dificuldades apontados pela equipe de enfermagem sobre a educação permanente. Trata-se de uma pesquisa exploratório com abordagem qualitativa, a coleta de dados foi realizada através de uma pesquisa exploratório-descritiva com abordagem qualitativa, a coleta de dados foi realizada através de entrevistas com a equipe de enfermagem. O estudo ocorreu em março de 2016 em um hospital pediátrico de Curitiba, e as perguntas feitas na entrevista se referiam a saber qual é a compreensão dos profissionais da enfermagem referente a Educação Permanente. Os dados foram analisados por meio de categorização. Conclui-se que os profissionais da enfermagem compreendem a eficácia da educação permanente, reconhecem seus benefícios e identificam as dificuldades em participar das ações ofertadas pelo programa de educação permanente.


Subject(s)
Education, Nursing, Continuing
5.
Interface (Botucatu, Online) ; 22(supl.1): 1471-1479, 2018.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: biblio-954330

ABSTRACT

O projeto Ensino, Saúde e Desenvolvimento: rede de saberes e práticas foi uma proposição conjunta inicialmente de professores e pesquisadores da Faculdades Pequeno Príncipe, da Universidade Estadual de Londrina, da Universidade Federal de Santa Catarina e posteriormente da Universidade Estadual de Maringá e da Universidade Federal de Alagoas. O objetivo deste relato é uma autoavaliação, buscando analisar os resultados alcançados com um olhar crítico na busca de alternativas que levassem a maiores avanços. A avaliação foi dividida em tópicos: Contexto e problemática; A construção do projeto: seus a(u)tores e históricos envolvidos; Ousadia número 1: ensino, saúde e desenvolvimento; Ousadia número 2: rede de saberes e práticas; O desenvolvimento do projeto: avanços e recuos; Lições aprendidas; e Perspectivas. Os autores reconhecem a pertinência da iniciativa do Ministério da Saúde e da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e se posicionam para a continuidade do Programa Pró-Ensino na Saúde.(AU)


El proyecto "Enseñanza, Salud y Desarrollo: red de saberes y prácticas" fue inicialmente una propuesta conjunta de profesores e investigadores de las Facultades Pequeno Príncipe, Universidad Estadual de Londrina y Universidad Federal de Santa Catarina y posteriormente de la Universidad Estadual de Maringá y de la Universidad Federal de Alagoas. El objetivo de este relato es una autoevaluación buscando analizar los resultados alcanzados con una mirada crítica en la búsqueda de alternativas que llevaran a mayores avances. La evaluación se dividió en tópicos: Contexto y problemática; La construcción del proyecto: sus autores y actores e historiales envueltos; Osadía Número 1: Enseñanza, salud y desarrollo; Osadía Número 2: Red de saberes y prácticas; El desarrollo del proyecto: avances y retrocesos; Lecciones aprendidas; Perspectivas. Los autores reconocen la pertinencia de la iniciativa del Ministerio de la Salud y de CAPES y se posicionan en favor de la continuidad del Programa "Pro-Enseñanza en la salud".(AU)


The project "Teaching, Health and Development: Network of Knowledge and Practices" was a joint proposal of teachers and researchers from Faculdades Pequeno Príncipe, Universidade Estadual de Londrina and Universidade Federal de Santa Catarina and, subsequently, from Universidade Estadual de Maringá and Universidade Federal de Alagoas. The objective of this report is a self-evaluation to analyze the results achieved with a critical eye in search of alternatives that could lead to greater advances. The evaluation was divided into topics: Context and problem; The construction of the Project: Its stakeholders and history; Boldness Number 1: Teaching, health and development; Boldness Number 2: Network of knowledge and practices; The development of the project: Advances and retreats; Lessons Learned; Perspectives. The authors acknowledge the relevance of the initiative of the Ministry of Health and CAPES and stand up for the continuity of the Program Pró-Ensino na Saúde.(AU)


Subject(s)
Humans , Self-Assessment , Universities , Education, Higher , Health Research Plans and Programs , Professional Training , Intersectoral Collaboration
6.
Rev. bras. med. trab ; 14(3): 245-251, set.-dez. 2016.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: biblio-827295

ABSTRACT

Contexto: O conteúdo de Medicina do Trabalho é importante na educação médica, independente da especialidade a ser escolhida, devido à relevância do tema. Do ponto de vista de organizações internacionais, da Legislação Brasileira, do Sistema Único de Saúde e do Conselho Federal de Medicina, a Medicina do Trabalho é entendida como conteúdo esperado para a prática profissional dos médicos. Objetivo: Analisar como está sendo o ensino de temas relacionados à Medicina do Trabalho nos cursos de graduação médica no Estado do Paraná. Métodos: Estudo exploratório com abordagem predominantemente quantitativa. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética da Faculdades Pequeno Príncipe. Um questionário padrão, validado por especialistas, foi elaborado e dirigido para oito instituições de ensino superior (IES) a fim de pesquisar aspectos referentes ao ensino durante a graduação médica. Resultados: Todos os destinatários responderam ao questionário. A utilização de metodologias ativas de ensino foi verificada em 75% das escolas médicas. Em apenas metade das IES a disciplina de Medicina do Trabalho estava disponível. Houve identificação de reduzida carga horária (teórica e prática) e poucos temas de saúde ocupacional eram abordados. Paralelamente, o número de periódicos sobre o assunto deixa muito a desejar. Conclusão: As evidências apontam que a Medicina do Trabalho é ensinada de forma insuficiente nos cursos de graduação médica no Estado do Paraná. Seria desejável que pesquisas análogas fossem elaboradas incluindo IES de todo o território brasileiro para, então, possibilitar conclusão representativa nacional.


Context: The Occupational Medicine content is important in medical education owing to the relevance of the subject, regardless of the chosen specialty. From the perspective of many international organizations, Brazilian legislation, Unified Health System, and Federal Council of Medicine, the Occupational Medicine is a content that is expected for the physicians' professional practice. Objective: To analyze how Occupational Medicine contents are being taught in undergraduate medical programs in the state of Paraná, Brazil. Methods: This is an exploratory study, which mainly applied a quantitative approach. The project was approved by the Ethics Committee of the Faculdades Pequeno Príncipe. A standard questionnaire was developed and validated by experts. This questionnaire was directed to eight higher education institutions (HEI) to investigate aspects of teaching in their undergraduate medical programs. Results: All recipients responded to the questionnaire. Active teaching methods were used in 75% of medical schools. Only 50% of HEI had the discipline of Occupational Medicine available. Teaching hours were reduced (theoretical and practical) and few occupational health issues were addressed. Concomitantly, the number of journals on the subject is inadequate. Conclusion: The evidence suggests that Occupational Health is taught inadequately in undergraduate medical programs in the state of Paraná. It would be important to develop similar studies including HEI throughout Brazil to enable nationally representative conclusions.


Subject(s)
Curriculum/trends , Education, Medical, Undergraduate , Occupational Medicine/education , Brazil
7.
Espaç. saúde (Online) ; 14(1/2): 104-111, dez. 2013.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-705461

ABSTRACT

Trata-se de um relato de caso do processo de implantação do modelo de Sistema Municipal Saúde-Escola como ação estratégica para a gestão do trabalho e da educação na Secretaria de Saúde de São José dos Pinhais - PR. O relato trata de uma experiência de qualificação dos profissionais por meioda sistematização e coordenação de programa formal de ensino iniciado em 2009 aqui relatado até 2013. A crescente demanda por serviços especializados, a proximidade com Instituições de Ensino e a possibilidade de contratar profissionais com perfil docente foram oportunidades identificadas no cenário local que tornaram possível a implantação de programas de residências em saúde e ofortalecimento do programa de educação permanente. A coordenação dos serviços assistenciais e de ensino integrou os processos de trabalho com o objetivo de especializar profissionais em áreas estratégicas para o cenário local. Os programas de ensino em serviço foram institucionalizados com acriação de funções e cargos no organograma da Secretaria Municipal de Saúde, regulamentados por lei municipal que instituiu o Sistema Saúde-Escola.


The case-study presents an analysis of the process of establishing and implementing the Public System of Health School as a strategic action for the management of work and education in the Health Department of São José dos Pinhais - PR. The analysis is from the period of August 2009 to March 2013. The growing demand for specialized services, proximity to educational institutions and thepossibility of hiring professionals with teaching profile opportunities were identified in the local scene that continuing education program. Teaching processes were institutionalized with the creation of roles and positions in the organization chart of the Municipal Health regulated by municipal law that instituted the Public Health School.


Subject(s)
Education, Medical , Health Care (Public Health) , Health Education
8.
Interface comun. saúde educ ; 16(42): 809-817, jul.-set. 2012.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-651746

ABSTRACT

Reflete-se sobre as possibilidades da fenomenologia heideggeriana como referência na análise da educação na saúde. Heidegger propõe, em "Ser e tempo", a investigação sobre o sentido do ser, fundamental para o conhecimento que o homem possa ter de si mesmo como ser finito. Suas ideias provocaram transformações na concepção humanista moderna e na prática em educação. O indivíduo é sempre ator, sendo na medida em que existe, experimentando a si próprio na existência. O modo de ser privativo da saúde, o padecimento, é acompanhado sempre de uma limitação da possibilidade de viver. Assim, a fenomenologia heideggeriana nos ajuda a questionar a educação em saúde. Compreende-se que o homem se encontra sempre em copresença, entre a preocupação substitutiva e a libertadora. Este caminho se mostra possível quando contemplados os diversos modos de ser-professor e de ser-estudante. Possibilita-se, assim, aprofundar o ensinar-aprender na formação em saúde.


This essay reflects on the possibilities of Heidegger's phenomenology as a reference in the analysis of health education. In "Being and Time", Heidegger advocates the investigation of the meaning of the being, which is crucial for man's understanding of himself as a mortal being. Heidegger's ideas have caused transformations in the modern humanist conception and in education practice. The individual is always an actor as he/she exists, experimenting with him/herself within existence. The way of being that deprives of health, suffering, always comes along with a limitation of the possibility of living. Thus, Heidegger's phenomenology helps us question health education. We understand that man is always in co-presence, between substitutive preoccupation and liberating preoccupation. This path proves to be possible when different ways of being-professor and being-student are considered. Therefore, Heidegger's thought enables to deepen the teaching-learning that takes place in health education.


Se reflexiona sobre las posibilidades de la fenomenología de Heidegger para análisis de la educación en salud. Heidegger propone en "Ser y Tiempo" la investigación sobre el sentido del ser, fundamental para el conocimiento de que el hombre puede tener de sí mismo como un ser finito. Sus pensamientos causaron transformaciones en la concepción moderna humanista y la práctica educativa. El indivíduo es siempre actor em la medida em que existe, experimentando a si mismo en la existencia. La enfermedad siempre va acompañada de una limitación de la posibilidad de vivir. La fenomenología de Heidegger nos ayuda a cuestionar la educación en salud. Se entiende que el hombre está siempre en co-presencia, entre la preocupación substitut y la libertadora. Esta ruta se muestra posible al contemplar las diversas formas de ser-profesor y ser-estudiante. Permite mejorar la enseñanza-aprendizaje en la formación en salud.


Subject(s)
Education , Health-Disease Process , Methodology
9.
Ciênc. saúde coletiva ; 16(supl.1): 1363-1373, 2011. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-582573

ABSTRACT

Em 2002, o município de Santa Isabel do Ivaí (PR), em virtude de uma epidemia de toxoplasmose, tornou-se lócus privilegiado de investigações sanitárias. As informações disponíveis indicam tratar-se da maior já registrada no mundo: 426 pessoas apresentaram sorologia sugestiva de infecção aguda por T. gondii (IgM reator). Esta pesquisa foi realizada com o objetivo de identificar as ações desenvolvidas pelos serviços de saúde e de saneamento durante o período, observando os conflitos políticos ocorridos no processo e identificando as medidas tomadas pelas autoridades sanitárias durante e após a epidemia. Trata-se de um estudo interdisciplinar, que busca a compreensão mais aprofundada e abrangente dos problemas de saúde pública. A investigação foi baseada na análise de conteúdo de documentos da imprensa e institucionais e entrevistas. Segundo dados oficiais, a causa da epidemia foi a contaminação de um dos reservatórios de água que abastecem a cidade. A pesquisa mostrou que fatores de ordem política e social, como a instabilidade partidária e o nível de dependência política da sociedade local, contribuíram para a ocorrência do surto e para as dificuldades enfrentadas pelos agentes de saúde no decorrer da crise.


In 2002, due to a toxoplasmosis epidemic Santa Isabel do Ivaí, Paraná State, was the focus of sanitary investigations. Four hundred and twenty six individuals had serology suggestive of acute T. gondii infection (IgM reactor), considered the largest outbreak of toxoplasmosis ever reported in the world. This research was meant to identify actions carried out by the sanitation and health services sector at that time, highlighting the political conflicts that took place during the process and identifying the measures taken by the sanitary authorities during and after the epidemic period. This is an interdisciplinary study aimed at understanding major problems of public health like this one. The investigation was based on the contents of documents press and institutional and interviews. According to official data, the epidemic was caused by the contamination of one of the water reservoirs that supply the city. This research showed that political and social factors, as the party instability and the level of political dependence of local society, were largely responsible for the occurrence of the epidemic and for the difficulties faced by the health agents during such crisis.


Subject(s)
Humans , Toxoplasmosis/epidemiology , Brazil/epidemiology , Health Policy , Socioeconomic Factors
10.
Rev. bras. educ. méd ; 34(2): 238-246, abr.-jun. 2010.
Article in Portuguese | LILACS (Americas), RHS | ID: lil-552930

ABSTRACT

O Curso de Especialização em Ativação de Processo de Mudança na Formação Superior de Profis sionais de Saúde, lançado em 2005, disparou inúmeros processos de mudança. Entretanto, poucas experiências ativadas serão divulgadas à comunidade científica. Este artigo analisa dificuldades e estratégias vivenciadas por egressos paranaenses do curso de ativação durante a implantação de pro cessos de mudança em seus cenários locorregionais. Optou-se pela metodologia de pesquisa qualitativa com análise temática preconizada por Bardin. Trabalhou-se com dados secundários, os trabalhos de conclusão de curso (TCCs), e com dados primários, entrevistas semiestruturadas realizadas com os autores de TCCs, que se caracterizaram como planos de ação. Dos 57 egressos do Paraná, 25 envia ram seus TCCs e 21 foram entrevistados. A análise do corpus evidenciou dificuldades estruturais, metodológicas, administrativas, financeiras e, principalmente, humanas. Estratégias informativas, motivacionais e de convencimento se mostraram eficientes para superar diversas barreiras. Com o desvelamento dessas dificuldades e estratégias, elas poderão ser consideradas durante a organização de futuros planos de mudança, aumentando as chances de sucesso da proposta.


The graduate course on Activation of Change in Higher Education for Health Professionals, launched in 2005, triggered numerous processes of change. However, few activated changes are shared with the scientific community. The current article analyzes difficulties and strategies experienced by alumni of the activation course in Paraná State, Brazil, during the implementation of changes in their local and regional settings. The study adopted a qualitative research methodology with thematic analysis as proposed by Bardin. The sources were secondary data from course monographs and primary data from semi-structured interviews with the monograph authors, which were characterized as action plans. Of the 57 Paraná alumni, 25 sent their monographs and 21 were interviewed. The analysis revealed structural, methodological, administrative, financial, and mainly human difficulties. Informative, motivational, and persuasive strategies proved efficient for overcoming various barriers. Since these difficulties and strategies were unveiled, they can be considered in the organization of future plans for change, thereby increasing the odds of the proposal's success.


Subject(s)
Humans , Education, Continuing , Health Policy , Health Postgraduate Programs , Health Workforce
11.
Ciênc. saúde coletiva ; 15(3): 757-762, maio 2010.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-553094

ABSTRACT

As fortes mudanças ocorridas no setor saúde, com a criação do Sistema Único de Saúde, forçaram um repensar sobre a formação dos novos profissionais de saúde. Porém, a substituição do sistema dominante de atenção à saúde, centrado na doença, hospitalar e superespecializado, por modelos de atenção que valorizem a integralidade, o cuidado humanizado e a promoção da saúde, ainda não foi conquistada e depende, em grande medida, do perfil de formação e da prática dos profissionais de saúde. É no descompasso entre a formação dos novos profissionais e as necessidades dos usuários do sistema que está o grande entrave da relação Serviços de Saúde e Ensino em Saúde. Este ensaio busca formular uma compreensão sobre a necessidade de uma formação mais integral para um serviço mais integral. Busca-se dar subsídios para afirmar que a integralidade das ações em saúde deve ser precedida pela integralidade do pensamento e do ensino em saúde.


The strong changes happened in the health sector with the creation of the Brazilian Unified Health System had forced a reflexion about the formation of the new health professionals. However, the substitution of the dominant health care system, centered in the illness, hospital and super specialized assistance, by attention's models that value the integrality, the humanized care and the health's promotion, was not yet conquered and depends, in great measured, on the formation's profile and the practice of the health professionals. It is in the distance between the new professional's formation and the user's necessities of the system that is the great obstacle of the relation of health services and health education. This essay tries to formulate an understanding about the necessity of a more integral formation for a more integral service. It aims to give subsidize to affirm that the integrality of the health actions must be preceded by the integrality of the thought and health education.


Subject(s)
Humans , Delivery of Health Care/standards , Health Personnel/education , Brazil
12.
Physis (Rio J.) ; 20(2): 551-570, 2010.
Article in Portuguese | LILACS (Americas), RHS | ID: lil-554760

ABSTRACT

Este ensaio busca refletir as diversas iniciativas pró-mudança na formação superior em saúde implantadas no Brasil. Esta análise histórica faz-se necessária tendo em vista a importância da sistematização e difusão das experiências anteriores para o auxilio na construção das novas propostas pró-mudança. Estamos hoje refletindo sobre processos ativos de ensino-aprendizagem por termos vivenciado propostas como a da Medicina Comunitária, o Projeto de Integração Docente Assistencial, o Programa UNI, o movimento da Rede UNIDA, a Lei de Diretrizes Curriculares, Educação Permanente em Saúde e o Curso de Ativadores. Avançamos a partir da construção da tentativa anterior. Não é necessária a descoberta da roda a todo momento. Ela pode ser adaptada e voltar a girar. O olhar para as experiências do passado e para as necessidades do presente ajuda na construção do futuro almejado.


This paper aims to ponder over the various pro-change initiatives in health higher education in Brazil. A historical analysis is needed since prior experiences systematization and diffusion are important on attempting to build new pro-change proposals. Today we are pondering over active processes of teaching-learning because we have experienced proposals such as Community Medicine, the Professor Integrative Assistence Project, the PROUNI Program, the Rede UNIDA movement, the Curricular Guideline Law, Permanent Education in Health and the Activators' course. There is no need to discover the wheel all the time. It can be adapted and start to spin again. Taking a look into the past experiences and into the present needs helps in building a desirable future.


Subject(s)
Humans , Curriculum/trends , Health Education/economics , Health Education/history , Health Education/trends , Health Policy/history , Health Policy/trends , Health Workforce/history , Health Workforce/trends , Primary Health Care , Brazil , Community Medicine/economics , Community Medicine/history , Health Promotion/trends
13.
Rev. bras. educ. méd ; 33(2): 176-185, abr.-jun. 2009. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas), RHS | ID: lil-524239

ABSTRACT

Analisa-se a percepção de participantes do curso de especialização em ativação de processos de mudança na formação superior dos profissionais de saúde quanto à participação no curso. Trata-se de um estudo qualitativo, realizado com egressos do curso residentes no Paraná. A coleta de dados ocorreu de fevereiro a abril de 2007. Trabalhou-se com dados secundários, trabalhos de conclusão de curso (TCC) e dados primários, entrevistas semiestruturadas realizadas com autores de TCC que se caracterizassem como planos de ação. Como se tratava de planos de ação 21 TCC, suas autoras foram entrevistadas. Todos os participantes entrevistados eram do sexo feminino. O curso ajudou a identificar o desconforto vivenciado na realidade das participantes, forneceu ferramentas para a mudança e propiciou a experiência de utilização das mesmas. Entretanto, o curso de ativadores não conseguiu, após seu encerramento, manter a articulação desses novos atores do movimento pró-mudança.


This study analyzes the perceptions of participants in a graduate course on triggering processes of change during the training of health professionals. This was a qualitative study of course alumni residing in the State of Paraná, Braz il. Data were collected from February to April 2007. The secondary data included course monographs, and the primary data were from semi-structured interviews with the authors of monographs, considered as action plans. Twenty-one monographs were considered action plans, and the authors, all females, were interviewed. The course helped identify the discomfort experienced in relation to the participants' reality, provided tools for change, and fostered the actual use of these tools. However, upon conclusion, the course did not succeed in maintaining a link between these new actors and the pro-change movement.


Subject(s)
Humans , Education, Continuing , Health Education , Health Policy , Health Workforce
14.
Espaç. saúde (Online) ; 10(1): 25-33, dez. 2008.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-516425

ABSTRACT

Este ensaio objetiva a reflexão sobre o compromisso do educador e a necessidade do planejamento para a efetivação de mudanças na formação superior na área da saúde. O conflito que inquieta o educador e que o faz refletir, é o mesmo que o transforma e o modifica. O avanço na construção de um novo paradigma no ensino-aprendizagem nasce do conflito trabalhado e superado. A adequação do plano idealizado à realidade vivenciada ocorre por meio do comprometimento dos envolvidos e os diferentes graus de poder e governabilidade. A mudança nasce da indignação com a realidade de educadores comprometidos, passa pelo planejamento das ações e se desenvolve nas ações e reflexões durante a implantação e implementação. Reflexão-ação-reflexão, este é o ciclo que nos move rumo à mudança na formação dos novos profissionais de saúde.


This essay is meant to promote a reflection upon the educator’s commitment and the need forplanning effective changes in higher education within the area of health. The intriguing conflict faced by the educator makes him reflect and, at the same time, changes and transforms him. The advance in the construction of a new teaching and learning paradigm comes from the conflict that is worked upon and overcome. The adequacy of the idealized plan in relation to the experienced reality takes place by the commitment of the stakeholders and by the different degrees of power and governance. Change is born from the indignation of committed educators in face of the reality, goes through planning of actions, and develops in actions and reflections during implantation and implementation. Reflection-action-reflection – this is the cycle that moves us toward change in the formation of new health professionals.


Subject(s)
Education, Higher , Staff Development , Personnel Management
15.
Rev. bras. educ. méd ; 32(2): 160-173, abr.-jun. 2008. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-485362

ABSTRACT

O objetivo deste estudo foi analisar os custos do curso de graduação em Medicina da Universidade Estadual de Londrina. Foi realizado um estudo de caso, prospectivo, com levantamento das horas de dedicação dos professores às atividades acadêmicas e de gerenciamento do curso e número de docentes equivalentes a regime de tempo integral. No levantamento das informações utilizou-se o Cost Construction Model, e a coleta dos dados foi realizada por meio de análise documental e entrevistas. Esta metodologia permite separar custos instrucionais e custos compartilhados, de maneira a deixar claras eventuais diferenças de custo relacionadas ao desenho curricular. Foi realizada a identificação das despesas totais, alocação nas atividades-base, apoio efins, e distribuição das despesas diretas e indiretas por meio do sistema de absorção. Participaram das atividades do curso 222,2 equivalentes a professores de regime de 40 horas. O total de "horas contato" foi de 52.284. As atividades da primeira à quarta série implicaram um custo geral de R$ 855.586,74 e de R$ 1.629,025.93 para os dois anos de internato. Incluindo-se o custo compartilhado equivalente ao curso de Medicina do hospital universitário, o custo total do curso foi estimado em R$ 15.643.660,89, e o custo aluno/ano foi de R$ 31.162,67, o equivalente a US$ 10,633.86. Este valor, apesar de cenários diversos e metodologias de apuração diferentes, está aquém dos custos estimados em universidades estrangeiras ou mesmo brasileiras.


The aim of this prospective case study was to conduct a cost analysis of the Integrated Problem-Based Medical Course of the Health Sciences Center of the State University of Londrina, Brazil, during the fiscal year 2005. This analysis was done in two phases. First, using a Cost Construction Model, the administrative and educational faculty contact hours during all educational activities were identified through analysis of documents and interviews with the teaching body and students. Second, all direct and indirect costs required for supporting the course were added through a Cost Absorption Method done by the Planning and Development Office of the University, which included all shared costs. In 2005 the medical course had 502 medical students enrolled and 284 teachers (222,2 full-time equivalents) were necessary to accomplish all educational and management tasks. For the first four years 18,932 and for the internships (years five and six) 33,352 faculty contact hours were needed. The hours allocated for administrative tasks amounted to 13.173. The estimated cost for the first four years was R$ 855,586.74 and for the internships R$ 1,629,025.93. The administrative costs wereR$ 586,642.21. The share of the University Hospital was ofR$ 12,522,406.00 so that the total cost of the medical course was estimated in R$ 15,643,660.89, which corresponds to R$ 31,162.67 or US$ 10,633.86 (2005/dollar) per student/year. Due to the use of different approaches and diverse scenarios, cost comparisons with other institutions, local or international, are difficult but that could be overcome by using methods like the one used in this case study, where educational costs are established based on the design of the curriculum and separatedfrom other administrative or shared costs.


Subject(s)
Curriculum/trends , Education, Medical , Education, Medical, Undergraduate
16.
Rev. bras. educ. méd ; 32(2): 202-209, abr.-jun. 2008.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-485366

ABSTRACT

A administração universitária, em especial a gestão da escola médica, não é temática reconhecida e valorizada pela comunidade acadêmica. No entanto, o desenvolvimento da formação médica depende, em grande parte, de boas práticas de gestão. Isso é ainda mais relevante quando a escola está imersa em processos de mudança. Este ensaio aborda nove tópicos relacionados à gestão segundo um enfoque crítico/autocrítico: 1. Auto-suficiência médica; 2. Dicotomia acadêmica e administrativa; 3. Aprimazia do bombeiro frente ao estrategista; 4. Educação permanente de docentes; 5. Despreparo para formar e manter equipes de trabalho; 6. Parcerias incompletas; 7. Ensino multiprofissional; 8. Trabalho em rede; 9. Produção teórica. A análise visa contribuir para o sucesso das mudanças na educação médica, para melhores perspectivas de trabalho dos atuais e futuros gestores e para a melhoria das escolas médicas.


University management, and mainly that of the undergraduate medical school, has not been an issue recognized and valued by the academic community. However, medical formation depends largely on good management practices. This turns even more relevant when the school is undergoing changes. This essay addresses nine topics related to management from a critical and self-critical viewpoint: 1. Medical self-sufficiency; 2. The administrative and academic dichotomy; 3. The primacy of last-minute solutions over strategies; 4. Continuing education of teachers; 5. Lack of skills to form and maintain work teams.; 6. Incomplete partnerships; 7. Multi-professional teaching; 8. Networking; 9. Weak theoretic production. This analysis aims at contributing to better perspectives for the medical school and for the work of its current and future managers.


Subject(s)
Education, Medical , Schools, Medical/organization & administration , Health Education , Personnel Management
17.
Rev. bras. educ. méd ; 32(2): 254-263, abr.-jun. 2008. graf, tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-485372

ABSTRACT

O teste de progresso (TPMed) é uma avaliação cognitiva longitudinal com conteúdo final do curso, que tem por finalidade avaliar a instituição e o desempenho cognitivo dos estudantes. Atualmente, tem sido aplicado em diversas escolas médicas no mundo e no Brasil. A Universidade Estadual de Londrina (UEL) implantou esse teste em 1998. Este trabalho apresenta a experiência da UEL na implementação do TPMed como um instrumento de avaliação do curso e alguns resultados desse período: houve aumento na participação dos estudantes para realizar o teste; o desempenho cognitivo dos estudantes apresentou aumento de uma série para outra em cada teste; a média de acertos nas áreas de Clínica Médica foi menor na quinta série, no oitavo e nono TPMed; na Saúde Coletiva, houve alto percentual de acerto nas duas primeiras séries. Tais resultados refletem a estrutura curricular, bem como as potencialidades e fragilidades do curso. O teste de progresso é um bom indicador do processo de auto-avaliação do curso, mas ainda necessita de aprofundamento nos estudos de técnicas de análise dos resultados, para permitir estimar o crescimento cognitivo dos estudantes.


Progress testing is a longitudinal assessment method covering the full cognitive content considered pertinent to the curriculum of undergraduate medical education. Several medical schools in the world and in Brazil have been applying this test. The medical school of the State University of Londrina, Brazil, introduced the test in 1998 in order to evaluate the course and the learning performance of the students. The purpose of this paper was to present the implementation process of progress testing as an evaluation method and some of the results observed during this period. Among these results were increasing participation of students in the test; the students showed progress in their overall medical knowledge in each test, however with lower scores than expected in ethics, public health and internal medicine. These results reflect the structure of the curriculum as well as the strong and weak points of the course. It is concluded that progress testing is a good indicator in the self-assessing process but that further studies into techniques for analyzing the results are necessary to be able to determine the cognitive progress of the students during the course.


Subject(s)
Education, Medical , Educational Measurement , Program Evaluation
18.
Rev. bras. educ. méd ; 31(2): 156-165, maio-ago. 2007. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-460198

ABSTRACT

A aprovação da nova LDB, em 1996, levou à elaboração de Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) baseadas em competências necessárias para os médicos atuarem frente às novas tecnologias e para enfrentarem os desafios do desenvolvimento do SUS. Analisar a implantação das DCN no Paraná, verificando as características da formação dos profissionais de Medicina, foi o objetivo desta publicação específica, que faz parte dos dados coletados numa pesquisa mais ampla, apoiada pelo edital universal do CNPq (Proc. 474.029/2003-04). O estudo foi realizado com uma abordagem qualitativa e análise de conteúdo. Fez-se um levantamento das Instituições de Ensino Superior (IES) que oferecem cursos de Medicina, coletando-se os dados por questionário e pelas informações dos Projetos Político-Pedagógicos (PPP) obtidos, com instrumento baseado em sete eixos das DCN. Dois cursos apresentam grau avançado de implantação das DCN, um mostra iniciativa da implantação de alguns aspectos, e dois outros seguem formatos curriculares bem tradicionais. Os dados obtidos sugerem a existência de uma motivação para a inovação do ensino médico no Paraná, o que se traduz em currículos idealizados com vários princípios inspirados nas DCN.


The approval of the new LDB in 1996 (National Law for Educational Guidelines and Bases) led to the elaboration of the "Diretrizes Curriculares Nacionais-DCN (National Curricular Guidelines) focused on abilities allowing the physician to perform his profession facing up to the new technologies and to the challenges posed by the development of the Unified Health System (SUS). The purpose of this specific article that contributes to the data collected for a broader research project supported by the National Research Council (grant number 474.029/2003-04) was to analyze the implantation of the DCN in Paraná by verifying the characteristics of medical education. The study involved a qualitative approach and content analysis. A survey of university level institutions offering medical courses was performed. Data were collected by means of questionnaires and based on information obtained from the Political Pedagogical Programs (PPP). Two courses presented implantation of the DCN to an advanced degree, one showed initiatives towards implantation of some aspects and two other courses followed quite traditional curricular formats. The obtained data suggest that there is motivation towards the innovation of medial education in Paraná, expressed by curricula inspired by a number of principles contained in the DCN.


Subject(s)
Curriculum , Education, Medical , Health Education
19.
Espaç. saúde (Online) ; 8(2): 26-32, jun. 2007.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-464827

ABSTRACT

Apregoa-se que para o desenvolvimento da autonomia dos sujeitos, são necessárias propostas que provoquem mudanças reais nos indivíduos e na sociedade. Neste sentido, para a construção de novos sentidos e significados sobre o processo saúde-doença, torna-se necessário a elevação da consciência social sobre os problemas de saúde, seus determinantes, bem como a elaboração de alternativas de organização de serviços e de reestruturação das práticas de saúde. Dentro da lógica da potencialização em saúde, considera-se que esta assertiva traz embutida a noção de que o acesso à informação possibilita a instrumentalização de grupos sociais, acabando assim, por ampliar a capacidade de vocalização dos mesmos diante do processo de construção social da saúde. Partindo-se de um referencial teórico, propõe-se a exploração da dimensão conceitual da informação e da dimensão do processo formador da política de comunicação para a saúde. O objetivo deste trabalho firma-se na propagação da valorização da informação para a saúde, como condição processual dos empreendimentos direcionados à formação e ao avanço de uma consciência crítica, considerada como necessária ao exercício da cidadania em saúde.


Subject(s)
Access to Information , Health Education , Health Planning , Information Services
20.
In. Brasil. Ministério da Saúde. Observatório de recursos humanos ou saúde no Brasil: estudos e análises. Rio de Janeiro, FIOCRUZ, 2003. p.105-136, tab, graf.
Monography in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-350340
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL