Your browser doesn't support javascript.
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 1 de 1
Filter
Add filters








Type of study
Year range
1.
Rev. enferm. UERJ ; 14(2): 260-269, abr.-jun. 2006. tab
Article in Portuguese | LILACS (Americas), BDENF | ID: lil-433046

ABSTRACT

Este estudo objetivou estimar a prevalência de Transtornos Mentais Comuns (TMC) entre donas-de-casa e trabalhadoras inseridas no mercado de trabalho, segundo características sociodemográficas, de saúde reprodutiva, atividades domésticas e de lazer. Realizou-se estudo epidemiológico de corte transversal em amostra aleatória de mulheres com 15 anos ou mais de idade, da zona urbana de Feira Santana, Bahia, 2002. Foram estudadas 1.235 mulheres (652 trabalhadoras e 583 donas-de-casa). A prevalência de TMC foi elevada: 43,4% entre donas-de-casa e 36,8% entre trabalhadoras. Baixa escolaridade, ausência de atividades de lazer, menopausa, ter realizado aborto e ter sofrido agressão foram potenciais fatores de risco para TMC, em ambos os grupos. Os resultados revelam a importância da morbidade psíquica entre as mulheres, especialmente entre as donas-de-casa, e apontam a necessidade de criação de programas e ações voltados para a prevenção e promoção da saúde mental nesses grupos.


Subject(s)
Female , Humans , Mentally Ill Persons/statistics & numerical data , Mental Health , Women's Health , Women, Working/statistics & numerical data , Work/statistics & numerical data , Mental Disorders/epidemiology , Brazil/epidemiology , Cross-Sectional Studies , Social Indicators
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL