Your browser doesn't support javascript.
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 31
Filter
1.
Rev. Col. Bras. Cir ; 44(6): 633-648, Nov.-Dec. 2017.
Article in English | LILACS (Americas) | ID: biblio-896624

ABSTRACT

ABSTRACT Objective: to present recommendations based on the ACERTO Project (Acceleration of Total Post-Operative Recovery) and supported by evidence related to perioperative nutritional care in General Surgery elective procedures. Methods: review of relevant literature from 2006 to 2016, based on a search conducted in the main databases, with the purpose of answering guiding questions previously formulated by specialists, within each theme of this guideline. We preferably used randomized controlled trials, systematic reviews and meta-analyzes but also selected some cohort studies. We contextualized each recommendation-guiding question to determine the quality of the evidence and the strength of this recommendation (GRADE). This material was sent to authors using an open online questionnaire. After receiving the answers, we formalized the consensus for each recommendation of this guideline. Results: the level of evidence and the degree of recommendation for each item is presented in text form, followed by a summary of the evidence found. Conclusion: this guideline reflects the recommendations of the group of specialists of the Brazilian College of Surgeons, the Brazilian Society of Parenteral and Enteral Nutrition and the ACERTO Project for nutritional interventions in the perioperative period of Elective General Surgery. The prescription of these recommendations can accelerate the postoperative recovery of patients submitted to elective general surgery, with decrease in morbidity, length of stay and rehospitalization, and consequently, of costs.


RESUMO Objetivo: apresentar recomendações, baseadas no Projeto ACERTO (Aceleração da Recuperação Total Pós-Operatória) e sustentada por evidências, relativas aos cuidados nutricionais perioperatórios em procedimentos eletivos em Cirurgia Geral. Métodos: revisão da literatura pertinente entre 2006 e 2016, com base em busca realizada nas principais bases de dados, com o intuito de responder a perguntas norteadoras previamente formuladas por especialistas, dentro de cada temática desta diretriz. Foram selecionados alguns estudos de coorte, mas, preferencialmente, foram utilizados estudos aleatórios controlados, revisões sistemáticas e meta-análises. Cada pergunta norteadora de recomendação foi contextualizada de modo a determinar a qualidade da evidência e a força desta recomendação (GRADE). Este material foi enviado aos autores utilizando um questionário aberto on-line. Após o recebimento das respostas, formalizou-se o consenso para cada recomendação desta diretriz. Resultados: o nível de evidência e o grau de recomendação para cada item é apresentado em forma de texto, seguido de resumo da evidência encontrada. Conclusão: esta diretriz traduz as recomendações do grupo de especialistas do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, da Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral e do Projeto ACERTO para intervenções nutricionais no período perioperatório em Cirurgia Geral eletiva. A prescrição dessas recomendações pode acelerar a recuperação pós-operatória de pacientes submetidos a operações eletivas em cirurgia geral, com diminuição de morbidade, do tempo de internação e de reinternações e, consequentemente, dos custos.


Subject(s)
Humans , Elective Surgical Procedures , Nutritional Support , Perioperative Care/methods , Practice Guidelines as Topic
2.
ABCD arq. bras. cir. dig ; 26(3): 195-199, jul.-set. 2013. ilus, tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-689677

ABSTRACT

RACIONAL: A utilização de protocolo com base eletrônica de dados contribui para tornar disponível um grande volume de informações organizadas e estruturadas. A informática pode contribuir no desenvolvimento do conhecimento da Terapia Nutricional Enteral Domiciliar (TNED) por intermédio da pesquisa. OBJETIVO: Elaborar um protocolo eletrônico para o atendimento de pacientes em TNED. MÉTODO: Após a revisão sobre a TNED em material teórico, foram levantados 1793 subitens e agrupados em nove itens principais: Identificação, Avaliação nutricional, Prescrição dietética, Indicações de nutrição enteral, Vias de acesso para nutrição enteral, Composição da nutrição enteral, Sistema de administração, Complicações e Reinternamentos. Definiu-se com o nome Protocolo Mestre Informatizado de TNED e foi utilizado o Sistema Integrado de Protocolos Eletrônicos (SINPE©) para sua efetivação. A última etapa foi a criação de um protocolo específico a partir do protocolo mestre. Depois de instalado o programa o sistema reconhece o usuário com a identificação de segurança definida pelo tipo de autorização e disponibiliza a tela para seleção do protocolo mestre que o usuário poderá acessar. Os itens que compõe o protocolo específico estão contidos no Protocolo Mestre e as informações referentes a este protocolos são visualizados. CONCLUSÃO: Foi possível criar um protocolo eletrônico para o atendimento de pacientes em TNED com dados seguros que contribuem para a pesquisa nesta área.


BACKGROUND: Informatics can help the development of home enteral nutrition therapy (HENT). By using an electronic protocol with an electronic database it is possible to organize, structure and manage, information. AIM: To develop an electronic protocol for data collection on treatment of patients with home enteral nutrition. METHOD: After a review in theoretical material about home enteral nutrition therapy, 1793 data collection items were selected and grouped into nine categories: patient identification, nutritional assessment, dietetics prescription, indications for enteral nutrition, access to enteral nutrition options, composition of enteral nutrition, administration system, complications, and readmission. Was used the Electronic Integrated Computerized Procotols System (SINPE©) to organize that knowledge and the database that attends this research was named Informatized Master Protocol of HENT. The last step was the creation of a specific protocol to collect data by using informations from this database. RESULTS: After installing the program, the system recognizes the user by identifying a pre-defined security authorization and also provides a screen to select a master protocol which the user can access. Items that arrange the specific protocol are contained in the Master Protocol and the information for this protocol are displayed. CONCLUSION: It was possible to create an electronic protocol for HENT patients care with safety data based on research in enteral nutrition support.


Subject(s)
Humans , Electronic Data Processing , Clinical Protocols , Enteral Nutrition , Home Care Services
3.
GED gastroenterol. endosc. dig ; 28(2): 53-58, abr.-jun. 2009. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-768058

ABSTRACT

O diagnóstico e tratamento das neoplasias císticas do pâncreas aumentaram significativamente nas últimas décadas. As neoplasias mais comuns são cistoadenoma seroso (30%), tumores císticos mucinosos (40%), neoplasia intraductal papilar mucinosa (25%) e neoplasia sólida pseudopapilar (1-5%). O cistoadenoma seroso caracteriza-se pela presença de um cisto revestido por epitélio cubóide simples, que secreta um líquido aquoso seroso. A quase totalidade dessa neoplasia é benigna. A importância clínica deste tumor é o seu potencial de crescimento local e o desenvolvimento subsequente de dor e compressão de estruturas vizinhas. Os tumores císticos mucinosos contêm mucina, podem ser benignos (cistoadenoma mucinoso) ou malignos (cistoadenocarcinoma mucinoso) e não se comunicam com ductos pancreáticos. A neoplasia intraductal papilar mucinosa origina-se de um ducto pancreático e produz mucina que pode obstruir um ducto pancreático e ser eliminada pela papila de Vater. A maioria dessas últimas neoplasias é maligna (60-90%). A neoplasia sólida pseudopapilar caracteriza-se pela presença de cavidade em tumor sólido, geralmente de grandes dimensões. O tratamento das neoplasias císticas do pâncreas consiste de ressecção pancreática, que deve ser indicada em pacientes com lesões malignas ou potencial de malignização e nos que apresentam manifestações clínicas, independente do potencial maligno da lesão. Como regra geral, a ressecção está indicada em todos pacientes com tumores císticos pancreáticos, exceto nos com seroso assintomático e nos com neoplasia intraductal papilar mucinosa menor do que 2-3cm.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adult , Middle Aged , Pancreatic Neoplasms/drug therapy , Pancreatic Neoplasms/therapy , Review Literature as Topic , Clinical Trials as Topic , Cystadenoma, Mucinous , Pancreatectomy , Pancreatic Cyst
5.
Acta cir. bras ; 21(supl.3): 14-25, 2006. ilus, tab, graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-473906

ABSTRACT

INTRODUÇÃO: Pesquisas de novas substâncias com finalidades terapêuticas têm sido realizadas procurando isolar, extrair ou purificar novos compostos de origem vegetal. A Passiflora edulis (maracujá), espécie pertencente à família Passifloracea, originária das regiões tropicais e subtropicais do continente americano, é popularmente usada como sedativo, analgésico e antinflamatório e no tratamento de lesões cutâneas, feridas e erisipelas. OBJETIVO: Avaliar a cicatrização de anastomoses colônicas em ratos, que receberam extrato hidroalcoólico de Passiflora edulis no trans-operatório. MÉTODOS: Foram utilizados 40 ratos Wistar, distribuídos em dois grupos de 20 animais cada, denominados: grupo Passiflora (GP) e grupo controle (GC). Os ratos de cada grupo foram separados em dois subgrupos de 10 animais cada, avaliados no 3º e 7º dia do pós-operatório. O procedimento cirúrgico constou de secção da alça colônica esquerda, 5cm acima da reflexão peritoneal com preservação da arcada vascular e anastomose término-terminal em plano único. O grupo Passiflora recebeu dose única intraperitoneal do extrato hidroalcoólico de Passiflora edulis na dose de 250 mg/Kg. O grupo controle recebeu dose única de solução salina intraperitoneal em volume igual ao GP. Os parâmetros avaliados foram: aspectos macroscópicos da parede e cavidade abdominal, aderências perianastomóticas, pressão de ruptura à insuflação de ar, reação inflamatória tecidual da anastomose que constou de polimorfonucleares, monomorfonucleares e proliferação fibroblástica. RESULTADOS: Os aspectos macroscópicos não apresentaram diferenças significantes entre os grupos. Não ocorreu nenhuma deiscência de anastomose nos grupos estudados. Com relação à pressão de ruptura à insuflação de ar, observou-se que a média foi significantemente maior no subgrupo que recebeu o extrato de Passiflora no 3º dia (P3), cuja pressão foi 42,6 ± 17,8 mmHg em comparação ao subgrupo controle (C3), cuja pressão foi 25,4 ± 14,1 mmHg, p=0,028. O mesmo não ocorreu no 7º dia, onde o subgrupo C7 apresentou pressão de ruptura de 187,3 ± 39,5 mmHg, enquanto o subgrupo P7, apresentou pressão de ruptura de 203,0 ± 50,0 mmHg, p=0,447. Na análise histológica, os polimorfonucleares foram mais freqüentes no subgrupo C3, em comparação ao subgrupo P3, com diferença significante (p=0,034). Os monomorfonucleares (MMN) e proliferação fibroblástica foram mais freqüentes no subgrupo P3, com diferença significante, onde p=0,02 para MMN, e p=0,001 para proliferação fibroblástica. No 7º dia, houve diferença significante em todas as variáveis histológicas coradas pela hematoxilina-eosina e Tricômico de Masson (p<0,05) no subgrupo que recebeu o extrato de Passiflora. CONCLUSÃO: A administração peroperatória do extrato hidroalcoólico de Passiflora edulis influencia de forma significante na cicatrização das anastomoses colônicas em ratos.


INTRODUCTION: Investigation of new substances with therapeutic effects have been done trying to isolate, extract or purify new compounds of vegetable origin. The Passiflora edulis (maracujá) species from the Plassifloracia family, originated from the tropical and subtropical regions of the american continent, is found all over Brazil. It is commonly used as a sedative, painkiller and anti-inflammatory drug and also for the treatment of skin wounds, lesions and Erisipelae. PURPOSE: To evaluate the wound healing in colonic anastomosis in rats that received an hydro-alcoholic extract of Passiflora edulis peri-operatively. METHOD: 40 wistar rats were used distributed into two groups of 20 rats each, named: Passiflora edulis group (GP) and control group (GC). The rats of each group were separated into two subgroups of 10 animals each and were evaluated on the 3rd and 7th postoperative days. The surgical procedure consisted of a section of the left colon, 5 cm above the peritoneal reflexion with preservation of the vascular elements. Intestinal continuity was restored by an end-to-end single layer anastomosis. The Passiflora edulis group received an intraperitoneal application of the hydro-alcoholic extract in the dosage of 250 mg/kg. The control-group received one intraperitoneal dose of a saline with the same volume of the GP. The parameters evaluated were: macroscopic aspects of the wall and abdominal cavity, perianastomotic (adherences), bursting pressure, inflammatory tissue reaction on the anastomotic wound. RESULTS: The macroscopic aspects did not differ between the groups. No rupture in the anastomotic wound was seen in any rat. Regarding the bursting pressure, it was noticed that the average pressure was significantly higher in the subgroup that received the Passiflora edulis extract on the 3rd day (P3) (42,6 ± 17,8 mmHg vs. 25,4 ± 14,1 mmHg, p=0,028), as compared to the control sub-group (C3). However, on the 7th day, bursting pressure was similar in both groups (p=0.447). Rats from the C7 sub-group had a mean bursting pressure of 203,0 ± 50,0 mmHg vs. 187,3 ± 39,5 mmHg in the C7 sub-group. In the histologic analysis the polimorphic nuclear cells were more frequent in the C3 group, with significant differences (p=0,034). The monomorphic nuclear cells (MMN) and the fibrobastic proliferation were more frequent in the P3 sub-group with a significant difference, p=0,02 to MMN, and p=0,001 to the fibroblastic proliferation. On the 7th day there was a significant difference in all histologic criteria stained by hematoxin-eosin and Masson Trichomic (p<0,05) in the sub-group that received the Passiflora edulis extracts. CONCLUSION: The peri-operative administration of the hydro-alcoholic extract of Passiflora edulis has a positive influence on the healing of colonic anastomosis in rats.


Subject(s)
Animals , Male , Rats , Anti-Inflammatory Agents/therapeutic use , Colon/surgery , Phytotherapy , Passiflora/chemistry , Wound Healing/drug effects , Anastomosis, Surgical , Analgesics/pharmacology , Analgesics/therapeutic use , Anti-Inflammatory Agents/pharmacology , Collagen/drug effects , Colon/pathology , Coloring Agents/chemical synthesis , Disease Models, Animal , Drug Evaluation, Preclinical , Injections, Intraperitoneal , Plant Extracts/pharmacology , Plant Extracts/therapeutic use , Random Allocation , Rats, Wistar , Statistics, Nonparametric , Tensile Strength/drug effects , Wound Healing/physiology
6.
Acta cir. bras ; 21(supl.3): 33-39, 2006. ilus, tab
Article in English | LILACS (Americas) | ID: lil-473908

ABSTRACT

INTRODUÇÃO: A cicatrização constitui processo complexo, envolvendo diferentes sistemas biológicos e imunológicos, sendo essencial para manter a integridade do organismo. Três fases bem definidas ocorrem: inflamatória, proliferativa e maturação. Falha ou prolongamento em uma delas pode resultar em retardo ou ausência da cicatrização. OBJETIVO: Analisar comparativamente as alterações histológicas proporcionadas pelo uso do extrato aquoso da Orbignya phalerata na cicatrização de lesões cirúrgicas da bexiga. MÉTODOS: Quarenta ratos da linhagem Wistar, adultos e machos foram utilizados. O procedimento experimental constituiu-se em incisão longitudinal de 2cm na bexiga e síntese em plano único com pontos separados de poliglactina 910 cinco zeros. Após este procedimento comum, os animais foram distribuídos aleatoriamente em dois subgrupos contendo 20 animais cada. No grupo controle não foi utilizada a substância Orbignya phalerata. No grupo-experimento utilizou-se solução aquosa de Orbignya phalerata na dose de 50mg/kg por via intraperitoneal. Os animais foram acompanhados e mortos em três e sete dias. Foi feita análise histológica comparativa entre os grupos. RESULTADOS: Os resultados mostraram que foi observada diferença estatística significante nas variáveis neoformação (p= 0,001) e proliferação fibroblástica (p= 0,010) nos subgrupos controle e experimento do 3º dia. Ainda no grupo experimento a neoformação capilar foi mais intensa que no grupo controle, apresentando significância estatística. No grupo de sete dias observou-se que as variáveis inflamação aguda (p= 0,001), inflamação crônica (p= 0,002) e proliferação fibroblástica (p=0,023) apresentaram significância estatística, sendo bem evidente a inflamação aguda no grupo controle. CONCLUSÃO: Foi observada homogeneidade no fator tempo da cicatrização nos grupos experimento e controle sendo mais rápida no grupo experimento. Houve efeito favorecedor cicatrizante na utilização do extrato aquoso do mesocarpo da Orbignya phalerata na bexiga do ratos.


INTRODUCTION: Wound healing is a complex process that deals with different biological and immunological systems and is essential to keep the organism integrity. Three well-defined phases occur: inflammatory, proliferative and maturation. A failure or lengthy phase may result in a delay or absence of it. PURPOSE: The aim of this paper is to analyse comparatively the histological alteration provided by the use of the aqueous extract of Orbignya phalerata, in the healing process of bladder surgical wounds. METHODS: Forty adult, male Wistar rats were used. The experimental procedure consisted of a longitudinal 2cm long bladder incision and single layer interrupted suture of 5-0 poliglactine 910. Post-operatively, the rats were randomly divided into two groups of 20. The substance was not used in the control group. The Orbignya phalerata aqueous solution was used in the study group. The animals were observed and killed three and seven days later. Comparative histological analysis was accomplished between the groups. Resuts: Significant statistical differences were observed in the neo-formation variables (p= 0,001), chronic inflammation (p= 0,002) and fibroblastic proliferation (p= 0,023). Acute inflammation was very evident in the control group. CONCLUSION: The time factor of wound healing showed homogeneity between experimental and control groups, however faster in the experimental one. The Orbignya phalerata had a favoring healing effect in the surgical incision on rats bladder.


Subject(s)
Animals , Male , Rats , Arecaceae/chemistry , Phytotherapy , Urinary Bladder/surgery , Wound Healing/drug effects , Anti-Inflammatory Agents/therapeutic use , Disease Models, Animal , Drug Evaluation, Preclinical , Inflammation/drug therapy , Plant Extracts/pharmacology , Plant Extracts/therapeutic use , Rats, Wistar , Suture Techniques , Urinary Bladder/innervation , Urinary Bladder/pathology
7.
Acta cir. bras ; 21(supl.3): 55-65, 2006. ilus, tab, graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-473911

ABSTRACT

INTRODUÇÃO: Nas regiões interioranas do Brasil o cataplasma feito com folhas de Passiflora edulis tem sido usado pela população como cicatrizante, para tratar infecções e inflamações cutâneas, sem a comprovação científica dos seus potenciais benefícios. OBJETIVO: Avaliar a cicatrização de feridas abertas em ratos com a aplicação tópica de extrato hidroalcoólico de Passiflora edulis. MÉTODOS: Foram utilizados 60 ratos da linhagem Wistar, machos, adultos, divididos em dois grupos: o grupo Passiflora e o grupo Controle. Os animais do primeiro grupo foram tratados com o extrato de Passiflora edulis, e os do segundo grupo, com água destilada. A aplicação diária do extrato e da água destilada foi realizada sobre ferida circular padronizada de 2cm de diâmetro na região dorsal de cada animal. A avaliação da ferida foi feita do ponto de vista macro e microscópico nos períodos pré-determinados (7º, 14º e 21º dias). Fez-se a análise macroscópica da evolução do aspecto da lesão e medida da retração cicatricial da ferida, por planimetria digital. O estudo histológico em lâminas coradas pela Hematoxilina-Eosina e Tricômico de Masson considerou os parâmetros de elementos celulares inflamatórios incluindo colagenização e reepitelização. RESULTADOS: Não houve diferença estatisticamente significante entre as áreas cirúrgicas das feridas tratadas com Passiflora edulis e o grupo Controle; entretanto, histologicamente houve colagenização significantemente maior no 14º dia de pós-operatório nos animais do grupo Passiflora (p = 0,012). CONCLUSÕES: O uso tópico do extrato de Passiflora edulis não apresenta macroscopicamente efeito significativo na cicatrização de feridas na pele de ratos; entretanto microscopicamente apresenta aumento da proliferação fibroblástica no 7º dia e colagenização maior no 14º dia de pós-operatório.


INTRODUCTION: In Brazilian countryside, cataplasm made from Passiflora edulis leaves has been used by the population as a healing agent for infections and skin inflammations in an empiric basis. PURPOSE: the aim of this work was to evaluate the healing process of open wounds in rats, in which Passiflora edulis hydro-alcoholic extract was applied. METHODS: Sixty male, adult Wistar rats were divided into two groups: Passiflora group and Control group. Rats of the first group were treated with Passiflora edulis extract, and those of the second group received distilled water. The daily application of the extract or distilled water was carried out on a 2 cm diameter standardized circular wound on the dorsal region of each animal. Wound assessment was performed macroscopically and microscopically on the 7th, 14th, and 21st postoperative days. Microscopic analysis included hematoxylin-eosine and Masson Trichromium stains, evaluating inflammatory response, fibroplasia and collagen deposition. The wound retraction was evaluated by digital planimetry. RESULTS: No significant difference in the rate of wound healing was detected comparing both groups. However, a significant increase in the number of fibroblastic cells was seen on the 7th PO day, and significantly greater collagen deposition was observed on the 14th day PO day in rats from the Passiflora group (p=0,012). CONCLUSIONS: The application of the Passiflora edulis extract does not accelerate the healing process of open wounds in rats, but is associated with increased number of fibroblastic cells on 7th P.O. day and greater collagen deposition on the 14th PO day.


Subject(s)
Animals , Male , Rats , Colon/surgery , Phytotherapy , Passiflora/chemistry , Wound Healing/drug effects , Administration, Topical , Analysis of Variance , Analgesics/pharmacology , Analgesics/therapeutic use , Anti-Inflammatory Agents/pharmacology , Anti-Inflammatory Agents/therapeutic use , Colon/pathology , Disease Models, Animal , Drug Evaluation, Preclinical , Inflammation/drug therapy , Postoperative Period , Plant Extracts/pharmacology , Plant Extracts/therapeutic use , Rats, Wistar , Statistics, Nonparametric , Tensile Strength/drug effects
8.
Acta cir. bras ; 21(supl.2): 9-16, 2006. ilus, tab, graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-440761

ABSTRACT

INTRODUÇÃO: O emprego de plantas no tratamento de diversas moléstias é costumeiro no Brasil. O maracujá (Passiflora edulis) é muito empregado em diversas afecções, freqüentemente sem comprovação científica. Foram descritas propriedades antiinflamatórias do extrato de Passiflora edulis, semelhantes às dos antiinflamatórios não esteroidais (AINE's). OBJETIVO: Avaliar morfológica e tensiometricamente o efeito do extrato hidroalcoólico de Passiflora edulis no processo de cicatrização de laparotomias medianas em ratos. MÉTODOS: Quarenta ratos Wistar, divididos em dois grupos de 20, foram submetidos à incisão e sutura da linha alba. Em 20 deles, grupo controle (GC), administrou-se solução salina na cavidade peritonial. Nos outros 20, grupo Passiflora (GP), administrou-se extrato de Passiflora edulis na cavidade peritonial, em dose única, isovolumétrica. O extrato foi obtido por extração alcoólica das folhas secas do maracujá. Os grupos controle e Passiflora foram subdivididos em dois, conforme o dia da morte: grupo controle três dias (C3), grupo controle sete dias (C7), grupo Passiflora três dias (P3) e grupo Passiflora sete dias (P7). Após a morte dos ratos, retirou-se espécimes da parede abdominal englobando a área operada. Os espécimes foram submetidos à avaliação macroscópica, histológica e tensiométrica. RESULTADOS: Na avaliação macroscópica, não houve diferença significante entre GC e GP. Na histológica, comparando-se C3 vs. P3, a variável inflamação aguda foi mais intensa no grupo C3, enquanto a colagenização e a neoformação capilar apresentaram diferenças significantes (0,001 e 0,001, respectivamente), em favor de P3. Entre C7 vs. P7, as variáveis inflamação aguda, inflamação crônica e neoformação capilar também apresentaram diferenças significantes (p=0,002; 0,006 e 0,001, respectivamente). Na avaliação tensiométrica, a carga máxima de ruptura (Cmáx) do sétimo dia foi maior no grupo Passiflora em relação ao grupo controle (6,91 ± ...


INTRODUCTION: The Brazilian popular habit of using plants to treat several health conditions is ancient. Passion fruit (Passiflora edulis) is widely used to treat, usually in an empiric basis, a variety of medical conditions. Anti-inflammatory activity of Passiflora edulis extract, similar to non-steroidal anti-inflammatory drugs (NSAID's), has been described. PURPOSE: To evaluate the effect of Passiflora edulis extract hidroalcoolical on the healing of midline abdominal incisions in rats by morphological and tensiometric methods. METHODS: Forty male Wistar rats were randomly allocated into two groups to either receive Passiflora edulis extract (study group, P) or saline (control group, C) intraperitoneally, in a single isovolumetric dose, after a standardized ventral midline laparotomy had been performed. The twenty rats of the control group as well as those twenty of the study group were divided into subgroups according to the time of sacrifice, either the 3rd PO day (P3, C3) or the 7th PO day (P7, C7). On day three and on day seven after surgery, the rats were sacrificed and the wound area was excised by a standardized protocol. The healing process of the specimens was evaluated macroscopically and histologically. The tensile strength was evaluated by a constant speed computerized tensiometer to determine the breaking strength and the deformation of the healing incision. RESULTS: The macroscopic examination did not show significant differences between study and control groups. Histologically, the C3 vs. P3 comparison showed the following differences: for the variables acute inflammation (p=0.045 in favor of C3), colagenization and capillary neoformation: p=0.001 e 0.001, respectively in favor of P3. Similarly, the C7 vs. P7 comparison showed the following differences for the variables acute inflammation (p=0.002 in favor of C7), chronic inflammation and capillary neoformation: p= 0.006 e 0.001, respectively in favor of P7. Tensiometrically, ...


Subject(s)
Animals , Male , Rats , Abdominal Wall/pathology , Anti-Inflammatory Agents, Non-Steroidal/therapeutic use , Passiflora , Phytotherapy , Plant Extracts/therapeutic use , Wound Healing/drug effects , Analysis of Variance , Abdominal Wall/surgery , Collagen/drug effects , Disease Models, Animal , Injections, Intraperitoneal , Inflammation/drug therapy , Necrosis , Plant Leaves , Rats, Wistar , Statistics, Nonparametric , Time Factors , Tensile Strength/drug effects , Wound Healing/physiology
9.
Acta cir. bras ; 21(supl.2): 67-76, 2006. ilus, tab, graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-440769

ABSTRACT

INTRODUÇÃO: O mesocarpo de Orbignya phalerata tem sido usado em estudos experimentais procurando verificar sua ação pró-inflamatória. OBJETIVO: Analisar comparativamente as alterações histológicas proporcionadas pelo extrato aquoso do babaçu nas feridas cutâneas. MÉTODOS: Sessenta ratos da linhagem Wistar, adultos, machos, foram utilizados. O procedimento experimental constituiu-se em uma incisão circular de 2cm de diâmetro na pele com punch metálico. Após este procedimento comum a todos, os animais foram distribuídos aleatoriamente em dois grupos contendo 30 animais cada. No grupo controle não foi utilizada a substância pesquisada e sim, solução fisiológica (Cloreto de sódio a 0,9 por cento). No grupo experimento utilizou-se solução aquosa de Orbignya phalerata em uso tópico. Os animais foram acompanhados e mortos em sete, 14 e 21 dias. Foi feita análise histológica comparativa entre os grupos. RESULTADOS: Observou-se diferença significativa a favor da cicatrização do grupo experimento em relação ao grupo controle nos 7° e 14° dias, no que diz respeito à reepitelização. CONCLUSÃO: O uso tópico do mesocarpo de Orbignya phalerata (Babassu) contribuiu positivamente para a cicatrização das feridas cutâneas em ratos com a dosagem de 25mg/ml.


INTRODUCTION: The mesocarp of Babassu (Orbignya phalerata) has been used in experimental studies trying to check its pro-inflammatory effect. PURPOSE: To analyse comparatively the histological changes made by the water extract of Babassu in skin surgical wounds. METHODS: Sixty Wistar adults male rats were used. The experimental procedure was a circle skin incision of 2 cm in diameter made with a metal punch. After this procedure done in all animals, they were randomized in two groups of 30. In the control group, the phytotherapic agent wasn't used but saline solutin. In the experimental group, the water extract of Orbignya phalerata was used in the cut sites. All animals were followed and killed after seven, 14 and 21 days. Comparative histological analysis was made among the groups. RESULTS: In the microscopic view, a significant reepitelization effect on the healing process of the experimental group in relation to the control group in the 7th and 14th days, was recognized. CONCLUSION: The use of the mesocarp of Orbignya phalerata in skin surgical wounds contributed positively in the healing process in rats.


Subject(s)
Animals , Male , Rats , Cocos , Phytotherapy , Plant Extracts/therapeutic use , Skin/drug effects , Wound Healing/drug effects , Administration, Topical , Analysis of Variance , Anti-Inflammatory Agents , Disease Models, Animal , Postoperative Period , Rats, Wistar , Statistics, Nonparametric , Skin/injuries , Skin/ultrastructure , Time Factors , Wound Healing/physiology
11.
ABCD arq. bras. cir. dig ; 16(4): 189-192, out.-dez. 2003. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-355479

ABSTRACT

Racional - Estima-se que dentre os 300.000 a 600.000 indivíduos com doenças neurológicas que são afetados por disfagia orofaríngea nos Estados Unidos todos os anos, 37% deles desenvolverão pneumonia aspirativa, e 3,8% morrerão, se não fizerem parte dos programas de diagnósticos e tratamento da disfagia orofaríngea. Objetivo - Verificar a associação da presença da sonda nasoenteral com aspiração e pneumonia aspirativa, em pacientes com doença cerebrovascular, complicada por diafagia orofaríngea. Casuística e Método - Foram estudados 123 pacientes com disfagia orofaríngea comprovada por exames instrumentais (estudo endoscópico da deglutição FEES e videofluoroscopia da deglutição), que foram realizados em todos os pacientes. Eles foram acompanhados por seis meses, e neste período PA foi diagnosticado em 36 deles. Resultados - Os pacientes com sonda nasoenteral apresentaram maior freqüência de pneumonia aspirativa e de aspiração do que os sem sonda (P=0,0001 e P=0,048, respectivamente). Conclusão - Os pacientes com doença cerebrovascular complicados por disfagia e portadores de sondas nasoenterais promovem acúmulo de secreções na faringe e aumento do ph intragástrico com conseqüente colonização bacteriana. Esta situação aumenta o risco de aspiração e pneumonia. O seu uso deveria ser restrito e bem indicado.


Subject(s)
Humans , Intubation, Gastrointestinal/adverse effects , Oropharynx , Pneumonia, Aspiration , Stroke , Suction , Deglutition Disorders/complications , Deglutition Disorders/physiopathology , Hospitalization , Enteral Nutrition/adverse effects , Pharynx , Risk Factors
12.
J. bras. patol. med. lab ; 39(2): 143-149, abr.-jun. 2003. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-345296

ABSTRACT

INTRODUÇÃO: A cisplatina é utilizada como droga de escolha para o tratamento do câncer de ovário, antes ou depois do procedimento cirúrgico, no qual há freqüentemente a confecçäo de uma anastomose intestinal. OBJETIVO: Avaliaçäo histológica do efeito da cisplatina sobre a cicatrizaçäo das anatomoses colônicas. MATERIAL E MÉTODOS: Foram utilizados 80 ratos Wistar divididos em três grupos: um grupo controle, que foi submetido ao procedimento cirúrgico e recebeu soluçäo salina nos cinco dias subseqüentes, incluindo o dia da operaçäo; um grupo que recebeu cisplatina intraperitoneal na dose de 0,35mg/kg por cinco dias antes do procedimento cirúrgico; e um grupo que recebeu cisplatina intraperitoneal na mesma dose por cinco dias depois do procedimento cirúrgico. O procedimento cirúrgico constou de secçäo da alça colônica esquerda, 5cm acima da reflexäo peritoneal, e anastomose em plano único. Metade dos ratos foi sacrificada no quinto dia de pós-operatório e a outra metade, no oitavo. Foram avaliados parâmetros histológicos de reaçäo inflamatória com a elaboraçäo de índices e escores para comparaçäo entre os grupos do estudo. RESULTADOS: A média do índice infiltrado neutrofílico foi significativamente maior no grupo que recebeu cisplatina depois do procedimento cirúrgico em relaçäo ao grupo controle e ao grupo que recebeu droga antes do procedimento cirúrgico. A média do índice intensidade do edema foi significativamente maior nos grupos que receberam cisplatina em relaçäo ao grupo controle. A análise do escore histológico final permitiu a classificaçäo do processo inflamatório como subagudo nos grupos que receberam cisplatina e como crônico no grupo controle. DISCUSSÄO E CONCLUSÄO: A cisplatina interfere no processo de cicatrizaçäo das anastomoses colônicas, produzindo uma lentificaçäo do mesmo


Subject(s)
Animals , Rats , Anastomosis, Surgical , Wound Healing , Cisplatin , Colon , Rats, Wistar
13.
Rev. Col. Bras. Cir ; 29(6): 367-369, nov.-dez. 2002. ilus
Article in Portuguese | LILACS-Express | ID: lil-495364

ABSTRACT

Our objective is to report three patients with recurrent severe upper abdominal pain secondary to residual gallbladder. All patients had been subjected to cholecystectomy from 1 to 20 years before. The diagnosis was established after several episodes of severe upper abdominal pain by imaging exams: ultrasonography, tomography, or endoscopic retrograde cholangiography. Removal of the residual gallbladder led to complete resolution of symptoms. Partial removal of the gallbladder is a very rare cause of postcholecystectomy symptoms.

14.
Rev. méd. Paraná ; 60(2): 8-11, jul.-dez. 2002. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-339051

ABSTRACT

O objetivo deste trabalho foi estudar o tempo de sobrevida de ratos submetidos a choque hemorrágico e os parâmetros fisiológicos dos animais. Utilizaram-se 10 ratos, verificando-se a frequência cardíaca, a frequência respiratória e a temperatura auricular a cada 5 minutos. O choque foi produzido retirando-se 3mL de sangue através de flebotomia femoral esquerda. O choque evoluía com a retirada de 1 mL de sangue, a cada 10 minutos, até um volume total de 9mL. Avaliaram-se o volume globular e a dosagem de hemoglobina no tempo zero e 30 minutos após. Os resultados foram: hipotermia leve, aumento da frequência cardíaca, diminuiçäo da frequência respiratória e diminuiçäo do volume globular, uniformemente em todos os animais, a partir dos 30 minutos. Conclui-se que a retirada seriada de sangue por flebotomia é um método válido para se avaliar as repercussöes fisiológicas do choque hemorrágico em ratos, produzindo a morte do animal após a média de 78 minutos


Subject(s)
Blood Specimen Collection/methods , Phlebotomy , Physiology , Shock, Hemorrhagic , Rats, Wistar
15.
Rev. méd. Paraná ; 60(2): 45-48, jul.-dez. 2002. tab, graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-339059

ABSTRACT

O trauma é a terceira maior causa de morte no mundo, com índices menores que as neoplasias e doenças cardiovasculares. Esse estudo objetiva verificar a prevalência de óbitos por trauma nos tres principais pronto-socorros curitibanos, quanto às etiologias mais frequêntes, o sexo e a faixa et0ria mais acometidos e evidenciar a média de anos perdidos devido a esse agravo. Ocorreram no período de abril/2001 a abril/2002 749 óbitos por trauma. A causa mais frequênte foi acidente de trânsito, 43,9 por cento. A faixa etária mais acometida foi 24-29 anos (17,8 por cento), sendo a idade média da mortalidade 35,5 anos, representando 29,5 anos produtivos perdidos. O sexo mais afetado foi o masculino, 82,2 por cento. Conclui-se que jovens em idade produtiva morrem mais por acidentes de trânsito. A maioria destes säo homens e perdem em média quase 30 anos produtivos, levando-se em conta que a vida produtiva de uma pessoa se estende até os 65 anos


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adolescent , Adult , Accidents, Traffic , Adolescent , Death , Emergency Medical Services , Wounds and Injuries/etiology , Wounds and Injuries/prevention & control , Mortality , Prevalence
16.
Rev. méd. Paraná ; 60(1): 25-29, jan.-jun. 2002. graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-325061

ABSTRACT

O objetivo deste estudo foi avaliar, em vítimas de trauma abdominal, a faixa etária e o sexo mais atingidos, a etiologia dos traumas, assim como as vísceras mais frequewntemente acometidas de acordo com o tipo de trauma, além das regiöes associadas a ele. Foram selecionados 84 pacientes com diagnóstico de trauma abdominal, atendidos no Pronto Socorro do Hospital Universitário Evangélico de Curitiba, no período compreendido entre janeiro de 1999 e dezembro de 2000. A coleta dos dados foi realizada com o auxílio de um protocolopreviamente elaborado. Constatou-se que 83,3 por cento das vítimas eram do sexo masuculino. A faixa etária mais atingida foi a terceira década. Quanto à classificaçäo dos traumatismos, 58,5 por cento apresentaram ferimentos fechados (contusöes) e 41,5 por cento ferimentos abertos. Os acidentes automobilísticos foram responsáveis por 48,9 por cento das contusöes, sendo que estas estiveram no atropelamento a sua segunda causa (33,3 por cento). As origens mais comuns dos ferimentos abertos foram aquelas provocadas por armas de fogo em 63,3 por cento e as por armas brancas em 29,9 por cento dos casos. Ocorreu lesäo hepática em 24,4 por cento dos ferimentos abertos por arma branca, e lesäo de intestino delgado em 17,4 por cento dos ferimentos por arma de fogo. Nas contusöes, 24,3 por cento dos pacientes sofreram ferimentos esplênicos. O tórax foi a regiäo mais frequentem,ente associada ao trauma abdominal(39,9 por cento)


Subject(s)
Humans , Male , Adult , Abdominal Injuries , Contusions , Liver/injuries , Intestine, Small , Wounds and Injuries , Accidents, Traffic , Firearms
17.
Rev. bras. cir. cardiovasc ; 16(2): 105-113, abr.-jun. 2001. ilus, graf, tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-289387

ABSTRACT

Objetivo: Avaliar a possibilidade de obtençäo da veia safena magna através de miniincisöes de pele, a sua qualidade e a ocorrência de complicaçöes precoces da ferida operatória. Casuística e Métodos: Foram estudados 46 pacientes, admitidos entre julho e novembro de 1999. Após miniincisöes longitudinais de pele a veia safena magna foi identificada e, com auxílio de afastador de lâmina longa e estreita, delicadamente dissecada. Os pacientes foram divididos em 2 grupos na dependência da presença dos fatores de risco: anemia, aterosclerose periférica, obesidade e diabete melito. As feridas operatórias foram observadas quanto às complicaçöes maiores e menores. Amostras da veia foram enviadas para estudo histológico. Resultados: O número médio de incisöes foi 2,3, com tamanho médio de 3,5 cm e de todas incisöes somadas de 7,3 cm. O tamanho médio da veia foi 34,1 cm, com tempo médio de retirada de 28,7 minutos. Foram observadas complicaçöes menores em 5 (10,8 por cento) pacientes; sendo hematoma local a mais comum (6,5 por cento). Näo foram observadas complicaçöes maiores e a ressecçäo foi sempre possível. Em 2 casos houve lesäo macroscópica da veia, sendo possível a sua correçäo e utilizaçäo. O estudo histológico demonstrou preservaçäo da arquitetura tecidual e näo evidenciou lesäo endotelial significativa. Conclusöes: A obtençäo da veia safena magna através de miniincisöes é possível e resulta em adequado enxerto venoso. A incidência de complicaçöes da ferida é baixa e independente dos fatores de risco. Estes resultados preliminares sugerem que a técnica pode ser aplicada com segurança em pacientes submetidos à revascularizaçäo miocárdica, embora os resultados a longo prazo ainda necessitem ser determinados


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adult , Middle Aged , Myocardial Revascularization/methods , Saphenous Vein/surgery , Aged, 80 and over , Surgical Wound Infection , Minimally Invasive Surgical Procedures , Postoperative Complications , Risk Factors , Saphenous Vein/pathology
18.
Acta cir. bras ; 16(1): 32-45, jan.-mar. 2001. ilus, tab, graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-281586

ABSTRACT

Obesidade hipotalâmica pode ocorrer em humanos e pode ser reproduzida, experimentalmente, por lesão do VMH em ratos. Esta obesidade pode ser revertida por vagotomia troncular (VT), devido à redução da ingestão alimentar e da insulinemia mediada pelo nervo vago. Experimentalmente, a injeção de MSG causa lesão em nível de ARC. O objetivo deste trabalho é avaliar os efeitos do MSG em ratos e se VT os altera. Estudou-se 52 ratos Wistar machos, divididos em dois grupos de 26 animais, um submetido à injeção de MSG na fase neonatal e outro à de solução salina. Aos 30 dias de vida, após nova divisão, obteve-se: grupo MSG, submetido à VT (VTMSG), e outro à laparotomia (LAPMSG); grupo SALINA, submetido à VT (VTSAL), e outro à laparotomia (LAPSAL). Obteve-se peso, CNA e índice de Lee. O consumo alimentar foi obtido dos 30 aos 90 dias de vida. Aos 90 dias, após eutanásia, mensurou-se peso, CNA, índice de Lee e gordura perigonadal. Análise estatística foi realizada pelo "t de Student". Constatou-se que o MSG provoca redução do CNA e aumento do índice de Lee aos 30 dias de vida, e provoca redução do peso e do CNA, aumento do índice de Lee e da gordura perigonadal aos 90 dias e aumento do consumo alimentar dos 30 aos 90 dias de vida. A VT provoca redução do peso, do índice de Lee e da gordura perigonadal, e tendência à redução do CNA no rato injetado com MSG. A VT provoca redução de consumo alimentar nos primeiros 30 dias de pós-operatório, mas com tendência a maior consumo nos 30 dias subseqüentes. Conclui-se que o MSG injetado na fase neonatal provoca aumento do consumo alimentar e da adiposidade e causa redução da estatura e do peso do animal dos 30 aos 90 dias de vida. E que a VT, realizada aos 30 dias de vida, provoca redução do consumo alimentar nos primeiros 30 dias de pós-operatório, da adiposidade e do peso.


Subject(s)
Animals , Male , Rats , Food Additives/adverse effects , Obesity/etiology , Sodium Glutamate/adverse effects , Vagotomy, Truncal , Body Mass Index , Sodium Chloride/adverse effects , Hypothalamus/injuries , Laparotomy , Rats, Wistar
19.
São Paulo; Atheneu; 2001. 343 p. ilus.(Clínica Brasileira de Cirurgia, v.7, n.1).
Monography in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-444715
20.
Rev. Col. Bras. Cir ; 26(4): 237-42, jul.-ago. 1999. tab, graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-275074

ABSTRACT

O objetivo do presente estudo é apresentar as complicações que ocorreram em seiscentos pacientes consecutivos com doença do refluxo gastroesofágico submetidos à fundoplicatura laparoscópica. O procedimento de Nissen-Rosetti (fundoplicatura de 360o) foi realizado em 587 pacientes (97,8 por cento) e o de Toupet (fundoplicatura de 270o) em 13 (2,2 por cento). Oitenta e um pacientes também foram submetidos à colecistectomia no mesmo ato operatório, e um a diverticulectomia faringoesofágica cervical com miotomia cricofaringeana. Trinta e nove pacientes tinham operação prévia no abdome superior. O período de internação hospitalar variou de 12 horas a 23 dias, com média de 1,2 dias. A via de acesso foi convertida em laparotomia em dez pacientes (1,7 por cento). A principal causa de conversão foi a presença de aderências. A complicação intra-operatória mais frequente foi pneumotórax, que foi observado em oito pacientes. Todos os pneumotóraces ocorreram nos cem primeiros casos. Cinco pacientes apresentaram hemorragia significante, sendo que dois deles necessitaram laparotomia para controle do sangramento. Úlcera gástrica foi diagnosticada em sete pacientes. Um paciente etilista morreu de pancreatite aguda e ooutro de síndrome de disfunção de múltiplos órgãos e sistemas consequentes à perfuração gástrica. Outras complicações importantes foram: dois abscessos intra-abdominais, uma perfuração esofágica, uma sepse secundária à perfuração gástrica, um choque hemorrágico e uma obstrução gástrica secundária à herniação da fundoplicatura. Concluímos que a taxa de complicações da fundoplicatura laparoscópica é baixa e diminui significativamente com a experiência do cirurgião


Subject(s)
Fundoplication/adverse effects , Laparoscopy/adverse effects , Gastroesophageal Reflux/surgery
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL