Your browser doesn't support javascript.
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 17 de 17
Filter
Add filters








Type of study
Year range
1.
Rev. bras. med. esporte ; 26(2): 113-116, Mar.-Apr. 2020. tab
Article in English | LILACS-Express | ID: biblio-1092634

ABSTRACT

ABSTRACT Introduction: The osteogenic effects generated by different sports are the subject of a growing number of research projects. Regular physical activity is one of the main recommendations for the stimulation of bone mineral density (BMD). However, evidence has shown that not all physical activities promote similar effects. In this context, the osteogenic effects of swimming need to be clarified. Objective: To verify and compare total and regional BMD levels between male and female swimming athletes and university non-athletes. Methods: The sample, composed of 60 participants of both sexes, was divided into two groups: 30 swimming athletes (GA): 15 men (22.2 ± 3.92 years; 73.61 ± 16.55 kg; 1.76 ± 0.08 m) and 15 women (21.91 ± 2.21 years; 53.15 ± 8.36 kg; 1.64 ± 0.06 m) and a control group (CG): 30 university non-athletes: 15 men (20.73 ± 1.27 years; 74.4 ± 5.54 kg, 1.74 ± 0.04 m) and 15 women (19.93 ± 2.05 years; 59.72 ± 1.33 kg; 1.63 ± 0.004 m). BMD (total, arms, legs, pelvis and spine) was measured using dual energy X-ray absorptiometry (DXA). The results were compared with one-way ANOVA using Scheffé's post hoc test, when necessary. Results: When compared with the women, the men of both groups presented superior results for all BMD values analyzed. In addition, GA had higher BMD of arms and spine when compared to the CG, both for males (p = 0.016 and p = 0.001, respectively) and females (p = 0.0001 and p = 0.011, respectively). Conclusions: The results of this study demonstrate that young male adults, athletes and non-athletes, present higher levels of BMD than their peers of the opposite sex. In addition, the results suggest that when undertaken for competitive purposes and with a weekly training volume of 12 hours or more, swimming may be beneficial for the bone development of young athletes when compared to non-athlete controls. Level of evidence III; Retrospective comparative study.


RESUMO Introdução: Os efeitos osteogênicos gerados pelas diferentes modalidades esportivas são alvo de um crescente número de investigações. A prática regular de atividades físicas é uma das principais recomendações para a estimulação da densidade mineral óssea (DMO). Entretanto, as evidências têm demonstrado que nem todas as atividades físicas promovem efeitos semelhantes. Nesse contexto, os efeitos osteogênicos da natação precisam ser esclarecidos. Objetivo: Verificar e comparar os níveis de DMO, total e regional, entre atletas de natação de ambos os sexos e universitários não atletas. Métodos: A amostra, composta por 60 participantes de ambos os sexos, foi dividida em dois grupos: 30 atletas de natação (GA): 15 homens (22,2±3,92 anos; 73,61±16,55 Kg; 1,76±0,08 m) e 15 mulheres (21,91±2,21 anos; 53,15±8,36 Kg; 1,64±0,06 m) e um grupo controle (GC): 30 universitários não atletas: 15 homens (20,73±1,27anos; 74,4±5,54 Kg; 1,74±0,04 m) e 15 mulheres (19,93±2,05 anos; 59,72±1,33 Kg; 1,63±0,004 m). As DMO (total, dos braços, pernas, pelve e coluna) foram medidas com utilização da absorciometria radiológica de dupla energia (DXA). Os resultados foram comparados com auxílio da ANOVA One-Way utilizando, quando necessário, o teste post hoc de Scheffé. Resultados: Quando comparados com as mulheres, os homens dos dois grupos apresentaram resultados superiores para todas as DMO analisadas. Além disso, o GA apresentou maiores DMO de braços e de coluna quando comparado ao GC, tanto para homens (p=0,016 e p=0,001, respectivamente) quanto para mulheres (p=0,0001 e p=0,011, respectivamente). Conclusão: Os resultados do presente estudo demonstram que os jovens adultos do sexo masculino, atletas e não atletas, apresentam maiores níveis de DMO que seus pares do sexo oposto. Além disso, os resultados sugerem que, quando praticado com objetivo competitivo e com volume de treinamento semanal igual ou superior a 12 horas, a natação pode ser benéfica para o desenvolvimento ósseo de jovens atletas, quando comparado com o grupo controle não atletas. Nível de evidência III; Estudo retrospectivo comparativo.


RESUMEN Introducción: Los efectos osteogénicos generados por las diferentes modalidades deportivas son objeto de un creciente número de investigaciones. La práctica regular de actividades físicas es una de las principales recomendaciones para la estimulación de la densidad mineral ósea (DMO). Entretanto, las evidencias han demostrado que no todas las actividades físicas promueven efectos semejantes. En ese contexto, los efectos osteogénicos de la natación precisan ser esclarecidos. Objetivo: Verificar y comparar los niveles de DMO, total y regional, entre atletas de natación de ambos sexos y universitarios no atletas. Métodos: La muestra, compuesta por 60 participantes de ambos sexos, fue dividida en dos grupos: 30 atletas de natación (GA): 15 hombres (22,2±3,92 años; 73,61±16,55 Kg; 1,76±0,08 m) y 15 mujeres (21,91±2,21 años; 53,15±8,36 Kg; 1,64±0,06 m) y un grupo control (GC): 30 universitarios no atletas: 15 hombres (20,73±1,27 años; 74,4±5,54 Kg; 1,74±0,04 m) y 15 mujeres (19,93±2,05 años; 59,72±1,33 Kg; 1,63±0,004 m). Las DMO (total, de los brazos, piernas, pelvis y columna) fueron medidas con el uso de la absorciometría radiológica de doble energía (DXA). Los resultados fueron comparados con auxilio de ANOVA One-Way utilizando, cuando fuera necesario, el test post hoc de Scheffé. Resultados: Cuando comparados con las mujeres, los hombres de los dos grupos presentaron resultados superiores para todas las DMO analizadas. Además, el GA presentó mayores DMO de brazos y de columna cuando comparado al GC, tanto para hombres (p=0,016 e p=0,001, respectivamente) como para mujeres (p=0,0001 y p=0,011, respectivamente). Conclusión: Los resultados del presente estudio demuestran que los jóvenes adultos del sexo masculino, atletas y no atletas, presentan mayores niveles de DMO que sus pares del sexo opuesto. Además, los resultados sugieren que, cuando practicado con objetivo competitivo y con volumen de entrenamiento semanal igual o superior a 12 horas, la natación puede ser benéfica para el desarrollo óseo de jóvenes atletas, cuando comparado con el grupo control no atletas. Nivel de evidencia III; Estudio retrospectivo comparativo.

2.
Rev. bras. cineantropom. desempenho hum ; 19(1): 31-39, Jan.-Feb. 2017. tab
Article in English | LILACS (Americas) | ID: biblio-843426

ABSTRACT

Abstract High blood pressure is a leading cause of mortality worldwide and a risk factor for several diseases. The aim of this study was to determine the predictive power of anthropometric indicators of obesity and establish their cutoff points as discriminators of hypertension and identify the anthropometric indicator of obesity that best discriminates high blood pressure in the elderly. This is a cross-sectional study with a sample of 300 older adults, 167 (56.5%) women. The following anthropometric indicators of obesity were measured: body mass index (BMI), waist circumference (WC), waist / height ratio (WHtR) and conicity index. Moreover, systolic and diastolic blood pressure measurements were collected. To identify hypertension predictors, the analysis of receiver operating curves (ROC) with 95% confidence interval was adopted. Subsequently, cutoff points with their respective sensitivities and specificities were identified. Analyses were carried out considering 5% significance level. It was observed that some anthropometric indicators of obesity showed area under the curve (AUC) significant with BMI = 0.60 (0.50 to 0.70); WHtR = 0.61 (0.51 to 0.71); conicity index = 0.58 (0.58 to 0.68) in men. The different cutoff points of anthropometric indicators with better predictive power and their respective sensitivities and specificities were identified. The best areas under the ROC curve were for BMI, WHtR and conicity index for men; however, such measures were not satisfactory to predict high blood pressure in women.


Resumo A pressão arterial elevada é uma das principais causas de mortalidade em âmbito mundial e fator de risco para diversas doenças. Objetivou-se determinar o poder preditivo de indicadores antropométricos de obesidade e estabelecer os pontos de corte como discriminadores de pressão arterial elevada e identificar o indicador antropométrico de obesidade que melhor discrimina a pressão arterial elevada em idosos. Estudo transversal com amostra de 300 idosos, sendo 167 (56,5%) mulheres. Foram avaliados os seguintes indicadores antropométricos de obesidade: índice de massa corporal (IMC), circunferência da cintura (CC), razão cintura/estatura (RCEst) e índice de conicidade. Ademais, coletaram-se medidas de pressão arterial sistólica e diastólica. Para identificação dos preditores de pressão arterial elevada, foi adotada a análise das curvas Receiver Operating Characteristic (ROC), com intervalo de confiança de 95%. Posteriormente, identificaram-se os pontos de corte com as respectivas sensibilidades e especificidades. As análises foram efetuadas respeitando-se o nível de significância de 5%. Observou-se que alguns indicadores antropométricos de obesidade apresentaram Área Sob a Curva (ASC) significativas, sendo o IMC = 0,60 (0,50-0,70); RCEst = 0,61 (0,51-0,71); Índice Conicidade = 0,58 (0,58-0,68), nos homens. Os diversos pontos de corte dos índices antropométricos com melhores poderes preditivos e as respectivas sensibilidades e especificidades foram identificados. As melhores ASC foram para IMC, RCEst e Índice de Conicidade para os homens, porém tais medidas não foram satisfatórias para predizer a pressão arterial elevada em mulheres.


Subject(s)
Humans , Middle Aged , Aged , Anthropometry , Arterial Pressure , Obesity , Health of the Elderly , Forecasting
3.
Rev. bras. cineantropom. desempenho hum ; 18(4): 441-449, July-Aug. 2016. tab
Article in English | LILACS-Express | ID: lil-795142

ABSTRACT

Abstract This study aimed to verify the association between health-related physical fitness and academic performance in adolescents. Overall, 326 students aged 15-18 years of the Federal Institute of Sergipe (IFS) participated in this cross-sectional study. Data relating to physical fitness were collected by applying the following tests: body mass index, sit and reach, abdominal in one minute and one mile running, which comprise the American Alliance for Health, Physical Education, Recreation and Dance testing battery. Academic performance was measured by the grades of two-month period in the disciplines that comprise the following areas of knowledge: languages and codes, natural sciences and humanities, obtained from the IFS school record. Students with average grades ≥ 6.0 were considered on satisfactory academic performance. The prevalence of physical unfitness in the sample was 15.8% (girls 15.4%; boys 16.4%) in body composition, 32.3% (girls 23.1%; boys 41.5%) in flexibility, 93.0% (95.8% girls; 90.2% boys) in muscular strength and 86.9% (85.3% girls; 88.5% boys) in cardiorespiratory endurance. On academic performance, the prevalence of adolescents below the average grade was 8.8% (girls 5.6%; boys 12.0%) in languages and codes, 24.5% (girls 19.5%; boys 29.5%) in natural sciences and 12.8% (girls 11.9%; boys 13.7%) in humanities. Adolescents with low cardiorespiratory endurance levels were more likely to have worse academic performance (OR=2.39; CI95%=1.05 to 5.44). It was concluded that low cardiorespiratory endurance levels were associated with worse academic performance.


Resumo Este estudo objetivou verificar a associação entre os componentes da aptidão física relacionada à saúde e o desempenho acadêmico em adolescentes. Participaram desse estudo transversal 326 estudantes de 15 a 18 anos do Instituto Federal de Sergipe (IFS). Os dados relativos à aptidão física foram coletados mediante aplicação dos seguintes testes: índice de massa corporal, sentar e alcançar, abdominal em 1 minuto e corrida de uma milha, que compõem a bateria de testes da American Aliance for Health, Physical Education, Recreation and Dance. O desempenho acadêmico foi medido pelas notas do bimestre nas disciplinas que compõem as áreas de conhecimento: linguagens e códigos, ciências da natureza e ciências humanas, obtidas junto ao registro escolar do IFS. Estudantes com médias ≥ 6,0 foram considerados com desempenho acadêmico satisfatório. A prevalência de inaptidão física na amostra foi de 15,8% (moças 15,4%; rapazes 16,4%) na composição corporal, 32,3% (moças 23,1%; rapazes 41,5%) na flexibilidade, 93,0% (moças 95,8%; rapazes 90,2%) na força/resistência muscular e 86,9% (moças 85,3%; rapazes 88,5%) na resistência cardiorrespiratória. Sobre o desempenho acadêmico, a prevalência de adolescentes abaixo da média foi de 8,8% (moças 5,6%; rapazes 12,0%) nas linguagens e códigos, 24,5% (moças 19,5%; rapazes 29,5%) nas ciências da natureza e 12,8% (moças 11,9%; rapazes 13,7%) nas ciências humanas. Adolescentes com baixos níveis de resistência cardiorrespiratória apresentaram mais chances de terem pior desempenho acadêmico (OR=2,39; IC95%=1,05-5,44). Conclui-se que baixo nível de resistência cardiorrespiratória se associou com pior desempenho acadêmico.

4.
Arq. bras. cardiol ; 103(1): 25-32, 07/2014. tab, graf
Article in English | LILACS (Americas) | ID: lil-718104

ABSTRACT

Background: Resistance exercise effects on cardiovascular parameters are not consistent. Objectives: The effects of resistance exercise on changes in blood glucose, blood pressure and vascular reactivity were evaluated in diabetic rats. Methods: Wistar rats were divided into three groups: control group (n = 8); sedentary diabetic (n = 8); and trained diabetic (n = 8). Resistance exercise was carried out in a squat device for rats and consisted of three sets of ten repetitions with an intensity of 50%, three times per week, for eight weeks. Changes in vascular reactivity were evaluated in superior mesenteric artery rings. Results: A significant reduction in the maximum response of acetylcholine-induced relaxation was observed in the sedentary diabetic group (78.1 ± 2%) and an increase in the trained diabetic group (95 ± 3%) without changing potency. In the presence of NG-nitro-L-arginine methyl ester, the acetylcholine-induced relaxation was significantly reduced in the control and trained diabetic groups, but not in the sedentary diabetic group. Furthermore, a significant increase (p < 0.05) in mean arterial blood pressure was observed in the sedentary diabetic group (104.9 ± 5 to 126.7 ± 5 mmHg) as compared to that in the control group. However, the trained diabetic group showed a significant decrease (p < 0.05) in the mean arterial blood pressure levels (126.7 ± 5 to 105.1 ± 4 mmHg) as compared to the sedentary diabetic group. Conclusions: Resistance exercise could restore endothelial function and prevent an increase in arterial blood pressure in type 1 diabetic rats. .


Fundamento: Os efeitos do exercício resistido sobre os parâmetros cardiovasculares não são consistentes. Objetivos: Foram avaliados os efeitos do exercício resistido sobre as alterações na glicemia, reatividade vascular e pressão arterial de ratos diabéticos. Métodos: Ratos Wistar foram divididos em três grupos: grupo controle (n = 8), diabético sedentário (n = 8) e diabético treinado (n = 8). O exercício resistido foi realizado no aparelho de agachamento para ratos e consistiu em três séries de dez repetições com uma intensidade de 50%, três vezes por semana, durante 8 semanas. As alterações na reatividade vascular foram avaliadas em anéis de artéria mesentérica superior. Resultados: Foi observada uma redução significativa da resposta máxima dos relaxamentos induzidos por acetilcolina no grupo diabético sedentário (78,1% ± 2) e um aumento do grupo diabético treinado (95 ± 3%), sem alterar a potência. Na presença de NG-nitro-L-arginina metil éster, os relaxamentos induzidos por acetilcolina foram significativamente reduzidos nos grupos controle e diabético treinado, mas não no grupo diabético sedentário. Além disso, foi observado um aumento significativo (p < 0,05) da pressão arterial média no grupo diabético sedentário de 104,9 ± 5 para 126,7 ± 5 mmHg, quando comparado ao grupo controle. Por outro lado, o grupo diabético treinado apresentou redução significativa (p < 0,05) nos níveis da pressão arterial média de 126,7 ± 5 mmHg para 105,1 ± 4 mmHg, quando comparado ao diabético sedentário. Conclusões: O exercício resistido foi capaz de restaurar a funcionalidade endotelial e impedir o aumento da pressão arterial em ratos com ...


Subject(s)
Animals , Male , Blood Pressure/physiology , Diabetes Mellitus, Experimental/physiopathology , Diabetes Mellitus, Type 1/physiopathology , Endothelium, Vascular/physiopathology , Physical Conditioning, Animal/physiology , Resistance Training/methods , Acetylcholine/pharmacology , Blood Glucose/drug effects , Blood Glucose/physiology , Blood Pressure/drug effects , Cholinergic Agonists/pharmacology , Enzyme Inhibitors/pharmacology , Models, Animal , Mesenteric Artery, Superior/physiopathology , NG-Nitroarginine Methyl Ester/pharmacology , Rats, Wistar
5.
Rev. bras. epidemiol ; 17(1): 163-174, 03/2014. tab, graf
Article in English | LILACS (Americas) | ID: lil-711261

ABSTRACT

INTRODUCTION: The Telephone Survey has several attractions, such as low operational costs and speed the process, when compared to the Household Survey. However, the exclusion of house holds without a landline phone canpose a serious question of the valid it yof the estimates. OBJECTIVE: Evaluating the use of post stratification adjustments to correct the potential biasdue to low coverage of landline phonein the results published in the Vigitel system. METHODS: We compared the prevalence obtained by the Household Survey and the Vigitel, in Aracaju, Sergipe, where 49% of households had a telephone, calculating the differences measured between the surveys thatused the square root mean square error as a measure of accuracy of the estimate. RESULTS: The Household Survey showed ten variables associated with landline phone. From this set of variables, post stratification weights corrected the potential bias of the consumption of beans in five or more days per week, vegetables intake regularly and recommended self-assessment of health as bad and morbidity of diabetes,while the weights partially eliminated the bias of the prevalence of asthma, possession of health insurance coverage and prevention of breast cancer in women aged 50 to 59 years. CONCLUSIONS: In order to reduce the potential bias in the results published by Vigitel system, in areas with low telephone coverage, it becomes necessary to use alternative weighting procedures and selection strategy of external variables for construction of post-stratification weights. .


INTRODUÇÃO: O Inquérito por Telefone, quando comparado ao Inquérito Domiciliar, apresenta vários atrativos, em especial baixo custo operacional e rapidez do processo de divulgação de resultados. No entanto, a exclusão de domicílios sem telefone fixo pode apresentar problemas na validade externa das estimativas. OBJETIVO: Avaliar os efeitos do uso de pós-estratificação para corrigir vícios decorrentes da baixa cobertura de domicílios com telefone nos resultados divulgados no sistema Vigitel. MÉTODOS: Comparar resultados levantados no Inquérito Domiciliar com Vigitel no município de Aracaju, Sergipe, cuja cobertura era de 49% de telefonia fixa. O vício do Vigitel foi expresso pela diferença entre as prevalências do Vigitel e do Inquérito Domiciliar, sendo calculada a raiz quadrada do erro quadrático médio como medida de acurácia da estimativa. RESULTADOS: O Inquérito Domiciliar apontou dez variáveis associadas à posse de linha telefônica residencial (LTR). Desse conjunto de variáveis, os pesos de pós-estratificação corrigiram os vícios potencias do consumo de feijão em cinco ou mais dias por semana, consumo de folhas, legumes e verduras (FLV) regularmente e recomendado, autoavaliação de saúde considerada ruim e morbidade referida de diabetes,enquanto os pesos eliminaram parcialmente o vício da prevalência de asma, posse de plano de saúde e a cobertura de prevenção de câncer de mama em mulheres de 50 a 59 anos. CONCLUSÕES: Tendo em vista a redução dos vícios potencias nos resultados divulgados pelo sistema Vigitel, em regiões de baixa cobertura de telefone fixo, torna-se necessário o uso de procedimentos de ponderação alternativo e a estratégia de seleção ...


Subject(s)
Family Characteristics , Health Surveys/statistics & numerical data , Telephone/statistics & numerical data , Bias , Brazil
6.
Rev. bras. cineantropom. desempenho hum ; 16(2): 223-232, 2014. tab, graf
Article in English | LILACS-Express | ID: lil-704250

ABSTRACT

Levels of aerobic fitness of children and adolescents are declining worldwide, which results in increased health risks. In Brazil, approximately 60% of the students present levels of fitness lower than recommended for age and sex. Our objective was to determine the influence of sexual maturation and physical activity level on cardiorespiratory fitness of schoolchildren of both sexes aged 9-14 years. This was a cross-sectional including a sample of 747 individuals (47.12% female) aged 9 to 14 years enrolled in public schools. The participants completed the Physical Activity Questionnaire for Children (PAQ-C) and a questionnaire on sexual maturation, and performed the shuttle run test. In order to verify the influence of sexual maturation on VO2max, students were categorized according to maturation stage (prepubertal, pubertal and postpubertal), sex, and interaction between sex and maturation. ANOVA was used to compare mean maturation stages and to assess whether sex and maturation affect VO2max. There was influence of maturation (p <0.0001; Eta2 = 0.069, power = 1) and sex (p <0.0001; Eta2 = 0.059, power = 1) on aerobic fitness. VO2max values were different between the maturation stages in both sexes, and between sexes at the same maturation stage. Maturation influenced VO2max with a decreasing linear trend (p <0.0001; Eta2 = 0.221, power = 1) for females. An influence of maturation and physical activity level on cardiorespiratory fitness was observed in schoolchildren of Aracaju city.


Níveis de aptidão aeróbica de crianças e adolescentes estão declinando em todo o mundo, enquadrando-se em risco para a saúde. No Brasil, aproximadamente, 60% dos escolares apresentam níveis de aptidão cardiorrespiratória abaixo do recomendado para a idade e sexo. O objetivo foi verificar a influência da maturação sexual e do nível de atividade física na aptidão cardiorrespiratória em escolares de ambos os sexos com idade de 9 a 14 anos. O estudo foi transversal com amostra composta por 747 indivíduos (47,12% do sexo feminino) e idade de 9 a 14 anos, matriculados na rede pública de ensino. Os indivíduos responderam o PAQ-C e o questionário sobre maturação sexual, além de participarem do shuttle run test. Para verificar a influência no VO2máx, os participantes foram categorizados em pré-púberes, púberes e pós-púberes e de acordo com o sexo e a interação (sexo vs maturação). Foi utilizada a ANOVA para comparar as médias dos estágios de maturação e para avaliar se o sexo e a maturação afetavam o VO2máx. Houve influência da maturação (p < 0,0001; Eta2 = 0,069; power = 1) e do sexo (p < 0,0001; Eta2 = 0,059; power = 1) na aptidão aeróbica. O VO2máx entre os estágios de maturação foi diferente entre os sexos. A maturação influenciou o VO2máx com tendência decrescente e linear (p < 0,0001; Eta2 = 0,221; power = 1) para o sexo feminino. Verificou-se influência da maturação e do nível de atividade física na aptidão cardiorrespiratória em escolares da cidade de Aracaju.

7.
Rev. educ. fis ; 24(3): 423-432, jul.-set. 2013. ilus, tab
Article in Portuguese | LILACS-Express | ID: lil-711176

ABSTRACT

O objetivo do presente estudo é verificar os efeitos do treinamento aeróbio sobre a reatividade vascular em artéria mesentérica de ratos diabéticos. Ratos Wistar foram divididos em três grupos: controle sedentário (CS), diabético sedentário (DS) e diabético treinado (DT). Alterações na reatividade vascular foram avaliadas após a última sessão de treinamento, por meio da obtenção de curvas concentração-resposta. Os testes t de Student ou análise de variância (ANOVA) de duas-vias, seguida do pós-teste de Bonferroni, foram realizados para avaliar a significância das diferenças entre as médias. Foi observada uma redução dos relaxamentos induzidos por acetilcolina no grupo DS (79,7 ± 3,0 %), quando comparado ao CS (98,8 ± 3,0) e uma manutenção dos valores normais no grupo DT (100,1 ± 5,3 %). Os resultados sugerem que o treinamento aeróbio é capaz de proporcionar efeitos benéficos na função vascular de ratos diabéticos.


The aim of this study was to investigate the effects of aerobic training on the vascular reactivity in the mesenteric artery from diabetic rats. Wistar rats were divided into three groups: sedentary control (SC), sedentary diabetic (SD) and trained diabetic (TD). Changes in vascular reactivity were assessed after the last training session by obtaining concentration-response curves. Student's t-test or two-way analysis of variance (ANOVA) followed by the Bonferroni post-test were performed to evaluate the significance of differences between means. A reduction was observed in the relaxation induced by acetylcholine in the SD group (79.7 ± 3.0%) compared to SC (98.8 ± 3.0%), and maintenance of normal values ​​in the TD group (100.1 ± 5.3%). The results suggest that exercise training can have beneficial effects on vascular function in diabetic rats.

8.
Rev. bras. ativ. fís. saúde ; 17(4): 321-324, ago. 12.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-666341

ABSTRACT

O presente artigo apresenta o Programa de Pós-Graduação em Educação Física da Universidade Federal de Sergipe (Mestrado em Educação Física), cujo início ocorreu no primeiro semestre de 2012. Tem como área de concentração Atividade Física, Saúde e Esporte e linhas de pesquisa: atividade física relacionada à saúde e qualidade de vida; fatores determinantes da prática e do rendimento esportivo; adaptações morfofuncionais do exercício físico. Está conceituado pela CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) com nota três, oferece seleção anual e está direcionado a graduados em Educação Física e áreas afins.


This paper presents the Physical Education Graduate Program at Sergipe Federal University (Master of Physical Education), which started in 2012. The areas of concentration are Physical Activity, Health and Sports, and under the following research directions: physical activity and health-related quality of life; determinant factors of practice and physical performance; morphofunctional adaptations of the physical exercise. The Program has been ranked by CAPES with a grade three, offering annual application for candidates graduated in physical education and related areas.


Subject(s)
Physical Education and Training , Public Health , Education, Graduate , Motor Activity
9.
Article in English | LILACS (Americas) | ID: lil-666342

ABSTRACT

This paper presents the Physical Education Graduate Program at Sergipe Federal University (Master of Physical Education), which started in 2012. The areas of concentration are Physical Activity, Health and Sports, and under the following research directions: physical activity and health-related quality of life; determinant factors of practice and physical performance; morphofunctional adaptations of the physical exercise. The Program has been ranked by CAPES with a grade three, offering annual application for candidates graduated in physical education and related areas.


O presente artigo apresenta o Programa de Pós-Graduação em Educação Física da Universidade Federal de Sergipe (Mestrado em Educação Física), cujo início ocorreu no primeiro semestre de 2012. Tem como área de concentração Atividade Física, Saúde e Esporte e linhas de pesquisa: atividade física relacionada à saúde e qualidade de vida; fatores determinantes da prática e do rendimento esportivo; adaptações morfofuncionais do exercício físico. Está conceituado pela CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) com nota três, oferece seleção anual e está direcionado a graduados em Educação Física e áreas afins.


Subject(s)
Physical Education and Training/organization & administration , Education, Graduate/organization & administration
10.
Rev. bras. ciênc. esporte ; 34(1): 53-67, jan.-mar. 2012. ilus, tab
Article in Portuguese | LILACS-Express | ID: lil-624543

ABSTRACT

Objetivou-se analisar o estilo de vida de acadêmicos de Educação Física de uma universidade pública do estado de Sergipe, Brasil. A amostra probabilística foi de 217 alunos da Universidade Federal de Sergipe com 20,6 (±3,1) anos de idade, sendo 105 da licenciatura e 112 do bacharelado. Da amostra analisada, 3,3% (IC95%: 0,9-1,6) apresentou um estilo de vida inadequado. A maior parte dos alunos, 57,4% (IC95%: 50,7-64,0), não atendeu as recomendações para atividade física. Estudantes da licenciatura estavam mais inadequados que os do bacharelado no conjunto do estilo de vida global e nas condutas de sono, cinto de segurança, estresse e sexo seguro. Os achados contribuem para que a universidade elabore campanhas e programas de extensão no campus para promoção do estilo de vida saudável.


The objective was to analyze the lifestyle in Physical Education students at a public university in Sergipe, Brazil. The random sample was 217 students at Federal University of Sergipe, 20.6 (± 3.1) years old, with 105 of the graduate and 112 of the bachelor. The prevalence of inappropriate lifestyle was 3.3% (95%CI: 0.9-1.6) among the students studied. Most students, 57.4% (95%CI: 50.7 -64.0), didn't meet recommendations for physical activity. The graduate students were more inadequate than bachelor's students in the global lifestyle and in the sleep, safety belt, stress and safe sex behaviors. The findings contribute to the university to develop campaigns and outreach programs on campus to promote healthier lifestyle.


Se tuvo como objetivo analizar el estilo de vida de los estudiantes de Educación Física en una universidad pública en Sergipe, Brasil. La muestra aleatoria de 217 estudiantes de la Universidad Federal de Sergipe con 20.6 (± 3.1) años de edad, siendo 105 estudiantes de graduación e 112 de bachillerato. El estudio demonstró que 3.3% (IC 95%: 0,9 - 1,6) tenía un estilo de vida inadecuado. La mayoría de los estudiantes, 57,4% (IC 95%: 50,7 - 64,0), no cumplir con las recomendaciones de actividad física. Los estudiantes de graduación fueron más inadecuados que el bachillerato en todo el estilo de vida global y en el comportamiento del sueño, estrés, cinturón de seguridad y sexo seguro. Los resultados contribuyen a la universidad para desarrollar campañas y programas de extensión en el campus para promover el saludable estilo de vida.

11.
Rev. bras. cineantropom. desempenho hum ; 14(2): 154-163, 2012. tab
Article in Portuguese | LILACS-Express | ID: lil-618219

ABSTRACT

Objetivou-se verificar o impacto do comportamento sedentário na aptidão física de mulheres a partir de 50 anos de idade. Para tanto, foi realizado um estudo transversal com 298 mulheres a partir de 50 anos (59,8±7,2), divididas em relação ao comportamento sedentário em: Grupo de risco (n=103); Grupo sem risco (n=195). Coletaram-se variáveis antropométricas (massa corporal (kg), estatura (cm), dobra cutânea do tríceps (mm) e perímetro da cintura (cm)); percentual de gordura por meio de Impedância Bioelétrica; nível de atividade física; testes de aptidão física (flexibilidade, resistência abdominal, força de membros superiores e aptidão aeróbia). Usou-se a análise de covariância (ANCOVA) para comparar o desempenho nos testes físicos das mulheres em relação ao comportamento sedentário, adotando nível de significância de 5 por cento. Mulheres com comportamento sedentário de risco apresentaram piores desempenhos tanto na força de membros superiores (12,0±0,7 repetições) quanto na aptidão aeróbia (23,3±0,5 ml/kg/min) em comparação às mulheres sem comportamento de risco (p<0,05). A prática de atividades físicas pode ser estimulada para esse grupo etário, com o intuito de minimizar os efeitos do processo de envelhecimento.


The purpose of this study was to verify the association between sedentary behavior and physical fitness of women aged 50 and older. A cross-sectional study was carried out with 298 women in this age range (mean, 59.8±7.2 years), divided into an at-risk group (n=103) and a non-risk group (n=195) according to sedentary behavior. Anthropometric variables were collected (body mass [kg], height [cm], triceps skinfold thickness [mm] and waist circumference [cm]), and body fat percentage was measured by bioelectrical impedance. Analysis of covariance (ANCOVA) was used to compare performance on physical tests in relation to sedentary behavior, adopting a significance level of 5 percent. Physical activity level was measured and physical fitness tests (flexibility, abdominal resistance, upper body strength, and aerobic fitness) were administered. At-risk women who exhibited sedentary behavior performed worst on upper body strength (12.0±0.7 repetitions) and aerobic fitness (23.3±0.5 ml/kg/min) when compared to those who had no risky behavior (p<0.05). Physical activity can be encouraged in this age group in order to minimize the effects of aging.

12.
Rev. bras. ativ. fís. saúde ; 14(3)set.-dez. 2009.
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-553570

ABSTRACT

O objetivo deste estudo é descrever o histórico, objetivo, funcionamento e modelo lógico do Programa Academia da Cidade de Aracaju (PAC). O programa tem mais de cinco anos de duração e já atendeu neste intervalo de tempo mais de 5000 pessoas. Inicialmente o PAC possuía 13 pólos, porém, com o aumento da demanda, foi ampliado para 15 pólos distribuídos pelas regiões de menor renda da cidade de Aracaju. Um dos principais objetivos do PAC é dar subsídios para que a população possa realizar atividade física em um espaço adequado e com a orientação de um profissional de Educação Física. Além disso, pretende-se instrumentalizar as pessoas da cidade para realizar uma atividade de forma correta, trazendo benefícios para a sua saúde e melhoria da qualidade de vida.


The aim of the present study is to describe historical aspects, operational issues and the logic model of the physical activity promotion program Academia da Cidade (PAC) from Aracaju, Brazil. The program was launched more than five years ago, and already had over 5,000 participants. Initially, the program was divided into 13 units, but currently, the program has 15 units, located in the poorest areas of the city. One of the main objectives of PAC is to provide the population with professionally- supervised physical activity in adequate environments. In addition, the program intends to help people in the city learn how to practice physical activity correctly, and therefore, obtain health benefits and improve quality of life.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adolescent , Adult , Middle Aged , Fitness Centers , Disease Prevention , Physical Education and Training , Motor Activity , Quality of Life/psychology , Exercise Therapy/methods , Life Style
13.
Rev. bras. med. esporte ; 15(3): 169-173, maio-jun. 2009. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-517530

ABSTRACT

O estilo de vida saudável tem sido associado ao hábito de práticas de atividades físicas e, consequentemente, a melhores padrões de saúde e qualidade de vida. O principal objetivo deste estudo foi comparar a qualidade de vida em idosos com distintos níveis de atividade física. O tipo de estudo foi o transversal de base populacional e a amostra composta por 238 idosas, com media de idade de 69,2 (± 6,6) anos, escolhidas aleatoriamente em 23 grupos de convivência do município de Aracaju-SE. O nível de atividade física foi avaliado pelo IPAQ (International Physical Activity Questionnaire) na sua versão longa e a qualidade de vida, por meio do SF-36 (The medical outcomes study 36-item short-form healthy survey). A análise estatística utilizou ferramentas da estatística descritiva e, para a comparação entre as variáveis, o teste de associação de Kruskal-Wallis com significância de p < 0,05. Foi identificada neste estudo diferença significativa entre o nível de atividade física e a qualidade de vida relacionada com a saúde. Mulheres idosas mais ativas apresentaram melhores resultados nos oito domínios da qualidade de vida investigados.


Healthy lifestyle has been associated with practice of physical activity and consequently with better health and quality of life standards. The aim of this study was to associate the levels of physical activity with the quality of life of the elderly. The study was transversal and a randomized sample was formed with 238 female elderly subjects (69.2 ±6.69 years) drafted from 23 elderly groups of Aracaju. The level of physical activity was evaluated by IPAQ (International Physical Activity Questionnaire - long form) and quality of life by SF-36 (The medical outcomes study 36-item short-form healthy survey). Statistical analysis used descriptive statistics instruments and for analysis between variables Kruskal-Wallis test was used (p <0.05). Significant association was identified in this study between the level of physical activity and health-related quality of life. Elderly women with high physical activity level presented better results in the eight health domains investigated.


Subject(s)
Humans , Female , Aged , Aging , Exercise , Quality of Life
14.
Rev. bras. cineantropom. desempenho hum ; 10(3): 271-276, 2008. tab
Article in Portuguese | LILACS-Express | ID: lil-489576

ABSTRACT

O presente estudo teve como objetivo descrever a aptidão física relacionada à saúde e os efeitos do crescimento e maturação sobre as variáveis analisadas, em crianças e adolescentes de escolas públicas municipais na cidade de Aracaju (SE). A amostra foi composta por 288 estudantes do ensino fundamental, dos quais 146 eram do sexo masculino e 142 do sexo feminino, com idades entre 10 e 14 anos. Foram observadas as variáveis: massa corporal, estatura, flexibilidade, força/resistência muscular localizada e capacidade aeróbia. Como procedimentos de análise de dados, utilizaram-se a estatística descritiva e teste t de Student para grupos independentes, utilizando-se nível de significância de 5% (p <0,05). Os resultados evidenciaram baixas variações significativas quando comparados ambos os sexos, exceto aos 11, 12 e 13 anos de idade, com relação à resistência abdominal, aos 12 anos, com relação à força/resistência de braços e a capacidade aeróbia (VO2max) aos 10, 12 e 14 anos, todos em favor do sexo masculino. Com relação à interferência da maturação sexual, encontraram-se diferenças significativas somente na flexibilidade do sexo masculino e no VO2max em ambos os sexos.


This study aimed to describe the health-related physical fitness of adolescents from public schools in the city of Aracaju, SE, Brazil, and the effects of growth and maturation on physical variables. The sample was composed of 288 elementary school students, 146 of whom were male and 142 female, aged between 10 and 14 years. The following variables were measured: body mass, height, flexibility, muscle strength/endurance and aerobic capacity. Descriptive statistics and Student?s t test for independent samples were used for data analysis, adopting a 5% significance level (p <0.05). When the results from the two sexes were compared, significant low variations were observed, always in favor of the males, in all variables with the exception of abdominal strength at 11, 12 and 13 years of age, strength/resistance of arms at 12 years and aerobic capacity (VO2max) at 10, 12 and 14 years, for all of which differences were not significant. Sexual maturity only had an effect on fl exibility in males and VO2max in both sexes.

15.
Motriz rev. educ. fís. (Impr.) ; 13(1): 43-50, jan.-mar. 2007. tab, ilus
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-504258

ABSTRACT

O treinamento físico provoca diversas alterações fisiológicas e morfológicas no organismo dos seres vivos. Assim, o objetivo deste estudo foi verificar o efeito do treinamento aeróbico e de força sobre a massa corporal de ratos. O trabalho foi do tipo experimental, a amostra composta por 46 ratos machos da linhagem Wistar, divididos em grupo controle (GC), grupo de treinamento aeróbico (GTA) e grupo de treinamento de força (GTF). O GTA e o GTF realizaram seus respectivos treinamentos durante 12 semanas consecutivas e o GC foi utilizado como grupo controle. Na análise estatística utilizou-se o teste t para amostras dependentes e a ANOVA (one way) para comparações intergrupos. Os resultados evidenciaram que os grupos tiveram valores de massa corporal superiores estatisticamente no final do experimento quando comparados ao peso inicial. Contudo, não diferiram em massa corporal nem no início nem após o experimento.


The physical training cause physiological and morphological alterations in the organism of the animals. Thus, the aim of the research was to verify the effect of the aerobic and force training in the body mass in rats. It was a experimental study, 46 male Wistar rats were divided randomly into three groups: sedentary controls group (CG) aerobic training group (ATG) and force training group (FTG). The ATG and FTG training during 12 weeks and the CG was a sedentary group. In the statistical analysis used the dependent t test and the simple analysis of variance (ANOVA – one way). The three groups showed an increased in body mass in the end of the research. However, there were no significant differences in body mass between the 3 groups.


Subject(s)
Animals , Male , Rats , Body Composition/physiology , Exercise/physiology , Rats, Wistar
16.
Rev. méd. Minas Gerais ; 15(2): 78-83, abr.-jul. 2005. tab, graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-574376

ABSTRACT

Objetivos: estudar a prevalência de obesidade e sobrepeso em alunos de primeira a quarta série do ensino fundamental de escolas públicas e particulares de Aracaju/SE. Método: durante o ano de 2002, foram estudados 500 alunos entre crianças (n=259) e adolescentes (n=241), sendo 240 (48%) do sexo masculino e 260 (52%) do sexo feminino. Foram sorteadas uma escola municipal, uma estadual e uma particular de cada um dos cinco distritos sanitários, perfazendo um total de 15 escolas. Trabalhou-se com as variáveis: sexo, faixa etária, tipo de escola e distritos sanitários. Resultados: encontrou-se prevalência geral de 6% para obesidade e 10% para sobrepeso. Não houve diferença entre os sexos (p=0,99), nem entre as faixas etárias estudadas (p=0,19 para obesidade e p=0,38 para sobrepeso). A prevalência de obesidade e sobrepeso foi significativamente maior (p< 0,01) em escolas particulares (12,1% e 16,2%) em relação ás escolas públicas (4,5% e 8,5%). Não houve significância estatística entre os distritos sanitários em relação ao sobrepeso (p=0,05). A maior prevalência de obesidade foi encontrada no terceiro distrito (11,2%), enquanto a menor foi a do quarto distrito (1,5%). Conclusão: a prevalência de obesidade e sobrepeso em escolares de Aracaju é elevada, semelhante à encontrada em outros estados brasileiros. Não houve diferença entre os sexos, no entanto foi significativamente maior nas escolas particulares e mostrou tendência maior nos distritos sanitários de melhores condições socioeconômicas.


Objectives: To study the prevalence of obesity and over-weight in first to fourth grade students attending private and public schools of Aracaju, SE, Brazil. Methods: During 2002 school year, 500 students from both sexes (240 males; 260 females) were studied. One private, one State, and one city school were randomly selected for each of the five sanitary districts with a total of 15 schools. The students were weighed and measured by the same investigator and studied according to the variables sex, age group, school type, and sanitary district. Results: The prevalence of obesity and overweight were 6% and 10%, respectively. There were no differences between sex (p=0.99) or age groups (p=0.19 for obesity and for overweight (p=0.38). Prevalence of obesity and overweight were significantly higher in private (12.0.and 16.2%, respectively) than in public school (4.5 and 8.5%, respectively). The prevalence of overweight and obesity was higher in higher socioeconomic districts. Conclusion: The prevalence of obesity and overweight in Aracaju is high, similar to other Brazilian cities. There were no differences between sexes. Overweight and obesity were significantly higher in private than in public school and higher in higher socioeconomic districts.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Child , Education, Primary and Secondary , Obesity/epidemiology , Weight Gain , Brazil , Local Health Systems
17.
Rev. bras. cineantropom. desempenho hum ; 7(1): 12-maio 2005. tab, graf
Article in Portuguese | LILACS (Americas) | ID: lil-402572

ABSTRACT

A monitorização do crescimento pode ser considerada como um dos mais importantes indicadores quanto à qualidade de vida de um país, ou a extensão das distorções existentes em uma mesma população em seus diferentes subgrupos. O Objetivo do presente foi analisar o comportamento de variáveis que possam evidenciar as características de crescimento em crianças e adolescentes da Região Nordeste do Brasil e comparar com outros estudos nacionais e internacionais. Para a análise foram utilizadas tabelas normativas construídas a partir das pesquisas de Silva (2002), Silva Júnior (1998), INAN (1989) e NCHS (2002). Verificou-se que, para a estatura, em ambos os gêneros, as curvas analisadas apresentam uma tendência ascendente com valores muito próximos entre si. Para a massa corporal pôde-se perceber que as curvas dos estados nordestinos apresentam valores próximos entre si, enquanto a curva do NCHS tem valores mais expressivos, ocorrendo o mesmo comportamento para o IMC


Subject(s)
Humans , Male , Female , Child , Adolescent , Adolescent , Child , Growth
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL