Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 1 de 1
Filter
Add filters








Year range
1.
RBM rev. bras. med ; 57(1/2): 16-: 22-: 24-18, 22, 24, jan.-fev. 2000. tab
Article in Portuguese | SES-SP, LILACS, SES-SP | ID: lil-319183

ABSTRACT

A dengue hemorrágica/síndrome do choque da dengue (DH/SCD) é uma arbovirose de notificaçäo compulsória provocada por um vírus da família Flavovirae que apresenta quatro subtipos. É transmitida principalmente pelo mosquito Aedes aegypti. Ela se caracteriza por uma febre alta de início repentino, trombocitopenia, hemoconcentraçäo, exudaçäo de plasma, tendência ao choque e às manifestaçöes hemorrágicas. Outros sintomas como artralgia, mialgia e dor retrocular também podem ocorrer. Sua principal hipótese de ocorrência é uma reinfecçäo por um vírus, heteróloga, ou seja, é uma infecçäo secundária por um vírus diferente da primeira infecçäo. Atinge principalmente crianças, asiáticos e caucasianos e é endêmica em alguns países do mundo, principalmente no sudeste asiático. Pode, na ocorrência de choque, levar ao óbito entre 12 a 24 horas. Por isso, o diagnóstico rápido e preciso é indispensável, consistindo basicamente na anamnese, exame físico e exames laboratoriais como o hemograma. Na clínica, devem ser observados sinais de aumento da permeabilidade vascular. No choque pode ocorrer bradicardia. O trratamento se dá basicamente através da infusäo de soro e a prevençäo deve ser feita, principalmente combatendo o mosquito (com a eliminaçäo de criadouros, pulverizaçöes, uso de larvicidas) e através de vacinas; contudo estas ainda estäo em estudo.(au)


Subject(s)
Humans , Dengue , Severe Dengue/diagnosis , Severe Dengue/epidemiology , Severe Dengue/etiology , Severe Dengue/physiopathology , Severe Dengue/prevention & control , Severe Dengue/therapy
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL