Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 4 de 4
Filter
Add filters








Year range
1.
Rev. Assoc. Med. Bras. (1992) ; 66(9): 1180-1186, Sept. 2020. tab, graf
Article in English | LILACS, SES-SP | ID: biblio-1136360

ABSTRACT

SUMMARY INTRODUCTION: The vascular evaluation of the erectile function through Color Duplex-Doppler Ultrasound (CDDU) of the penis can benefit the therapeutic decision-making process. Unfortunately, there is no standard procedure for CDDU conduction, a fact that results in high result-interpretation variability. OBJECTIVE: The aims of this review are to promote greater standardization during CDDU of the penis and discuss the fundamental principles for its accurate conduction. METHODS: CDDU is initially conducted with the penis in the flaccid state; the whole penis must be assessed (images at B mode) with a high-frequency linear transducer (7.5-18 MHz). Intracavernous injection of vasodilating agents (prostaglandin E1, papaverine, phentolamine) is performed to induce a rigid erection. Serial measurements at different times should be taken during the CDDU session and penile rigidity must be assessed in each evaluation. RESULTS: It is important to monitor the erection response after the vasoactive agent (hardness scale), and scanning during the best-quality erection should be contemplated. Manual self-stimulation, audiovisual sexual stimulation (AVSS), and vasoactive agent re-dosing protocols must be taken into account to reduce the influence of psychogenic factors and to help the patient to get the hardest erection possible. Such measurements contribute to the maximal relaxation of the erectile tissue, so the hemodynamic parameters are not underestimated. CONCLUSIONS: CDDU is a relevant specialized tool to assess patients with erectile dysfunction; therefore, this guideline will help to standardize and establish uniformity in its conduction and interpretation, taking into consideration the complexity and heterogeneity of CDDU evaluations of the penis.


RESUMO INTRODUÇÃO: A avaliação vascular da função erétil por meio da ultrassonografia com Doppler colorido do pênis (UDCP) pode trazer benefícios na tomada de decisão. Infelizmente, a falta de padronização na condução de UDCP resulta em alta variabilidade do exame, além de poder comprometer a interpretação dos resultados. OBJETIVO: Os objetivos desta revisão são promover uma maior padronização durante o UDCP e discutir os princípios fundamentais para sua correta condução e interpretação. MÉTODOS: O UDCP é conduzido inicialmente com o pênis no estado flácido; todo o pênis deve ser avaliado (imagens no modo B) com um transdutor linear de alta frequência (7,5-18 MHz). A injeção intracavernosa de agentes vasodilatadores (prostaglandina E1, papaverina, fentolamina) é realizada para induzir uma ereção rígida. Medições seriais em momentos diferentes podem ser realizadas durante a sessão da UDCP e a rigidez peniana deve ser estimada em cada avaliação. RESULTADOS: É importante monitorar a resposta da ereção após o agente vasoativo (escala de rigidez), bem como realizar avaliação hemodinâmica durante a ereção de melhor qualidade. Os protocolos de estimulação sexual manual e audiovisual (AVSS) e redosagem de agente vasoativo devem ser levados em consideração para reduzir a influência de fatores psicogênicos e ajudar o paciente a obter a ereção mais rígida possível. Tais medidas contribuem para o relaxamento máximo do tecido erétil, de modo que os parâmetros hemodinâmicos não são subestimados. CONCLUSÕES: O UDCP é uma ferramenta especializada relevante para avaliar pacientes com disfunção erétil; portanto, esta diretriz ajudará a padronizar e estabelecer uniformidade em sua condução e interpretação, se considerarmos a complexidade e a heterogeneidade das avaliações do pênis por UDCP


Subject(s)
Humans , Male , Penis , Penile Erection , Ultrasonography, Doppler, Color , Hemodynamics , Erectile Dysfunction
2.
Arq. bras. cardiol ; 111(5): 738-746, Nov. 2018. graf
Article in English | LILACS | ID: biblio-973801

ABSTRACT

Abstract MiRNA (or microRNA) is a subclass of non-coding RNAs that is responsible for post-transcriptional gene regulation. It has approximately 22 nucleotides and regulates gene expression in plants and animals at the post-transcriptional level, by the cleavage of a target mRNA or by suppression of its translation. Although many of the processes and mechanisms have not yet been fully elucidated, there is a strong association between miRNA expression and several diseases. It is known that miRNAs are expressed in the cardiovascular system, but their role in cardiovascular diseases (CVDs) has not been clearly established. In this non-systematic review of the literature, we first present the definition of miRNAs and their action at the cellular level. Afterward, we discuss the role of miRNAs as circulating biomarkers of CVDs, and then their role in cardiac remodeling and atherosclerosis. Despite the complexity and challenges, it is crucial to identify deregulated miRNAs in CVDs, as it allows a better understanding of underlying cellular and molecular mechanisms and helps in the development of more accurate diagnostic and prognostic circulating biomarkers, and new therapeutic strategies for different stages of CVDs.


Resumo O miRNA (ou microRNA) constitui uma subclasse de RNAs não codificantes responsáveis pela regulação gênica pós-transcricional. Ele possui aproximadamente 22 nucleotídeos e regula a expressão gênica em plantas e animais ao nível pós-transcricional, pela clivagem de um mRNA alvo ou da repressão de sua tradução. Embora muitos processos e mecanismos ainda não estejam completamente elucidados, existe uma forte associação entre a expressão de miRNAs e diversas doenças que acometem o organismo. Os miRNAs são expressos no sistema cardiovascular, contudo o seu papel no desenvolvimento das doenças cardiovasculares (DCVs) ainda não está totalmente elucidado. Diante disso, realizou-se uma revisão não sistemática da literatura a fim de se discutir a relação entre os miRNAs e as DCVs. Nesta revisão, primeiramente é discutido o que são os miRNAs e a sua ação a nível celular. Após, é discutido o papel dos miRNAs como biomarcadores circulantes de DCVs e então o seu papel no remodelamento cardíaco e na aterosclerose. Apesar da complexidade e dos desafios, a identificação dos miRNAs desregulados nas DCVs é crucial, uma vez que possibilita uma melhor compressão dos mecanismos celulares e moleculares envolvidos, assim como auxilia o desenvolvimento de marcadores circulantes de diagnóstico e prognóstico mais acurados e de novas estratégias terapêuticas para os diferentes estágios da DCV.


Subject(s)
Humans , Cardiovascular Diseases/physiopathology , MicroRNAs/physiology , Biomarkers , Cardiovascular Diseases/genetics , Cardiovascular Diseases/metabolism , Gene Expression Regulation/genetics , Ventricular Remodeling/genetics , MicroRNAs/genetics , Atherosclerosis/physiopathology , Atherosclerosis/genetics , Atherosclerosis/metabolism
3.
Movimento (Porto Alegre) ; 22(1): 11-34, jan.-mar. 2016. graf, tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-835017

ABSTRACT

Demonstra a contribuição da revista Movimento para a subárea sociocultural e pedagógica da Educação Física brasileira entre 2004 e 2014. De natureza quanti-qualitativa, faz uso de técnicas da Cienciometria e Bibliometria para analisar os seguintes indicadores: periodicidade; vínculo com a pós-graduação; presença de financiamento; tipo de autoria; formação acadêmica; relação com grupos de pesquisa; e vínculo institucional. Os resultados evidenciam: o crescimento de trabalhos coletivos como tendência no campo científico da área; a atuação da revista Movimento, que veicula pesquisas produzidas no país e internacionalmente; e a necessidade de políticas que potencializem os estudos desenvolvidos na “periferia” do Sistema Nacional de pós-graduação.


This paper shows the contribution of journal Movimento to the socio-cultural and pedagogical subfield of Brazilian Physical Education between 2004 and 2014. As a quantitative and qualitative work, it uses Scientometric and Bibliometric techniques to analyze the following indicators: frequency; link with post-graduate studies; funding; type of authorship; academic education; relationship with research groups; and institutional affiliation. The results show increase in collective works as a trend in the PE scientific field; Movimento’s performance in publishing studies produced in Brazil and abroad; and the need for policies that strengthen studies developed in the “periphery” of the National System of Post Graduation.


Demuestra la contribución de la revista Movimento para la subárea sociocultural y pedagógica de la Educación Física brasileña, entre 2004 y 2014. De naturaleza cuanti-cualitativa, utiliza técnicas de la Cienciometría y Bibliometría para analizar los siguientes indicadores: periodicidad, vínculo con el posgrado, presencia de financiación, tipo de autoría, formación académica, relación con grupos de investigación y vínculo institucional. Los resultados muestran: el crecimiento de trabajos colectivos como tendencia en el campo científico del área, la actuación de la revista Movimento que vehicula investigaciones producidas en el país e internacionalmente y la necesidad de políticas que potencialicen los estudios desarrollados en la “periferia” del Sistema Nacional de Posgrado.


Subject(s)
Bibliometric Indicators , Education, Graduate , Periodicals as Topic , Scientific and Technical Activities
4.
Pensar prát. (Impr.) ; 18(3): 725-738, jul.-set.2015.
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-911615

ABSTRACT

Este artigo buscou discutir os limites do conceito de lutas corporais, perpassando sobre as lutas marciais e esportivas, propondo o aprimoramento conceitual dessa ideia por meio de uma perspectiva filosófica sob um olhar ontológico e epistemológico. Foi realizada uma pesquisa teórica visando a explicitar e sugerir classificações didático-metodológicas para o ensino das lutas por meio da realização de um estado da arte. Exploraram-se os conceitos de lutas, artes marciais e luta esportiva veiculados na literatura científica. Foram apontados seus limites e possibilidades, culminando em uma ideia propositiva para um conceito geral de lutas corporais para o campo de Educação Física.


This paper aims to discuss the limits of the physical fights' concept, pervading about the martial arts and the fighting sports, proposing the conceptual enhancement of this idea through a philosophical perspective on an ontological and epistemological gaze. Was realized art's state and a theoretical research aiming to clarify and suggest didactic-methodological ratings for teaching fights. Were explored the concepts of fighting, martial arts and fighting sports conveyed in the scientific literature. Were appointed their limits and possibilities, culminating in a propositional idea over a general concept of physical fights to the field of Physical Education.


Este articulo tiene como objetivo discutir los límites del concepto de las luchas corporales, interrogando las concepciones de las artes marciales y deportes de combate, proponiendo la mejora conceptual de esta idea a través de una perspectiva filosófica en una mirada ontológica y epistemológica. Un estudio teórico se realizó con el objetivo de aclarar y proponer una clasificación didáctica y metodológica para luchas de enseñanza a través de la conducta de un estado del arte. Exploró los conceptos de lucha, artes marciales y deportes de combate transmitido en la literatura científica. Fueron delimitados los límites y posibilidades, culminando en una idea a propósito de un concepto general de luchas corporales en el campo de la Educación Física.


Subject(s)
Humans , Physical Education and Training , Sports , Martial Arts , Knowledge
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL