Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 178
Filter
1.
Acta Paul. Enferm. (Online) ; 35: eAPE03372, 2022. tab
Article in Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1364233

ABSTRACT

Resumo Objetivo Avaliar o conhecimento de agentes comunitários de saúde sobre pessoas com deficiência visual antes e após capacitação acerca da temática. Métodos Estudo descritivo e longitudinal, desenvolvido em três Unidades Básicas de Saúde em um município do interior do Ceará, entre os meses de dezembro de 2019 e maio de 2020. Participaram 13 agentes comunitários de saúde que trabalhavam nas referidas instituições. Os dados obtidos pela aplicação do questionário foram analisados pelo programa Statistical Package for the Social Sciences e Epi-Info. Resultados Os agentes comunitários de saúde eram, em sua maioria, mulheres com idade entre 41 e 50 anos (46,15%) e casados (69,23%). Mais da metade dos participantes estudaram apenas até o ensino médio (61,54%), e o mesmo número participou de curso técnico para agentes comunitários de saúde. Em relação ao tempo de trabalho como agentes comunitários de saúde, poucos exerciam essa função há mais de 20 anos (38,46%) e aproximadamente metade trabalhava na zona rural (53,85%). Foi observada aprendizagem após realização da capacitação, pois ocorreu acréscimo de respostas adequadas sobre termos comuns à temática, uma vez que os participantes da pesquisa passaram a compreender os conceitos de pessoa com deficiência, inclusão e acessibilidade. Foi possível observar que nenhum participante tinha treinamento sobre a temática, sendo relevante a capacitação ofertada por esse estudo. Conclusão Após realização da capacitação, foi possível observar aumento no número de respostas corretas, sensibilização e conscientização sobre a importância da temática, já que possuíam pessoas com deficiência em suas áreas de atuação.


Resumen Objetivo Evaluar los conocimientos de agentes comunitarios de salud sobre personas con discapacidad visual antes y después de una capacitación acerca del tema. Métodos Estudio descriptivo y longitudinal, llevado a cabo en tres Unidades Básicas de Salud en un municipio del interior del estado de Ceará, entre los meses de diciembre de 2019 y mayo de 2020. Participaron 13 agentes comunitarios de salud que trabajaban en las instituciones mencionadas. Los datos obtenidos tras la aplicación del cuestionario fueron analizados con el programa Statistical Package for the Social Sciences y Epi-Info. Resultados Los agentes comunitarios de salud eran mayormente mujeres entre 41 y 50 años de edad (46,15 %) y casados (69,23 %). Más de la mitad de los participantes estudiaron solamente hasta la educación secundaria (61,54 %) y el mismo número participó en un curso técnico para agentes comunitarios de salud. Con relación al tiempo de trabajo como agentes comunitarios de salud, pocos ejercían esa función hace más de 20 años (38,46 %) y aproximadamente la mitad trabajaba en la zona rural (53,85 %). Se observó el aprendizaje luego de la capacitación, pues hubo un incremento de respuestas correctas sobre términos comunes del tema, dado que los participantes del estudio comenzaron a comprender los conceptos sobre personas con discapacidad, inclusión y accesibilidad. Fue posible verificar que ningún participante había sido capacitado sobre el tema, por lo que la capacitación ofrecida por este estudio resultó relevante. Conclusión Luego de realizar la capacitación, fue posible observar un aumento en el número de respuestas correctas, sensibilización y concientización sobre la importancia de la temática, ya que en sus áreas de actuación había personas con discapacidad.


Abstract Objective Evaluate community health agents' knowledge about visually impaired people before and after training on the topic. Methods Descriptive and longitudinal study, developed in three primary health care services in a city in the interior of Ceará, between December 2019 and May 2020. The participants were 13 community health agents who worked at these institutions. The data obtained by applying the questionnaire were analyzed using Statistical Package for the Social Sciences and Epi-Info. Results most community health agents were women between 41 and 50 years of age (46.15%) and married (69.23%). More than half of the participants had only obtained a high school degree (61.54%), and the same number had taken a technical course for community health agents. As for their length of experience as community health agents, few had been working in this function for more than 20 years (38.46%) and about half worked in rural areas (53.85%). Learning was observed after the training, as the number of correct answers on common terms related to the topic increased, considering that the research participants began to understand the concepts of disabled people, inclusion and accessibility. It could be observed that none of the participants had been trained on the subject, showing the relevance of the training offered in this study. Conclusion After the training, an increase in the number of correct answers could be observed, as well as increased awareness about the importance of the topic, as there were people with disabilities in their activity areas.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adult , Middle Aged , Community Health Workers/education , Knowledge , Visually Impaired Persons , Professional Training , Epidemiology, Descriptive , Longitudinal Studies
2.
Interface (Botucatu, Online) ; 25(supl.1): e210306, 2021. ilus
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1286898

ABSTRACT

Agentes comunitárias de saúde (ACS) ocupam lugar estratégico no Sistema Único de Saúde (SUS). Este artigo objetiva analisar disputas quanto ao trabalho das ACS no contexto da pandemia de Covid-19, assim como experiências voluntárias análogas, refletindo sobre o futuro da profissão. Trata-se de uma pesquisa qualitativa de caráter analítico cujos dados são documentos e posições públicas de diversos sujeitos. As representações sindicais evocam a necessidade de capacitação e trabalho em home office. Gestores direcionaram o trabalho para o interior dos serviços e para ações de vigilância e não ofereceram apoio ao trabalho comunitário e de educação em saúde. Experiências de agentes voluntários apontam a importância de mais ACS no SUS e valores de solidariedade. Apresentam-se síntese das práticas, legitimidade e formação, indicando avanços e desafios da profissionalização. (AU)


Las agentes comunitarias de salud (ACS) ocupan un lugar estratégico en el Sistema Brasileño de Salud (SUS). El objetivo de este artículo es analizar disputas en lo que se refiere al trabajo de las ACS en el contexto de la pandemia de Covid-19, así como de experiencias voluntarias análogas, reflexionando sobre el futuro de la profesión. Se trata de una investigación cualitativa de carácter analítico, cuyos datos son documentos y posiciones públicas de diversos sujetos. Las representaciones sindicales evocan la necesidad de capacitación y trabajo en home office. Los gestores dirigieron el trabajo hacia el interior de los servicios, para acciones de vigilancia y no ofrecieron apoyo al trabajo comunitario y de educación en salud. Experiencias de agentes voluntarios señalan la importancia de más ACS en el SUS y valores de solidaridad. Se presenta la síntesis de las prácticas, legitimidad y formación, indicando avances y desafíos de la profesionalización. (AU)


Community health workers (CHW) occupy a strategic place in the Brazilian National Health System (SUS). This article aims to analyze disputes regarding the work of CHW in the context of the Covid-19 pandemic, as well as similar voluntary experiences, reflecting on the future of the profession. It is a qualitative research of an analytical character whose data are documents and public positions of several subjects. Union representations evoke the need for training and working from home. Managers directed the work inside the services, for surveillance actions and did not offer support to community work and health education. Experiences of volunteer agents point to the importance of more CHWs in the SUS as well as to values of solidarity. A synthesis of practices, legitimacy and education is presented, indicating advances and challenges of professionalization. (AU)


Subject(s)
Humans , Community Health Workers/education , Education, Professional , COVID-19 , Unified Health System
3.
Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online) ; 13: 880-885, jan.-dez. 2021. tab
Article in English, Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1252853

ABSTRACT

Objetivo: caracterizar o conhecimento dos agentes comunitários de saúde sobre trauma de extremidades. Método: trata-se de um estudo quantitativo, descritivo, realizado a partir do banco de dados da pesquisa intitulada "conhecimento de agentes comunitários de saúde sobre atendimento pré-hospitalar no suporte básico de vida - impacto das ações de extensão". os dados foram coletados por meio de questionário. a amostra foi composta por 15 agentes comunitários de saúde de uma unidade de saúde da família integrada em João Pessoa, paraíba, brasil. analisaram-se os dados por meio de estatística descritiva e foram apresentados os resultados em tabelas. Resultados: observa-se que a média de acertos no pós-teste sobre conhecimento no trauma de extremidades foi de 69,3%. Conclusão: evidenciou-se que o conhecimento dos agentes comunitários de saúde sobre traumas de extremidades, teve um aumento significativo após as intervenções educativas


Objective: to characterize the knowledge of community health agents about trauma to the extremities. Method: this is a quantitative, descriptive study, carried out from the research database titled "knowledge of community health agents on pre-hospital care in basic life support-impact of extension actions". data were collected through a questionnaire. the sample consisted of 15 community health agents from a integrated family health unit in João Pessoa, Paraíba, Brazil. data were analyzed using descriptive statistics and the results were presented in tables. Results: it was observed that the average of post-test hits in knowledge of extremity trauma was 69.3%. Conclusion: it was evidenced that the knowledge of community health agents on trauma of the extremities, had a significant increase after the educational interventions


Objetivo: caracterizar el conocimiento de los agentes de salud de la comunidad sobre trauma en las extremidades. Método: se trata de un estudio cuantitativo y descriptivo, realizado a partir de la base de datos de investigación titulada "conocimiento de los agentes sanitarios comunitarios sobre la atención prehospitalaria en las acciones básicas de apoyo a la vida-impacto de las acciones de extensión". los datos se recopilaron a través de un cuestionario. la muestra consistió en 15 agentes de salud comunitarios de una unidad integrada de salud familiar en joao pessoa, paraíba, brasil. los datos se analizaron utilizando estadísticas descriptivas y los resultados se presentaron en tablas. Resultados: se observó que el promedio de aciertos posteriores a la prueba en el conocimiento del trauma en las extremidades fue del 69,3%. Conclusión: se evidenizó que el conocimiento de los agentes de salud comunitarios sobre trauma de las extremidades, tuvo un aumento significativo después de las intervenciones educativas


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adult , Middle Aged , Wounds and Injuries/therapy , Community Health Workers/education , Prehospital Care/methods , Extremities/injuries , Health Centers , First Aid/methods
4.
SMAD, Rev. eletrônica saúde mental alcool drog ; 16(4): 13-22, out.-dez. 2020. ilus
Article in Portuguese | LILACS, INDEXPSI | ID: biblio-1280618

ABSTRACT

OBJETIVO: analisar a percepção de enfermeiras e agentes comunitários de saúde em relação ao suicídio antes e após uma intervenção educativa. MÉTODO: estudo quase experimental, do tipo antes e depois, de abordagem qualitativa, baseado no referencial teórico da Transferência de Conhecimento. Participaram do estudo duas enfermeiras e dez agentes comunitários de saúde de uma unidade básica de saúde de Campo Grande, do estado de Mato Grosso do Sul. Foi utilizada a técnica de grupo focal, para a coleta de dados, antes e após a intervenção educativa. A análise dos dados foi realizada por meio da técnica de Triangulação de Métodos. RESULTADOS: emergiram duas categorias da análise dos dados, "a percepção do suicídio nos seus diferentes aspectos", que traz percepções, compreensões e conceitos relacionados ao suicídio e "o contexto da assistência à saúde no comportamento suicida", que mostra como o suicídio é vivenciado pelos profissionais de saúde nos espaços de cuidado. CONCLUSÃO: a intervenção educativa favoreceu mudanças na percepção dos participantes referentes à identificação e abordagem do comportamento suicida, indicando a importância de ações dessa natureza para abordagens inerentes à prevenção do suicídio.


OBJECTIVE: to analyze the perception of nurses and community health agents in relation to suicide before and after an educational intervention. METHOD: a quasi-experimental research, of the before and after study type and with a qualitative approach, based on the theoretical framework of Knowledge Transfer. Two nurses and ten community health agents from a basic health unit in Campo Grande, state of Mato Grosso do Sul, participated in the study. The focus group technique was used for data collection before and after the educational intervention. Data analysis was performed using the technique of Triangulation of Methods. RESULTS: two categories of data analysis emerged: "the perception of suicide in its different aspects", which brings perceptions, understandings, and concepts related to suicide; and "the context of health care in suicidal behavior", which is characterized by how suicide is experienced by the health professionals in care contexts. CONCLUSION: the educational intervention fostered changes in the participants' perception regarding the identification and approach of suicidal behavior, indicating the importance of actions of this nature for approaches concerning suicide prevention.


OBJETIVO: analizar la percepción de enfermeras y agentes comunitarios de salud en relación con el suicidio, antes y después de una intervención educativa. MÉTODO: estudio cuasi experimental, del tipo antes y después, con enfoque cualitativo, basado en el marco teórico de la Transferencia de Conocimiento. Los participantes del estudio fueron dos enfermeras y diez agentes comunitarios de salud de una unidad básica de salud de Campo Grande en el estado de Mato Grosso do Sul. Se utilizó la técnica del grupo focal se utilizó para recopilar datos antes y después de la intervención educativa. El análisis de los datos se realizó mediante la técnica del Método de Triangulación. RESULTADOS: surgieron dos categorías de análisis de datos, "la percepción del suicidio en sus diferentes aspectos", que trae percepciones, entendimientos y conceptos relacionados con el suicidio y "el contexto de la atención en salud en el comportamiento suicida", que muestra cómo los profesionales de la salud experimentan el suicidio en los espacios de atención. CONCLUSIÓN: la intervención educativa favoreció cambios en la percepción de los participantes con respecto a la identificación y el enfoque del comportamiento suicida, lo que indica la importancia de acciones de esta naturaleza para abordajes inherentes a la prevención del suicidio.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adult , Middle Aged , Primary Health Care , Suicide/prevention & control , Community Health Workers/education , Education, Nursing , Disease Prevention , Nurses
5.
Physis (Rio J.) ; 30(3): e300328, 2020. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1135681

ABSTRACT

Resumo O estudo objetivou analisar os mecanismos de supervisão do trabalho dos agentes comunitários de saúde na Saúde da Família e examinar como a supervisão exercida repercute na organização do trabalho. Trata-se de estudo qualitativo realizado em Vitória da Conquista, Bahia. Utilizou-se como referencial analítico uma matriz composta por três dimensões: controle do trabalho, apoio ao trabalho e educação e formação. As informações foram obtidas por meio de três grupos focais, 33 entrevistas semiestruturadas, observação direta e análise documental. Os participantes do estudo foram 42 agentes, oito supervisores e cinco gestores. Os resultados demonstraram o predomínio da supervisão como "controle do trabalho". Evidenciou-se uma perspectiva produtivista, com o controle das atividades desenvolvidas, especialmente as visitas domiciliares. Os mecanismos de avaliação exerceram forte influência nas práticas desenvolvidas. A dimensão "apoio" demostrou que o suporte dos supervisores contribui para o aprimoramento do trabalho, maior satisfação e respaldo social. A sobrecarga de atividades e o insuficiente apoio institucional influenciaram negativamente na supervisão de apoio. A dimensão "prática educativa" evidenciou processos formativos pontuais, instrumentais e direcionado para o controle de agravos. Conclui-se que é importante considerar, na supervisão, os aspectos políticos e socioculturais e buscar o equilíbrio entre essas três dimensões.


Abstract The study aimed to analyze the supervision mechanisms regarding the work of Family Health community health workers (CHW) and how the practiced supervision affects the work organization. This is a qualitative study carried out in Vitória da Conquista, state of Bahia, Brazil. In the analytical referential, a matrix comprised three dimensions: work control, work support, education and training. Information was collected through three focus groups, 33 semi-structured interviews, direct observation, and document analysis. Study participants were 42 CHW, eight supervisors and five managers. The outcomes showed predominance of supervision as work control. A productive approach was noticed with the control of the developed activities, particularly home visits. Assessment mechanisms displayed a strong influence on the developed practices. The support dimension demonstrated that the supervisors support foment work performance, higher satisfaction and social support. Activity overcharge and the deficient institutional support negatively affected supportive supervision. The practical educational dimension displayed punctual and instrumental formative process directed to diseases control. We concluded that it is essential to take into account in the supervision the political and sociocultural aspects and pursue the balance among the three dimensions.


Subject(s)
Humans , Personnel Management , Primary Health Care , Community Health Workers/education , Community Health Workers/organization & administration , Health Management , National Health Strategies , Unified Health System , Brazil
6.
Rev. enferm. UERJ ; 27: :e42244, jan.-dez. 2019.
Article in Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1046054

ABSTRACT

Objetivo: avaliar o processo de educação permanente na capacitação de agentes comunitários de saúde (ACS) para a detecção de pessoas com demência na fase leve. Método: descritivo, comparando o desempenho dos sujeitos antes e após a oficina de aprendizagem. Após a aprovação pelo Comitê de Ética em Pesquisa, foi realizada oficina de capacitação com oito ACS de uma unidade básica de saúde, da cidade de Santos, em 2018. Antes e após a oficina foram aplicados questionários semiestruturados. Os dados foram tratados a partir da análise temática. Resultados: a falta de conhecimento sobre a demência aponta para a necessidade de investimento em educação permanente dos ACS como uma importante ferramenta a ser utilizada na detecção de casos iniciais. Conclusão: a educação permanente pode contribuir para o maior número de casos identificados nas fases iniciais da demência na atenção básica de forma que os encaminhamentos necessários e tratamentos possíveis sejam iniciados precocemente de forma a beneficiar pessoas e/ou suas famílias.


Objective: to evaluate the continuing professional development (CPD) process in capacitation of community health workers (CHWs) to detect early dementias. Method: this descriptive study compared the performance of eight CHWs from a Basic Health Unit in Santos, by applying semi-structured questionnaires before and after a CPD workshop held in 2018, after approval by the research ethics committee. The data were processed using thematic analysis. Results: the CHWs' lack of knowledge about dementia points to the need to invest in continuing professional development as an important tool to be used to detect early cases. Conclusion: continued professional development can contribute to identification of more cases in the early stages of dementia in primary care, so that necessary referrals and possible treatment are initiated early to benefit individuals and/or their families.


Objetivo: evaluar el proceso de educación permanente en la capacitación de agentes comunitarios de salud (ACS) para detección de personas con demencia en la fase leve. Método: estudio descriptivo, comparado el desempeño de las personas antes y después del taller de aprendizaje. Tras la aprobación del Comité de Ética en Investigación, se realizó un taller de capacitación con ocho ACS de una Unidad Básica de Salud de la ciudad de Santos, en 2018. Antes y después del taller, se aplicaron cuestionarios semiestructurados. Los datos fueron procesados desde el análisis temático. Resultados: la falta de conocimiento sobre la demencia apunta hacia la necesidad de inversión en educación permanente, por parte de los ACS, como una importante herramienta a ser utilizada en la detección de casos iniciales. Conclusión: la educación permanente puede contribuir a la identificación en la atención básica de mayor número de casos en las fases iniciales de la demencia de forma a que las derivaciones aplicables y los posibles tratamientos se inicien precozmente para poder beneficiar a las personas y/o a sus familias.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adult , Middle Aged , Community Health Workers , Community Health Workers/education , Dementia/prevention & control , Dementia/therapy , Education, Continuing , Health Policy , Primary Health Care , Health Centers , Epidemiology, Descriptive
7.
Saúde debate ; 43(spe5): 218-231, Dez. 2019. graf
Article in Portuguese | LILACS, ColecionaSUS, CONASS | ID: biblio-1101969

ABSTRACT

RESUMO O objetivo deste artigo foi apresentar um método qualitativo de abordagem da educação ambiental no processo de territorialização em saúde. O percurso metodológico que dá origem a este texto é uma pesquisa-ação cujo estudo é do tipo exploratório e descritivo de abordagem qualitativa por meio do desenvolvimento de oficinas. Foram realizados seis encontros para atender aos objetivos propostos. As atividades foram desenvolvidas por um moderador e contaram com a participação de 60 Agentes Comunitários de Saúde atuantes em um município de pequeno porte do interior e do litoral da Bahia. Os resultados apontam que, no processo de territorialização em saúde, é elementar a incorporação de novas práticas que demonstrem o território além de demarcações geográficas, valorizando a concepção ampliada de ambiente e suas relações com a saúde. Nesse ponto, surge como proposta a reorganização dos processos de trabalho, no sentido de buscar multidisciplinaridade, interdisciplinaridade e participação efetiva no processo de territorialização em saúde à luz da educação ambiental.


ABSTRACT This paper aims to present a method of qualitative approach to environmental education in the process of territorialization in health. The methodological path that gives rise to this text is an action-research whose study is exploratory and descriptive of qualitative approach through the development of workshops. Six meetings were held to meet the proposed objectives. The activities were developed by a moderator and were attended by 60 Community Health Workers working in a small municipality in both the countryside and the coast of Bahia. The results indicate that, in the process of territorialization in health, it is elementary to incorporate new practices that demonstrate the territory beyond geographical demarcations, valuing the broader conception of the environment and its relations with health. In that regard, the proposal that arises is the reorganization of work processes, in the sense of seeking multidisciplinarity, interdisciplinarity and effective participation in the process of territorialization in health, in light of environmental education.


Subject(s)
Local Health Systems , Community Health Workers/education , Environmental Health Education/methods
8.
Arq. ciências saúde UNIPAR ; 23(2): 89-95, maio-ago. 2019.
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-996686

ABSTRACT

O objetivo deste estudo foi comparar o conhecimento prévio e a assimilação das informações sobre giardíase pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) de Foz do Iguaçu após intervenção educativa. Trata-se de um estudo comparativo de abordagem quantitativa com 55 ACS, do distrito sanitário Norte de Foz do Iguaçu. Foi utilizado um questionário contendo 10 questões fechadas sobre a giardíase que foi aplicado em dois momentos sequenciais da pesquisa. Inicialmente, foi aplicado um questionário para a avaliação do conhecimento prévio dos ACS sobre a giardíase. Em seguida, foi ministrada uma palestra sobre a doença para esse público e, aplicado novamente o questionário para a avaliação da assimilação das informações sobre a giardíase. Os dados coletados foram analisados pelo programa BioEstat 5.0® e utilizado o teste de Poisson, com significância de 5%. Foram identificadas fragilidades no conhecimento dos ACS na avaliação prévia para as variáveis investigadas (p<0,05). Após a intervenção educativa, observou-se aumento na média de acertos em todas as variáveis estudadas (p<0,05). A intervenção educativa favorece conhecimento aos ACS, possibilitando mudança no panorama da giardíase e, consequentemente melhora na qualidade de saúde da população.


The objective of this study was to compare the prior knowledge and assimilation of information regarding giardiasis by the Health Community Agents (HCA) from Foz do Iguaçu after educational intervention. This is a comparative study of the quantitative approach using 55 HCA from the northern health district in Foz do Iguaçu. A questionnaire containing 10 yes-or-no questions about giardiasis that was applied in two sequential moments of the research. Initially, a questionnaire was applied for assessing the HCA's prior knowledge regarding giardiasis. Then, the subjects attended a lecture on the disease and then, the questionnaire was applied again for assessing the assimilation of information on giardiasis. The data collected were analyzed using BioEstat 5.0® and the Poisson test with 5% significance. Weak points in the knowledge of the HCA were identified in the previous assessment for the investigated variables (p<0.05). After the educational intervention, there was an increase in the average number of correct answers in all variables studied (p<0.05). The educational intervention favors the retention of knowledge by the HCA, allowing a change in the panorama of giardiasis and, consequently, an improvement in the health quality of the population.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Border Areas , Giardiasis/prevention & control , Community Health Workers/education , Parasitic Diseases/prevention & control , Primary Health Care , Water Pollution/prevention & control , Hygiene/education , Basic Sanitation/prevention & control , Lecture , Diarrhea/parasitology , Coliforms/analysis , Population Health
9.
Physis (Rio J.) ; 29(3): e290304, 2019. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1056947

ABSTRACT

Resumo O objetivo do estudo foi analisar o trabalho dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) e a metodologia do apoio matricial como elementos de fortalecimento da Atenção Primária à Saúde (APS), a partir das perspectivas e vivências dos agentes comunitários de saúde (ACS). Estudo qualitativo, realizado em seis municípios da Bahia. Os dados foram obtidos por entrevistas semiestruturadas com 43 ACS e observações de campo. Utilizou-se matriz analítica fundamentada nos atributos da APS abrangente: acesso, longitudinalidade do cuidado, resolutividade e orientação para a comunidade. Os resultados evidenciaram barreiras no acesso e limitações na aceitabilidade das ações coletivas. Evidenciaram-se atuação restrita na longitudinalidade e comprometimento no vínculo entre apoiadores e usuários. Destacou-se o incremento de atividades na saúde da família, embora tais ações contribuam timidamente para a resolutividade dos casos. As especificidades do território foram pouco consideradas e a participação comunitária não é devidamente estimulada. Por sua vez, o trabalho dos núcleos fortalece a intersetorialidade. As vivências dos agentes comunitários revelaram potencialidades e novos desafios na atuação do NASF.


Abstract This study aimed to analyze the work of the Family Health Support Centers (NASF) and the matrix support methodology, as elements for strengthening Primary Health Care (PHC), from the perspectives and experiences of community health workers (CHW). Qualitative study, performed in six towns in Bahia. We conducted semi-structured interviews with 43 CHW and field observations. We used the matrix analytic method based on the attributes of the comprehensive PHC: access, longitudinality of care, solvability and community guidance. The results highlighted barriers in access and limitations in the acceptability of collective actions. We found a limited operation in the longitudinality and in the commitment towards the link between supporters and users. The increase in family health activities was highlighted, although such actions developed contribute to the solvability of the cases bashfully. The particularities of the territory have been little considered and the community participation is not properly encouraged. In turn, we noted that the work of these centers strengthens intersectoriality. The experiences of the CHW revealed potentialities and new challenges in the operation of the NASF.


Subject(s)
Humans , Patient Care Team , Primary Health Care , Community Health Workers/education , Community Health Workers/organization & administration , National Health Strategies , Health Services Accessibility , Brazil , Public Health , Health Management , Qualitative Research
10.
Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online) ; 17(4): 865-869, Oct.-Dec. 2017. tab
Article in English | LILACS | ID: biblio-1041081

ABSTRACT

Abstract Objectives: to describe the process of development and the structure of an action-oriented guide for home visits (HVs) to mothers and infants by Community Health Workers (CHWs). The guide was adopted in a controlled trial aimed at assessing its efficacy in improving CHWs' performance. Methods: steps to develop the guide included: 1) Review of international and national standards and recommendations for community interventions for maternal and child care; 2) Assessment of perceived needs of CHWs and other Family Health professionals regarding prenatal and postnatal HVs; 3) Identification of elements to construct the guide. Results: the Guide provides action-oriented instructions for 10 HVs during prenatal and postnatal period up to 9 months instead of the 18 HVs currently recommended by Ministry of Health. Specific tasks for each visit including assessment and promotion of early child development (ECD) and an action-oriented risk classification are introduced as standardized operational practice. Conclusions: the described approach to guide construction allows adapting the guide contents to the health system context in Brazil and other countries interested in improving quality of HVs by CHWs. The guide, by identifying tasks to be carried out and actions to be taken at each HV, provides an innovative approach and represents a requisite for a more efficient and effective use of their time.


Resumo Objetivos: descrever o processo de desenvolvimento e a estrutura de um guia orientado por ações para visitas domiciliares (VDs) a mães e crianças por Agentes Comunitários de Saúde (ACSs). O guia foi aplicado em um estudo controlado visando avaliar sua eficácia em melhorar o desempenho dos ACSs. Métodos: os passos para desenvolvimento do guia incluíram: 1)Revisão das recomendações nacionais e internacionais para intervenções na comunidade em saúde materno-infantil; 2) Avaliação das necessidades de ACSs e outros profissionais das Equipes de Saúde da Família sobre VDs nos períodos pré e pós-natal; 3)Identificação dos princípios para construir o guia. Resultados: o Guia traz instruções para 10 VDs nos períodos pré e pós natal até os 9 meses, ao invés de 18 VDs atualmente recomendadas pelo Ministério da Saúde. Tarefas específicas para cada visita incluindo avaliação e promoção do desenvolvimento da primeira infância (DPI) e classificação de risco orientada por ações foram introduzidas como prática padronizada. Conclusões: a abordagem descrita para a construção do guia permite adaptar os conteúdos ao contexto do sistema de saúde do Brasil e de outros países interessados em melhorar a qualidade das VDs por ACSs. O guia, identificando tarefas e ações a serem realizadas a cada VD, oferece uma abordagem inovadora e representa um requisito para utilização mais eficiente e efetiva do tempo.


Subject(s)
Child Development , Community Health Workers/education , House Calls/trends , Postnatal Care , Prenatal Care , Child , Pregnant Women , Maternal-Child Health Services
11.
Interface (Botucatu, Online) ; 21(63): 833-844, out.-dez. 2017.
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-893414

ABSTRACT

Este artigo aborda a integração entre o cuidado em saúde mental e a atenção básica no Sistema Único de Saúde (SUS). Discute a participação dos tutores do Projeto Caminhos do Cuidado - Formação em crack, álcool e outras drogas para Agentes Comunitários de Saúde e Auxiliares e Técnicos de Enfermagem, e a contribuição da formação em Saúde Mental para sua vida profissional. A participação dos tutores foi analisada por banco de dados secundários, organizado a partir de formulários eletrônicos. Dos 890 questionários preenchidos, foram analisadas três questões abertas, utilizando-se a Análise de Conteúdo como método. A formação mostrou-se capaz de transformar a imagem de preconceito em relação aos usuários de álcool e outras drogas; essa mudança despertou novas possibilidades para o cuidado na Atenção Básica, além de desenvolver capacidades pedagógicas para a educação permanente em saúde.


The present paper approaches the integration between care in mental health and basic attention in Brazilian National Health System (SUS). The focus of the discussion is tutors' participation in Caminhos do Cuidado (Care Paths) Project- Training in Crack, Alcohol and other drugs given to Community Health Agents and Nursing Technicians and the contribution of Mental Health training for their professional lives. The tutors' participation was analyzed using a secondary data base organized from electronic forms. From a total of 890 questionnaires, we analyzed three open questions using content analysis as a method. The training revealed itself capable of transforming prejudiced images in relation to other drug users and this change has awakened new possibilities for care in primary health care, as well as it developed pedagogical capacities to be used in continuing education in health.


Este artículo aborda la integración entre el cuidado en salud mental y la atención básica en el Sistema Brasileño de Salud (SUS). Discute la participación de los tutores del Proyecto Caminos del Cuidado - Formación en crack, alcohol y otras drogas para Agentes Comunitarios de Salud y Auxiliares Técnicos de Enfermería y la contribución de la formación en Salud Mental para su vida profesional. La participación de los tutores fue analizada por banco de datos secundarios, organizado a partir de formularios electrónicos. De los 890 cuestionarios llenados, se analizaron tres preguntas abiertas, utilizándose como método el Análisis de Contenido. La formación se mostró capaz de transformar la imagen de prejuicio en relación a los usuarios de alcohol y de otras drogas; ese cambio despertó nuevas posibilidades para el cuidado en la Atención Básica, además de desarrollar capacidades pedagógicas para la educación permanente en salud.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Primary Health Care/organization & administration , Mental Health , Crack Cocaine , Community Health Workers/education , Education, Continuing/organization & administration
12.
RECIIS (Online) ; 11(4): 1-8, out.-dez. 2017.
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-883752

ABSTRACT

A Estratégia Saúde da Família, uma das mais bem sucedidas iniciativas para reorganização da AtençãoBásica no Brasil, traz como diferencial o Agente Comunitário de Saúde (ACS), trabalhador da saúde queatua como interlocutor, facilitando o acesso da comunidade a ações promotoras de saúde. No entanto, épouco conhecido o processo de orientação e formação destes trabalhadores para tratar de epidemias, como adengue. Neste contexto, salienta-se a importância da aproximação entre estudantes de Medicina e ACS paraque haja o fortalecimento não só da educação permanente destes trabalhadores, mas também da formaçãoacadêmica dos futuros médicos. O método adotado foi o grupo focal com seis agentes de uma UnidadeBásica de Saúde (UBS) no município de Jataí, Goiás, Brasil. O grupo focal foi conduzido por estudantes docurso de Medicina da Universidade Federal de Goiás, tendo como instrumento roteiro condutor elaboradopor professores e estudantes. Este roteiro foi construído com enfoque em Educação em Saúde, para garantira possibilidade de elaboração de futuras estratégias de ação pelos estudantes, contribuindo para a formaçãotransdisciplinar dos alunos. Em seguida, foi feita a Análise de Conteúdo para análise e interpretação dosdados. Os estudantes observaram que os agentes acreditam que as estratégias comunicacionais adotadassão efetivas e acessíveis. Entretanto, constataram que há falhas comunicacionais a serem sanadas, pois acomunidade continua relutante em por em prática seus conhecimentos, encontrando assim um desafioa ser trabalhado com os agentes comunitários ao longo de sua formação acadêmica, em busca de novasestratégias de ação para o combate da doença. Os alunos já começaram a elaborar suas estratégias de ação,com base em conhecimentos construídos sobre comunicação e saúde coletiva. Acredita-se que este trabalhoé de grande importância para desenvolver habilidades comunicacionais nos estudantes e para fortalecerseu compromisso com a responsividade social.(AU)


The Family Health Strategy represents one of the most successful initiatives for reorganization of primarycare in Brazil. It brings, as differential, the Community Health Workers (CHW), who acts facilitatingcommunity access to effective professional care in the form of health-promoting actions. However, the wayworkers receive training to manage epidemics, as dengue, is almost unknown. In this context, this projectaddresses the importance of bringing together medical students and CHW in order to strengthening not onlycontinuing education of CHW, but also the experienced learning of future physicians. The method adoptedwas the conduction of a focus group with six workers in a primary health care center in a mid-size town ofBrazilian midwest. The focus group was conducted by the tutor and students previously trained on dengueprevention and management. Students identified communicational gaps based on what was told by CHW ascorrect actions related to dengue control, allowing them to start developing action strategies. This approachnot only contributed for continuing education of workers but also became a effective transdisciplinary andinterprofessional education opportunity for the students involved in the process. CHWs believed theircommunication strategies about dengue are effective and affordable, however the students detected somecommunication failures and created opportunities to address these misconceptions. Students have alreadystarted developing their strategies based on knowledge acquired on public health and experienced practicesin the medical school. We believe that this project also offers a great importance for the development ofstudents'communication skills and increase their commitment and social accountability.


La Estrategia Salud de la Familia, una de las más exitosas iniciativas para la reorganización de la AtenciónBásica en Brasil, trae como diferencial el Agente Comunitario de Salud (ACS), trabajador de la salud queactúa como interlocutor, facilitando el acceso de la comunidad a acciones promotoras de salud. Sin embargo,es poco conocido el proceso de orientación y formación de estos trabajadores para tratar de epidemias,como el dengue. En este contexto, se destaca la importancia del acercamiento entre estudiantes de Medicinay ACS para que haya el fortalecimiento no sólo de la educación permanente de estos trabajadores, sinotambién de la formación académica de los futuros médicos. El método adoptado fue el grupo focal conseis agentes de una Unidad Básica de Salud (UBS) en el municipio de Jataí, Goiás, Brasil. El grupo focalfue conducido por estudiantes del curso de Medicina de la Universidad Federal de Goiás, teniendo comoinstrumento un guión conductor elaborado por profesores y estudiantes. Este itinerario fue construidocon enfoque en Educación en Salud, para garantizar la posibilidad de elaboración de futuras estrategias deacción por los estudiantes, contribuyendo a la formación transdisciplinaria de los alumnos. A continuación,se hizo el Análisis de Contenido para análisis e interpretación de los datos. Los estudiantes observaron quelos agentes creen que las estrategias comunicacionales adoptadas son efectivas y accesibles. Sin embargo,constataron que hay fallas comunicacionales a ser sanadas, pues la comunidad continúa reticente en poneren práctica sus conocimientos, encontrando así un desafío a ser trabajado con los agentes comunitarios a lolargo de su formación académica, en busca de nuevas estrategias de acción para desarrollar el combate dela enfermedad. Los alumnos ya comenzaron a elaborar sus estrategias de acción, con base en conocimientosconstruidos sobre comunicación y salud colectiva. Se cree que este trabajo es de gran importancia paradesarrollar habilidades comunicacionales en los estudiantes y para fortalecer su compromiso con laresponsividad social.


Subject(s)
Humans , Community Health Workers/education , Dengue/prevention & control , Health Education , Primary Health Care , Students, Medical , Brazil , National Health Strategies , Focus Groups , Health Promotion
13.
Rev. gaúch. enferm ; 38(4): e20170073, 2017. graf
Article in Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-960777

ABSTRACT

Resumo OBJETIVO Descrever a elaboração de um Objeto de Aprendizagem sobre doenças transmissíveis, sua identificação, vigilância e prevenção, para Agentes Comunitários de Saúde. MÉTODO Estudo qualitativo, exploratório, do tipo estudo de caso, realizado na Gerência Distrital Zona Norte - Eixo Baltazar da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre, de outubro de 2015 e janeiro de 2016. O estudo teve 58 participantes, composto pelas etapas: pesquisa de campo, análise de conteúdo de Bardin, e desenho do Objeto de Aprendizagem. RESULTADOS Traçou-se o perfil do profissional atuante naquela localidade; identificaram-se as doenças mais encontradas pelos agentes; e as necessidades em relação a um recurso tecnológico, permitindo delimitar conteúdo e estrutura do Objeto de Aprendizagem. CONCLUSÃO O Objeto de Aprendizagem constitui uma alternativa para a difusão do conhecimento sobre doenças transmissíveis, associando a tecnologia ao ensino, tornando mais atrativos e producentes o processo de aprendizagem e o trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde.


Resumen OBJETIVO Describir una elaboración de un Objeto de Aprendizaje sobre enfermedades transmisibles, su identificación, vigilancia y prevención, para Agentes Comunitarios de Salud. MÉTODO Estudio cualitativo, exploratorio, tipo de estudio de caso, realizado en la Gerencia Distrital Zona Norte - Eixo Baltazar de la Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre, de octubre de 2015 y enero de 2016. O estudio tuvo 58 participantes, Búsqueda de campo, análisis de contenido de Bardin, y dibujo del Objeto de Aprendizaje. RESULTADOS Traje o perfil del profesional actuante en la localidad; Identificarse como más y más para agentes; E como necesidades en relación a un recurso tecnológico, permitindo delimitar el contenido y la estructura del Objeto de Aprendizaje. CONCLUSIÓN O Objeto de Aprendizaje constitutiva de una alternativa para la difusión del conocimiento sobre las enfermedades transmisibles, asociado a la tecnología para el aprendizaje, tornando más atractivos y productivos, el proceso de aprendizaje y el trabajo de los Agentes Comunitarios de Salud.


Abstract OBJECTIVE To describe the creation of a learning object about communicable diseases and their identification, monitoring, and prevention for community health agents. METHOD The qualitative, exploratory, case study conducted in the North District Management Zone - Baltazar of the Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre, from October to January 2015 2016. The study had 58 participants and consisted of the stages field research, Bardin's content analysis, and design of the learning object. RESULTS The profile of the professionals working in the location was established. These agents identified the most commonly found diseases and stressed their needs in relation to a technological resource. The identified needs were considered to define the content and structure the learning object. CONCLUSION The learning object is an alternative method for sharing knowledge on communicable diseases. The tool allows the combination of technology with teaching, which makes the learning process and the work of the community health agents more rewarding and productive.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adult , Young Adult , Communicable Disease Control , Community Health Workers/education , Mobile Applications , User-Computer Interface , Surveys and Questionnaires , Video Games , Qualitative Research , Smartphone , Learning , Middle Aged
15.
Vitória da Conquista; s.n; 2016. 161 p. tab, graf.
Thesis in Portuguese | LILACS | ID: biblio-870380

ABSTRACT

O presente estudo busca a elaboração de um projeto pedagógico de capacitação para os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) em Vigilância em Saúde do Trabalhador (Visat) a partir da percepção dos próprios sujeitos. Desenvolvida no município de Vitória da Conquista-BA, a pesquisa é de natureza qualitativa ancorada no referencial teórico da pesquisa-ação. A primeira etapa dos resultados descreve a participação dos enfermeiros na pesquisa apresentando sua percepção a respeito da capacitação dos ACS em Visat e, a segunda etapa descreve a participação dos ACS, expondo sua percepção quanto às diversas ações de Saúde do Trabalhador e quanto à elaboração da proposta pedagógica. Os resultados da primeira etapa demonstraram que, embora os enfermeiros reconheçam que as ações de Saúde do Trabalhador fazem parte do rol de atribuições da Atenção Básica, eles não desenvolvem essas ações em sua rotina de trabalho na mesma proporção. Os enfermeiros concordaram que as ações de Saúde do Trabalhador devem ser desenvolvidas pelos ACS e evidenciaram interesse em apoiar os agentes desde que se construa uma capacitação fundamentada sobre os moldes da educação permanente e que, além de envolver os ACS, inclua-os no processo educativo. Constatou-se, também, que os ACS desenvolvem algumas ações de cuidado à saúde dos trabalhadores, entretanto, não possuem preparação prévia para lidar com as questões relacionadas à Visat, sendo referido por eles, unanimemente, a necessidade de capacitação nesta área. Os ACS elencaram conteúdos, metodologia e material didático para a construção da proposta pedagógica, expressando o desejo de participar de um processo educativo que ultrapasse as barreiras da capacitação e se constitua num legítimo processo de educação permanente. Portanto, a proposta pedagógica de qualificação dos ACS em Visat foi construída a partir da percepção dos próprios sujeitos, resultando num processo de valorização destes profissionais.


The present study aims to elaborate a pedagogical project of Community Agents of Health qualification on Workers Health Surveillance co-workers own perceptions. Developed in the city of Vitória da Conquista – BA, the research has a qualitative nature anchored on theorical references from action-research. The first step of the results describes the participation of nurses in the research presenting their perception regarding the training of ACS in Visat and the second step describes the participation of ACS, exposing their perception of the various Workers Health actions and on the development of pedagogical proposal. The results of the first stage showed that although nurses recognize the Workers Health actions are on the list of duties of Primary Heatlh Care, they do not develop these actions in their routine work in the same proportion. The nurses agree that workers health actions should be developed by ACS and showed interest in supporting the agents provided they build a training based on the patterns of permanent education and, in addition to involving the ACS, include them in the educational process. It is found also the ACS develop some care actions to the health of workers, however doesn't have a previous preparation to deal with issues related to Visat, been referred by them, unanimously, the need of training in the area. The ACS listed contents, methodology and didactic materials for the pedagogical proposal construction, expressing the desire of participate of a educative process which transcends the trainings boundaries and in constitutes a legitimate process on permanent education. Therefore, the pedagogic proposal of qualification of the ACS in Visat was constructed essentially by the perception of themselves, resulting in a valorization process for these professionals.


Subject(s)
Humans , Community Health Workers/education , Education, Continuing , Health Education , Primary Health Care , Surveillance of the Workers Health , Unified Health System , Mentoring
16.
CoDAS ; 27(6): 616-622, nov.-dez. 2015. tab, graf
Article in English | LILACS | ID: lil-770509

ABSTRACT

RESUMO Objetivo: Caracterizar a capacitação dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) na área da saúde auditiva infantil. Estratégia de pesquisa Foi realizada uma revisão sistemática da literatura no Portal de Pesquisa da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) e na Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Critérios de seleção: A estratégia de busca foi direcionada por uma questão específica "Como tem sido realizada a capacitação do Agente Comunitário de Saúde na área de saúde auditiva infantil?". Os critérios de seleção dos estudos envolveram a coerência com o tema proposto, pertencer à categoria artigo, dissertação ou tese e ser publicado na língua portuguesa. Análise dos dados: Foram localizados 2.687 estudos. Após análise do título e resumo, 8 estudos foram selecionados para leitura completa. Destes, apenas 4 atenderam aos critérios propostos e foram incluídos na revisão. Resultados: Os estudos apontaram como estratégias de capacitação dos ACS a aula presencial e as aulas a distância com o uso de videoconferência ou de CD-ROM. As capacitações foram consideradas efetivas. Foi apontado apenas um questionário de monitoramento sobre a audição e linguagem. Distintas possibilidades de atuação dos ACS foram identificadas. Conclusão: Atualmente, diferentes modalidades de ensino têm sido utilizadas para a capacitação do ACS na área de saúde auditiva infantil, todas se mostrando efetivas quanto à retenção do conhecimento. O ACS desempenha um papel importante na promoção e vigilância da saúde auditiva infantil.


ABSTRACT Purpose To characterize the training of Community Health Workers in the field of child hearing health. Research strategy A systematic literature review on Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) and Biblioteca Digital de Teses e Dissertações of USP databases was performed. Selection criteria The search strategy was oriented by the specific question: "How have the Community Health Workers been trained to work in the field of child hearing health?" The study selection criteria involved consistency with the proposed theme, belonging to the category of scientific papers, dissertation or thesis, and publication in Brazilian Portuguese. Data analysis : A total of 2,687 studies were found. After analyzing the title and abstract, eight studies were chosen for full reading, however, only four of them met the proposed criteria and were included in the review. Results The studies indicated live and virtual classes with the use of video conferencing or CD-ROM as training strategies for Community Health Workers. Trainings were effective. Only one questionnaire about hearing and language monitoring was described. Different possibilities for the activities of Community Health Workers were identified. Conclusion Different learning methodologies have been used for training the Community Health Worker in the field of child hearing health, and all of have proven effective for knowledge acquisition. Community Health Workers play an important role in promoting and monitoring child hearing health.


Subject(s)
Humans , Child Health/trends , Community Health Workers/education , Hearing , Brazil , Community Health Workers/trends , Health Promotion/trends , Hearing Loss/diagnosis
17.
Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online) ; 7(2): 2263-2276, abr.-jun. 2015.
Article in English, Portuguese | LILACS, BDENF | ID: lil-755368

ABSTRACT

Objective: To analyze the knowledge and actions performed by Community Health Agents (CHA), relatedto chronic non-communicable diseases (CNCDs) in elderly patients. Method: Qualitative and descriptive research. The data collection occurred through interviews with 20 ACS. The information was analyzed following the steps of content analysis. Results: The data converged for the construction of two categories. One is about knowledge for CHA performance, and the other the educative actions performed by CHA with the elderly population. Final considerations: They were identified limitations in the knowledge and actions developed by CHA regarding the CNCD in elderly, restricting the care concerning diseases such as diabetes and hypertension. This condition reflects in the work of these professionals, but it can be modified with educational actions intended to CHA, for which they can qualify their practices along with the elderly population.


Objetivo: Analisar os saberes e as ações realizados por Agentes Comunitários de Saúde (ACS) relativos às Doenças Crônicas Não-Transmissíveis (DCNT) em idosos. Método: Pesquisa qualitativa e descritiva. A coleta dos dados ocorreu por meio de entrevista junto a 20 ACS. As informações foram analisadas seguindo os passos da análise de conteúdo. Resultados: Os dados convergiram para a construção de duas categorias. Uma versa acerca do saber para a atuação dos ACS e a outra, as ações educativas executadas pelos ACS junto à população idosa. Considerações finais: Identificam-se limitações no saber e nas ações desenvolvidas pelos ACS referentes às DCNT em idosos, restringindo o cuidado para doenças como diabetes e hipertensão. Esta condição reflete no trabalho destes profissionais, mas pode ser modificada com ações educativas destinadas aos ACS, para que estes possam qualificar suas práticas junto à população idosa.


Objetivo: Analizar los saberes y las acciones de los agentes comunitarios de salud (ACS), relacionados con las enfermedades crónicas no transmisibles (ECNT) en ancianos. Método: Estudio cualitativo y descriptivo. La recogida de datos se produjo a través de entrevistas con 20 ACS. Las informaciones se analizaron siguiendo los pasos de análisis de contenido. Resultados: Los datos convergieron para la construcción de dos categorías. Una versa sobre el conocimiento para el trabajo de los ACS, y otra, las acciones educativas realizadas por ACS con la población anciana. Consideraciones finales: Identificar se las limitaciones en el conocimiento y acciones desarrolladas por ACS en relación con las ECNT en ancianos, la restricción de la atención de enfermedades como diabetes e hipertensión. Esta condición está reflejada en el trabajo de estos profesionales, pero se puede modificar con acciones educativas destinadas a los ACS, para que califiquen sus prácticas a lo largo de la población anciana.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adult , Aged , Community Health Workers/education , Chronic Disease/prevention & control , Health Promotion , Brazil
18.
Rio de Janeiro; s.n; 2015. 77 p. mapas, tab.
Thesis in Portuguese | LILACS | ID: lil-772836

ABSTRACT

Com a expansão da ESF no município do Rio de Janeiro, iniciada em 2009, a criação das Clínicas da Família (CF) e a instituição da ESF no Centros Municipais de Saúde (CMS), os ACS, além de desempenharem suas funções, recebem nova atribuição de estar na porta de entrada da unidade de saúde em um posto/local de serviço identificado pelo nome da equipe da qual faz parte e a qual o usuário deve procurar assim que chegar a unidade. No entanto, os ACS ao serem colocados neste local (recepção/porta de entrada) não recebem treinamento adequado e assumem a função de direcionar os usuários que chegam as unidades. O interesse em estudar a atuação e as percepções dos ACS neste contexto partiu da minha observação sobre a sua rotina nesse local, das discussões sobre o processo de trabalho e suas atribuições no mesmo. Esse estudo é uma abordagem qualitativa e a técnica utilizada foi a aplicação de entrevistas semiestruturadas para captar explicações e interpretações do que ocorre no grupo. Os resultados encontrados permitiram entender que os ACS apresentam contradições em sua atuação na recepção das unidades de atenção primária à saúde, percebendo-se nesse local ora como recepcionista ora como profissional de saúde. Assim, sua atuação oscila entre ser um facilitador de acesso ao médico ou acolher e tornar esse um espaço dialógico de negociações das necessidades de saúde...


Subject(s)
Humans , Community Health Workers/education , National Health Strategies , Health Centers , Outcome Assessment, Health Care , User Embracement , Primary Health Care
19.
Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online) ; 6(3): 882-888, jul.-set. 2014. tab
Article in English, Portuguese | LILACS, BDENF | ID: lil-719733

ABSTRACT

Objective: to know the actions of permanent education developed for Community Health Workers in the municipality of Montes Claros-Minas Gerais. Method: a qualitative study conducted with 15 Community Health Agents. The data were collected through interviews and analyzed using the Collective Subject Discourse. The study was approved by the Ethics Committee in Opinion 880/2007. Results: in 40% of the teams surveyed, the permanent education process did not occur. The agents reported that the overload of activities developed by the team contributed to the absence of completion of the permanent education. The choice of topics covered in permanent education was based on the daily practice of the Agents, in the Director of Primary Care Plan and is generally chosen by the coordinators. Conclusion: thus, it is necessary to raise awareness about the importance of permanent education for the qualification of the labor process of CHA.


Objetivo: conhecer as ações de educação permanente desenvolvidas para os Agentes Comunitários de Saúde do município de Montes Claros- MG. Método: estudo qualitativo realizado com 15 Agentes Comunitários de Saúde. Os dados foram coletados por meio da entrevista e analisados por meio do Discurso do Sujeito Coletivo. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética sob o Parecer 880/2007. Resultados: em 40% das equipes pesquisadas, o processo de educação permanente não ocorria. Os Agentes relataram que a sobrecarga de atividades desenvolvidas na equipe contribuiu para a ausência de realização de educação permanente. A escolha dos temas abordados na educação permanente baseia-se na prática cotidiana dos Agentes, no Plano Diretor da Atenção Básica, sendo geralmente escolhidos pelos coordenadores. Conclusão: assim, faz-se necessário sensibilizar quanto à importância da educação permanente para a qualificação do processo de trabalho dos ACS.


Objetivo: conocer las acciones de educación permanente desarrolladas para los trabajadores de salud comunitarios en el municipio de Montes Claros-Minas Gerais. Método: estudio cualitativo realizado con 15agentes comunitarios de salud. Los datos fueron recolectados a través de entrevistas y analizados utilizando el Discurso del Sujeto Colectivo. El estudio fue aprobado por el Comité de Ética en el Dictamen 880/2007. Resultados: en el 40% de los equipos estudiados, el proceso de educación permanente no se produjo. Los agentes reportaron que la sobrecarga de las actividades desarrolladas por el equipo contribuyó a la falta de finalización de la educación continua. La elección de los temas tratados en la educación permanente se basa en la práctica diaria de los agentes, en el Plan Director de Atención Primaria, siendo generalmente elegidos por los coordinadores. Conclusión: Por lo tanto, es necesario crear conciencia sobre la importancia de la educación continua para la cualificación de los procesos de trabajo de los ACS.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adult , Community Health Workers/education , Education, Continuing , Health Education , Brazil
20.
Rev. bras. enferm ; 67(4): 637-645, Jul-Aug/2014. tab
Article in Portuguese | LILACS, BDENF | ID: lil-722684

ABSTRACT

O estudo objetivou caracterizar as diferenças no processo de trabalho de agentes comunitários de saúde (ACS) em dois municípios sul-mato-grossenses, segundo sua percepção, frente às atividades desenvolvidas no controle da dengue e na saúde da família. Aplicaram-se entrevistas estruturadas a 57 ACS. Constatou-se que os ACS apresentavam características sociodemográficas semelhantes. Os de Rio Verde de Mato Grosso, que executavam apenas ações da saúde da família, não priorizaram o preenchimento da Ficha A. Em São Gabriel do Oeste, os ACS incorporaram as atividades do controle da dengue, extinguindo-se o Agente de Controle de Endemias, enquanto em Rio Verde de Mato Grosso ambos se mantiveram. Na percepção dos ACS de São Gabriel do Oeste, a acumulação dos dois programas não influiu em sua produtividade. A unificação das ações dos dois programas em um mesmo profissional se mostrou viável, sem prejuízos às atividades desenvolvidas.


The purpose of this study was to identify self-perceived differences in the work processes of community health agents (CHA) in two counties of Mato Grosso do Sul, regarding dengue control and Family Health Strategy (FHS) activities. Structured interviews were applied to 57 CHA. The subjects had similar sociodemographic characteristics. Agents in Rio Verde de Mato Grosso county, who performed only FHS tasks, failed to complete essential data of the Form A. In São Gabriel do Oeste county, CHA currently perform tasks pertaining to dengue fever control, previously conducted by Endemic Disease Control Agents (now abolished), while in Rio Verde de Mato Grosso county, dengue control remained assigned to the latter group. In São Gabriel do Oeste county, CHA did not view the double workload of two programs as affecting their professional productivity. The pooling of tasks from the two programs proved to be feasible, with no detrimental effects on performance.


El objetivo del estudio consistió en caracterizar las diferencias de trabajo de los ACS en los dos municipios de Mato Grosso do Sul, de acuerdo con su percepción, en las actividades desarrolladas de control de dengue y salud de la familia. Entrevistas estructuradas con 57 ACS constataron características sociodemográficas similares. En São Gabriel do Oeste, los agentes comunitarios de salud (ACS) incorporaron las actividades del control del dengue, suprimiendo a los agentes de control de endemias (ACE), mientras que en Rio Verde de Mato Grosso ambos se mantuvieron. Los de Rio Verde de Mato Grosso, que ejecutaban tan sólo acciones de salud de la familia, no priorizaron la Ficha A. En la percepción de los ACS de São Gabriel do Oeste, la acumulación de dos programas no influyó en su productividad. La unificación de acciones de los programas en un mismo profesional se mostró factible, sin problemas para las actividades desarrolladas.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Community Health Workers , Dengue/prevention & control , Family Health , Community Health Workers/education , Community Health Workers/organization & administration , Community Health Workers/statistics & numerical data , Educational Status , Program Evaluation
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL