Your browser doesn't support javascript.
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 4 de 4
Filter
Add filters








Type of study
Year range
1.
Revista Espaço para a Saúde ; 20(1): [48-61], jun.2019. tab, ilus
Article in Portuguese | LILACS (Americas), BDENF, RHS | ID: biblio-1007929

ABSTRACT

Estudo sobre a percepção do egresso acerca da avaliação da aprendizagem no Internato médico de Saúde Coletiva, tarefa didática do processo de ensino e aprendizagem. O objetivo é revelar como o processo de avaliação de aprendizagem do Internato de Saúde Coletiva foi percebido pelo egresso. Estudo descritivo qualitativo com técnica de grupo focal. Foram realizados 4 grupos, a maioria mistos, masculinos e femininos, de idades entre 26 e 36 anos, totalizando 19 profissionais da medicina de especialidades variadas. O método interpretativo dos dados utilizado foi análise temática. Os resultados foram organizados como pontos positivos, negativos e sugestões em relação à avaliação por prova, à avaliação diária, ao feedback mensal, aos resumos teóricos e seminários, à avaliação de habilidade e atitude e ao relacionamento com o professor. Como conclusão a prova teórica foi o método menos relevante e a avaliação diária com feedback foi o mais importante para a aprendizagem.


Subject(s)
Humans , Health Care (Public Health)
2.
Rev. bras. educ. méd ; 43(1,supl.1): 598-605, 2019. tab
Article in English | LILACS-Express | ID: biblio-1057622

ABSTRACT

ABSTRACT The evaluation of the General Competencies in undergraduate courses in the healthcare area remains challenging. Objectives To develop an instrument for supporting teaching staff in evaluating the General Competencies of undergraduate students in the healthcare area; to test the reliability of the instrument with teachers and students of the same working field; validate the instrument of General Competencies, directed to teachers and students from the health area. Methods the present was a Methodological study, approved by REC N. 826.770. The validation of the construct, criterion and content based on the National Curricular Guidelines (NCG), and the search for a theoretical framework were performed, as well as statistical tests such as alpha Cronbach, t Test, p-value, Factorial Analysis, Pearson's Correlation Coefficient and Akaike Information Criterion, which also ensured the reliability. The study was performed in a Higher Education Institution in Curitiba/PR, in the courses of Nursing, Biomedical Sciences, Pharmacy, Psychology and Medicine. The study population consisted of 50 evaluations of students and 50 of teachers, covering all the periods and courses during the second half of 2014. Results it was possible to create one model with three versions of instruments that evaluated the general competencies for the healthcare area courses. One of these was directed towards the general competencies of 10 courses in the healthcare area, subdivided in Health Care, Decision-making, Communication, Leadership, Administration and Management and Continuing Education, with one instrument directed at the student and another 'mirror' at the professor. The second and third versions had three dimensions: Health Care, Management in Healthcare and Education in Health, directed towards the general competencies of the new structure of the NCG of the medical course. The three versions also had an instrument for teachers and a mirror one for students. Conclusion To validate the instrument on General Competencies, directed to teachers and undergraduate students of health area courses, the theoretical search, the NCG and the experts' evaluation were used for Content Validity; the t Test, Chi-square Test and Pearson's correlation coefficient were used for Criterion Validation; statistical tests of exploratory and confirmatory factorial analysis and the AIC were used for Construct Validity; and Cronbach's alpha and the AIC were used for Content validity, using the same steps described for the first goal, to ensure the reliability of the instruments. After this process three versions of the instrument were developed, the first two to be used with teachers and with teachers and students together; and the third version is adequate to be used with students or teachers; and also, for teachers and students together. However, it can be used by all health courses studied.


RESUMO A avaliação das competências gerais nas graduações da área da saúde permanece desafiante. Objetivos Desenvolver um instrumento para apoiar os docentes na avaliação das competências gerais dos graduandos de cursos da área da saúde; testar a confiabilidade do instrumento com professores e estudantes do mesmo campo de atuação; validar o instrumento de competências gerais, direcionado aos professores e graduandos da área da saúde. Métodos A pesquisa foi do tipo metodológico, aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa nº 826.770. Foram realizadas a validação de constructo, a de critério e a de conteúdo com base nas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) e na busca de referencial teórico, além de testes estatísticos como alfa de Cronbach, test t, valor de p, análise fatorial, correlação do coeficiente de Pearson e Akaike information criterion (AIC), que também garantiram a confiabilidade. O estudo foi desenvolvido em uma instituição de ensino superior de Curitiba (PR), nos cursos de Enfermagem, Biomedicina, Farmácia, Psicologia e Medicina, sendo a sua população composta de 50 avaliações de estudantes e 50 de professores, o que contemplou todos os períodos e cursos em andamento no segundo semestre de 2014. Resultados Foi possível a confecção de um modelo com três versões de instrumentos que avaliam as competências gerais para os cursos da área da saúde. A primeira englobou as competências gerais de 10 cursos da área da saúde, que se subdividem em: atenção à saúde, tomada de decisões, comunicação, liderança, administração e gerenciamento e educação permanente. A segunda e terceira versões contam com três dimensões, atenção à saúde, gestão em saúde e educação em saúde, voltadas para as competências gerais da nova formulação das DCNs do curso de Medicina. As três versões contam com um instrumento voltado para o professor e outro, espelho, dirigido ao estudante. Conclusão Para validar o instrumento sobre competências gerais, direcionado aos professores e graduandos de cursos da área da saúde, foram utilizadas, no que se refere ao seu conteúdo, a busca de referencial teórico, as DCNs e a avaliação de experts; para a validação de critério, o teste t, o teste χ2e a correlação de coeficiente de Pearson; e para validade de constructo, os testes estatísticos de análise fatorial exploratória e confirmatória e o AIC. Para validade de conteúdo, recorreu-se aos mesmos passos descritos para o primeiro objetivo, a fim de garantir a confiabilidade dos instrumentos, e empregaram-se o alfa de Cronbach e o AIC. Após esse processo, foi possível o desenvolvimento de três versões do instrumento, sendo as duas primeiras para utilização de professores e para professores e estudantes em conjunto; e a versão 3 foi apropriada para professores ou estudantes e ainda para professores e estudantes em conjunto, porém ela pode ser utilizada por todos os cursos da área da saúde estudados.

3.
Espaç. saúde (Online) ; 17(1): 114-120, jul.2016. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-795871

ABSTRACT

As Equipes da Estratégia de Saúde da Família (ESF) atuam em um grupo de pacientes que utilizam continuamente substâncias psicoativas. Muitos deles utilizam outros medicamentos e estão expostos a interações medicamentosas e reações adversas decorrentes do uso combinado dos mesmos e não seguem as prescrições corretamente. Este trabalho estudou o perfil dos participantes desse grupo e verificou como as ações em promoção à saúde ajudam no seguimento correto do tratamento prescrito a esses pacientes. Foram entrevistados 63 pacientes que utilizam medicação controlada e que participaram das reuniões de grupo desde setembro a dezembro de 2011. A análise das entrevistas traçou um perfil dos usuários e revelou a inconsistência dos dados dos prontuários e o alto uso de benzodiazepínicos, em especial nos idosos. É necessário, portanto, melhorar a formação dos profissionais envolvidos no atendimento aos usuários de substâncias psicoativas, em particular quanto ao preenchimento dos prontuários e a farmacoterapia...


The teams of the Family Health Program (FHP) work with a group of patients who continually use psychoactive substances. Many of these patients use other medicines and are chronically exposed to drug interactions and adverse reactions because of the combined use of them, and also do not follow the prescriptions correctly. This work studied the profile of the participants of this group and investigated how actions in health promotion help in these patients’ compliance to the prescribed treatment. We interviewed 63 patients using controlled medication and who participated in group meetings from September to December 2011. The analysis of the interviews drew a profile of users and showed inconsistency of data from medical records and the high use of benzodiazepines, especially in the elderly. It is there fore necessary to improve the training of professionals involved in services attending users of psychoactive substances, in particular regarding the completion of medical records and pharmacotherapy...


Subject(s)
Humans , Mental Health , Primary Health Care , Psychotropic Drugs
4.
Säo Paulo; s.n; 1997. 77 p. ilus, tab.
Thesis in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-204804
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL