Your browser doesn't support javascript.
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 10 de 10
Filter
Add filters








Type of study
Year range
1.
Rev. saúde pública (Online) ; 53: 77, jan. 2019. tab, graf
Article in English | LILACS-Express | ID: biblio-1043339

ABSTRACT

ABSTRACT OBJECTIVE to analyze the temporal trend, identify the factors related and elaborate a predictive model for unfavorable treatment outcomes for multidrug-resistant tuberculosis (MDR-TB). METHODS Retrospective cohort study with all cases diagnosed with MDR-TB between the years 2006 and 2015 in the state of São Paulo. The data were collected from the state system of TB cases notifications (TB-WEB). The temporal trend analyzes of treatment outcomes was performed through the Prais-Winsten analysis. In order to verify the factors related to the unfavorable outcomes, abandonment, death with basic cause TB and treatment failure, the binary logistic regression was used. Pictorial representations of the factors related to treatment outcome and their prognostic capacity through the nomogram were elaborated. RESULTS Both abandonment and death have a constant temporal tendency, whereas the failure showed it as decreasing. Regarding the risk factors for such outcomes, using illicit drugs doubled the odds for abandonment and death. Besides that, being diagnosed in emergency units or during hospitalizations was a risk factor for death. On the contrary, having previous multidrug-resistant treatments reduced the odds for the analyzed outcomes by 33%. The nomogram presented a predictive model with 65% accuracy for dropouts, 70% for deaths and 80% for failure. CONCLUSIONS The modification of the current model of care is an essential factor for the prevention of unfavorable outcomes. Through predictive models, as presented in this study, it is possible to develop patient-centered actions, considering their risk factors and increasing the chances for cure.


RESUMO OBJETIVO Analisar a tendência temporal, identificar os fatores relacionados e elaborar um modelo preditivo para os desfechos desfavoráveis do tratamento da tuberculose multidroga-resistente. MÉTODOS Estudo de coorte retrospectiva com todos os casos diagnosticados com tuberculose multidroga-resistente entre os anos de 2006 e 2015 no estado de São Paulo. Os dados secundários foram provenientes do sistema estadual de notificações de casos de tuberculose, o TBWeb. Foi realizada a análise de tendência temporal dos desfechos de tratamento por meio da regressão de Prais-Winsten. Para verificar os fatores relacionados com os desfechos desfavoráveis (óbito com tuberculose como causa básica, abandono e falência do tratamento), foi empregada a regressão logística binária. Representações pictóricas dos fatores relacionados ao desfecho do tratamento e sua capacidade prognóstica foram elaboradas por meio de nomogramas. RESULTADOS Tanto o abandono como o óbito tiveram tendência temporal estacionária, enquanto a falência apresentou tendência decrescente. Em relação aos fatores de risco para tais desfechos, utilizar drogas ilícitas dobrou as chances de abandono e óbito. Além disso, ser diagnosticado em unidades de urgência ou emergência ou durante internações hospitalares foi um fator de risco para o óbito. Ao contrário, ter feito tratamentos prévios da multidroga-resistência reduziu as chances dos desfechos analisados. O nomograma apresentou um modelo preditivo com precisão de 65% para os abandonos, 70% para os óbitos e 80% para a falência. CONCLUSÕES A prevenção de desfechos desfavoráveis no tratamento da tuberculose multidroga-resistente implica a modificação do modelo de atenção vigente. Utilizando modelos preditivos, como o apresentado neste estudo, torna-se possível elaborar ações centradas nos pacientes, considerando seus fatores de risco e aumentando as chances de cura.

2.
Article in English | LILACS-Express | ID: biblio-903205

ABSTRACT

ABSTRACT OBJECTIVE The objective of this study is to estimate the seroprevalence of human brucellosis in livestock professionals and analyze the factors associated with brucellosis focusing on sociodemographic variables and the variables of knowledge and practices related to the characteristics of the activities carried out in livestock. METHODS This is a cross-sectional seroepidemiological study with a population of 131 workers of butchers, slaughter rooms, and slaughterhouse and 192 breeders sampled randomly in Namibe province, Angola. The data were obtained from the collection of blood and use of questionnaires. The laboratory tests used were rose bengal and slow agglutination. The questionnaire allowed us to collect sociodemographic information and, specifically on brucellosis, it incorporated questions about knowledge, attitudes, and behaviors of livestock professionals. In addition to the descriptive statistical approach, we used the Chi-square test of independence, Fisher's test, and logistic regression models, using a significance level of 10%. RESULTS The general weighted prevalence of brucellosis was 15.6% (95%CI 13.61-17.50), being it 5.3% in workers and 16.7% (95%CI 11.39-21.93) in breeders. The statistical significance was observed between human seroprevalence and category (worker and breeder) (p < 0.001) and education level (p = 0.032), start of activity (p = 0079), and service location (p = 0.055). In a multivariate context, the positive factor associated with brucellosis in professionals was the professional category (OR = 3.54; 95%CI 1.57-8.30, related to breeders in relation to workers). CONCLUSIONS Human brucellosis in livestock professionals is prevalent in Namibe province (15.6%), where the professional category was the most important factor. The seroprevalence levels detected are high when compared with those found in similar studies.


RESUMO OBJECTIVO Estimar a seroprevalência da brucelose humana em profissionais da pecuária e analisar os factores associados à brucelose com foco em variáveis sociodemográficas, de conhecimento e práticas relativas às características das actividades desenvolvidas na pecuária. MÉTODOS Estudo transversal seroepidemiológico em população de 131 trabalhadores de talhos, salas de abate e matadouro e 192 criadores amostrados aleatoriamente na província do Namibe, Angola. Os dados foram obtidos por meio de colheita de sangue e aplicação de questionário. Os testes laboratoriais utilizados foram o Rosa de Bengala e a aglutinação lenta em tubos. O questionário permitiu recolher informação sociodemográfica e, especificamente sobre a brucelose, incorporou questões sobre conhecimento, atitudes e comportamentos dos profissionais da pecuária. Além da abordagem estatística descritiva, foram utilizados os testes de Independência do Qui-quadrado, Fisher e modelos de regressão logística, utilizando um nível de significância de 10%. RESULTADOS A prevalência geral ponderada da brucelose foi de 15.6% (IC95% 13.61-17.50), sendo 5.3% em trabalhadores e 16.7% (IC95% 11.39-21.93) em criadores. A significância estatística foi observada entre a seroprevalência humana e a categoria (trabalhador e criador) (p < 0.001) e o nível de instrução (p = 0.032), início de actividade (p = 0.079) e local de serviço (p = 0.055). Em um contexto multivariado, o factor positivamente associado à brucelose em profissionais foi a categoria profissional (OR = 3.54; IC95% 1.57-8.30, relativo aos criadores em relação a trabalhadores). CONCLUSÕES A brucelose humana em profissionais da pecuária é prevalente na província do Namibe (15.6%), onde a categoria profissional foi o factor mais relevante. Os níveis de seroprevalência detectados são elevados se comparados com outros encontrados em estudos semelhantes.

3.
Rev. saúde pública ; 51: 57, 2017. tab
Article in English | LILACS (Americas) | ID: biblio-845883

ABSTRACT

ABSTRACT OBJECTIVE The objective of this study is to estimate the seroprevalence of human brucellosis in livestock professionals and analyze the factors associated with brucellosis focusing on sociodemographic variables and the variables of knowledge and practices related to the characteristics of the activities carried out in livestock. METHODS This is a cross-sectional seroepidemiological study with a population of 131 workers of butchers, slaughter rooms, and slaughterhouse and 192 breeders sampled randomly in Namibe province, Angola. The data were obtained from the collection of blood and use of questionnaires. The laboratory tests used were rose bengal and slow agglutination. The questionnaire allowed us to collect sociodemographic information and, specifically on brucellosis, it incorporated questions about knowledge, attitudes, and behaviors of livestock professionals. In addition to the descriptive statistical approach, we used the Chi-square test of independence, Fisher’s test, and logistic regression models, using a significance level of 10%. RESULTS The general weighted prevalence of brucellosis was 15.6% (95%CI 13.61–17.50), being it 5.3% in workers and 16.7% (95%CI 11.39–21.93) in breeders. The statistical significance was observed between human seroprevalence and category (worker and breeder) (p < 0.001) and education level (p = 0.032), start of activity (p = 0079), and service location (p = 0.055). In a multivariate context, the positive factor associated with brucellosis in professionals was the professional category (OR = 3.54; 95%CI 1.57–8.30, related to breeders in relation to workers). CONCLUSIONS Human brucellosis in livestock professionals is prevalent in Namibe province (15.6%), where the professional category was the most important factor. The seroprevalence levels detected are high when compared with those found in similar studies.


RESUMO OBJECTIVO Estimar a seroprevalência da brucelose humana em profissionais da pecuária e analisar os factores associados à brucelose com foco em variáveis sociodemográficas, de conhecimento e práticas relativas às características das actividades desenvolvidas na pecuária. MÉTODOS Estudo transversal seroepidemiológico em população de 131 trabalhadores de talhos, salas de abate e matadouro e 192 criadores amostrados aleatoriamente na província do Namibe, Angola. Os dados foram obtidos por meio de colheita de sangue e aplicação de questionário. Os testes laboratoriais utilizados foram o Rosa de Bengala e a aglutinação lenta em tubos. O questionário permitiu recolher informação sociodemográfica e, especificamente sobre a brucelose, incorporou questões sobre conhecimento, atitudes e comportamentos dos profissionais da pecuária. Além da abordagem estatística descritiva, foram utilizados os testes de Independência do Qui-quadrado, Fisher e modelos de regressão logística, utilizando um nível de significância de 10%. RESULTADOS A prevalência geral ponderada da brucelose foi de 15.6% (IC95% 13.61–17.50), sendo 5.3% em trabalhadores e 16.7% (IC95% 11.39–21.93) em criadores. A significância estatística foi observada entre a seroprevalência humana e a categoria (trabalhador e criador) (p < 0.001) e o nível de instrução (p = 0.032), início de actividade (p = 0.079) e local de serviço (p = 0.055). Em um contexto multivariado, o factor positivamente associado à brucelose em profissionais foi a categoria profissional (OR = 3.54; IC95% 1.57–8.30, relativo aos criadores em relação a trabalhadores). CONCLUSÕES A brucelose humana em profissionais da pecuária é prevalente na província do Namibe (15.6%), onde a categoria profissional foi o factor mais relevante. Os níveis de seroprevalência detectados são elevados se comparados com outros encontrados em estudos semelhantes.


Subject(s)
Humans , Animals , Male , Female , Adolescent , Adult , Middle Aged , Aged , Young Adult , Agricultural Workers' Diseases/epidemiology , Agricultural Workers' Diseases/etiology , Brucellosis/epidemiology , Brucellosis/etiology , Livestock , Age Distribution , Angola/epidemiology , Cross-Sectional Studies , Educational Status , Prevalence , Risk Factors , Seroepidemiologic Studies , Sex Distribution , Socioeconomic Factors , Surveys and Questionnaires
4.
Braz. dent. j ; 27(1): 9-15, Jan.-Feb. 2016. tab, graf
Article in English | LILACS (Americas) | ID: lil-777137

ABSTRACT

Abstract This study evaluated the anatomical relationship between posterior teeth root apices and maxillary sinus floor (MSF) on 202 cone beam computed tomography (CBCT) exams. The distance between the root apices and the MSF, as well as the MSF thickness of the cortical bone closest to root apices and furcation regions were measured. The vertical and horizontal relationships of the MSF with the molar roots were classified into categories adapted from the criteria proposed by Kwak et al. (14). The shortest distances between MSF and the root apices were observed in the mesiobuccal root of the second molar (0.36±1.17 mm) and the palatal root of the first molar (0.45±1.10 mm) and the widest in buccal roots of the first premolars (5.47±4.43 mm). Significant differences were observed between the distance of MSF to the root apices of single-rooted first and second premolars. The cortical thickness ranged from 0.65±0.41 mm over the mesiobuccal root of the second molar to 1.28±0.42 mm over the buccal root of the first premolar. The most observed vertical and horizontal relationships were type II and 2H, respectively. The maxillary molar roots showed greater proximity to the MSF. The thickness of the MSF cortical bone closest to the apices and furcation regions was found to be similar only for premolars.


Resumo Avaliou-se a relação anatômica entre dentes posteriores e o soalho do seio maxilar (SSM) por meio da tomografia computadorizada de feixe cônico (TCFC) em 202 exames. A distância entre os ápices radiculares e o SSM, bem como a espessura do osso cortical do SSM próximo dos ápices radiculares e áreas de bifurcação foram medidas. As relações verticais e horizontais do SSM com as raízes dos molares foram classificados em categorias adaptadas a partir dos critérios propostos pelo Kwak et al. (14). A menor distância entre o SSM e os ápices dentários foi observada na raiz mesiovestibular do segundo molar (0,36±1,17 mm) e na raiz palatina do primeiro molar (0,45±1,10 mm), e a maior na raiz vestibular do primeiro pré-molar (5,47±4.43 mm). Diferenças significantes foram observadas entre a distância do SSM e os ápices dentários de primeiros e segundos pré-molares unirradiculares. A espessura da cortical óssea variou de 0,65±0,41 mm na região da raiz mesiovestibular do segundo molar a 1,28±0,42 na raiz vestibular do primeiro pré-molar. As relações vertical e horizontal mais prevalentes foram do tipo II e 2H, respectivamente. As raízes dos molares superiores apresentaram maior proximidade com o SSM. A espessura da cortical óssea do SSM nas regiões mais próximas dos ápices e área de furca foi similar apenas para os pré-molares.


Subject(s)
Humans , Cone-Beam Computed Tomography , Maxillary Sinus/anatomy & histology , Molar/anatomy & histology , Brazil
5.
Article in English | LILACS-Express | ID: biblio-962207

ABSTRACT

ABSTRACT OBJECTIVE To analyze if the self-perception of oral health in the urban context is associated with sociodemographic factors that interfere in the life quality of oral health. METHODS Cross-sectional study with convenience sample of older individuals (65 years old or more) enrolled in the Agrupamento de Centros de Saúde de Lisboa Norte (ACES Lisboa Norte - Health Centers Groupings North Lisbon). The self-perception of oral health and associated life quality was evaluated by the Geriatric Oral Health Assessment Index and the individuals were classified according to sociodemographic characteristics. The internal consistency of the questionnaire was evaluated by Cronbach's alpha (α). Later, we used binary logistic regression models to characterize the factors associated with the self-perception of oral health, considering the sociodemographic variables and the older adults' clinical conditions of oral health and establishing the crude and adjusted (to age) odds ratios and their 90% confidence intervals. RESULTS A total of 369 older adults participated in this study, with an average age of 74.2 years (SD = 6.75); 62.9% were female. On average, the index was moderated, with tendency to be high: 32.9 (SD = 3.6; 12-36 interval). The Cronbach's alpha was high: 0.805. Age, marital status, and the last dental appointment were the factors significantly associated with self-perception of oral health. CONCLUSIONS The study shows that these individuals have a moderate, with tendency to high, self-perception of oral health. The self-perception of oral health assessment allowed us to identify the main associated sociodemographic factors. This instrument can help guiding planning strategies and oral health promotion directed toward a better life quality for this population group.


RESUMO OBJETIVO Analisar se a autopercepção de saúde bucal em contexto urbano está associada aos factores sociodemográficos que interferem na qualidade de vida da saúde bucal. MÉTODOS Estudo transversal com amostra de conveniência de indivíduos idosos (65 anos ou mais) inscritos no Agrupamento de Centros de Saúde de Lisboa Norte. A autopercepção da saúde bucal e qualidade de vida associada foi avaliada pelo índice de avaliação da saúde bucal em idosos (Geriatric Oral Health Assessment Index) e os indivíduos foram classificados de acordo com as características sociodemográficas. A consistência interna do questionário foi avaliada por meio do alfa (α) de Cronbach. Posteriormente, foram utilizados modelos de regressão logística binária para caracterizar os factores associados com a autopercepção de saúde bucal considerando as variáveis sociodemográficas e de condições clínicas de saúde bucal dos idosos e determinados os odds ratios bruto e ajustado (à idade) e respectivos intervalos de confiança a 90%. RESULTADOS Participaram 369 idosos, com média de idade de 74,2 anos (DP = 6,75); 62,9% eram do sexo feminino. Em média, o índice foi moderado com tendência a elevado: 32,9 (DP = 3,6; intervalo 12-36). O alfa de Cronbach foi elevado: 0,805. A idade, o estado civil e a última consulta de Medicina Dentária foram os factores significativamente associados a autopercepção da saúde bucal. CONCLUSÕES O estudo mostra que esses indivíduos apresentam uma autopercepção de saúde bucal moderada, com tendência a elevada. A avaliação da autopercepção da saúde bucal permitiu identificar os principais factores sociodemográficos associados. Este instrumento pode contribuir para orientar as estratégias de planejamento e promoção da saúde bucal direcionadas para uma melhor qualidade de vida deste grupo populacional.

6.
Rev. Assoc. Med. Bras. (1992) ; 61(4): 347-354, July-Aug. 2015. tab
Article in English | LILACS (Americas) | ID: lil-761719

ABSTRACT

SummaryIntroduction:overweight and obesity in adolescents are major public health problems with particular interest, because of their potential association with risk factors for development of diseases. The study aimed to determine the prevalence of overweight and obesity in adolescents in southern Portugal and investigate the association with risk factors for development of cardiovascular, respiratory and musculoskeletal diseases.Methods:the sample consisted of 966 adolescents aged 10 to 16 years. The calculation of body mass index (BMI), evaluation of blood glucose, total cholesterol and triglycerides, blood pressure, spirometry and application of low back pain (LBP) questionnaire were performed.Results:178 (18.4%) adolescents were overweight and 52 (5.4%) obese. None of the variables revealed a statistically significant association with overweight and obesity. The presence of high blood pressure was observed in 200 (20.7%) individuals and hypertension in 158 (16.4%) adolescents. Overweight and obese adolescents are 2.3 times more likely to develop signs of pre-hypertension and hypertension. 559 (57.9%) students had restrictive respiratory disorders and 23 (2.4%) had obstructive disorders. Those who were overweight and obese had 0.64 probability of having restrictive respiratory disorders.Conclusion:there was a high prevalence of overweight and obesity in Portuguese adolescents and these showed a statistically significant relationship with the development of pre-hypertension and hypertension, and restrictive respiratory disorders.


ResumoIntrodução:o sobrepeso e a obesidade em adolescentes são atualmente considerados problemas de saúde pública, com interesse decorrente de sua associação a fatores de risco para o desenvolvimento de doenças.Objetivo:determinar a prevalência de sobrepeso e obesidade em adolescentes do sul de Portugal e investigar os fatores associados ao desenvolvimento de doenças cardiovasculares, respiratórias e musculoesqueléticas.Métodos:a amostra foi constituída por 966 adolescentes com idade entre 10 e 16 anos. Foi calculado o índice de massa corporal (IMC) e foram realizadas avaliações de glicemia, colesterol total, triglicerídeos, pressão arterial, espirometria, além da aplicação de um questionário para avaliar a presença de lombalgia.Resultados:cento e setenta e oito (18,4%) adolescentes apresentaram sobrepeso e 52 (5,4%) eram obesos. Nenhuma das variáveis analisadas revelou associação estatisticamente significativa com sobrepeso e obesidade. Duzentos (20,7%) adolescentes apresentaram pressão arterial elevada e 158 (16,4%), hipertensão. Os adolescentes com sobrepeso e obesidade revelaram 2,3 vezes mais chances de desenvolver pré-hipertensão e hipertensão. Quinhentos e cinquenta e nove (57,9%) alunos apresentaram doenças respiratórias restritivas e 23 (2,4%), distúrbios obstrutivos, sendo que os indivíduos com sobrepeso e obesidade apresentaram 0,64 de probabilidade de desenvolver doenças respiratórias restritivas.Conclusão:observou-se uma elevada prevalência de adolescentes portugueses com sobrepeso e obesidade. Essas variáveis demonstraram uma relação estatisticamente significativa com o desenvolvimento de pré-hipertensão e hipertensão arterial e com doenças respiratórias restritivas.


Subject(s)
Adolescent , Child , Female , Humans , Male , Low Back Pain/complications , Overweight/epidemiology , Respiration Disorders/complications , Blood Glucose/analysis , Chronic Disease , Cross-Sectional Studies , Hypertension/blood , Hypertension/complications , Logistic Models , Obesity/complications , Obesity/epidemiology , Overweight/complications , Prevalence , Portugal/epidemiology , Prehypertension/blood , Prehypertension/complications , Risk Factors , Sedentary Behavior , Spirometry
7.
Acta sci., Health sci ; 36(1): 113-117, jan.-jun. 2014. ilus, tab
Article in English | LILACS (Americas) | ID: biblio-833586

ABSTRACT

The frontal sinuses play a highly relevant role in comparative human identification processes. Since forensic radiology is a branch in the forensic sciences, adequate radiological analysis of the frontal sinuses is essential for comparative human identifications. The current study investigates radiographic morphological changes in the frontal sinuses according to vertical angle distortions in posteroanterior (PA) radiographs. A standard PA radiograph of the skull of an adult was obtained. Eight addition PA radiographs were taken at different vertical angles. Frontal sinuses were analyzed qualitatively and quantitatively according to Ribeiro´s (2000) technique. Both qualitative and quantitative analyses revealed significant image distortions. Further, overlapping anatomical structures were reported when PA radiographs were analyzed in negative angulation distortions (from -10° to -40°). Positive and negative angular distortions up to 20º slightly affected the qualitative morphological analysis. However, 10° positive and negative distortions provided a significant interference in quantitative analysis and impaired the measuring process. Most forensic techniques for the analysis of frontal sinuses comprise measurements of morphological distances. Distortions of approximately 10° or over in vertical angulation of cranial PA radiographs should be avoided so that more accurate comparative human identifications could be achieved.


Os seios frontais desempenham importante papel no processo de identificação humana comparativa. Considerando a radiologia forense como área adjacente às ciências forenses, tem-se na análise radiográfica dos seios frontais uma ferramenta essencial para identificações humanas comparativas. O presente estudo visa investigar as alterações morfológicas radiográficas dos seios frontais variando o ângulo vertical em radiografias póstero-anteriores (PA). Uma radiografia PA padrão foi obtida de um crânio adulto. Oito radiografias PA adicionais foram realizadas modificando-se o ângulo vertical. Os seios frontais foram analisados qualitativamente, e quantitativamente, por meio da técnica de Ribeiro, (2000). Ambas as análises revelaram distorções imaginológicas significantes. Além disso, a sobreposição de estruturas anatômicas foi observada quando analisadas radiografias PA com distorção angular negativa (de -10° a -40°). Distorções angulares positivas e negativas de até 20º pouco afetaram a análise qualitativa, enquanto distorções de positivas e negativas de 10º exerceram influência significante mediante análise quantitativa, dificultando o processo de mensuração. A maioria das técnicas forenses para a análise dos seios frontais consiste da mensuração de distâncias morfológicas. Assim, distorções na angulação vertical de radiografias PA do crânio, de aproximadamente 10º, ou mais, devem ser evitadas para que possam se executar identificações comparativas com maior acurácia.


Subject(s)
Humans , Male , Adult , Forensic Anthropology , Paranasal Sinuses , Radiography
8.
Rev. psiquiatr. clín. (São Paulo) ; 40(2): 71-76, 2013. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-673392

ABSTRACT

CONTEXTO: A ansiedade e a depressão constituem um problema de saúde pública nos idosos. Atualmente, tem-se demonstrado uma associação positiva entre a prática de atividade física e a boa saúde mental.OBJETIVO: Comparar a relação entre os níveis de ansiedade e depressão entre idosos ativos e sedentários.MÉTODOS: A amostra foi constituída por 72 idosos, divididos num grupo de 38 idosos sedentários (GS) e outro grupo (GA) de 34 fisicamente ativos. Estes responderam a um questionário com características sociodemográficas e a Escala de Ansiedade e Depressão para Hospital Geral.RESULTADOS: As variáveis que influenciaram a presença de ansiedade ou depressão foram o nível de atividade física (p < 0,001) e de escolaridade (p < 0,01). O GS apresentou 38 vezes mais de probabilidade de vir a desenvolver sintomas de ansiedade e depressão e os indivíduos sem habilitações apresentam 11 vezes mais de probabilidade de vir a desenvolver esses sintomas. No GS, 35 (92,1%) idosos apresentaram níveis de ansiedade ou depressão e 3 (7,9%) não apresentaram. No GA apenas 8 (23,5%) apresentaram níveis de ansiedade ou depressão e 26 (76,5%) não revelaram esses sintomas (p < 0,05).CONCLUSÃO: A prática da atividade física pode representar um fator importante para reduzir os níveis de ansiedade e depressão em idosos.


BACKGROUND: The anxiety and depression are a public health problem in the elderly. Currently some studies have been shown a positive association between physical activity and good mental health.OBJECTIVE: To compare the possible relationship between levels of anxiety and depression among active and sedentary elderly.METHODS: The sample comprised a total of 72 patients divided into one group of 38 elderly subjects (GS) and another group of 34 physically assets (GA). These answered a questionnaire with socio-demographic characteristics and the Hospital Anxiety and Depression Scale.RESULTS: The variables that influenced the presence of anxiety and depression were the level of physical activity (p < 0,001) and the level of instruction (p < 0,01). The GS showed 38 more probability to develop symptoms of anxiety and depression and subjects without qualifications had 11 more probability to develop these symptoms. For the GS 35 (92,1%) patients had levels of anxiety or depression and 3 (7,9%) did not. In GA, the presence of anxiety or depression were observed only in 8 (23,5%) and the remaining 26 (76,5%) revalidates not any kind of these symptoms (p < 0,05).DISCUSSION: Practicing physical activity may represent a very important factor to reduce levels of anxiety and depression in elderly.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Aged , Aged, 80 and over , Aged , Aging , Anxiety , Depression , Exercise , Sedentary Behavior
9.
Saúde Soc ; 17(1): 85-94, jan.-mar. 2008. tab
Article in Portuguese | LILACS-Express | ID: lil-479070

ABSTRACT

Desde o estabelecimento do Sistema Único de Saúde (SUS), busca-se enfatizar a atenção básica e a saúde familiar. Uma das estratégias que vem sendo utilizada é o Programa de Saúde da Família (PSF) constituído por equipes de profissionais que incluem os agentes comunitários de saúde. Entre os diversos problemas enfrentados pelas equipes de saúde da família está o uso irracional dos medicamentos. Este trabalho teve o objetivo de examinar o papel do medicamento na rotina dos agentes, estabelecer sua percepção em relação aos serviços da farmácia de uma unidade básica de saúde e identificar as necessidades de informação sobre medicamentos para elaboração de treinamento. Para tanto, foi realizada uma sessão utilizando-se a técnica grupo nominal, em que oito de onze agentes de saúde participaram respondendo a quatro perguntas. O medicamento foi considerado importante, com valorização das ações preventivas. A percepção em relação aos serviços da farmácia foi positiva. Segundo os agentes, as dúvidas sobre medicamentos, freqüentemente relatadas pela população, refletem falhas na consulta e na aquisição dos medicamentos. O agente de saúde é reconhecido pela população como o profissional que pode auxiliá-la no uso de medicamentos, promovendo o seu uso racional.


Since the establishment of Brazil's National Health System (SUS), focus has been given to basic and family healthcare. One of the programs in progress has been the Family Health Project, performed by teams of professionals including Community Health Workers. Among the various problems faced by the family healthcare teams is the irrational use of medicines. This paper aims to examine the role of medicines in the workers' routine, establishing how they perceive the pharmacy service in a Basic Healthcare Unit, and identifying information needs about medicines, all these with the purpose of training design. To do so, a session using the nominal group technique was held, in which eight out of eleven healthcare workers participated, answering 4 questions. Medicines were considered important, and preventive actions were highly valued. Their perception regarding the pharmacy service was positive as well. Workers report population's questions on medicines as being frequent, and this reflects gaps in the medical visit and in obtaining the medicines. The healthcare agent is seen by the population as the professional who can help them use the medicines and thus, he/she may have an essential role in promoting their rational use.

10.
Einstein (Säo Paulo) ; 6(4): 491-496, 2008.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-510093

ABSTRACT

Introdução: A pulsoterapia com corticosteróide endovenoso consistena administração de corticosteróides em altas doses (a partir de 1 g/dia), por três dias ou mais, ou em dias alternados. A necessidade de hospitalização ocorre devido aos possíveis efeitos colaterais que o paciente pode apresentar durante a infusão da droga; para tanto a monitorização dos parâmetros vitais, além de identificar precocementeos efeitos, possibilita intervenção adequada, garantindo a segurança do paciente. A uniformização dos cuidados prestados é necessária devido à responsabilidade da equipe de enfermagem na administração da droga e o acompanhamento destes pacientes. Objetivo: Identificar os principais cuidados na assistência de enfermagem durante a administração do corticosteróide em uma unidade hospitalar. Métodos: Pesquisa bibliográfica em base de dados, livros e revistas científicas nas áreas de endocrinologia, farmácia e enfermagem; discussão com especialistas em neurologia, transplante e farmácia. Resultados: Os efeitos colaterais durante a pulsoterapia com corticosteróides podem ocorrer logo no início da infusão da droga. Para monitorar estas alterações foi elaborado um instrumento para sistematizar a assistência de enfermagem prestada a estes pacientes. Conclusões: A assistência de enfermagem sistematizada durante a pulsoterapia com corticosteróide promove a identificação precoce das possíveis complicações e, conseqüentemente, intervenção paraminimizá-las.


Subject(s)
Patient Care/nursing , Adrenal Cortex Hormones/therapeutic use , Pulse Therapy, Drug/nursing
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL