Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 19 de 19
Filter
1.
Rio de Janeiro; rBLH; 2 rev; set. 2021. [7] p. ilus.(Normas técnicas BLH-IFF/NT, 1, 17). (BLH-IFF/NT 17.21).
Monography in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1382047

ABSTRACT

Esta Norma Técnica tem por objetivo estabelecer o processo de rotulagem de recipientes ou frascos que acondicionem o leite humano ordenhado cru em Bancos de Leite Humano e Postos de Coleta de Leite Humano, visando a garantia da qualidade nestes serviços e sua certificação.


Subject(s)
Quality Control , Milk Banks/standards , Breast Milk Expression/methods , Food Labeling/standards , Milk, Human , Brazil
2.
Acta bioquím. clín. latinoam ; 53(4): 487-497, dic. 2019. ilus, graf, tab
Article in English | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1124026

ABSTRACT

Equivalence of results among laboratories is a major mission for medical laboratories. In the Netherlands, medical laboratories only use homogenous, commercial for general chemistry analytes, whereas in Argentina heterogenous, home brew test applications are common. The effect of this practice difference on test accuracy is studied using key features of the accuracy-based EQA program of the Netherlands. Six frozen, human-based, commutable poolsera, covering the (patho) physiological measuring range for 17 general chemistry analytes, were assayed by ~75 Argentinian labs and ~200 Dutch laboratories in 2014. After removal of outliers, harmonization status among laboratories was evaluated by calculating overall mean interlaboratory coefficients of variation (CVs, %) per analyte and per country for all 6 levels. Evenso, standardization status was evaluated after removal of outliers by calculating overall mean recoveries (%) as compared to the assigned target values per analyte per country for all 6 levels. Absolute median biases were compared to (minimal/desirable) biases derived from biological variation criteria. For serum enzymes interlaboratory CVs in the Argentinian laboratories ranged between 10 and 22%, as compared to 3-6% in the Netherlands. For serum uric acid, creatinine, glucose and total protein, interlaboratory CVs varied between 4.3 and 13.1% in Argentinian labs, as compared to <3.5% in the Netherlands. For serum electrolytes, interlaboratory CVs ranged between 1.8 and 3.8% for Na+; 2.9-5.8% for Cl-; 3.8-7.5% for K+; 9.4-10.4% for Ca2+ and 16.2-22.3% for Mg2+ as compared to ≤2% (Na+, K+, Cl-, Ca2+) and ≤3% (Mg2+) in the Netherlands. Mean recoveries in Argentinian laboratories for e.g. serum creatinine, glucose, CK, Ca2+ and Na+ were 95-119%; 95-104%; 98-102%; 98-102% and 96-100% respectively, whereas min-max recovery ranges were 65-155%; 58-126%; 47-132%; 66-132% and 85-115%. In the Netherlands, absolute mean recoveries were overall 98.9% with a SD of 2.0%. Median biases in Argentinian laboratories ranged from -2.9 to 18.2%; -3.1 - 2.6%; -3.3 - 0.5%; -1.1 - 3.8% and -4.3-0% for serum creatinine, glucose, CK, Ca2+ and Na+. In the Netherlands overall mean/median biases were 1.1% (SD=2.0%). Exchange of commutable, value- assigned EQA-materials was helpful for studying the harmonization and standardization status of medical tests in Argentina, and for revealing the future harmonization and standardization potential. The results clearly demonstrate that metrological traceability of test results in Argentina is on average in line with what is expected; yet, the spreading among laboratories is far too high and should be improved.


La equivalencia de resultados entre laboratorios es una mision importante para los laboratorios medicos. En los Paises Bajos, los laboratorios medicos solo usan aplicaciones comerciales homogeneas, regulatoriamente aprobadas (CE-IVD) para analitos quimicos, mientras que en la Argentina son comunes las aplicaciones heterogeneas caseras. El efecto de esta diferencia practica en la precision de la prueba se estudia utilizando caracteristicas clave del programa EQA, basado en la precision, de los Paises Bajos. Se ensayaron seis pools de sueros, congelados, de origen humano, conmutables, que cubrian el rango de medidas (pato)fisiologicas para 17 analitos de quimica clinica. Estos analitos de quimica clinica fueron analizados por ~75 laboratorios argentinos y ~200 laboratorios holandeses en 2014. Despues de eliminar los valores atipicos, el estado de armonizacion entre los laboratorios fue evaluado calculando los coeficientes de variacion interlaboratorios medios globales (CV%) por analito y por pais para los 6 niveles. No obstante, el estado de estandarizacion se evaluo despues de la eliminacion de valores atipicos mediante el calculo de recuperaciones medias generales (%) en comparacion con los valores asignados por analito por pais para los 6 niveles. Los sesgos medios absolutos se compararon con los sesgos (minimos / deseables) derivados de los criterios de variacion biologica. Para enzimas sericas los CV interlaboratorio en los laboratorios argentinos oscilaron entre 10 y 22%, en comparacion con 3-6% en los Paises Bajos. Para el acido urico serico, creatinina, glucosa y proteinas totales, los CV entre laboratorios variaron entre 4,3 y 13,1% en los laboratorios argentinos, en comparacion con <3,5% en los Paises Bajos. Para los electrolitos sericos, los CV interlaboratorios oscilaron entre 1,8 y 3,8% para Na+; 2,9-5,8% para Cl-; 3,8-7,5% para K+; 9,4-10,4% para Ca2+ y 16,2-22,3% para Mg2+ en comparacion a ≤2% (Na+, K+, Cl-, Ca2+) y ≤3% (Mg2+) en los Paises Bajos. Las recuperaciones medias en laboratorios argentinos para, p.ej. la creatinina serica, glucosa, CK, Ca2+ y Na+ fueron 95-119%; 95-104%; 98-102%; 98-102% y 96-100% respectivamente, mientras que los rangos de recuperacion min-max fueron 65-155%; 58-126%; 47-132%; 66-132% y 85-115%. En los Paises Bajos, las recuperaciones medias absolutas fueron en general del 98,9% con una desviacion estandar (DE) del 2,0%. La mediana de los sesgos medios de los laboratorios argentinos oscilo entre -2,9 y 18,2%; -3,1 - 2,6%; -3,3 - 0,5%; -1,1 - 3,8% y -4,3-0% para creatinina serica, glucosa, CK, Ca2+ y Na+. En los Paises Bajos, las medias / medianas en general fueron de 1,1% (DE=2,0%). El intercambio de los valores asignados a los materiales EQA, conmutables fue de gran ayuda para la armonizacion y estandarizacion de los ensayos medicos en la Argentina y para revelar el potencial futuro de armonizacion y estandarizacion. Estos resultados claramente demuestran que la trazabilidad metrologica de los resultados de las pruebas en la Argentina esta, en promedio, de acuerdo con lo esperable; sin embargo, la dispersion entre laboratorios es muy grande y deberia ser mejorada.


A equivalencia de resultados entre laboratorios e uma missao importante para os laboratorios medicos. Nos Paises Baixos, os laboratorios medicos so utilizam aplicacoes comerciais homogeneas, aprovadas por regulacoes (CE-IVD) para analitos quimicos, ao passo que na Argentina sao comuns as aplicacoes heterogeneas caseiras. O efeito desta diferenca pratica na exatidao do teste e estudado utilizando caracteristicas essenciais do programa EQA, dos Paises Baixos, baseado na exatidao. Foram ensaiados seis pools de soros, congelados, de origem humana, comutaveis, que abrangiam a faixa de medidas (pato)fisiologicas para 17 analitos quimicos gerais. Esses analitos quimicos foram analisados por ~75 laboratorios argentinos e ~200 laboratorios holandeses em 2014. Apos eliminar os valores atipicos, o estado de harmonizacao entre os laboratorios foi avaliado atraves do calculo dos coeficientes de variacao interlaboratorio meios globais (CV%) por analito e por pais para os 6 niveis. Nao obstante, o estado de padronizacao foi avaliado depois da eliminacao de valores atipicos pelo calculo de recuperacoes medias gerais (%) se comparados com os valores atribuidos por analito por pais para os 6 niveis. Os vieses medios absolutos foram comparados com os vieses (minimos / desejaveis) decorrentes dos criterios de variacao biologica. Para enzimas sericas, os CV interlaboratorio nos laboratorios argentinos oscilaram entre 10 e 22%, em comparacao com 3-6% nos Paises Baixos. Para o acido urico serico, creatinina, glicose e proteinas totais, os CV entre laboratorios variaram entre 4,3 e 13,1% nos laboratorios argentinos, em comparacao com <3,5% nos Paises Baixos para os eletrolitos sericos, os CV interlaboratorios oscilaram entre 1,8 e 3,8% para Na+; 2,9-5,8% para Cl-; 3,8-7,5% para K+; 9,4-10,4% para Ca2+ e 16,2-22,3% para Mg2+ em comparacao com ≤2% (Na+, K+, Cl-, Ca2+) e ≤3% (Mg2+) nos Paises Baixos. As recuperacoes medias em laboratorios argentinos para, p.ex. a creatinina serica, glicose, CK, Ca2+ e Na+ foram 95-119%; 95-104%; 98-102%; 98-102% e 96-100% respectivamente, enquanto que os intervalos de recuperacao min-max. foram 65-155%; 58-126%; 47-132%; 66-132% e 85-115%. Nos Paises Baixos, as recuperacoes medias absolutas foram em geral de 98,9% com um desvio padrao (DE) de 2,0%. A mediana dos vieses medios dos laboratorios argentinos oscilou entre -2,9 e 18,2%; -3,1 - 2,6%; -3,3 - 0,5%; -1,1 - 3,8% e -4,3-0% para creatinina serica, glicose, CK, Ca2+ e Na+. Nos Paises Baixos, as medias / medianas em geral foram de 1,1% (DE=2,0%). O intercambio dos valores atribuidos aos materiais EQA, comutaveis, foi de grande ajuda para a harmonizacao e padronizacao dos ensaios medicos na Argentina e para revelar o potencial futuro de harmonizacao e padronizacao. Esses resultados demonstram as claras que a rastreabilidade metrologica dos resultados dos testes na Argentina esta de acordo com o esperavel; a dispersao entre laboratorios ainda e muito grande e deveria ser melhorada.


Subject(s)
Humans , Reference Standards , Clinical Chemistry Tests , Clinical Chemistry Tests/methods , Laboratories , Physicians , Uric Acid , Weights and Measures , Proteins , Bias , Chemistry, Clinical , Creatinine , State , Electrolytes , Enzymes , Methodology as a Subject , Glucose
3.
Rev. colomb. quím. (Bogotá) ; 48(3): 36-44, sep.-dic. 2019. tab, graf
Article in Spanish | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1058426

ABSTRACT

Resumen La producción de un material de referencia (MR) es un proceso en el que se realizan estudios relacionados con la preparación, envasado y caracterización (incluye homogeneidad y estabilidad). En este trabajo se presentan los resultados del desarrollo de un MR de agua potable. El envasado se realiza aplicando dos procedimientos (envasado convencional e inmersión). La caracterización se realizó por Absorción Atómica, ICPMS y Cromatografía iónica. La evaluación de homogeneidad del material se realizó para Na, Mg, Ca, Fe, K, Co, Pb, Mo, As, Ni, Se, Cu, Al, Cr Zn y aniones como NO3 - y Cl-. La estabilidad se evaluó a corto (condiciones aceleradas) y largo plazo por ICPMS y CI, además se realizó seguimiento gravimétrico. La homogeneidad y estabilidad se evaluaron con base en su incertidumbre. La incertidumbre asociada a la homogeneidad y estabilidad MR evidenció resultados aceptables para la mayoría de los analitos. Los resultados del seguimiento gravimétrico permitieron detectar pérdidas de masa del material, por lo que se planteó un nuevo esquema para evaluar la estabilidad a través de métodos gravimétricos. Finalmente, se encontró que el MR presenta incertidumbres expandidas entre el 0,93% y el 4,38%, siendo apto para el uso previsto.


Abstract The production of reference materials (RM) is a process that involves carrying out different studies related to the preparation, packaging and chemical stability of the analytes. This paper presents the results of the development of a drinking water RM. The packaging is done by applying two procedures (conventional packaging and immersion). The characterization of this material was carried out through atomic absorption, ICPMS and ion chromatography. The assessment of the homogeneity of the material was carried out for Na, Mg, Ca, Fe, K, Co, Pb, Mo, As, Ni, Se, Cu, Al, Cr Zn and anions as NO3 - y Cl-. The stability studies were evaluated in the short term (accelerated conditions), and long term by ICPMS and IC, and gravimetric monitoring was also performed. Homogeneity and stability were evaluated based on their uncertainty. The uncertainty associated with homogeneity and MR stability evidenced acceptable results for most analytes. The results of the gravimetric monitoring allowed to detect losses of mass of the material, reason why a new scheme was proposed to evaluate the stability through gravimetric methods. Finally, it was found that the RM presents expanded uncertainties between 0,93% and 4,38%, which makes it suitable for the intended use.


Resumo Este artigo apresenta os resultados do desenvolvimento de um MR de água potável. A embalagem é feita aplicando dois procedimentos (embalagem convencional e imersão). A caracterização foi realizada por Absorção Atômica, ICPMS e Cromatografia Iônica. A avaliação da homogeneidade do material foi realizada para Na, Mg, Ca, Fe, K, Co, Pb, Mo, As, Ni, Se, Cu, Al, Cr Zn e ânions como NO3 - y Cl-. A estabilidade foi avaliada em curto prazo (condições aceleradas) e em longo prazo pelo ICPMS e IC, e também foi realizada monitoração gravimétrica. A homogeneidade e estabilidade foram avaliadas com base na incerteza. A incerteza associada à homogeneidade e estabilidade da RM evidenciou resultados aceitáveis para a maioria dos analitos. Os resultados do monitoramento gravimétrico permitiram detectar perdas de massa do material, pelo que foi proposto um novo esquema para avaliar a estabilidade por métodos gravimétricos. Por fim, verificou-se que o RM apresenta incertezas expandidas entre 0,93% e 4,38%, sendo adequado para o uso pretendido.

4.
J. Bras. Patol. Med. Lab. (Online) ; 55(4): 402-411, July-Aug. 2019. graf
Article in Portuguese | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1019954

ABSTRACT

RESUMO Os resultados da medicina laboratorial influenciam uma alta porcentagem das decisões tomadas pelos médicos. A globalização requer que os resultados obtidos por métodos diferentes sejam concordantes, garantindo a segurança do paciente. É necessário haver colaboração internacional para difundir essa exigência. Essa colaboração deve basear-se na rastreabilidade da medicina laboratorial, bem como na adoção de procedimentos de medição e materiais de referência de alta hierarquia metrológica e que sejam comutáveis internacionalmente. A aplicação da cadeia de rastreabilidade metrológica facilita essa abordagem universal. A quantificação de colesterol no soro e Hemoglobina sanguínea A1c (HbA1c) no sangue serve como exemplo do processo de padronização de métodos com impacto demonstrado nos resultados clínicos. Por outro lado, a quantificação de paratormônio (PTH) e hemoglobina A2 (HbA2) no sangue revela a variabilidade entre os métodos atualmente em uso, que compromete o tratamento do paciente e demanda, portanto, a harmonização e/ou padronização dos métodos. Os desafios à difusão da rastreabilidade em medicina laboratorial incluem fatores como disponibilidade de materiais e métodos de referência, diferenças geográficas, uso de unidades de medida variadas, ensaios de analitos complexos e coordenação mundial limitada. Uma colaboração abrangente requer o envolvimento das partes interessadas no âmbito mundial, desde especialistas gerais a aqueles com particular experiência em medicina laboratorial, com vivência em laboratórios clínicos de rotina. Um plano de coordenação é apresentado neste artigo com ações atribuídas a cada um dos envolvidos.


ABSTRACT Laboratory medicine results influence a high percentage of all clinical decisions. Globalization requires that laboratory medicine results should be transferable between methods in the interests of patient safety. International collaboration is necessary to deliver this requirement. That collaboration should be based on traceability in laboratory medicine and the adoption of higher order international commutable reference materials and measurement procedures. Application of the metrological traceability chain facilitates a universal approach. The measurement of serum cholesterol and blood HbA1c serve as examples of the process of method standardization where an impact on clinical outcomes is demonstrable. The measurement of plasma parathyroid hormone and blood HbA2 serve as examples where the current between method variability is compromising patient management and method standardization and/or harmonization is required. Challenges to the widespread adoption of traceability in laboratory medicine include the availability of reference materials and methods; geographical differences; the use of variable units; complex analytes and limited global coordination. The global collaboration requires the involvement of several different stakeholder groups ranging from international experts to laboratory medicine specialists in routine clinical laboratories. A coordinated action plan is presented with actions attributable to each of these stakeholder groups.

5.
Acta bioquím. clín. latinoam ; 52(2): 185-193, jun. 2018. graf, tab
Article in Spanish | LILACS | ID: biblio-949332

ABSTRACT

El objetivo del trabajo consistió en evaluar, en una muestra de estudiantes, las consecuencias sobre la Tasa de Filtración Glomerular estimada (TFGe) por MDRD-4, MDRD-4 IDMS y CKD-EPI producidas por la selección inadecuada de las fórmulas según la trazabilidad de la creatininemia utilizada y valorar el efecto sobre la categorización por estadio G de TFG al utilizar valores numéricos de MDRD-4 y MDRD-4 IDMS≥60 mL/min/1,73 m². Se realizó un estudio descriptivo, analítico, de corte transversal con 100 alumnos de bioquímica, que participaron voluntariamente. Se determinó la creatininemia por métodos Jaffé cinéticos, valores trazables y no trazables al Isotopic Dilution Mass Spectroscopy (IDMS). La TFGe se calculó por las fórmulas MDRD-4, MDRD-4 IDMS y CKD-EPI introduciendo en cada fórmula valores de creatinina trazables y no trazables a IDMS. Los estudiantes se clasificaron por categoría G según los resultados. El mal empleo de las ecuaciones respecto a la trazabilidad de la creatininemia según fueron diseñadas cambió sensiblemente los valores de TFGe (p<0,05) y la proporción de jóvenes por estadio G respecto a lo hallado con el empleo adecuado (MDRD-4. G1: 67,4% vs. 53,7%; G2: 32,6% vs. 45,3%; G3a: 0,0% vs. 1,0%. MDRD-4 IDMS. G1: 37,9% vs. 59,0%; G2: 56,8% vs. 40,0%; G3a: 5,3% vs. 1,0%. CKD-EPI. G1: 70,5% vs. 85,3%; G2: 29,5% vs. 14,7%). El uso de valores numéricos para TFGe por MDRD-4 y MDRD-4 IDMS≥60 mL/min/1,73 m² infraestimó lo obtenido con CKD-EPI, que puede informarse numéricamente en ese rango. Ambas situaciones conllevan errores que afectan la categorización funcional renal de pacientes y la prevalencia en estudios epidemiológicos.


The objective of this work was to evaluate the consequences on the estimated Glomerular Filtration Rate (eGFR) by MDRD-4, MDRD-4 IDMS and CKD-EPI produced by the inadequate equation selection according to the creatinine traceability in a sample of biochemistry students and to assess the effect on G categorization if numerical values of the MDRD-4 and MDRD-4 IDMS equations≥60 mL/ min/1.73 m² were used. A descriptive, analytical, cross-sectional study was performed between 2014- 2016, 100 volunteer students of biochemistry were studied. Creatininemia was determined by kinetic Jaffé methods, traceable and non-traceable to Isotopic Dilution Mass Spectroscopy (IDMS). The eGFR was estimated by the MDRD-4, MDRD-4 IDMS and CKD-EPI formula, by feeding each formula with traceable and non traceable creatinine values to IDMS. Students were classified by category G according to the results obtained. Inappropriate equation use regarding the traceability of the creatinine for which they were designed significantly changed eGFR values (p<0.05) and the proportion of young people per G stage compared to what was found with adequate use (MDRD-4. G1: 67.4% vs. 53.7%; G2: 32.6% vs. 45.3%; G3a: 0.0% vs. 1.0%. MDRD-4 IDMS. G1: 37.9% vs. 59.0%; G2: 56.8% vs. 40.0%; G3a: 5.3% vs. 1.0%. CKD-EPI. G1: 70.5% vs. 85.3%; G2: 29.5% vs. 14.7%). The use of numerical values for eGFR by MDRD-4 and MDRD-4 IDMS≥60mL/min/1.73 m² underestimated what was obtained with CKD-EPI, which can be reported numerically in that range. Both situations involve errors that affect patient renal functional categorization and prevalence in epidemiological studies.


Este trabalho teve como objetivo avaliar as consequências sobre a Taxa de Filtração Glomerular estimada (TFGe) por MDRD-4, MDRD-4 IDMS e CKD-EPI produzidas pela seleção inadequada das fórmulas, segundo a rastreabilidade da creatininemia utilizada e o efeito sobre a categorização por estágio G de TFG ao utilizar valores numéricos de MDRD-4 e MDRD-4 IDMS≥60 mL/min/1,73 m². Este é um estudo descritivo, analítico e de corte transversal com 100 alunos de bioquímica, que participaram em forma voluntária. Foi determinada a creatininemia através do métodos Jaffé cinéticos, valores rastreáveis e não rastreáveis ao Isotopic Dilution Mass Spectroscopy (IDMS). A TFGe foi estimada pela fórmula MDRD-4, MDRD-4 IDMS e CKD-EPI introduzindo em cada fórmula valores de creatinina rastreáveis e não rastreáveis a IDMS. Os estudantes foram classificados por categoria G conforme os resultados. Uso indevido das equações a respeito da rastreabilidade da creatinina conforme foram desenhadas, mudou sensivelmente os valores de TFGe (p<0,05) e a proporção de jovens por estágio G em relação ao encontrado com o uso adequado adecuado (MDRD-4. G1: 67,4% vs. 53,7%; G2: 32,6% vs. 45,3%; G3a: 0,0% vs. 1,0%. MDRD-4 IDMS. G1: 37,9% vs. 59,0%; G2: 56,8% vs. 40,0%; G3a: 5,3% vs. 1,0%. CKD-EPI. G1: 70,5% vs. 85,3%; G2: 29,5% vs. 14,7%). Utilizar valores numéricos para TFGe por MDRD-4 e MDRD-4 IDMS≥60mL/min/1,73 m² infraestimou o obtido com CKD-EPI, que pode informar-se numericamente nesse intervalo. Ambas as situações conduzem a erros que afetam a categorização funcional renal de pacientes e a prevalência em estudos epidemiológicos.


Subject(s)
Humans , Female , Adolescent , Adult , Prevalence , Creatinine , Renal Insufficiency, Chronic , Glomerular Filtration Rate , Mass Spectrometry , Training Support , Biochemistry , Cross-Sectional Studies , Dilution , Methods
6.
Pesqui. vet. bras ; 37(4): 319-324, Apr. 2017. tab, ilus
Article in English | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-895425

ABSTRACT

Bovine cysticercosis is a problem distributed worldwide that result in economic losses mainly due to the condemnation of infected carcasses. One of the difficulties in applying control measures is the identification of the source of infection, especially because cattle are typically acquired from multiple farms. Here, we tested the utility of an animal movement network constructed with data from a farm that acquires cattle from several other different farms to map the major contributors of cysticercosis propagation. Additionally, based on the results of the network analysis, we deployed a sanitary management and drug treatment scheme to decrease cysticercosis' occurrence in the farm. Six farms that had commercial trades were identified by the animal movement network and characterized as the main contributors to the occurrence of cysticercosis in the studied farm. The identification of farms with a putative risk of Taenia saginata infection using the animal movement network along with the proper sanitary management and drug treatment resulted in a gradual decrease in cysticercosis prevalence, from 25% in 2010 to 3.7% in 2011 and 1.8% in 2012. These results suggest that the animal movement network can contribute towards controlling bovine cysticercosis, thus minimizing economic losses and preventing human taeniasis.(AU)


A cisticercose bovina é um problema distribuído mundialmente e que resulta em perdas econômicas, principalmente devido à condenação de carcaças infectadas. Uma das dificuldades em se controlar esta zoonose no Brasil é a prática de aquisição de bovinos de múltiplas fazendas, tornando quase impossível a identificação da fazenda de origem do gado infectado, onde as medidas de controle devem ser aplicadas. Objetivou-se avaliar uma rede de movimentação animal construída com dados de uma fazenda de gado de corte que adquire animais de diferentes locais, com o objetivo de mapear as fazendas que mais contribuíam para a propagação da cisticercose. Adicionalmente, com base na análise da rede de movimentação, manejo sanitário e protocolo de tratamento adequados foram aplicados para diminuir a ocorrência de cisticercose na fazenda em estudo. Seis propriedades que tinham trocas comerciais foram identificadas pela rede de movimentação de bovinos e caracterizadas como as principais contribuintes para a ocorrência da cisticercose na fazenda em estudo. A identificação de fazendas com risco de infecção por Taenia saginata por meio da rede de movimentação animal juntamente com o manejo sanitário e protocolo de tratamento adequados resultaram em diminuição gradual da prevalência da cisticercose de 25%, em 2010, para 3,7% em 2011 e 1,8% em 2012. Estes resultados sugerem que a estratégia de análise da rede de movimentação do gado, associadas ao manejo sanitário e tratamento adequados podem contribuir para o controle da cisticercose bovina, minimizando assim as perdas econômicas e prevenindo a teníase humana.(AU)


Subject(s)
Animals , Cattle , Cysticercosis/veterinary , Cysticercosis/epidemiology , Mass Screening/veterinary , Taenia saginata , Farms/statistics & numerical data , Brazil/epidemiology , Communicable Disease Control/instrumentation
7.
Ciênc. rural (Online) ; 47(9): e20160759, 2017. tab
Article in English | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1044959

ABSTRACT

ABSTRACT: This paper aimed to identify the determinants of beef traceability adoption at farm level in São Paulo State, Brazil. A sample survey of 32 farmers who adopted the European Union certified traceability and 52 other farmers who did not adopt traceability provided data to test hypotheses on determinant factors. Three binomial logit models were used in the analysis. Results suggested that capital-intensive livestock production system, high scale production, access to specialized information and high level of human and social capital play significant role in the adoption decision.


RESUMO: O artigo tem como objetivo identificar os determinantes da adoção da rastreabilidade por pecuaristas no estado de São Paulo, Brasil. Uma amostra de 32 produtores que adotaram a certificação da rastreabilidade para a União Europeia e 52 que não adotaram a rastreabilidade forneceu dados para testar hipóteses a respeito de fatores determinantes. Três modelos logit binomial foram utilizados na análise. Os resultados sugerem que o sistema de produção pecuária intensiva, a elevada escala de produção, o acesso a informação especializada e a rede de relacionamentos desempenham papel significativo na decisão de adoção.

8.
Hig. aliment ; 30(258/259): 27-31, 30/08/2016.
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-2528

ABSTRACT

A carne bovina é um importante segmento do agronegócio brasileiro, com significativa participação no valor das exportações do País. Visando manter-se competitivo frente às exigências do mercado externo, principalmente europeu, o Brasil implementou o Sistema de Identificação e Certificação de Bovinos e Bubalinos (SISBOV). Este sistema tem como objetivo monitorar toda cadeia produtiva brasileira, certificando que o Brasil exporta um produto livre de contaminação. Este trabalho teve como objetivo analisar as adequações que o Brasil realizou no seu sistema agroindustrial com a finalidade de atender ao mercado internacional. Utilizou-se uma metodologia exploratória, por meio de revisão bibliográfica no período de 2007 a 2015. A implantação de um sistema de rastreabilidade na indústria provocou uma série de modificações em toda a cadeia produtiva brasileira, porém, o alto custo deste sistema para o pecuarista, conjugado a pontos falhos na legislação brasileira, vem limitando o desempenho brasileiro. A necessidade de mais investimentos na cadeia produtiva torna-se inquestionável.


The brazilian feed has undergone great changes due to the need of fast and practical foods. Thus there is a great demand for ready meals, represented by the street food, increasing street food trade. Besides the ease in acquiring food ready for consumption, the quality verification necessary that the food reaches the consumer, from raw materials to finished product. The aimed of this work evaluate the implementation of good manufacturing practices in the handling of meat products from street vendors barbecue spit and establishments in fair of the Porto in Cuiabá, Mato Grosso. It was evaluated through of observation in locu using checklist based on the current brazilian law, in ten different points of barbecue spit sales in the central region due to the large number of people daily circulate and eight meat marketing outlets in the fair of the Porto, much frequented by the region locals. The results of the item regarding human resources among street vendors showed 84% of noncompliance, regarding the general aspects of environmental conditions, 95% had non-compliance and for the general aspects of plant and equipment was obtained 58% of non-compliance, for the ten points of sales observed. Between the outlets of meat was observed 73,7% non-compliance to management the item raw material and 84% for evaluation of buildings and facilities. According to the checklist applied for verification of Good Manufacturing PracticeGMP in both data collection points, it is concluded that in general all points of sales are outside the standards set by legislation, not allowing the guarantee of food quality insurance to consumer health.


Subject(s)
Animals , Cattle , Exportation of Products , Control and Sanitary Supervision of Foods and Beverages , Agribusiness , Meat/economics , Quality Control , Brazil , Food Contamination/prevention & control , Street Food , Products Commerce
9.
Arq. Inst. Biol ; 83: e1182013, 2016. tab
Article in Portuguese | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1006332

ABSTRACT

Objetivou-se verificar a influência dos fatores socioeconômicos na disposição de 407 consumidores em hipermercados do município de Belo Horizonte, Minas Gerais, em adquirir carne bovina com certificação de origem e verificar as características inerentes ao produto que auxiliam o consumidor no momento da compra, considerando o seu conhecimento prévio sobre rastreabilidade e certificação de origem. Foi realizada uma análise descritiva de todas as variáveis e, posteriormente, realizada a análise univariada pelo teste do qui-quadrado ou exato de Fischer. As variáveis foram adicionadas no modelo múltiplo da regressão logística Generalized Estimating Equations (GEE) e para todas as variáveis presentes no modelo final (p ≤ 0,05) foi calculado o risco por meio da odds ratio (OR) ajustada a um intervalo de confiança de 95%. Todos os fatores socioeconômicos analisados (sexo, idade, renda e escolaridade) influenciaram na disposição de consumidores em adquirir carne bovina com certificação de origem. Os atributos intrínsecos mais importantes na tomada de decisão no momento da compra da carne foram cor, maciez, odor e a pouca quantidade de gordura; enquanto que os atributos extrínsecos foram preço, selo de qualidade e carimbo do SIF. A maioria dos consumidores conhece o conceito correto de rastreabilidade e acreditam que o maior benefício da carne rastreada é oferecer mais segurança e evitar riscos de doenças transmitidas pelos alimentos; e a desvantagem é ser um produto mais caro do que o convencional.(AU)


The present study aimed to verify the influence of socioeconomic factors in the provision of 407 consumers in supermarkets in the city of Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil, in purchasing beef with certification of origin and to verify the inherent characteristics of the product that help the consumer at the time of purchase, considering their prior knowledge about traceability and certification of origin. A descriptive analysis of all variables was performed and a univariate analysis was subsequently conducted by chi-square test. The variables were added in the multiple logistic regression model Generalized Estimating Equations (GEE), and for all variables in the final model (p ≤ 0.05) the risk was calculated by the adjusted odds ratio (OR) to a range of 95% confidence. All socioeconomic factors examined (gender, age, income and education) influence the willingness of consumers to purchase beef with certification of origin. The most important intrinsic attributes in decision making when buying meat were the color, softness, odor and little amount of fat, whereas the extrinsic attributes were price, quality seal and stamp of the SIF. Most of the consumers know the correct concept of traceability and believe that the greatest benefit of the traced meat is to be safer and to avoid the risk of foodborne illness; and the disadvantage is to be a more expensive product than the conventional.(AU)


Subject(s)
Humans , Animals , Consumer Behavior , Products Registration Certificate , Meat , Brazil , Cattle , Agribusiness
10.
Arq. Inst. Biol ; 82: 1-11, 2015. tab
Article in Portuguese | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1026540

ABSTRACT

A preocupação com a qualidade do pescado sempre foi um tema recorrente, visto que é um alimento de alto valor nutricional para toda população, porém com grande susceptibilidade à deterioração e formação de substâncias prejudiciais ao homem, caso não sejam obedecidas as condições de conservação. Um exemplo de substância formada é a histamina, uma diamina biogênica primária e heterocíclica, não volátil, termoestável, originada pela descarboxilação da L-histidina, quando as condições de manuseio e estocagem são inadequadas, favorecendo a multiplicação da microbiota natural do pescado. A histamina possui potencial alergênico, podendo causar um quadro de intoxicação no ser humano e, em casos graves, levar à morte. Para tal problema, um sistema de rastreabilidade poderia ser a solução. Seu objetivo é garantir ao consumidor um produto seguro e saudável por meio do controle de todas as fases da produção, industrialização, distribuição e comercialização, possibilitando uma perfeita correlação entre o produto final e a matéria-prima que lhe deu origem. Em diversos países existem atualmente sistemas de rastreabilidade controlando a cadeia de pescado. No Brasil, vários entraves podem ser apontados para a não obrigatoriedade da rastreabilidade em pescado. A divisão de regulamentação do setor entre diferentes órgãos, tais como Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), a falta de articulação entre esses órgãos fiscalizadores, a baixa capacitação de mão de obra e a desvalorização dos produtos da pesca, o que trazem a descapitalização da base da cadeia produtiva. De tal maneira, pode-se afirmar que há uma série de desafios para que ocorra a implantação de um sistema de rastreabilidade em território nacional. De acordo com o exposto, este estudo objetivou, através de uma revisão bibliográfica sistemática da literatura, informar a situação atual da escombrotoxicose e da rastreabilidade da histamina em pescado.(AU)


Concern about the quality of the fish has always been a recurring theme since it is a food of high nutritional value for the whole population, but with greater ease of formation and decay of harmful substances to man, if not well maintained. An example of a substance formed is histamine, a biogenic diamine primary and heterocyclic, non-volatile, thermoestable, originated by the decarboxylation of L-histidine when the conditions of handling and storage are inadequate, favoring the multiplication of natural microbiota. It has allergen potential and can cause intoxication in humans and, in severe cases, lead to death. For this problem, a traceability system could be the solution. The aim is to ensure the consumer a safe and wholesome product by controlling all stages of production, processing, distribution and marketing, enabling a perfect correlation between the final product and the raw material. In several countries, there are currently traceability systems controlling the chain of fish. In Brazil, several factors can be identified as barriers to the adoption of traceability: different regulatory agencies such as the Ministry of Fisheries and Aquaculture (MPA), Ministry of Agriculture, Livestock and Supply (MAPA), and the National Health Surveillance Agency (ANVISA), the lack of coordination between these sectors, the lack of training of skilled labor and the devaluation of fishery products, which brings decapitalization of the base of the production chain. According to this, there are a number of challenges to deploy a traceability system in the country. This study aimed, through a systematic literature review of the literature, to report the current status of escombrotoxicose and traceability of histamine in fish.(AU)


Subject(s)
Animals , Histamine , Food Inspection , Food Safety , Fishes
11.
Arq. Inst. Biol ; 81(4): 372-376, Oct.-Dec. 2014. tab
Article in Portuguese | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1015903

ABSTRACT

Objetivou-se realizar o levantamento das não conformidades encontradas durante as auditorias oficiais do Sistema Brasileiro de Identificação e Certificação de Origem Bovina e Bubalina (SISBOV) em Minas Gerais, entre 2009 e 2010. Na pesquisa qualitativa foram coletados dados referentes às principais não conformidades encontradas que levaram à suspensão ou cancelamento da certificação do estabelecimento rural aprovado no SISBOV (ERAS). Em 2009 foram realizadas 484 auditorias, sendo que 141 foram consideradas não aptas para inclusão na Lista Traces. Em 2010 foram realizadas 310 auditorias em ERAS, sendo que 55 tiveram resultado negativo. O conjunto de dados analisados foi obtido em uma amostra de 64 relatórios não conformes no ano de 2009 e de 27 relatórios não conformes em 2010. Em 2009 foram constatadas 168 não conformidades, sendo que as principais foram: erro no preenchimento das Planilhas de Identificação e no preenchimento dos Comunicados de Entrada e checagem do rebanho incorreta. Em 2010 foram encontradas 58 não conformidades, sendo que as principais foram: erro no preenchimento das Planilhas de Identificação, no preenchimento dos Comunicados de Entrada e no preenchimento dos Comunicados de Saída. Conclui-se que as principais não conformidades encontradas se devem ao preenchimento incorreto de documentos. Tais erros podem ser evitados, desde que certificadoras e produtores deem mais atenção e maior importância ao preenchimento da documentação.(AU)


The objective of this research was survey the non-compliances found during the official audits of the Brazilian Beef and Buffalo Identification and certification System (SISBOV) in Minas Gerais, Brazil, between 2009 and 2010. In the qualitative research, data concerning the main non-compliances found in these reports were collected, which led to the suspension or cancellation of the SISBOV approved rural enterprise certification (ERAS). In 2009, 484 audits were conducted, 141 being considered unsuitable for being included in the in Traces list. In 2010, 310 ERAS audits were performed and 55 of them had a negative result. The data set analysed was obtained from a sample of 64 non-compliance reports in the year 2009 and 27 non-compliance reports in 2010. In 2009 there were found 168 non-compliances, the main ones being: mistakes in filling in the Identification Spreadsheets and the Entrance Reports; and incorrect herd checking. In 2010, 58 noncompliances were found, the main ones being: mistakes in filling in the Identification Spreadsheets, Entrance and Exit Reports. It is concluded that the main non-compliances found are due to the incorrect filling of documents. Such mistakes can be avoided, provided that certifying entities and breeders pay more attention and give more importance to filing documents.(AU)


Subject(s)
Cattle , Cattle , Certification/standards , Food Safety/methods , Exportation of Products , Food Supply
12.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 66(6): 1946-1950, 12/2014.
Article in English | LILACS | ID: lil-735781

ABSTRACT

Este trabalho objetivou identificar os atributos que influenciam a tomada de decisão para a compra de carne bovina, além do conhecimento e atitude dos consumidores em adquirir carne com certificação de origem, assim como os principais benefícios e dificuldades para a comercialização desse produto. Foram entrevistados 197 consumidores e nove gerentes de supermercados no Distrito Federal, em maio de 2011. Foi realizada a descrição das variáveis e aplicados o teste do qui-quadrado e o Exacto de Fischer, utilizando o pacote estatístico SPSS 17.0. A aparência visual da carne é o atributo que mais influencia a decisão de compra dos consumidores. A maioria dos entrevistados está disposta a pagar mais pela carne com certificação de origem. Esta pesquisa sugere que a escolaridade é o fator que mais influencia a disposição para compra de carne com certificação de origem. Os gerentes de supermercados salientam a fidelização de clientes mais exigentes como o maior benefício, e a falta de divulgação da rastreabilidade bovina para a população como a principal dificuldade para a comercialização...


Subject(s)
Humans , Good Manufacturing Practice Certificate , Meat Industry , Consumer Product Safety , Consumer Behavior/statistics & numerical data , Eating
13.
Rev. colomb. quím. (Bogotá) ; 43(1): 1-1, ene.-jun. 2014. ilus, tab
Article in Spanish | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-747658

ABSTRACT

Los resultados generados por los laboratorios clínicos son elementos claves para el diagnóstico y tratamiento de enfermedades, así como para el seguimiento de los pacientes, por lo tanto se requiere un control metrológico sobre el proceso de medición, el cual determinará el grado de comparabilidad y de confianza requerido sobre los resultados obtenidos. Esta revisión aborda el tema de comparabilidad de las mediciones y de cómo ésta se ve influenciada por factores como la conmutabilidad de los materiales de referencia, los métodos de medición, la disponibilidad de materiales y procedimientos de referencia, además de los intervalos de referencia y límites de decisión para un mensurando en particular. Finalmente se exponen cuáles son los mecanismos adoptados que permitirán garantizar la comparabilidad de las mediciones en esta área.


The results produced by clinical laboratories are key elements in the diagnosis and treatment of diseases and to monitor patients, so, it requires a metrological control over the measurement process, which will determine the degree of comparability and trust required on the obtained measurement results. Therefore, in this paper we discuss about the comparability of measurements and how it is influenced by factors such as commutability of reference materials, measurement methods, availability of materials and reference procedures, in addition to reference intervals and decision limits for a particular measurand. Finally it is exposed what are the mechanisms that allow ensure measurements comparability on this area.


Os resultados gerados pelos laboratórios clínicos são elementos chaves para o diagnóstico e tratamento de doenças, assim como para o seguimento dos pacientes, sendo preciso um controle metrológico sobre o processo de medição, que determina o grau de comparabilidade e confiança requerido sobre os resultados obtidos. Neste documento trata-se o tópico de comparabilidade das medições e de como a mesma se encontra influenciada por fatores como a comutatividade dos materiais de referência, os métodos de medição, a disponibilidade de materiais e procedimentos de referência, além dos intervalos de referência e limites de decisão para um mensurando em particular. Finalmente, são expostos quais são os mecanismos adotados que permitirão garantir a comparabilidade das medições nesta área.

14.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 64(6): 1621-1628, Dec. 2012. ilus, tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-660233

ABSTRACT

Esta pesquisa teve como objetivo realizar o levantamento das dificuldades encontradas pelos pecuaristas que aderiram ao Serviço de Rastreabilidade da Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos (Novo SISBOV). Elaborou-se um formulário qualitativo semiestruturado, contendo 37 questões. Foram entrevistados 130 produtores de gado de corte em três grandes exposições agropecuárias durante o ano de 2009. Desses, aproximadamente 17% (22 produtores) haviam aderido ao novo SISBOV. Foram entrevistados mais 49 pecuaristas em suas respectivas fazendas rastreadas, totalizando assim 179 entrevistas. As principais dificuldades encontradas pelos pecuaristas foram: mudanças frequentes nas normas do novo SISBOV, perda de elemento de identificação, remuneração inadequada pelos animais rastreados por parte dos frigoríficos e instabilidade de mercado.


This research aimed to conduct a survey of the difficulties encountered by farmers who joined the Service of Supply Chain Traceability of Cattle and Buffaloes (New SISBOV). A semi-structured qualitative form containing thirty-seven questions was elaborated. We interviewed 130 beef cattle farmers farming in three major exhibitions during year 2009, among which 17% (22 farmers) had joined the new SISBOV. We interviewed over 49 farmers in their screened farms, thus totaling 179 interviews. The main difficulties encountered by farmers were: frequent changes in new SISBOV rules, loss of proof of identity, inadequate remuneration for animals tracked by the stores and market instability.


Subject(s)
Animals , Cattle , Animal Husbandry/organization & administration , Livestock Industry , Food Security
15.
Rev. bras. anal. clin ; 43(3): 201-212, 2011. ilus
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-651505

ABSTRACT

O processo de produção de meios de cultura deve garantir a liberação do produto dentro das especificações requeridas em normas e legislações. Quando o produto apresentar resultado não conforme com as especificações, deve-se buscar a causa raiz do problema e implantar ações corretivas. A rastreabilidade das causas de não conformidades deve ser uma etapa de decisão rápida. Objetivando elaborar ferramentas da qualidade voltadas a esta rastreabilidade e verificar a sua aplicabilidade em estudos de casos,foram analisados manuais e registros de produção e controle dos produtos. Foi aplicada a metodologia de rainstorming, a produção e o controle foram mapeados e com o Diagrama de Causa e Efeito foi possível estabelecer os pontos críticos. As ferramentas da qualidade propostas foram Fluxogramas e Folhas de Verificação de Processos, cuja aplicabilidade foi avaliada em lotes de meios de cultura não conformes. Os resultados mostraram que as ferramentas foram capazes de indicar, localizar e confirmar as nãoconformidades e as suas origens. Porém, para a investigação aprofundada da causa torna-se necessário, além destas ferramentas, o conhecimento técnico em microbiologia, a pesquisa em literaturas e Brainstorming permanente, possibilitando tomada de decisãoconfiável em desvios da qualidade dos meios de cultura.


The process of production of culture media should ensure the release of the product within the specifications required by rules and laws. When the product does not produce results consistent with the specifications, you should seek the root cause of the problem and implement corrective actions. The traceability of the causes of non-conformities should be a stage of rapid decision. Aiming at producing quality tools focussed on traceability and verifying its applicability in case studies, manuals and records were analyzed for the production and control of products. The methodology of Brainstorming was used, the productionand control have been mapped and, with the Diagram of Cause and Effect, it was possible to establish the critical points. The quality tools proposed were flow charts and Verification Process sheets, whose applicability was evaluated in batches of noncompliant culture media. The results showed that the tools were able to indicate, locate and confirm the non-conformities and their origins. However, for a detailed case nvestigation, besides these tools, technical knowledge in microbiology, research in different literature and permanent Brainstorming, are necessary thus enabling reliable decision making related to gaps in the quality of culture media.


Subject(s)
Culture Media , Product Line Management , Quality Control
16.
Pesqui. vet. bras ; 30(9): 783-786, set. 2010. ilus, tab
Article in English | LILACS | ID: lil-562963

ABSTRACT

Several characteristics are important in a traceability system of animal products, such as age at slaughter, breed composition, besides information of the productive chain. In general, the certification agent records information about the animals and the system which it came from, although cannot guarantee that the slaughtering, meat processing and distribution are error proof. Besides, there is a differential price, at least at the international market, based on sex and breed composition of the animals. Genetic markers allow identification of characteristics controlled in the beef cattle traceability program, as sex and breed composition, in order to correctly identify and appraise the final product for the consumer. The hypothesis of this study was that the majority beef samples retailed in the local market originate from female with a great participation of zebu breeds. Therefore, the objective of this work was to characterize retail beef samples with DNA markers that identify cattle sex and breed composition. Within 10 beef shops localized in Pirassununga, SP, Brazil, 61 samples were collected, all were genotyped as harboring Bos taurus mitochondrial DNA and 18 were positive for the Y chromosome amplification (male). For the marker sat1711b-Msp I the frequency of the allele A was 0.278 and for the marker Lhr-Hha I the frequency of the allele T was 0.417. The results of sat1711b-Msp I and Lhr-Hha I allelic frequencies are suggestive that the proportion of indicus genome compared with the taurine genome in the market meat is smaller than the observed in the Nellore breed. The procedure described in this study identified sex and subspecies characteristics of beef meat samples, with potential application in meat products certification in special as an auxiliary tool in beef cattle traceability programs.


Várias características são importantes no sistema de rastreabilidade, como o sexo, a idade, a raça e/ou a composição racial dos animais, além de dados da cadeia produtiva. Em geral, a empresa certificadora dispõe das informações do animal que está sendo abatido, porém não tem condições de garantir se houve erro entre abate, desossa, processamento e a distribuição dos produtos. Existe diferenciação no custo e na qualidade dos produtos cárneos, especialmente no mercado internacional, em virtude do sexo e composição racial dos animais. Os marcadores genéticos permitem identificar as características que são controladas num programa de rastreabilidade bovina tais como sexo e composição racial, permitindo identificar e avaliar corretamente para o consumidor, o produto final. A hipótese deste estudo foi que a maioria das amostras de carne bovina vendida no mercado local seria proveniente de fêmeas e com grande participação de raças Zebu. O objetivo deste trabalho foi caracterizar amostras de carne bovina com marcadores de DNA para identificar o sexo e a composição racial. Em dez pontos comerciais da cidade de Pirasssununga, SP, Brasil, foram coletadas 61 amostras e todas foram genotipadas como possuindo DNA mitocondrial Bos taurus e 18 foram positivos para amplificação do cromossomo Y (macho). Para o marcador sat1711b-Msp I a frequência alélica do A foi 0.278 e para o marcador Lhr-Hha I a frequência alélica do T foi 0.417. Os resultados das frequências alélicas do sat1711b-Msp I e Lhr-Hha I apresentaram menor proporção do genoma Bos indicus em relação ao Bos taurus quando comparado ao rebanho Nelore. Com a metodologia descrita neste trabalho foi possível avaliar o sexo e as características de subespécie das amostras de carne bovina, tendo uma importante aplicação para a certificação de produtos cárneos especialmente, em programas de rastreabilidade animal.


Subject(s)
Animals , Cattle/classification , Product Surveillance, Postmarketing/methods , Genetic Markers
17.
Rev. nutr ; 23(1): 37-47, jan.-fev. 2010. ilus, graf, tab
Article in English | LILACS | ID: lil-547927

ABSTRACT

OBJECTIVE: The aim of this work was to investigate the occurrence of Roundup Ready soybean in enteral nutrition formulas sold in Brazil. METHODS: A duplex Polymerase Chain Reaction based on the amplification of the lectin gene and the construction of the recombinant deoxyribonucleic acid of transgenic glyphosate-tolerant soybean (35S promoter and chloroplast transit peptide gene) was performed in order to analyze the deoxyribonucleic acid obtained from nine soy protein isolate-containing formulas. RESULTS: Despite the highly processed nature of the food matrices, amplifiable deoxyribonucleic acid templates were obtained from all tested samples, as judged by the amplification of the lectin gene sequence. However, amplicons relative to the presence of Roundup Ready soybean were restricted to one of the nine enteral nutrition formulas analyzed as well as to the soybean reference powder, as expected. Quantitative analysis of the genetically modified formula by real-time Polymerase Chain Reaction showed a content of approximately 0.3 percent (w/w) of recombinant deoxyribonucleic acid from the Roundup Ready soybean. CONCLUSION: The results show that one of the formulas contained genetically modified soy, pointing to the need of regulating the use of transgenic substances and of specific labeling in this product category.


OBJETIVO: Investigar a ocorrência de soja transgênica em fórmulas de suporte nutricional comercializadas no Brasil. MÉTODOS: Foi desenvolvido o método da reação em cadeia da polimerase duplex, com base na amplificação do gene na lectina, e na construção do ácido desoxirribonucléico recombinante da soja transgênica tolerante a glifosato (promotor 35S e gene de peptídeo de trânsito de cloroplasto), a fim de avaliar o ácido desoxirribonucléico extraído a partir das nove fórmulas contendo isolado protéico de soja. RESULTADOS: Apesar do alto grau de processamento aos quais os produtos avaliados foram submetidos, foi possível extrair ácido desoxirribonucléico amplificável a partir de todas as amostras, demonstrado pela amplificação do gene endógeno (lectina). Adicionalmente, o fragmento relativo à modificação genética da soja transgênica foi detectado em uma das nove amostras avaliadas, bem como na amostra relativa ao material de referência contendo 1,0 por cento de organismo geneticamente modificado. As análises quantitativas realizadas a partir da reação em cadeia da polimerase em tempo real revelaram a presença de aproximadamente 0,3 por cento de ácido desoxirribonucléico recombinante derivado de organismo geneticamente modificado na amostra de fórmula que apresentou resultado positivo. CONCLUSÃO: Os resultados demonstram que uma das fórmulas analisadas apresentava ingredientes derivados de soja geneticamente modificada, apontando para a necessidade de regulamentar a utilização de transgênicos, e de rotulagem específica nessa categoria de produtos.


Subject(s)
Enteral Nutrition , Organisms, Genetically Modified , Polymerase Chain Reaction/methods , Soybeans
18.
Ciênc. agrotec., (Impr.) ; 32(1): 288-294, jan.-fev. 2008. tab
Article in Portuguese | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-479130

ABSTRACT

Este trabalho teve por objetivo analisar o impacto financeiro da implantação de um sistema de rastreabilidade bovina, utilizando brincos plásticos e bótons, nas propriedades rurais do Estado de Minas Gerais. Para estimar a quantidade de animais foram utilizados os dados da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER), a qual identificou, em maio de 2004, 309.551 propriedades rurais em Minas Gerais, com um total de 20.644.231 bovinos. A média de animais por propriedade foi de 67 bovinos. O custo levantado por esta pesquisa, tomando-se como referência os valores praticados por duas empresas certificadoras, para a implantação de um sistema de rastreabilidade, nas propriedades rurais do Estado, com 67 bovinos, variou entre R$6,39/animal e R$6,43/animal. Considerando que a receita adicional por animal rastreado variou de R$15,00 a R$30,00, pois a maioria dos frigoríficos tem remunerado os pecuaristas em R$1,00 a R$2,00 por arroba, conclui-se que a implantação do sistema de rastreabilidade possui viabilidade econômica, pois as receitas adicionais superam os custos da implantação.


This work aimed to analyse the financial impact of the implantation of a bovine traceability system using double plastic earrings, in the rural properties of Minas Gerais State. Data of the Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural were used, being identified on March, 2004, a total of 309,551 rural properties, with an average of 67 bovines per property. The cost for the implantation of a traceability system in the rural properties of the state, with 67 bovines, varied from R$6,39/animal to R$6,43/animal. Considering that the additional income per traced animal varies from R$15,00 to R$30,00, since the majority of slaughter houses have paid the ranchers from R$0,03 to R$0,07 per per weight unit of meat (pounds), it was concluded that the implantantion of the traceability system has an economical viability, as the additional incomes exceed the costs of implantation.

19.
Ciênc. agrotec., (Impr.) ; 31(5): 1310-1319, set.-out. 2007. ilus
Article in Portuguese | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-466520

ABSTRACT

Com o presente trabalho visou-se desenvolver um sistema de rastreabilidade aplicado à cadeia de produção do vinho. Foram utilizados a tecnologia de desenvolvimento JSP (Java Server Pages); o banco de dados MySQL; bem como o Tomcat, para servidor de JSP. O sistema para rastreabilidade do vinho desenvolvido é útil tanto para os produtores quanto para os consumidores por ser um indicador de segurança alimentar, visto que com ele é possível se rastrear a história da garrafa de um vinho desde o plantio da uva até o momento de seu consumo.


The present work aimed to develop a traceability system applied to the wine production chain. The JSP development technology (Java Server Pages), the MySQL data base, as well as the Tomcat for JSP server, have been used. The developed system for wine traceability is useful for the producers as well as for the consumers for being an indicator of food safety, since with it, it is possible to track the history of the bottle of a wine from the plantation of the grape to the moment of its consumption.

SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL