Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 22
Filter
1.
Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci. (Online) ; 58: e183731, 2021. ilus, tab
Article in English | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1344763

ABSTRACT

This study aimed to verify if the process of artificial insemination (AI) characterized here as animal immobilization, the passage of the semen applicator through the cervix, and deposition of the semen in the uterus, affected cows' welfare. For this, 18 beef calved cows were selected and divided into two groups: inseminated cows (AIG, n = 9), and not inseminated cows, the control group (CG, n = 9). Body condition score, uterus, and ovary evaluation were performed. Later, both groups were submitted into an estrus synchronization protocol and only the AIG group was inseminated. Blood components of urea, creatinine, AST, GGT, CK, glucose, triglycerides, cholesterol, HDL, LDL, VLDL, NEFA, BHB, cortisol, estradiol, progesterone, albumin, and total protein were measured 30 h before AI, and 4, 24, 48 and 168 h after AI. Statistical differences were considered when P <0.05. No differences between AIG and CG were observed. On the other hand, when the moment of insemination was evaluated, differences were observed for urea, creatinine, AST, GGT, CK, glucose, triglycerides, NEFA, BHB, albumin, and total protein. There was an oscillation of metabolic profiles depending on the time and procedures to which animals were exposed, even though it could be inferred that the AI process was incapable of altering those metabolic components on animals that were inseminated. Still, we can affirm that artificial insemination cannot be categorized as a negative reproduction tool on animal welfare. However, the containment and management procedures for AI may alter the metabolic profile of cows, especially the increase of CK.(AU)


O objetivo deste estudo foi verificar se o processo de inseminação artificial (IA) caracterizado como imobilização do animal, passagem do aplicador de sêmen pelo colo do útero e deposição do sêmen no útero, afetou o bem-estar de bovinos. Para tanto, foram selecionadas 18 vacas de corte paridas, divididas em dois grupos: grupo de animais inseminados (AIG, n = 9) e grupo de animais não inseminados, grupo controle (GC, n = 9). Foram avaliados o escore de condição corporal, útero e ovário. Posteriormente, ambos os grupos foram submetidos a um protocolo de sincronização de cio e apenas o grupo AIG foi inseminado. Componentes metabólicos como ureia, creatinina, AST, GGT, CK, glicose, triglicerídeos, colesterol, HDL, LDL, VLDL, NEFA, BHB, cortisol, estradiol, progesterona, albumina e proteína total foram mensurados 30 horas antes da IA e 4, 24, 48 e 168 horas após a IA. Diferenças estatísticas foram consideradas quando P <0,05. Não foram observadas diferenças entre os dois grupos, por outro lado, quando o momento da inseminação foi avaliado, diferenças foram observadas para ureia, creatinina, AST, GGT, CK, glicose, triglicerídeos, NEFA, BHB, albumina e proteína total. Houve uma variação dos perfis metabólicos em função do tempo e dos procedimentos que os animais foram submetidos, embora pode-se inferir que o processo de IA não foi capaz de alterar esses componentes metabólicos os animais inseminados. Ainda assim, observou-se que o processo de IA não foi categorizado como uma ferramenta negativa de reprodução com relação ao bem-estar animal. Porém, ainda assim, os procedimentos de contenção e manejo da IA podem alterar o perfil metabólico das vacas, principalmente o aumento da CK.(AU)


Subject(s)
Animals , Female , Cattle , Animal Welfare , Cattle/embryology , Insemination, Artificial/veterinary , Human-Animal Interaction , Metabolism
2.
Ciênc. rural (Online) ; 51(7): e20200627, 2021. tab
Article in English | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1249540

ABSTRACT

ABSTRACT: This study evaluated the viability of Nellore cloned calves derived from somatic cell nuclear transfer (SCNT) and compare their viability with animals of the same breed derived from in vitro fertilization (IVF). Thus, two groups were formed. Group I (GI) consisted of 10 calves derived from SCNT and group II (GII) consisted of 10 calves derived from IVF. The differences detected between the groups were in the physical examination of the respiratory tract in GI, which represented the most common clinical-pathological disturbances. The Apgar index score indicated that 80% of GI animals were depressed and all had pale mucous membranes. Thus, anemia was reported in GI. In GII, this started at 12 h of life and was probably caused by an iron deficiency. Moreover, total calcium and ionized calcium levels were higher in GI immediately after birth. These alterations probably resulted in a high incidence of mortality in GI, reaching 90% of the calves, whereas mortality was only 20% for the calves in GII. In conclusion, cloned calves, which were derived from SCNT, had physiological and metabolic alterations after delivery, leading to a higher mortality rate during the perinatal period.


RESUMO: O objetivo deste trabalho foi avaliar a viabilidade de bezerros da raça Nelore oriundos da técnica da transferência nuclear de células somáticas (TNCS), no período pós natal imediato, comparando-a com animais desta mesma raça, oriundos de fertilização in vitro (FIV). Para tanto, os animais foram alocados em dois grupos, a saber: Grupo I (GI) - 10 animais frutos de TNCS; e, Grupo II (GII) - 10 animais oriundos de FIV. Nos respectivos bezerros, todos obtidos por cesariana, foram realizadas as avaliações físicas, escore de APGAR, bem como coleta de amostras de sangue nos momentos 0 (ao nascimento), às 2, 4, 6 e 12 horas de vida, a fim de avaliar os resultados de eritrograma, análises bioquímicas e hormonais, comparando-os entre os grupos e momentos. Nos animais que vieram a óbito foi realizada a necropsia para investigar a causa mortis. As diferenças observadas foram em relação aos achados clínico-patológicos, envolvendo, principalmente, o sistema respiratório caracterizado por bradpneia associada à dispneia, e a presença de edema e atelectasia pulmonar observadas no GI. Ademais, após a colostragem notou-se que 80% dos animais avaliados não foram capazes de manter a glicemia sendo mais evidentes nos animais do GII, possivelmente devido à hiperinsulinemia que se manifestou neste grupo ao longo de todo o período experimental. A anemia após o nascimento foi evidente no grupo de bezerros clonados ao longo de todo período de avaliação ao contrário dos bezerros oriundos de GII, a qual foi observada somente às 12 horas de vida, sendo, possivelmente, de origem ferropriva. Casos de hipercalcemia foram denotados nos animais do GI ao nascimento, sendo possivelmente associados à asfixia perinatal. Estas alterações, em conjunto, levaram a uma taxa de mortalidade de 90% dos animais do GI e de 20% dos bezerros do GII. Conclui-se que os animais oriundos da TNCS apresentam alterações fisiológicas e metabólicas após o nascimento, responsáveis, em grande parte, pela maior taxa de óbitos dentro do período perinatal.

3.
Arq. Inst. Biol ; 84: e0082016, 2017. ilus
Article in English | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-981752

ABSTRACT

The citrus pulp can be used as a substitute in ruminant feed reducing costs and maintaining the nutritional quality of food. However, this compound should be used carefully so as not to cause harm to the animals. The present report aims to describe the occurrence of dental erosion, actinomycosis and polioencephalomalacia in sheep raised and kept with a wet low pectin citrus pulp based diet, composing 50% of roughage. Actinomycosis was diagnosed in five animals through clinical and radiographic examinations and microbiological culture, and, after treatment, three animals were cured. Polioencephalomalacia was confirmed in ten animals by clinical diagnostics, in nine out of ten animals by therapeutic diagnosis, and in one animal by post-mortem anatomopathological examination. According to the observed, we recommend caution when large amounts of citrus pulp are used as bulky food.(AU)


A polpa cítrica está entre os produtos que podem ser utilizados como substitutos na alimentação de ruminantes, diminuindo os gastos e mantendo a qualidade nutricional do alimento fornecido aos animais, porém, esses alimentos devem ser utilizados de forma que não tragam malefícios. Assim, o presente relato visa apresentar a ocorrência de erosão dentária, actinomicose e polioencefalomalácia em ovinos criados e mantidos recebendo alimentação à base de polpa cítrica úmida despectinada na concentração de 50% do volumoso. A actinomicose foi diagnosticada em cinco animais por meio de exame clínico, radiográfico e cultivo microbiológico, e após tratamento três animais foram curados. Já a polioencefalomalácia foi confirmada em dez animais pelos sintomas manifestados, eficiência da terapia instituída em nove animais e exame anatomopatológico de um animal que veio a óbito. De acordo com o observado, deve-se ter cuidado ao utilizar grande quantidade de polpa cítrica úmida como volumoso.(AU)


Subject(s)
Animals , Tooth Erosion , Ruminants , Actinomycosis , Sheep , Citrus , Animal Feed
4.
Ciênc. rural ; 44(9): 1651-1657, 09/2014. graf
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-725376

ABSTRACT

Com o objetivo de avaliar a influência da retenção de placenta (RP) no proteinograma de fêmeas bovinas da raça Holandesa, de propriedades comerciais, foram utilizadas 129 vacas com RP e 145 vacas com parto e pós-parto fisiológicos e sem nenhum tratamento no período avaliado. As amostras de sangue foram divididas nos momentos: 1odia pós-parto (DPP), 2o-3o, 4o-5o, 6o-7o, 8o-14o, 15o-29o, 30o-59o e 60o-90o DPP. O fracionamento das proteínas foi realizado por eletroforese em fita de acetato de celulose e em gel de poliacrilamida, contendo dodecil sulfato de sódio (SDS-PAGE), nas quais se avaliou o comportamento de 19 bandas proteicas identificadas pelos respectivos pesos moleculares, que variaram entre 23KDa e 187KDa. Não houve influência da RP na proteína sérica total e gamaglobulinas. A albumina sérica permaneceu abaixo dos valores de referência até os 90DPP nos animais com RP. Concluiu-se que vacas Holandesas com RP apresentam um quadro de normoproteinemia com hipoalbuminemia e aumento das frações alfaglobulinas e betaglobulinas até os 90DPP, presença de resposta inflamatória de fase aguda positiva pelo significativo aumento de haptoglobina, ceruloplasmina, glicoproteína ácida, e de fase aguda negativa pela diminuição de albumina na primeira semana pós-parto.


The aim of this study was to evaluate the influence of retained placenta on the proteinogram of Holstein cows from commercial dairy farms. Blood samples were collected from 129 animals with retained placenta (RP) and 145 animals with normal delivery and postpartum period, without any treatment, on following days: 1 st day in milk (DIM), 2 nd -3 th , 4 th -5 th , 6 th -7 th , 8 th -14 th , 15 th -29 th , 30 th -59 th and 60 th -90 th DIM were analyzed. Protein electrophoresis were performed in acetate cellulose and sodium dodecyl sulfate polyacrilamide gel (SDS-PAGE), where 19 protein bands were observed with molecular weights between 23KDa and 187KDa. There was no influence on serum total protein and gamma globulins. Serum albumin remained below the normal reference values up to 90DIM. In conclusion, Holstein cows with RP have normoproteinemia with hypoalbuminemia up to 90DIM, presence of positive acute phase response by increase of haptoglobin, ceruloplasmin, acid glycoprotein, alpha and beta globulins and negative acute phase response by decreased of albumin within the first week postpartum.

5.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 50(4): 286-293, 2013. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-707827

ABSTRACT

Foi realizado o estudo retrospectivo das afecções do sistema locomotor de ruminantes atendidos no Serviço de Clínica de Bovinos e Pequenos Ruminantes da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo (FMVZ-USP), no período de 2000 a 2012. Nesse período, foram atendidos 209 casos de animais com problemas lo- comotores, dos quais 62,7% localizados na região distal dos membros e 37,3% na região proximal. Na espécie bovina, com 121 (57,9%) casos atendidos, o comprometimento da região distal dos membros foi observado em 86 (71,07%) e da região proximal em 35 (28,93%) dos casos, respectivamente. A afecção mais frequente observada em bovinos foi a hiperplasia interdigital com 26,74% (23) dos casos atendidos. Entre as afecções na região proximal, houve maior ocor- rência de fraturas, com 48,6% (17) dos casos. Foram atendidos 88 (42,1%) pequenos ruminantes, apresentando lesões na região distal em 51,1% (45) dos casos e 48,9% (43) com lesões na região proximal. Nessas espécies, as lesões de maior ocorrência nas regiões distais e proximais foram, respectivamente, o foot-rot (60%) e as fraturas (77,4%). As afecções do sistema locomotor dos ruminantes foram pouco frequentes entre os animais atendidos no período estudado. Quanto ao prognóstico, foi bom nos animais acometidos com doenças podais, diferentemente das afecções proximais dos bovinos, principalmente fraturas, que apresentaram prognóstico mau.


This study aimed to perform a retrospective study of ruminants attended at the Clinic for Cattle and Small Ruminants (CBPR) of the Faculty of Veterinary Medicine (FMVZ), University of São Paulo (USP) with locomotor diseases from 2000 to 2012. During this period 209 cases were treated. It was found that cases located in the distal limb and in the proximal region were 62.7% and 33.7%, respectively. In bovines, 121 (57.9%) cases were treated, with 86 (71.07%) cases presented in the distal limb and 35 (28.93%) cases in the proximal region. The most common disease was interdigital hyperplasia with 23 (26.74%) cases treated. Fractures were the most frequent disease related to the proximal regioncorresponding to 17 (48.6%) occurrences. In small ruminants, 88 animals (42.1%) were treated with 45 (51.1%) cases in the distal region and the other 43 (48.9%) in the proximal region. In these species, the foot-rot (60%) and fractures (77.4%) was the most common diseases found in the distal and the proximal region, respectively. The disorders of the locomotor system of ruminants were uncommon in the CBPR. While the affected animals with claw diseases have a good prognosis, disorders affecting the upper limb in cattle, mainly fracture, have a poor prognosis.


Subject(s)
Animals , Cattle , Hoof and Claw/anatomy & histology , Sheep , Ruminants
6.
Biosci. j. (Online) ; 28(5): 805-809, sept./oct 2012. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-914322

ABSTRACT

Com intuito de avaliar a variação dos constituintes do eritrograma em fêmeas bovinas da raça Holandesa no pós-parto, foram colhidas 142 amostras de sangue nos primeiros 90 dias pós-parto. As amostras foram colhidas de vacas clinicamente sadias e não reagentes ao antígeno (GP 51) do vírus da Leucose dos Bovinos, divididas em nove grupos experimentais, de acordo com o momento da colheita. As amostras de sangue foram colhidas em frascos contendo EDTA e realizaram-se as provas: contagem do número de hemácias, determinação do volume globular, dosagem de hemoglobina e o cálculo dos índices hematimétricos (VCM, HCM, CHCM). O eritrograma variou no período pós-parto e estas alterações foram observadas nas primeiras 24h pós-parto. A hemoconcentração observada no parto desapareceu nas primeiras 24 horas de puerpério. Os valores oscilaram entre: hemácias, 5,08 ± 0,60 e 6,11 ± 0,72 hemácias /µL; taxa de hemoglobina, 9,85 ± 1,16 e 11,46 ± 1,40 g/dL; volume globular, 27,9 ± 3,3 e 31,9 ± 3,6 %; VCM, 50,10 ± 5,90 e 55,27 ± 6,88 fL; HCM, 18,19 ± 1,63 e 19,50 ± 2,76 pg; CHCM, 34,83 ± 2,07 e 36,88 ± 1,67 %. Os constituintes do eritrograma permaneceram dentro dos limites de referência das raças de bovinos criadas no Estado de São Paulo.


With the intention to evaluate the erythrogram profile during postpartum period in Holstein cows, 142 blood samples were collected from cows during the first 90 days after parturition. Blood samples were collected from clinically healthy cows that were non-reactive to the antigen of bovine leukosis virus (GP 51). These animals were divided into nine experimental groups based on the time of the postpartum sample collection. The blood samples were collected with EDTA and submitted to the following tests: erythrocyte counts, packed cell volume, hemoglobin concentration and calculated blood indices (MCV, MCH, MCHC). There was influence of the postpartum period on the erythrogram. These alterations were observed during the first 24 h after parturition. The hemoconcentration observed during the parturition disappeared during the first 24h of postpartum. Variation of the values were observed: red blood, 5.08 ± 0.60 and 6.11 ± 0.72 cells /µL; hemoglobin concentration, 9.85 ± 1.6 and 11.46 ± 1,40 g/dL; packed cell volume, 27.9 ± 3.3 and 31.9 ± 3.6 %; MVC, 50.10 ± 5.90 and 55.27 ± 6.88 fL; MHC, 18.19 ± 1.63 and 19.50 ± 2.76 pg; MCHC, 34.83 ± 2.07 and 36.88 ± 1.67 %. The values of the hematological components obtained in this study did not exceed the limits of the reference values, obtained from cows raised within the state of São Paulo.


Subject(s)
Cattle , Postpartum Period , Hematology
7.
Acta cir. bras ; 25(5): 416-422, Sept.-Oct. 2010. ilus
Article in English | LILACS, SES-SP | ID: lil-558727

ABSTRACT

PURPOSE: Evaluate the bone tissue recovery following transplantation of ovine mesenchymal stem cells (MSC) from bone marrow and human immature dental-pulp stem cells (hIDPSC) in ovine model of induced osteonecrosis of femoral head (ONFH). METHODS: Eight sheep were divided in three experimental groups. First group was composed by four animals with ONFH induced by ethanol through central decompression (CD), for control group without any treatment. The second and third group were compose by two animals, six weeks after ONFH induction received transplantation of heterologous ovine MSC (CD + oMSC), and hIDPSC (CD + hIDPSC), respectively. In both experiments the cells were transplanted without application of any type of immunosupression protocol. RESULTS: Our data indicate that both cell types used in experiments were able to proliferate within injured site providing bone tissue recovery. The histological results obtained from CD+hIDPSC suggested that the bone regeneration in such animals was better than that observed in CD animals. CONCLUSION: Mesenchymal stem cell transplant in induced ovine osteonecrosis of femoral head by central decompression technique is safe, and apparently favors bone regeneration of damaged tissues.


OBJETIVO: Verificar os efeitos das células-tronco mesenquimais da medula óssea de ovinos e da polpa dentária imatura humana em ovinos com osteonecrose induzida, da cabeça do fêmur. MÉTODOS: Oito ovelhas foram distribuídas em três grupos experimentais. O primeiro grupo foi composto por quatro animais com osteonecrose da cabeça do fêmur induzida por etanol através da descompressão central, que não receberam nenhum tratamento. O segundo e o terceiro grupo, cada um composto por dois animais, receberam transplante heterólogo de células tronco mesenquimais de ovinos e polpa dentária imatura humana seis semanas após a indução da osteonecrose da cabeça do fêmur, respectivamente. Em ambos os grupos experimentais as células foram transplantadas sem o uso de drogas imunossupressoras. RESULTADOS: Os achados demonstram que as células-tronco mesenquimais injetadas na cabeça do fêmur se encontravam viáveis após o transplante no novo sítio e proliferaram em pouco tempo. Os dados histológicos sugerem que a regeneração óssea nos animais transplantados com polpa dentária imatura humana foi mais rápida do que nos animais submetidos somente a descompressão central. CONCLUSÃO: O transplante de células tronco mesenquimais na osteonecrose da cabeça do fêmur induzida em ovinos através da técnica de descompressão central é um procedimento seguro, e aparentemente favorece a regeneração óssea de tecidos lesados.


Subject(s)
Animals , Humans , Dental Pulp/transplantation , Femur Head Necrosis/surgery , Mesenchymal Stem Cell Transplantation , Biocompatible Materials/adverse effects , Disease Models, Animal , Mesenchymal Stem Cell Transplantation/adverse effects , Random Allocation , Sheep , Transplantation, Heterologous
8.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 46(1): 5-10, 2009. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-536949

ABSTRACT

Com o objetivo de avaliar a influência do puerpério fisiológico e da fase pós-puerperal no lipidograma de vacas sadias foram colhidas 104 amostras de sangue por punção da veia coccígea de fêmeas da raça Holandesa criadas no Estado de São Paulo. O lipidograma foi avaliado pela determinação dos teores séricos de colesterol, triglicérides, ácidos graxos não esterificados, beta-hidroxibutirato, e teores plasmáticos de glicose. Observou-se que os teores séricos de colesterol aumentaram gradativamente, enquanto os teores de ácidos graxos não esterificados diminuíram gradativamente com a evolução do puerpério. Na fase pós-puerperal (mais de 45 dias pós-parto) ocorreu a estabilização dos valores de colesterol e de ácidos graxos não esterificados.


Aiming to assess the influence of physiological puerperium and post puerperal phase on the lipid profile of health cows 104 blood sampleswere collected by coccygeal vein puncture of Holstein cows raised inthe State of São Paulo. Lipid profile assessment was measured byserum levels of cholesterol, triglycerides, nonesterified fatty acids, âhydroxybutyrate and plasma glucose level. With regard to puerperiumand post-puerperal phase influence on the lipid profile, gradual increaseof serum cholesterol level and decrease of nonesterified fatty acidswere observed with puerperal evolution. The values of cholesterol and nonsterified fatty acids were stabilized during post-puerperal phase(greater than 45 day postparturm).


Subject(s)
Animals , Fatty Acids/analysis , Blood Chemical Analysis/methods , Cattle , Cholesterol/analysis
9.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 46(5): 355-362, 2009. tab, graf
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-538427

ABSTRACT

Com a finalidade de estabelecer os valores de referência dos teores de proteína, gordura e sólidos totais do leite de bovinos da raça Jersey,criados no Estado de São Paulo, durante o primeiro mês de lactação,bem como avaliar a influência da fase colostral, examinaram-se 418 amostras de leite, provenientes de quartos mamários sadios e sem crescimento bacteriano. O leite foi colhido assepticamente antes da ordenha e os valores de proteína, gordura e sólidos totais foram determinados por radiação infra vermelho. Os teores de proteína na secreção láctea diminuíram abruptamente do 1º para o 2º dia de lactação,enquanto os teores de sólidos totais diminuíram abruptamente nas primeiras 24 horas após o parto. Após oscilaram muito nos primeiros três dias de lactação, observou-se que os valores de gordura diminuíam atingindo os valores mínimos entre o 15º e 30º dia de lactação. Sugere-se nas primeiras 24 horas de lactação (período colostral) a adoção dos seguintes valores de referência: proteína - entre 7,35 e 11,45 g/dL;gordura – 0,98 e 2,00 g/dL; e sólidos totais - entre 12,39 e 19,45 g/dL


With the aim to establish reference values of the protein, fat and total solids of milk from Jersey cows, raised in the State of São Paulo, during the first month of lactation, as well as to evaluate the influence of the colostral phase, 418 milk samples, obtained from healthy mammary glands without bacterial growth, were analized. Milk samples were aseptically collected before milking and protein, fat and total solids determined by infrared radiation. The milk protein level decrease from first to second day of lactation, while milk total solids level decreased during the first 24 hours after parturition. Milk fat level oscillated in the first 3 days of lactation and then decreased to the minimum values between 15-30 days of lactation. We suggest, forthe first 24 hours of lactation (colostral phase) the use of the following reference values: protein- between 7,35 and 11,45 g/dl; fat- between 0,98 and 2,00 g/dl ; total solids – between 12,39 and 19,45 g/dl


Subject(s)
Animals , Female , Cattle , Lactation/physiology , Milk/chemistry , Milk Proteins/analysis , Total Solids/analysis , Brazil , Lactation/metabolism , Milk/metabolism
10.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 45(6)2008. tab, ilus
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-510887

ABSTRACT

Com a finalidade de estabelecer os valores de referência da contagem de células somáticas do leite de bovinos da raça Jersey, criados no Estado de São Paulo, durante o primeiro mês de lactação, bem como avaliar a influência da fase colostral, examinaram-se 418 amostras de leite, provenientes de quartos mamários sadios e sem crescimento bacteriano. O leite foi colhido assepticamente antes da ordenha e a contagem de células somáticas foi determinada por citometria de fluxo e pelo Teste do CMT. Demonstrou-se a significativa influência do primeiro mês de da lactação sobre a contagem de células. Verificou-se que a transição da secreção de colostro para leite em relação ao número de células somáticas está finalizado a partir do 15º dia de lactação, sendo recomendado a adoção dos seguintes valores de referência: no colostro, obtidos nas primeiras 24 horas de lactação entre 472.405 e 2.003.921 células/ml, no período compreendido do 2º ao 15º dia de lactação valores entre 103.920 e 1.298.361 células/ml e a partir do 15º dia de lactação entre 37.714 e 205.549 células/ml.


With the aim to establish reference values of the number somatic cell of milk from Jersey cows, raised in the State of São Paulo, during the first month of lactation, as well as to evaluate the influence of the colostral phase, 418 milk samples were examined obtained from healthy mammary glands without bacterial growth. Milk samples were collected aseptically before milking and number somatic cell determined by electronic counting and by California Mastitis Test. was demonstrated the significant influence the somatic cells in the first month of lactation. It was found that the transition of the colostrum secretion for milk in respect to somatic cells count have been finished in the 15º day of lactation, being recommended the adoption of the following reference values: in the colostrum, getting in the first of 24 hours of lactation between 472.405 and 2.003.921cells/ml, in the understood period from 2º until 15º day of lactation values between 103.920 and 1.298.361 cells/ml and starting from 15 day of lactation between 37.714 and 205.549 cells/ml.


Subject(s)
Animals , Cattle , Cell Count/methods , Lactation , Milk/adverse effects
11.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 43(5): 588-597, 2006. tab, graf
Article in Portuguese | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1470967

ABSTRACT

Para avaliar a influência do período pós-parto sobre os constituintes do leucograma de fêmeas bovinas da raça Holandesa, foram colhidas142 amostras de sangue nos primeiros 90 dias pós-parto. As amostras foram colhidas de vacas clinicamente sadias e não reagentes ao antígeno (GP 51) do vírus da Leucose dos Bovinos, divididas em 9 grupos experimentais, de acordo com o momento da colheita. Nas amostrasde sangue foi realizada a contagem do número total de leucócitos e contagem diferencial de leucócitos. Durante todo o período estudado o quadro leucocitário foi predominantemente linfocitário, sendo nas primeiras 24 horas após aparição observado uma leucocitose fisiológicapor neutrofilia com desvio à esquerda regenerativo, linfocitose e eosinopenia. Na primeira semana após o parto ocorreu a diminuição gradual do número de leucócitos, devido à redução do número absoluto de neutrófilos e linfócitos, sendo que exceção feita ao número absoluto de eosinófilos, nas amostras colhidas entre 6 – 8 dias após o parto os valores já estavam nos patamares observados nos animais fora do puerpério. Os valores de referência na primeira semana de puerpério variaram: entre 18.977 ± 5.644 e 12.247 ± 5.058 leucócitos/mm³; 8.453 ± 2.956 e 4.376 ± 4.139 neutrófilos /mm³ (532 ± 547 e 88± 174 neutófilos bastonete /mm³; 7.920 ± 2.689 e 4.289 ± 4.039 neutrófilos segmentado /mm³); 334 ± 387 e 225 ± 298 eosinófilos/mm³; 50 ± 128 e 23± 45 basófilos /mm³; 10.004 ± 4.901 e 7.595 ± 3.127 linfócitos/mm³; 121± 178 e 21 ± 85 monócitos/mm³.


With the purpose to evaluate the influence of postpartum period onthe values of the leucogram of Holstein cows, 142 blood sampleswere collected from cows during the first 90 days after parturition. Blood samples were collected from clinically healthy cows that werenon-reactive to the antigen of bovine leukosis virus (GP 51). Theseanimals were divided into 9 experimental groups based on the timeof the postpartum sample collection. In the blood samples the following tests were done: counting of the total and differential number of leukocytes. During the entire study period, the leukocyteprofile was predominantly lymphocytic, having a physiologicleukocytosis due to neutrophilia associated with a left regenerative shift, lymphocytosis, and eosinophilia during the first 24 h afterparturition. During the first week after parturition, there was a gradual decrease in the number of leukocytes due to an absolute reduction inthe total number of neutrophils and lymphocytes. An exception was observed with the absolute number of eosinophils from the samples collected between 6 - 8 days postpartum, the values of these variables were similar to those animals that had already completed puerperium. During the first week of puerperium the values reference range between18,977 ± 5,644 and 12,247 ± 5,058 leukocytes/mm³; 8,453 ± 2,956and 4,376 ± 4,139 neutrophils/mm³ (532 ± 547 and 88 ± 174 bandneutrophils/mm³; 7,920 ± 2,689 and 4,289 ± 4,039 segmentedneutrophils /mm³); 334 ± 387 and 225 ± 298 eosinophils/mm³; 50± 128 and 23 ± 45 basophils/mm³; 10,004 ± 4,901 and 7,595 ±3,127 lymphocytes/mm³; 121 ± 178 and 21 ± 85 monocytes/mm³.


Subject(s)
Cattle
12.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 42(3): 171-179, 2005. graf
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-433181

ABSTRACT

Determinou-se a prevalência de infecção pelo vírus da Leucose Enzoótica dos Bovinos (LEB) em animais criados na bacia leiteira de cinco micro-regiões do Estado da Bahia, comparando a eficiência de três provas sorológicas para detecção de anticorpos anti- Virus da LEB: Teste ELISA, prova de Imunodifusão IDGA / gp 51 importado e a IDGA / gp 51 produzido pelo Instituto de Tecnologia do Paraná - TECPAR. Foram utilizados bovinos de 13 propriedades, totalizando 796 animais. A infecção pelo VLB foi detectada em todos os rebanhos, com taxa de prevalência de 41,0%, com variação de 6,3% (4/64) a 65,8% (25/38). Os bovinos foram estratificados em seis grupos etários: a) de dois a seis meses; b) de 7 a 12 meses; c) de 13 a 24 meses; d) entre 25 e 48 meses; e) de 49 a 72 meses; f) com mais de 72 meses de idade, observando-se que os índices de infecção aumentaram significativamente com o desenvolvimento etário e os resultados foram, respectivamente: 8,8%; 16,9%; 17,7%; 50,8%; 54,4% e 56,5%. Em 434 amostras avaliou-se comparativamente a eficiência das três provas sorológicas, considerando-se o Teste ELISA como padrão. Na comparação entre a prova ELISA e o Teste de IDGA / gp 51 importado a sensibilidade foi de 85% e especificidade de 80%, com valor preditivo positivo (VPP) de 63% e o valor preditivo negativo (VPN) de 93%, sendo a concordância igual a 81%. O estudo comparativo do teste ELISA e IDGA / gp 51 - TECPAR apresentou sensibilidade igual a 82% e a especificidade 93%, com VPP de associação igual a 79% e o VPN de 93% , sendo a concordância igual a 85%. Os resultados dos estudos comparativos sugerem IDGA com antígeno de procedência nacional suficientemente eficiente para a sua utilização.


Subject(s)
Antibodies/isolation & purification , Cattle , Enzyme-Linked Immunosorbent Assay , Immunodiffusion/methods , Enzootic Bovine Leukosis/epidemiology
13.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 42(5): 347-356, 2005. tab, graf
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-433204

ABSTRACT

Com o objetivo de avaliar a influência da parição e do puerpério no leucograma de caprinos da raça Saanen foram colhidas 360 amostras de sangue de 20 cabras, sendo os resultados apresentados em 18 grupos experimentais: 32, 16,8,4,3,2, 1 e ½ dias antes do parto, imediatamente após aparição, ½, 1,2,3,4,8,16,32 e 64 dias após o parto. Nas amostras de sangue colhidas em frascos contendo EDTA, foram realizadas as seguintes provas: contagem do número total de leucócitos, em câmara de Neubauer modificada, utilizando-se o liquído de Thoma como diluidor e contagem diferencial de leucócitos, efetuada em esfregaços sangüíneos, corados pelo método de Rosenfeld. A avaliação dos resultados obtidos demonstrou que o leucograma sofreu influência da parição e do puerpério, sendo que durante todo o experimento o quadro leucocitário foi predominantemente neutrofilico. Nos últimos três dias de gestação observou-se gradual aumento do número de leucócitos, em decorrência das variações observadas no número de neutrófilos. No momento do parto o leucograma era caracterizado por leucocitose devido à neutrofilia associado a linfopenia. Nas primeiras 24 horas após o parto foi observado a existência de leucocitose por neutrofilia que desapereceu nos dias subseqüentes, passando o quadro leucocitário a assemelhar-se entre o 2° e 64° dia após o parto àquele observado na fase final da gestação.


Subject(s)
Animals , Leukocyte Count/methods , Goats , Parturition/blood , Postpartum Period/blood
14.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 41(5): 306-312, set.-out. 2004. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-404975

ABSTRACT

Para avaliar a influência de fatores raciais sobre a função hepática de bovinos foram colhidas 134 amostras de sangue, sendo 67 animais da raça Jersey e 67 da raça Holandesa, criados em São Paulo. No soro sangüíneo realizaram-se as seguintes determinações: proteinograma; atividade enzimática da aspartato aminotransferase (AST), gama glutamiltransferase (GGT), bilirrubinas indireta, direta e total. A avaliação do proteinograma demonstrou a influência dos fatores raciais, pois os valores médios da proteína total dos bovinos da raça Jersey (6,37±0,90 g/dl) foram menores do que os animais da raça Holandesa (6,82±0,97 g/dl).Essas variações foram decorrentes as frações protéicas que correspondem as globulinas, sendo os teores médios obtidos para bovinos da raça Jersey (3,13 ± 0,81g/dl) menores do que os encontrados para bovinos da raça Holandesa (3,73 ± 0,99 g/dl). Os valores das alfa-, beta- e gama-globulinas obtidos nos animais da raça Jersey (iguais a 0,89±0,14 g/dl; 0,71±0,14 g/dl; 2,03±0,38 g/dl) foram menores do que os encontrados para bovinos da raça Holandesa (iguais a 1,00±0,16 g/dl; 0,76±0,15 g/dl; 2,20±0,45 g/dl). A avaliação da atividade enzimática revelou a influência dos fatores raciais nos resultados da AST, sendo os valores dos bovinos Jersey (49,27±17,87 U/l) maiores do que os da raça Holandesa (34,76±10,61 U/l), enquanto para a GGT não foram observadas diferenças significativas entre os resultados da raça Jersey (19,46±33,11 U/l) e da raça Holandesa (19,08±33,26 U/l). A avaliação dos teores séricos de bilirrubinas evidenciou variações sob influência racial para os teores de bilirrubinas indireta e total, sendo os valores obtidos para a raça Jersey (0,40±0,33 mg/dl de bilirrubina indireta e 0,44±0,33 mg/dl de bilirrubina total) maiores do que os observados para a raça Holandesa (0,22±0,19 mg/dl de bilirrubina indireta e 0,25±0,19 mg/dl de bilirrubina total).


Subject(s)
Animals , Cattle , Aspartate Aminotransferases , Bilirubin , gamma-Glutamyltransferase , Liver Function Tests
15.
Braz. j. microbiol ; 34(supl.1): 76-78, Nov. 2003. ilus, tab
Article in English | LILACS-Express | LILACS, SES-SP | ID: lil-389993

ABSTRACT

Neste estudo detectou-se DNA de BPV-1 em: verruga, sangue e plasma de animais afetados por papilomatose. Estes resultados trazem evidências sobre possível localização intracelular do BPV-1 no sangue. Avaliamos um animal afetado por papilomatose e positivo para BPV-1 em amostras de verruga, sangue, placenta e líquido amniótico e que teve sua cria recém-nascida também positiva para BPV-1 no sangue. Estes resultados indicam possível transmissão vertical do BPV-1.

16.
Article in English | LILACS-Express | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1469488

ABSTRACT

This study has detected BPV-1 DNA sequences in wart, blood and plasma samples collected from animals affected by papillomatosis, suggesting viral presence inside the cell. We sellected an animal in which we could detect BPV-1 DNA sequences in wart, blood, placenta and amniotic liquid samples and her offspring which presented BPV-1 DNA sequences in blood sample collected immediately after birth. These results show a possible vertical transmission of BPV-1.


Neste estudo detectou-se DNA de BPV-1 em: verruga, sangue e plasma de animais afetados por papilomatose. Estes resultados trazem evidências sobre possível localização intracelular do BPV-1 no sangue. Avaliamos um animal afetado por papilomatose e positivo para BPV-1 em amostras de verruga, sangue, placenta e líquido amniótico e que teve sua cria recém-nascida também positiva para BPV-1 no sangue. Estes resultados indicam possível transmissão vertical do BPV-1.

17.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 40(supl.1): 14-19, 2003. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-512862

ABSTRACT

Com o objetivo de avaliar a influência da parição e do puerpério sobre o eritrograma de caprinos da raça Saanen foram colhidas 360 amostras de sangue de 20 cabras, sendo os resultados apresentados em 18 momentos do puerpério: 32, 16, 8, 4, 3, 2, 1 e ® dias antes do parto, imediatamentee após a parição, ®, 1, 2, 3, 4, 8, 16, 32 e 64 dias após o parto.Nas amostras de sangue colhidas em frascos contendo EDTA, foram realizadas as seguintes determinações: contagem do número de hemácias, em câmara de Neubauer modificada, utilizando-se o líquido de Gower como diluidor; determinação do volume globular, pelo método do microhematócrito; dosagem da taxa de hemoglobina, pelo método da cianometahemoglobina e cálculo dos índices hematimétricos absolutos (VCM, HCM, CHCM). A avaliação dos resultados obtidos demonstrou que o eritrograma não sofreu influência da parição e do puerpério.


Aimine at evaluating the influence of parturition and puerperium on the erythrogram of Saanen goats (Capra hircus) 360 blood samples were collected from 20 goats on 18 different moments, as described as described: 32, 16, 8, 4, 3, 2, 1 and ® days before parturition, immediately after parturition, ®, 1, 2, 3, 4, 8, 16, 32 and 64 days after parturition. The blood samples were collected with EDTA and submitted to the following tests: erythrocyte counts (at the modified Neubauer hemocytometer, using Gower's liquid as a dilute); packed cell volume (using the microhematocrit method); hemoglobin concentration (using cyanmethemoglobin method); calculated blood indices: MCV - mean corpuscular volume; MCH - mean corpuscular hemoglobin; MCHC - mean corpuscular hemoglobin concentration. The evaluation of the erythrogram did not show any significant variation that could be attributed to the pregnancy or puerperium.

18.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 40(3): 178-184, 2003. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-360101

ABSTRACT

Para avaliar a influência da gestação e do puerpério sobre o eritrograma de caprinos (Capra hircus) foram coletadas 150 amostras de sangue de cabras sadias da raça Saanen, criadas no Estado de São Paulo, distribuídas em cinco grupos com 30 animais cada: G1 - cabras não prenhes; G2 - fase inicial da gestação (30 - 60 dias de prenhez); G3 - fase média da gestação (60 - 120 dias de prenhez); G4 - fase final da gestação (> 120 dias de prenhez); e G5 - recém-paridas(cabras com até 30 dias pós-parto). Nas amostras de sangue coletadas em frascos contendo EDTA, foram realizadas as seguintes análises: contagem do número de hemácias, determinação do volume globular, dosagem de hemoglobina, e cálculo dos índices hematimétricos (Volume Corpuscular Médio - VCM, Hemoglobina Corpuscular Médio - HCM, Concentração de Hemoglobina Corpuscular - CHCM). Constatou-se a influência da gestação e do puerpério sobre o eritrograma, pois na fase final da gestação, houve diminuição do número de hemácias, valores estes que retornaram no puerpério aos patamares observados nas cabras não prenhes, fases inicial e média da gestação. A avaliação do volume globular e da taxa de hemoglobina não revelou variações significativas que pudessem ser atribuídas à gestação ou ao puerpério. Na análise dos índices hematimétricos, verificou-se que os valores do VCM e do HCM foram maiores nas cabras na fase final de gestação e nas recém-paridas.


Subject(s)
Animals , Goats , Postpartum Period , Pregnancy, Animal
19.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 39(4): 196-201, 2002. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-337574

ABSTRACT

Para avaliar a influência da gestaçäo e do puerpério sobre os constituintes do leucograma de caprinos da raça Saanen foram colhidas 150 amostras de sangue, distribuídas em 5 grupos com 30 animais cada: cabras näo prenhes; fase inicial da gestaçäo (30 -- 60 dias de prenhez); fase média da gestaçäo (60 -- 120 dias de prenhez); fase final da gestaçäo (> 120 dias de prenhez); e recém-paridas (< 30 dias de puerpério). Nas amostras de sangue, colhidas em frascos contendo EDTA, foi realizada a contagem do número total de leucócitos em câmara de Neubauer, utilizando-se o líquido de Thoma como diluidor e a contagem diferencial de leucócitos,efetuada em esfregaços sangüíneos, corados pelo Método de Rosenfeld. Observou-se a influência da gestaçäo sobre o leucograma, pois o quadro leucocitário foi caracterizado por uma diminuiçäo gradual do número de leucócitos com o avançar da gestaçäo, atingindo seus menores valores no final da gestaçäo e no puerpério. Essa diminuiçäo ocorreu devido ao comportamento observado para o número absoluto de linfócitos, que também diminuiu com a evoluçäo da gestaçäo. Dessa forma, o quadro leucocitário tornou-se, predominantemente, neutrofílico na fase final da gestaçäo e no puerpério


Subject(s)
Animals , Female , Goats , Postpartum Period , Pregnancy, Animal
20.
Ciênc. rural ; 31(4): 615-619, jul.-ago. 2001. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-310362

ABSTRACT

Com o objetivo de avaliar a dinâmica das proteínas séricas de fêmeas bovinas da raça holandesa, criadas no Estado de Säo Paulo e naturalmente infectadas pelo vírus da leucose dos bovinos, foram colhidas 60 amostras de soro sangüíneo. Os animais foram divididos em 3 grupos experimentais: Grupo 1 - composto de 20 fêmeas näo reagentes ao antígeno gp-51 do vírus da leucose dos bovinos; Grupo 2 - composto de 20 fêmeas reagentes ao antígeno gp-51 do vírus da leucose dos bovinos com linfocitose. A avaliaçäo do proteinograma sérico foi realizada pela determinaçäo dos teores séricos de proteína total pelo método do biureto e a separaçäo das fraçöes albumina, alfaglobulina, betaglobulina e gamaglobulina através de eletroforese. A determinaçäo quantitativa dos níveis séricos de imunoglobulinas IgM e IgG foi realizada através de imunodifusäo radial simples. Os valores séricos do proteinograma e da concentraçäo sérica das imunoglobulinas IgG e IgM dos animais näo reagentes ao vírus da leucose dos bovinos foram semelhantes àqueles observados nos animais reagentes ao vírus da leucose dos Bovinos sem linfocitose e no grupo de animais reagentes ao vírus da leucose dos bovinos com linfocitose.


Subject(s)
Animals , Female , Cattle , Enzootic Bovine Leukosis/immunology , Blood Proteins/immunology , Immunoglobulin G , Immunoglobulin M
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL