Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 401
Filter
1.
Diagn. tratamento ; 27(3): 73-5, jul-set. 2022. Este editorial foi publicado em inglês na revista São Paulo Medical Journal, volume 140, edição número 4, de julho e agosto de 2022
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1380669

Subject(s)
Editorial
2.
Rev. psicol. (Fortaleza, Online) ; 13(2): http://www.periodicos.ufc.br/psicologiaufc/article/view/81113, jul./dez. 2022.
Article in Portuguese | LILACS, INDEXPSI | ID: biblio-1392059

ABSTRACT

O processo editorial de revistas científicas brasileiras surgiu na segunda metade do século XIX, com um atraso de cerca de dois séculos em relação à Europa, o que se encontra relacionado com as origens tardias da implantação da Universidade em nosso país. Buscando a recomposição dessa história, de sua expansão, avanços e desafios, tornam-se patentes as enormes dificuldades encontradas por instituições e editores para a consolidação científica, composição, publicação, divulgação e circulação dessas revistas constantemente ameaçadas de desaparecimento. No entanto, ao mesmo tempo, observa-se a persistência da luta, por elas travadas, para garantir a permanência de sua função uníssona: a de socializar e divulgar os conhecimentos científicos gerados no âmbito da pesquisa universitária e das sociedades científicas e da tarefa de articulá-los com o contexto histórico, social e político, única forma capaz de gerar processos de avaliação e mesura do alcance dos seus avanços científicos. Certamente, o sentido, a forma e o alcance dessas dificuldades assumiram formas diferentes em cada época e acompanharam as tensões com que são selados os conflitos entre os interesses científicos e os interesses do Capital. No contexto atual do processo de editoração científica realizado no Brasil, observa-se, por um lado, um ataque que consiste em negar as próprias conquistas da Ciência moderna e, por outro, uma subversão do próprio sentido da Ciência, que tem perdido sua autonomia de pesquisa, em função dos interesses do mercado. Tal estado de coisas é complexo e tem afetado profundamente não apenas o referido processo, mas também as instituições de ensino e de pesquisa nas quais ele tramita. Os problemas se avolumam, tanto do ponto de vista da precarização das condições materiais necessárias à pesquisa e à divulgação de seus resultados, quanto das condições humanas dos pesquisadores, cada vez mais pressionados para responder a uma demanda que é alheia aos seus propósitos científicos e muito mais vinculada aos interesses mercadológicos, cada vez mais sujeitos à tecnocracia, à burocracia e ao culto de modelos de desempenhos acadêmicos que geram o próprio descarte dos seus produtos, que ganham um valor cada vez mais efêmero. Numerosos são os editores de periódicos e partícipes do processo de produção do conhecimento científico brasileiro que se erguem contra esse estado de coisas, procurando garantir os princípios civilizatórios e humanos norteadores da Ciência. No âmbito da Psicologia, tem se configurado um esforço coletivo constante nessa direção, uma verdadeira batalha que não deixa de gerar um desgaste, que poderia ser evitado se as condições básicas do referido processo fossem asseguradas. Em face disso, esse número da Revista de Psicologia, que se avizinha da edição que, em 2023, marcará os seus 40 anos, rende uma homenagem a todos aqueles que, de forma verdadeiramente heroica, mantêm-se comprometidos em assegurar a continuidade, a qualidade e a ética do processo de editoração científica. Nos últimos 20 anos de trabalho em prol da Revista de Psicologia, sua equipe editorial como um todo tem observado que a demanda pela publicação de estudos e pesquisas vem aumentando significativamente, o que parece ser um fato solidário ao avanço e à ampliação da Pós-Graduação em Psicologia nas universidades brasileiras. O lado afirmativo da busca pelo escoamento da produção, nelas gerado, tem sido, ao mesmo tempo, fonte de novos desafios e da realização de um trabalho mais extenso e minucioso. Com isso, os periódicos são levados a adotar estratégias com o intuito de otimizarem o fluxo editorial (recepção, avaliação prévia, avaliação e preparação final dos textos) em conformidade com as recomendações cada vez mais exigentes de muitos dos indexadores de periódicos. Esse compromisso com a dinamização do trabalho e com a sua agilidade para o desenlace do processo editorial, tem sido muito difícil de ser observado e, isso, devido a vários fatores, dentre os quais os mais significativos são a falta de recursos para o pagamento de serviços especializados necessários à garantia da qualidade técnica dos periódicos, o alto percentual de submissões a ser acolhido e examinado e a recente tendência que tem se revelado, qual seja, a indisponibilidade de consultores para a realização da tarefa avaliativa dos textos submetidos à publicação. No caso desta última dificuldade, acima elencada, observa-se um problema de muito difícil enfrentamento, uma vez que o trabalho que consiste na emissão de pareceres é complexo, requer atenção e tempo significativo e não tem sido devidamente valorizado como um produto acadêmico a ser contabilizado à altura em relação às outras exigências que são feitas aos professores no contexto de suas atuações. Sendo uma tarefa eminentemente voluntária, a falta de incentivo à sua realização tende a gerar a sua recusa por parte dos consultores eleitos em função de sua comprovada maturidade científica pelos editores de revistas. O risco do agravamento dessa tendência pode vir a afetar de forma drástica a prática da avaliação dupla-cega, procedimento que tem se mostrado essencial para o controle de qualidade das publicações científicas em geral amplamente defendida por editores de periódicos científicos como garantidora da relevância, da coerência teórica e metodológica dos textos científicos. Nesse sentido, é urgente a discussão e a busca de estratégias mais efetivas e coletivas que possam garantir a manutenção da saúde dessa importante prática e de sua efetivação em tempo hábil, de modo a não comprometer a periodicidade das publicações. Em face de todos os problemas apontados, a presente edição da Revista de Psicologia rende uma homenagem a todos aqueles que, de forma verdadeiramente heroica, se mantém comprometidos em assegurar a continuidade, a qualidade e a ética do processo de editoração de todos os periódicos científicos brasileiros e, particularmente, a do nosso. Agradecemos e exaltamos todos os pesquisadores que contribuíram nos bastidores com o processo de avaliação e emissão de pareceres e outros tipos de trabalho igualmente relevantes à consecução de sua missão ao longo desses 39 anos de existência. Destaca-se, na atual edição, a incidência de um maior número de artigos dedicados a relatos de pesquisas realizadas numa pluralidade de instituições brasileiras de ensino superior, seguidas de estudos teóricos e relatos de experiência. Como tem sido costume, contamos ainda com uma conferência e uma resenha. De forma geral, esses textos tratam de problemas relativos aos campos da Psicologia social, da saúde coletiva, da saúde mental e ao das práticas clínicas de orientações diversas, reatualizando com isso a feição plural com que a Psicologia tem sido acolhida por este periódico.


Subject(s)
Editorial
3.
Diagn. tratamento ; 27(2): 29-30, abr-jun. 2022. Este editorial foi publicado em inglês na revista São Paulo Medical Journal, volume 139, edição número 1, de janeiro e fevereiro de 2021 (https://doi.org/10.1590/1516-3180.2021.139104022021)
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1369100
4.
Hist. enferm., Rev. eletronica ; 13(1): ed, 20220601.
Article in Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1373004

ABSTRACT

A História da Enfermagem Revista Eletrônica (HERE) é um marco na produção em história da pesquisa em Enfermagem e da Saúde no Brasil. Nasceu, em 2010, dos anseios de pesquisadores em história, no âmbito da Associação Brasileira de Enfermagem (ABEn), para ampliar e consolidar a construção científica, difundir métodos teóricos, filosóficos e metodológicos convergentes com o estudo histórico e sociocultural.


The História da Enfermagem Revista Eletrônica (HERE) is a milestone in the development of the history of research in nursing and health in Brazil. It was born, in 2010, from the yearnings of researchers of history, within the scope of the Associação Brasileira de Enfermagem ­ ABEn (Brazilian association of nursing), to expand and consolidate scientific knowledge, and to disseminate theoretical, philosophical, and methodological methods that converge with the study of historical and sociocultural events.


The História da Enfermagem Revista Eletrônica (HERE) is a milestone in the development of the history of research in nursing and health in Brazil. It was born, in 2010, from the yearnings of researchers of history, within the scope of the Associação Brasileira de Enfermagem (ABEn), to expand and consolidate scientific knowledge, and to disseminate theoretical, philosophical, and methodological methods that converge with the study of historical and sociocultural events.


Subject(s)
History, 21st Century , History of Nursing , Editorial , Editorial Policies
7.
Rev Rene (Online) ; 23: e72190, 2022.
Article in English, Spanish | LILACS | ID: biblio-1354760

ABSTRACT

No final de 2019, os primeiros casos de uma doença, que viria a ser conhecida como COVID-19 (do inglês Corona virus disease), surgiram em uma cidade chinesa conhecida por abrigar um mercado em que a presença de animais silvestres era relativamente comum e por possuir um laboratório de virologia do mais alto nível de segurança. Coincidência ou não, o debate acerca da origem da doença perpassa estes dois lugares e é de muito interesse político. Por ou-tro lado, a tragédia que se constituiu numa das pan-demias mais mortíferas já registradas, apresenta di-versos outros elementos mais ou menos importantes, dependendo do momento e do contexto....(AU)


Subject(s)
Editorial
9.
Ludovica pediátr ; 24(2): 5-7, dic.2021.
Article in Spanish | LILACS, Redbvs, BINACIS | ID: biblio-1363141

Subject(s)
Editorial
10.
Diagn. tratamento ; 26(4): 137-9, out-dez. 2021. Este editorial foi publicado em inglês na revista São Paulo Medical Journal, volume 139, edição número 6, de novembro e dezembro de 2021 (https://doi.org/10.1590/1516-3180.2021.139628062021)
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1348606
12.
Medisan ; 25(6)2021. ilus
Article in Spanish | LILACS, CUMED | ID: biblio-1356481

ABSTRACT

Con este artículo se desea honrar la memoria de la Lic. María Elena Jiménez Arias, fundadora del Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas de Santiago de Cuba y artífice de la revista Medisan, quien, desde un profundo conocimiento de la lengua española y el amor por su profesión, se dedicó a revisar y mejorar estilísticamente documentos biomédicos de muy variada índole durante cuatro décadas. Asimismo, fue loable su interés y placer en enseñar a redactar y publicar sobre medicina y otras ciencias afines, lo cual le concedió un meritorio lugar en la comunidad de profesionales de la salud de esta provincia y en el grupo de editores científicos de toda Cuba.


With this work it is wanted to honor the memory of the Lic. María Elena Jiménez Arias, founder of the Information Provincial Center of Medical Sciences from Santiago de Cuba and author of Medisan magazine, who, from a deep knowledge of the Spanish language and the love for her profession, devoted her life to stylistically revise and improve biomedical documents of very varied nature during four decades. Also, her interest and pleasure in teaching how to edit and publish on medicine and other similar sciences was commendable, that granted her a meritorious place in the community of health professionals from this province and in the group of scientific editors of all Cuba.


Subject(s)
Philology , Famous Persons , Editorial , Periodical
14.
Fisioter. Bras ; v.22(4): 500-501, Nov 2, 2021.
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1353363

ABSTRACT

A língua portuguesa, indubitavelmente, fora muito ferida nas últimas décadas. Em associação, a anedonia (lentificação da capacidade de sentir interesse e prazer), pairou na leitura de artigos científicos e\ou trabalhos de mestrado e doutorado. Os pesquisadores, salvo raras exceções, encontram-se "disfuncionais" no que tange aos comportamentos associados à recompensa ou a domínios de valência positiva, quando se inclinam para a leitura. Um primeiro parágrafo já é capaz de desconstruir a ideia de um trabalho brilhante, tipo aqueles ovos de Colombo. Realmente a língua portuguesa, quando bem aplicada, nos antecipa, nos motiva e faz eclodir um retorno "límbico" do "valeu a pena"... (AU)


Subject(s)
Editorial
15.
Medicina UPB ; 40(2): [1], 13 oct. 2021.
Article in Spanish | LILACS, COLNAL | ID: biblio-1342170

Subject(s)
Humans , Editorial
16.
Ludovica pediátr ; 24(1): 5-5, Ene.-Jul.2021.
Article in Spanish | LILACS, Redbvs, BINACIS | ID: biblio-1293216

Subject(s)
Retirement , Editorial
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL