Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 493
Filter
1.
Aquichan ; 22(1): e2212, ene. 26, 2022.
Article in English | LILACS, BDENF, COLNAL | ID: biblio-1353799

ABSTRACT

Objectives: To identify nursing interventions, their characteristics, and outcomes for promoting self-care in candidates for a bowel elimination ostomy. Materials and methods: A scoping review was carried out based on the Joanna Briggs Institute's recommendations. For this, studies published in Portuguese, English, and Spanish on the Web of Science, CINAHL, and Scopus databases and without a time limit were selected on November 9, 2020. Results: Of 2248 articles identified, 41 were included in this review. We identified 20 nursing interventions associated with the self-care of patients with an ostomy; most of them have gaps in their content, method, and frequency or dosing. More than 30 indicators were identified to assess the impact of nursing interventions; however, most of them were indirect assessments. Conclusion: There is scarce evidence regarding the different aspects that must be involved in nursing interventions for patients with a stoma. Moreover, there is no standardization in methods, frequency, or dosing of intervention. It is urgent to define the content, method, and frequency of nursing interventions necessary to promote self-care in patients with a bowel elimination ostomy and to use assessment tools that directly measure stoma self-care competence.


Objetivos: identificar las intervenciones de enfermería, sus características y resultados para promover el autocuidado en candidatos a estoma de eliminación intestinal. Materiales y métodos: se llevó a cabo una revisión de alcance con base en las recomendaciones del Instituto Joanna Briggs. Para este fin, se seleccionaron estudios publicados en portugués, inglés y español en las bases de datos Web of Science, CINAHL y Scopus al 9 de noviembre de 2020. Resultados: de un total de 2248 artículos identificados, se incluyeron 41 en esta revisión. Se identificaron 20 intervenciones de enfermería asociadas al autocuidado de pacientes con ostomía; la mayoría tiene lagunas en su contenido, método y frecuencia o dosis. Se identificaron más de treinta indicadores para evaluar el impacto de las intervenciones de enfermería; sin embargo, la mayoría de ellas fueron evaluaciones indirectas. Conclusión: es escasa la evidencia sobre los diferentes aspectos que deben considerarse en las intervenciones de enfermería para pacientes con estoma. Además, no existe una estandarización en los métodos, la frecuencia o la dosis de intervención. Es urgente definir el contenido, el método y la frecuencia de las intervenciones de enfermería necesarias para promover el autocuidado en pacientes con estoma de eliminación intestinal y utilizar herramientas de evaluación que midan directamente ese autocuidado.


Objetivos: identificar as intervenções de enfermagem, suas características e resultados para promover o autocuidado em candidatos à estomia intestinal de eliminação. Materiais e métodos: foi realizada uma revisão de escopo com base nas recomendações do Instituto Joanna Briggs. Para isso, foram selecionados estudos publicados em português, inglês e espanhol nas bases de dados Web of Science, CINAHL e Scopus de 9 de novembro de 2020. Resultados: de 2 248 artigos identificados, foram incluídos 41 nesta revisão. Foram identificadas 20 intervenções de enfermagem associadas ao autocuidado de pacientes com estomia; a maioria tem lacunas em seu conteúdo, método e frequência ou dose. Foram identificados mais de 30 indicadores para avaliar o impacto das intervenções de enfermagem; contudo, a maioria delas foi avaliação indireta. Conclusões: é escassa a evidência sobre os diferentes aspectos que devem ser considerados nas intervenções de enfermagem para pacientes com estomia. Além disso, não há um padrão nos métodos, na frequência ou na dose de intervenção. É urgente definir o conteúdo, o método e a frequência das intervenções de enfermagem necessárias para promover o autocuidado em pacientes com estomia intestinal de eliminação e utilizar ferramentas de avaliação que meçam diretamente esse autocuidado.


Subject(s)
Self Care , Ostomy , Patient Education as Topic , Evidence-Based Practice , Nursing Care
2.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 26: e20210105, 2022.
Article in Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1350743

ABSTRACT

Resumo Objetivo compreender a percepção da atuação das enfermeiras obstétricas em relação à assistência às mulheres atendidas em um Centro de Parto Normal. Método estudo descritivo, exploratório e de abordagem qualitativa, com a realização de entrevistas semiestruturadas com 11 enfermeiras obstétricas do Centro de Parto Normal Haydeê Pereira Sena, Pará, Brasil. As entrevistas foram realizadas pelo aplicativo WhatsApp®, na função de videochamada e no período de setembro a novembro de 2020, com a gravação utilizando o aplicativo Cube ACR. Os áudios foram transcritos e submetidos à análise de conteúdo na modalidade temática, com o suporte do software ATLAS.ti 8.0. Resultados a percepção do cuidado atribuído à enfermagem obstétrica se fundamenta no campo da humanização do pré-natal e nas ações de cuidado alinhadas às evidências científicas, fisiológicas e de autonomia da mulher no cuidado obstétrico. Conclusão a enfermagem obstétrica possui como foco a humanização centrada nas evidências do parto, o que fomenta um redesenho da assistência obstétrica.


Resumen Objetivo comprender la percepción de la actuación de las enfermeras obstétricas en relación a la asistencia a las mujeres atendidas en un Centro de Parto Normal. Método estudio descriptivo, exploratorio y con abordaje cualitativo, con la realización de entrevistas semiestructuradas a 11 enfermeras obstétricas del Centro de Parto Normal Haydeê Pereira Sena, Pará, Brasil. Las entrevistas se realizaron utilizando la aplicación móvil WhatsApp®, en la función de videollamada y en el periodo de septiembre a noviembre de 2020, con grabación utilizando la aplicación móvil Cube ACR. Los audios fueron transcriptos y sometidos a análisis de contenido en modo temático, con el soporte del software ATLAS.ti 8.0. Resultados la percepción del cuidado prestado en enfermería obstétrica se fundamenta en el campo de humanización del prenatal y de acciones de cuidado alineadas con la evidencia científica, fisiológicas y de autonomía de la mujer en el cuidado obstétrico. Conclusión la enfermería obstétrica instituye su trabajo con un enfoque de humanización centrado en la evidencia del parto, lo que propicia un rediseño de la atención obstétrica.


Abstract Objective To understand the perception of nurse-midwives' performance regarding the assistance provided to women admitted to a birth center. Method This was a descriptive exploratory study with a qualitative approach and semi-structured interviews with 11 nurse-midwives from the Haydeê Pereira Sena Birth Center (Pará State, Brazil). The interviews were conducted using the WhatsApp application, via video calls, from September to November 2020 and recorded using the Cube ACR application. The interviews were later transcribed and submitted to content analysis in thematic mode using the ATLAS.ti 8.0 software. Results The perception of care in obstetric nursing is based on humanizing prenatal care and care actions aligned with scientific evidence, physiology, and women's autonomy in obstetric care. Conclusion Obstetric nursing focuses on humanization and is centered on the evidence of childbirth, which encourages redesigning obstetric care.


Subject(s)
Humans , Female , Humanization of Assistance , Maternal-Child Health Services , Nursing Care , Obstetric Nursing , Prenatal Care , Personal Autonomy , Qualitative Research , Evidence-Based Practice , Nurse Midwives , Object Attachment
3.
Acta Paul. Enferm. (Online) ; 35: eAPE003202, 2022. tab, graf
Article in Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1364208

ABSTRACT

Resumo Objetivo Identificar os principais biomarcadores salivares descritos, assim como as técnicas empregadas para coleta das amostras de saliva, em estudos relacionados à avaliação da dor em pacientes submetidos a procedimentos dolorosos ou portadores de patologias dolorosas. Métodos Revisão integrativa da literatura, realizada pelas buscas bibliográficas nas bases Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), MEDLINE/PubMed, CINAHL e EMBASE, com recorte temporal de 2009 a 2019 e período de coleta de dados entre outubro e novembro de 2019. Foram utilizados Descritores em Saúde (DeCs)e Medical SubjectHeadings (MeSH), para responder à pergunta norteadora: Quais são e como são utilizados os biomarcadores salivares na avaliação da dor? Foi realizada uma análise descritiva dos artigos, sendo os dados extraídos e registrados em uma planilha desenvolvida para o presente estudo. Resultados Das 126 publicações identificadas, 22 artigos foram incluídos para a análise. Constatou-se que os artigos são, majoritariamente, desenvolvidos com adultos durante realização de procedimentos dolorosos ou portadores de patologias dolorosa. Os principais biomarcadores salivares avaliados foram a alfa-amilase e o cortisol, e as principais técnicas para coleta de saliva foram o Salivette® e a coleta passiva. Conclusão Os estudos indicam que a mensuração objetiva da dor é um desafio. Os principais biomarcadores salivares descritos são o cortisol e a alfa-amilase, sendo o Salivette®a principal técnica utilizada para coleta das amostras de saliva. A dosagem das moléculas salivares é incipiente e empregada de forma complementar na avaliação da dor em pacientes de diferentes faixas estárias, submetidos à procedimentos dolorosos ou portadores patologias dolorosas.


Resumen Objetivo Identificar los principales biomarcadores salivales descriptos, así como las técnicas utilizadas para la recolección de las muestras de saliva en estudios relacionados con la evaluación del dolor en pacientes sometidos a procedimientos dolorosos o con patologías dolorosas. Métodos Revisión integrativa de la literatura, realizada por medio de búsquedas bibliográficas en las bases Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), MEDLINE/PubMed, CINAHL y EMBASE, con un recorte temporal del 2009 al 2019 con un período de recolección de datos de octubre a noviembre de 2019. Se utilizaron Descriptores en Salud (DeCs) y Medical SubjectHeadings (MeSH), para responder a la pregunta orientadora: ¿Cuáles son los biomarcadores salivales en la evaluación del dolor y cómo se utilizan? Se realizó un análisis descriptivo de los artículos y los datos extraídos y registrados en una planilla desarrollada para el presente estudio. Resultados De las 126 publicaciones identificadas, se incluyeron 22 artículos para análisis. Se constató que los artículos están, mayoritariamente, desarrollados con adultos durante la realización de procedimientos dolorosos o con patologías dolorosas. Los principales biomarcadores salivales evaluados fueron alfa-amilasa y cortisol, y las principales técnicas para la recolección de saliva fueron Salivette® y la recolección pasiva. Conclusión Los estudios indican que la medición objetiva del dolor es un desafío. Los principales biomarcadores salivales que se describen son el cortisol y la alfa-amilasa y Salivette® la principal técnica utilizada para la recolección de muestras de saliva. La dosificación de las moléculas salivales es incipiente y utilizada de forma complementaria en la evaluación del dolor en pacientes de distintos grupos de edad, sometidos a procedimientos dolorosos o con patologías dolorosas.


Abstract Objective To identify the main salivary biomarkers described and the techniques used for saliva sample collection in studies related to pain assessment in patients undergoing painful procedures or experiencing painful diseases Methods An integrative literature review was conducted via bibliographic searches in the Virtual Health Library (VHL), MEDLINE/PubMed, CINAHL, and EMBASE databases for the period from 2009 to 2019; data were collected in October and November 2019. The DeCs health descriptors and the Medical Subject Headings (MeSH) were used to answer the guiding question: "Which salivary biomarkers are used in pain assessment and how are they employed?" A descriptive analysis of the articles was performed; data were collected and recorded in a spreadsheet developed for the present study. Results Of the 126 published articles identified, 22 articles were included for analysis. The articles were mainly regarding adults undergoing painful procedures or patients experiencing painful diseases. The main salivary biomarkers evaluated were alpha-amylase and cortisol, and the main saliva collection techniques were Salivette® and passive collection. Conclusion The studies indicated that objective pain measurement is a challenge. The main salivary biomarkers evaluated were cortisol and alpha-amylase, and the main technique employed for saliva sample collection was Salivette®. The dosage of salivary molecules is emerging for use as a complement in pain assessment in patients of different ages undergoing painful procedures or experiencing painful diseases.


Subject(s)
Humans , Infant, Newborn , Infant , Child, Preschool , Child , Adolescent , Adult , Middle Aged , Saliva , Pain Measurement , Hydrocortisone , Biomarkers , Diagnostic Techniques and Procedures , alpha-Amylases , Evidence-Based Practice , Anti-Inflammatory Agents
4.
Aquichan ; 21(4): e2143, Dec. 03, 2021.
Article in English | LILACS, BDENF, COLNAL | ID: biblio-1348881

ABSTRACT

Systematic reviews and meta-analyses are helpful methodological alternatives that combine, discuss, and assess the quality of the best available evidence through adequate and exhaustive searches of the literature. In the last decade, there has been an increase in systematic reviews and meta-analyses in nursing research. This article intends to reflect on the contributions of systematic reviews and meta-analyses to nursing education, research, and practice. Synthesizing the evidence through high-quality systematic reviews and meta-analyses adds to the disciplinary development of nursing; therefore, students and professionals in the field should be encouraged to employ these methodological tools in education and research and implement the results of these methods in clinical practice for making better decisions regarding the individual needs of patients.


Las revisiones sistemáticas y los metaanálisis son alternativas metodológicas útiles que, mediante búsquedas adecuadas y exhaustivas de la literatura, consiguen combinar, analizar y evaluar la calidad de la mejor evidencia disponible. En la última década ha habido un aumento en la publicación de revisiones sistemáticas y metaanálisis en la investigación en Enfermería. Este artículo tiene como propósito realizar una reflexión sobre las contribuciones de las revisiones sistemáticas y los metaanálisis en la educación, la investigación y la práctica de la Enfermería. Sintetizar la evidencia a través de revisiones sistemáticas y metaanálisis de buena calidad aporta al desarrollo disciplinar de la Enfermería, razón por la cual se debe estimular a estudiantes y profesionales de la disciplina a hacer uso de estas herramientas metodológicas en la educación y la investigación, así como la implementación de los resultados de estas metodologías en la práctica clínica, para la toma de mejores decisiones frente a las necesidades individuales de los pacientes.


As revisões sistemáticas e as metanálises são alternativas metodológicas úteis que, por meio de buscas adequadas e exaustivas da literatura, conseguem combinar, analisar e avaliar a qualidade da melhor evidência disponível. Na última década, houve um aumento na publicação de revisões sistemáticas e metanálises na pesquisa em Enfermagem. Nesse sentido, o objetivo deste artigo é realizar uma reflexão sobre as contribuições das revisões sistemáticas e das metanálises na educação, na pesquisa e na prática da Enfermagem. Sintetizar a evidência a partir de revisões sistemáticas e metanálise de boa qualidade contribui para o desenvolvimento da disciplina de Enfermagem, razão pela qual estudantes e profissionais da área devem ser estimulados a fazer uso dessas ferramentas metodológicas na educação e na pesquisa, bem como a implementar os resultados dessas metodologias na prática clínica, para a tomada de melhores decisões diante das necessidades individuais dos pacientes.


Subject(s)
Nursing Research , Meta-Analysis , Education, Nursing , Evidence-Based Practice , Systematic Review
5.
Aquichan ; 21(4): e2145, Dec. 03, 2021.
Article in English, Spanish | LILACS, BDENF, COLNAL | ID: biblio-1348887

ABSTRACT

Systematic reviews are essential to developing evidence-based nursing practice. The JBI, formerly known as the Joanna Briggs Institute, has contributed significantly to research through technical training on reviews. Cochrane Living Systematic Reviews and Systematic Reviews of Measurement Instruments have been approaches recently used by the scientific community. The purpose of Living Systematic Reviews is to continuously update priority issues, while Systematic Reviews of Measurement Instruments condense evidence on the validity of measurement instruments. This article overviews the JBI Systematic Review approaches and provides critical information about Cochrane Living Systematic Reviews and Systematic Reviews of Measurement Instruments. The use of these new approaches is necessary to maintain the evidence-based nursing practice and advance nursing knowledge.


Las revisiones sistemáticas son esenciales para el desarrollo de la práctica de enfermería basada en la evidencia. El JBI, conocido anteriormente como Joanna Briggs Institute, ha contribuido significativamente al desarrollo de la investigación mediante el entrenamiento técnico sobre revisiones. Las Revisiones Sistemáticas Vivas Cochrane y las Revisiones Sistemáticas de Instrumentos de Medición han sido enfoques recientemente utilizados por la comunidad científica. Las Revisiones Sistemáticas Vivas tienen como propósito generar actualizaciones continuas de temas prioritarios y las Revisiones Sistemáticas de Instrumentos de Medición aportan síntesis de evidencias relacionadas con la validez de los instrumentos de medida. Este artículo es una overview, que tiene como objetivo proporcionar una visión general sobre los abordajes de Revisiones Sistemáticas del JBI y brindar informaciones claves acerca de las Revisiones Sistemáticas Vivas Cochrane y las Revisiones Sistemáticas de Instrumentos de Medición. La utilización de estos nuevos abordajes es necesaria para mantener la práctica de enfermería basada en la evidencia y aportar al desarrollo del conocimiento enfermero.


As revisões sistemáticas são essenciais para o desenvolvimento da prática de enfermagem baseada em evidências. O JBI, conhecido anteriormente como Jhoanna Briggs Institute, contribuiu significativamente para o desenvolvimento da pesquisa mediante o treinamento técnico sobre revisões. As Revisões Sistemáticas Vivas Cochrane e as Revisões Sistemáticas de Instrumentos de Medição vêm sendo abordagens recentemente utilizadas pela comunidade científica. As Revisões Sistemáticas Vivas têm como objetivo gerar atualizações contínuas de temas prioritários e as Revisões Sistemáticas de Instrumentos de Medição contribuem com sínteses de evidências relacionadas com a validade dos instrumentos de medida. Este artigo é um overview, que tem como objetivo proporcionar uma visão geral sobre as abordagens de Revisões Sistemáticas do JBI e oferecer informações-chave sobre as Revisões Sistemáticas Vivas Cochrane e as Revisões Sistemáticas de Instrumentos de Medição. A utilização dessas novas abordagens é necessária para manter a prática de enfermagem baseada em evidências e contribuir para o desenvolvimento do conhecimento em enfermagem.


Subject(s)
Psychometrics , Evidence-Based Practice , Evidence-Based Nursing , Systematic Review , Nursing
6.
Diagn. tratamento ; 26(4): 164-9, out-dez. 2021. tab, tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1348618

ABSTRACT

Contextualização: A doença de Ménière é uma síndrome vestibular episódica, relacionada ao acúmulo de endolinfa no ducto coclear e no vestíbulo. A sintomatologia envolve a tríade vertigem, zumbido e perda auditiva, podendo ser incapacitante. Objetivos: Este estudo avaliou a efetividade das intervenções para a doença de Ménière, segundo as revisões sistemáticas da Colaboração Cochrane. Métodos: Trata-se de overview de revisões sistemáticas Cochrane. Procedeu-se à busca na Cochrane Library (2021), sendo utilizado o termo MeSH "vertigo". Todos os estudos relacionados à doença de Ménière foram incluídos. O desfecho primário de análise foi a melhora clínica. Foram avaliados desfechos secundários, sendo a melhora dos parâmetros audiométricos, da qualidade de vida e eventos adversos. Resultados: Sete estudos foram incluídos, totalizando 17 ensaios clínicos randomizados (ECRs) (n = 639 participantes). A utilização de diuréticos, a restrição de sal, cafeína e álcool e a terapia com pressão negativa não apresentaram evidência de efetividade. Houve evidência baixa e limitada para injeção intratimpânica de esteroides e injeção intratimpânica de gentamicina. A evidência foi insuficiente para o tratamento com betaistina e para o tratamento cirúrgico. Os estudos mostraram risco de redução dos níveis auditivos com injeção intratimpânica de gentamicina. Discussão: Houve heterogeneidade e a amostragem não permite concluir atualmente sobre a efetividade de qualquer intervenção proposta. Sugere-se a realização de novos ECRs, de qualidade, seguindo-se as recomendações do CONSORT Statement para melhor elucidação da questão. Conclusão: Não há suporte com bom nível de evidência atualmente para qualquer intervenção terapêutica para a doença de Ménière, à luz das revisões sistemáticas da Cochrane.


Subject(s)
Therapeutics , Dizziness , Evidence-Based Practice , Systematic Review , Meniere Disease
7.
Enferm. foco (Brasília) ; 12(5): 914-919, dez. 2021. ilus, tab
Article in Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1366869

ABSTRACT

Objetivo: Identificar o perfil metodológico, o nível de evidência e grau de recomendação das dissertações e teses produzidas nos programas de Pós-Graduação stricto sensu em Enfermagem do Estado do Ceará. Métodos: Estudo exploratório, descritivo e retrospectivo, do tipo bibliométrico, com a análise das dissertações e teses de programas de Pós-Graduação stricto sensu na área da Enfermagem no Ceará, no período de maio a junho de 2020, nos repositórios dos Programas. Resultados: Foram analisadas 832 produções, dessas 69% dissertações e 31% teses, com ano de defesa entre 1996 a junho de 2020, com maior prevalência de dissertações nos anos de 2016 e 2017 e teses em 2016 e 2018. Os estudos distribuíramse em quatro instituições do estado do Ceará, destacando a Universidade Federal do Ceará (71,7%). Quanto ao delineamento metodológico houve maior prevalência de estudos descritivos 93,7% e 84%, respectivamente, com nível de evidência cinco (90,4%) e grau de recomendação "D" (90%). Conclusão: Foi possível identificar o nível de evidência e grau de recomendação das dissertações e teses de enfermagem no estado do Ceará, destacando a necessidade de desenvolvimento estudos com maior nível de evidência cientifica. (AU)


Objective: To identify the methodological profile, the level of evidence and the degree of recommendation of the dissertations and theses produced in the stricto sensu Graduate Nursing programs in the State of Ceará. Methods: Exploratory, descriptive and retrospective study, of the bibliometric type, with the analysis of the dissertations and theses of stricto sensu graduate programs in the area of Nursing in Ceará, from May to June 2020, in the Program repositories. Results: 832 productions were analyzed, of these 69% dissertations and 31% theses, with a year of defense between 1996 to June 2020, with a higher prevalence of dissertations in the years 2016 and 2017 and theses in 2016 and 2018. The studies were distributed in four institutions in the state of Ceará, highlighting the Federal University of Ceará (71.7%). As for the methodological design, there was a higher prevalence of descriptive studies, 93.7% and 84%, respectively, with level of evidence five (90.4%) and degree of recommendation "D" (90%). Conclusion: It was possible to identify the level of evidence and degree of recommendation of nursing dissertations and theses in the state of Ceará, highlighting the need to develop studies with a higher level of scientific evidence. (AU)


Objetivo: Identificar el perfil metodológico, el nivel de evidencia y el grado de recomendación de las disertaciones y tesis producidas en los programas de Posgrado en Enfermería stricto sensu en el Estado de Ceará. Métodos: Estudio exploratorio, descriptivo y retrospectivo, de tipo bibliométrico, con el análisis de las disertaciones y tesis de los programas de posgrado stricto sensu en el área de Enfermería en Ceará, de mayo a junio de 2020, en los repositorios del Programa. Resultados: Se analizaron 832 producciones, de estas 69% disertaciones y 31% tesis, con un año de defensa entre 1996 a junio de 2020, con mayor prevalencia de disertaciones en los años 2016 y 2017 y tesis en 2016 y 2018. Los estudios se distribuyeron en cuatro instituciones del estado de Ceará, destacando la Universidad Federal de Ceará (71,7%). En cuanto al diseño metodológico, hubo una mayor prevalencia de estudios descriptivos, 93,7% y 84%, respectivamente, con nivel de evidencia cinco (90,4%) y grado de recomendación "D" (90%). Conclusión: Se pudo identificar el nivel de evidencia y grado de recomendación de disertaciones y tesis de enfermería en el estado de Ceará, destacando la necesidad de desarrollar estudios con un mayor nivel de evidencia científica. (AU)


Subject(s)
Nursing Research , Education, Nursing, Graduate , Evidence-Based Practice , Evidence-Based Nursing
8.
Enferm. foco (Brasília) ; 12(3): 461-468, dez. 2021. ilus, tab
Article in Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1352614

ABSTRACT

Objetivo: Analisar, a partir do ponto de vista dos preceptores, como o processo de formação na modalidade residência aborda as boas práticas recomendadas pelas diretrizes nacionais e internacionais de assistência ao parto normal. Método: Estudo qualitativo, exploratório-descritivo realizado com trinta e cinco preceptores, sendo 14 enfermeiros e 21 médicos que atuam nos serviços de obstetrícia da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal. Os dados foram coletados entre março a junho de 2018 por meio de entrevistas e analisadas de acordo com a Análise de Conteúdo de Bardin com o suporte dos Software NVivo®. Resultados: Foram codificadas cinco temáticas: abordagem das boas práticas de atenção ao parto normal; práticas desnecessárias que permanecem; normas e rotinas na assistência ao parto normal; processos de trabalho no cenário da residência e, busca e atualização das evidências para o ensino das boas práticas clínicas. Conclusão: O estudo evidenciou a necessidade de reorganização do cenário de ensino dos programas de residência com ações contínuas e direcionadas ao fortalecimento dos processos pedagógicos de forma a ampliar o potencial disruptivo dos novos profissionais de saúde. (AU)


Objective: To analyze, from the point of view of the preceptors, how the training process in the residency modality addresses the good practices recommended by the national and international guidelines for assistance in normal childbirth. Methods: Qualitative, exploratory descriptive study carried out with thirty-five preceptors, 14 nurses and 21 doctors who work in the obstetrics services of the State Department of Health of the Federal District. Data were collected between March and June 2018 through interviews and analyzed according to Bardin's Content Analysis with the support of NVivo® Software. Results: Five thematic categories were identified: addressing good practices in care for normal childbirth; unnecessary practices that remain; norms and routines in the assistance to normal childbirth; work processes in the residency setting, and search and update the evidence for teaching good clinical practices. Conclusion: The study showed the need to reorganize the teaching scenario for residency programs with continuous actions aimed at strengthening the pedagogical processes in order to expand the disruptive potential of new health professionals. (AU)


Objetivo: Analizar, desde el punto de vista de los preceptores, cómo el proceso de capacitación en la modalidad de residencia aborda las buenas prácticas recomendadas por las directrices nacionales e internacionales para la asistencia en el parto normal. Métodos: Estudio cualitativo exploratorio descriptivo realizado con treinta y cinco preceptores, 14 enfermeras y 21 médicos que trabajan en los servicios de obstetricia del Departamento de Salud del Estado del Distrito Federal. Los datos se recopilaron entre marzo y junio de 2018 a través de entrevistas y se analizaron de acuerdo con el Análisis de contenido de Bardin con el soporte del software NVivo®. Resultados: Se identificaron cinco categorías temáticas: abordar las buenas prácticas en la atención del parto normal; prácticas innecesarias que quedan; normas y rutinas en la asistencia al parto normal; procesos de trabajo en el entorno de residencia, y buscar y actualizar la evidencia para enseñar buenas prácticas clínicas. Conclusión: El estudio mostró la necesidad de reorganizar el escenario de enseñanza para los programas de residencia con acciones continuas dirigidas a fortalecer los procesos pedagógicos para expandir el potencial disruptivo de los nuevos profesionales de la salud. (AU)


Subject(s)
Professional Training , Mentors , Evidence-Based Practice , Natural Childbirth , Obstetrics
9.
RECIIS (Online) ; 15(4): 1029-1041, out.-dez. 2021. ilus
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1344163

ABSTRACT

Durante a trajetória na prática clínica e na pesquisa, o médico, professor e pesquisador Airton Tetelbom Stein compreendeu que para ser um bom médico é necessário um embasamento científico aprofundado. Em entrevista à Reciis, Stein discute sobre o conceito de Saúde Baseada em Evidências (SBE) na sua relevância de integrar as melhores evidências com a experiência clínica e os valores e as preferências do paciente. A partir da sua experiência na Medicina de Família e Comunidade (MFC), Stein enfatiza que epidemias e pandemias, como a da covid-19, revelam o impacto das mudanças climáticas na saúde da população. Ressalta que um dos pilares da Atenção Primária à Saúde (APS) é o entendimento sobre as causas do surgimento das doenças no âmbito populacional. Nesse sentido, nas dinâmicas sociais, sobretudo as midiáticas acerca da covid-19, o pesquisador esclarece que as decisões sobre o tratamento precoce, sobre tomar ou não a vacina, dizem respeito à valorização de pressupostos baseados em informações não sistematizadas em detrimento de metodologias robustas, referem-se às decisões individuais que impactam na saúde da população. "As pessoas que têm se negado a realizar a vacinação precisam entender que isso não é apenas uma liberdade individual". Airton Tetelbom Stein é professor titular da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA) e médico da família e comunidade do Grupo Hospitalar Conceição.


During his trajectory in clinical practice and in research, the physician, professor and researcher Airton Tetelbom Stein understood that, in order to be a good doctor, a deep scientific foundation is necessary. In an interview with Reciis, Stein discusses the concept of Evidence-Based Health in its relevance to integrate the best evidence with clinical experience and patients' values and preferences. Based on his experience in Family Practice, Stein emphasizes that epidemics and pandemics, such as covid-19, reveal the impact of climate change on the population's health. He also emphasizes that one of the pillars of Primary Health Care is the understanding of the causes of the emergence of diseases within the population. In this sense, in social dynamics, especially the mediatic dynamics about covid-19, Stein clarifies that decisions about early treatment, whether to vaccinate or not, concern the valuation of assumptions based on non-systematized information to the detriment of robust methodologies, refer to individual decisions that impact the health of the population. "People who have refused to vaccinate need to understand that this is not just a matter of individual freedom." Airton Tetelbom Stein is full professor of Public Health at the Federal University of Health Sciences of Porto Alegre (UFCSPA) and a family practice physician at Conceição Hospital Group.


Durante su trayectoria en la práctica clínica y la investigación, el médico, profesor e investigador Airton Tetelbom Stein comprendió que, para ser un buen médico, es necesaria una base científica profunda. En entrevista a Reciis, Stein analiza el concepto de Salud Basada en Evidencias (SBE) en su relevancia para integrar la mejor evidencia con la experiencia clínica y los valores y preferencias del paciente. Basado en su experiencia en Medicina Familiar y Comunitaria (MFC), Stein enfatiza que las epidemias y pandemias, como covid-19, revelan el impacto del cambio climático en la salud de la población. Destaca que uno de los pilares de la Atención Primaria de Salud (APS) es la comprensión de las causas de la aparición de enfermedades en el ámbito poblacional. En este sentido, en dinámica social, especialmente en los medios de comunicación sobre covid-19, Stein aclara que las decisiones sobre el tratamiento temprano, la decisión de vacunarse o no, tienen que ver con la valoración de supuestos basados en información no sistematizada en detrimento de metodologías robustas, se refieren a decisiones individuales que impactan en la salud de la población. "Las personas que se han negado a vacinarse deben comprender que esto no es solo una cuestión de libertad individual". Airton Tetelbom Stein es profesor de salud colectiva en la Universidad Federal de Ciencias de la Salud de Porto Alegre (UFCSPA) y médico de familia y comunidad en Grupo Hospitalar Conceição.


Subject(s)
Humans , Primary Health Care , Environmental Health , Information , Evidence-Based Practice , Pandemics , Communication , Earth, Planet , Epidemics
10.
Diagn. tratamento ; 26(3): 130-6, jul-set. 2021. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1291207

ABSTRACT

Contextualização: A pandemia do novo coronavírus causou até o momento cerca de 3 milhões de mortes no mundo e mudanças significativas na rotina da população. O distanciamento social, o uso de máscaras e as restrições gerais são preconizadas pelos governos como estratégias primárias obrigatórias não medicamentosas, que devem ser incorporadas à sociedade por muito tempo. Objetivo: O presente estudo teve como objetivo avaliar a eficácia das estratégias governamentais não medicamentosas para COVID­19. Desenho de estudo: Trata­se de scoping review. Metodologia: Procedeu­se à busca por estudos no Medline/PubMed, na Cochrane Library e na EMBASE. Foram utilizados descritores do DECS e não houve restrição geográfica e temporal das publicações. Os critérios de inclusão envolveram estudos em humanos abrangendo a exposição às estratégias governamentais não medicamentosas, sendo prioridade o distanciamento social, o uso de máscaras e o lockdown. Resultados: A estratégia de busca recuperou 377 citações e, destas, 10 estudos foram incluídos nessa revisão. Discussão: A maioria dos estudos envolve estudos observacionais e sugerem que o distanciamento social, o lockdown e o uso de máscaras faciais podem reduzir a incidência de novos casos de COVID­19. Conclusão: As estratégias de distanciamento físico, de lockdown e o uso de máscaras faciais apresentaram resultado benéfico na maioria dos estudos analisados, contribuindo para a redução de novos casos de COVID­19.


Subject(s)
National Health Strategies , Disease Prevention , Evidence-Based Practice , Physical Distancing , COVID-19/prevention & control , Masks , Efficacy
11.
Diagn. tratamento ; 26(3): 125-9, jul-set. 2021. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1291206

ABSTRACT

Contextualização: Os probióticos constituem microrganismos vivos que, em quantidades adequadas, podem ser benéficos à saúde. Foram incorporados a produtos industrializados e suplementos e, atualmente, são amplamente utilizados. Entretanto, os efeitos podem ser diferentes em crianças e adultos, o que demanda cautela quanto à generalização de seus efeitos e a utilização exagerada. Objetivo: O presente estudo teve como objetivo avaliar as revisões sistemáticas desenvolvidas pela Cochrane no que concerne às intervenções com probióticos para crianças. Metodologia: Trata-se de overview de revisões sistemáticas Cochrane. Procedeu-se à busca por revisões sistemáticas na Cochrane Library. Foi utilizado o termo MeSH "probióticos". Os critérios de inclusão envolveram intervenções quaisquer com probióticos para crianças. Resultados: A estratégia de busca recuperou 56 revisões sistemáticas e, destas, 11 foram incluídas, diante dos critérios de inclusão e exclusão estabelecidos, totalizando 50.647 participantes avaliados a partir de 277 ensaios clínicos randomizados. Discussão: A maior evidência, em nível moderado, para o uso de probióticos em crianças encontra respaldo nas revisões sistemáticas Cochrane no que tange à prevenção da diarreia concomitante ao uso de antibióticos e na prevenção da diarreia causada por Clostridium. Para análise e qualificação de melhor nível de evidência de outros desfechos, é necessária a realização de novos ensaios clínicos de qualidade. Conclusão: A utilização de probióticos, amplamente recomendada atualmente, não tem efetividade tão promissora encontrada nas revisões sistemáticas Cochrane realizadas até esse momento.


Subject(s)
Humans , Child , Randomized Controlled Trials as Topic , Probiotics/therapeutic use , Evidence-Based Practice , Systematic Reviews as Topic
12.
Porto Alegre; Editora Rede Unida; 20210619. 247 p.
Monography in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1348027

ABSTRACT

A obra que você tem a oportunidade de ter acesso foi produzida por servidores da rede de saúde pública do Amazonas e representa mais um dos muitos atos realizados em um território vasto e complexo e em um momento de extrema dificuldade, durante a maior crise sanitária da história do Amazonas, decorrente da pandemia de Covid-19. O convite para a reflexão e a produção do fazer cotidiano rapidamente germinou em mais de cem servidores, sem abrir mão da assistência nesse período de crise sanitária, transformando-se numa construção coletiva de conhecimentos. Esse quantitativo de servidores autores se refere à publicação simultânea pela SESAM de dois livros: este, voltado para os territórios da Atenção Básica (AB), e outro para a articulação intrínseca entre as políticas de educação permanente em saúde e a política de humanização que está em curso no SUS-AM. A ênfase dada à Atenção Básica (AB) nas ricas narrativas trazem a importância e o aspecto chave que a Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas dá a esse nível de atenção. O contato direto com a população propiciado pela atenção básica traz a certeza de que ninguém é tão pequeno que não possa ensinar e que ninguém é tão grande que não possa aprender, uma vez que a essência do conhecimento adquirido e aprimorado nesta seara advém o diálogo e dos encontros entre as pessoas e seus saberes, em todos os tipos de territórios. Apostamos assim no forte potencial da política da atenção básica para gerar movimentos que produzam cuidados cada vez mais humanizados.


Subject(s)
Primary Health Care , Public Health , Health Management , Evidence-Based Practice
13.
Aquichan ; 21(2): e2124, jun. 25, 2021.
Article in English | LILACS, BDENF, COLNAL | ID: biblio-1283789

ABSTRACT

This paper aims to consider the responsibilities of doctoral nurses to lead changes in practice through a very personal reflection of over 52 years in nursing. The reflective learning moves from an early training experience where I learned to 'do' to becoming a nursing professor with a doctoral qualification and an 'evidence-based doer.' The change witnessed has been considerable. As the highest educated professional, I have learned that doctoral nurses are responsible for leading and directly influencing clinical practice, either as a practitioner, an educator, or a researcher. They are capable of encouraging the development of critical thinking skills and helping practitioners to be curious, take risks with ideas, identify gaps in the evidence base, and be creative in their problem-solving. If the strategic vision for nurses globally is to provide the best quality of patient care, then evidence-based practice is key to leading from the head, hand, and heart. Doctoral nurses understand the patient benefits of a high staff-to-patient ratio and having a critical mass of university qualified nurses and must strive to influence policy to this effect. As each country, particularly in Latin America, develops a critical mass of doctorally qualified nurses, then they can harness their innovation, create new ways of working, attract them back into practice, and strengthen their political voice to lead strategic change. Doctoral nurses must develop their leadership skills and their confidence to lead. They have a responsibility to realise their potential and identify the opportunities to really make a difference.


El presente artículo tiene como objetivo considerar las responsabilidades de las enfermeras con doctorado de liderar cambios en la práctica a través de una reflexión muy personal de mis más de 52 años de experiencia en enfermería. El aprendizaje reflexivo transita de una experiencia de formación temprana en la que aprendí a "hacer" a convertirme en una profesora de enfermería con un título de doctorado y en una enfermera que actúa "con base en la evidencia". El cambio que he observado ha sido enorme. Como profesional con el más alto nivel educativo, he aprendido que las enfermeras con doctorado son responsables de liderar e influir directamente en la práctica clínica, ya sea como practicantes, educadoras o investigadoras, pues son capaces de fomentar el desarrollo de habilidades de pensamiento crítico y de ayudar a las practicantes a ser curiosas, a tomar riesgos en las ideas, a identificar lagunas en la evidencia y a ser creativas en la resolución de problemas. Si la visión estratégica de las enfermeras a nivel mundial es brindar la mejor calidad de atención al paciente, entonces la práctica basada en la evidencia es clave para liderar desde la cabeza, la mano y el corazón. Las enfermeras con doctorado comprenden los beneficios de contar tanto con una alta proporción de personal por paciente como con una masa crítica de enfermeras con título universitario y, por lo tanto, deben esforzarse por influir en las políticas para este fin. A medida que cada país, en particular en América Latina, desarrolla una masa crítica de enfermeras con doctorado, puede aprovechar su innovación, crear nuevas formas de trabajo, atraerlas nuevamente a la práctica y fortalecer su voz política para liderar el cambio estratégico. Las enfermeras con doctorado deben desarrollar sus habilidades de liderazgo y su confianza para liderar, puesto que tienen la responsabilidad de desarrollar su potencial e identificar las oportunidades para marcar la diferencia.


O objetivo deste artigo é identificar as responsabilidades das enfermeiras com doutorado de liderar mudanças na prática por meio de uma reflexão pessoal com base nos meus 52 anos de experiência em enfermagem. A aprendizagem reflexiva transita de uma experiência de formação precoce na qual aprendi a "fazer", a me tornar uma professora de enfermagem com título de doutorado e uma enfermeira que atua com base na evidência. A mudança que venho observando é enorme. Como profissional com mais alto nível educacional, aprendi que as enfermeiras com doutorado são as responsáveis por liderar e influenciar diretamente a prática clínica, seja como profissionais da saúde, seja como educadoras ou pesquisadoras, pois são capazes de fomentar o desenvolvimento de habilidades de pensamento crítico e de ajudar as profissionais da saúde a serem curiosas, a correr riscos com suas ideias, a identificar lacunas na evidência e a buscar solução de problemas. Se a visão estratégica das enfermeiras no âmbito mundial é oferecer melhor qualidade de atenção ao paciente, então a prática baseada na evidência é fundamental para liderar a partir da cabeça, da mão e do coração. As enfermeiras com doutorado compreendem os benefícios de contar tanto com uma alta proporção de pessoal por paciente quanto com um corpus crítico de enfermeiras com título universitário e, portanto, devem se esforçar por influenciar as políticas para esse objetivo. À medida que cada país, em particular na América Latina, desenvolve um corpus crítico de enfermeiras com doutorado, pode aproveitar sua inovação, criar formas de trabalho, atraí-las novamente para a prática e fortalecer sua voz política para liderar a mudança estratégia. As enfermeiras doutoras devem desenvolver suas habilidades de lideranças e sua confiança para liderar, visto que têm a responsabilidade de desenvolver seu potencial e identificar as oportunidades para fazer a diferença.


Subject(s)
Education, Graduate , Education, Nursing , Evidence-Based Practice , Leadership , Nurse Practitioners , Nursing, Practical , Nursing
14.
Porto Alegre; Editora Rede Unida; 20210505. 158 p.
Monography in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1348041

ABSTRACT

"Se me chamar só para dizer aos parentes que devem lavar as mãos e usar álcool em gel, eu não participo." "Vocês, brancos, só falam de desgraça. Queremos falar de vida, de alternativas." Essas são falas que carregam resistência, mas também esperança de que uma outra forma de produção de conhecimento e prática é possível. Foram ditas logo nos primeiros encontros por professores indígenas convidados a compor equipe para construção do curso Bem-Viver: Saúde Mental Indígena. A equipe contou com a participação de representantes de várias etnias junto com professores de diversos campo do conhecimento como psicologia, antropologia, medicina, ciências sociais e educação. Desse diálogo intercultural e interdisciplinar em um permanente exercício de compartilhamento de conhecimentos mas também de ignorâncias, trazemos nessa obra uma parte dessa produção e da experiência na elaboração do material escrito para formação de profissionais da saúde, educação, proteção social e lideranças comunitárias sobre Atenção Psicossocial em um contexto de enfrentamento da COVID-19 nos territórios indígenas na Amazônia Brasileira.


Subject(s)
Public Health , Evidence-Based Practice , Mental Health in Ethnic Groups , Indigenous Peoples , Information Dissemination
15.
Rev. bras. oftalmol ; 80(2): 151-156, Mar.-Apr. 2021. tab
Article in English | SES-SP, LILACS, SES-SP, CONASS, SESSP-IDPCPROD, SES-SP | ID: biblio-1280104

ABSTRACT

ABSTRACT Retinal detachment (RD) is a common ophthalmic emergency that could bring permanent blindness if it is untreated or treatment is delayed. We conducted a review of Cochrane systematic reviews regarding retinal detachment interventions after a search strategy, we showed and analyzed the data narratively in Ophthalmologic Departure of Escola Paulista de Medicina-UNIFESP. As result, the group of pneumatic retinopexy was less susceptible to choroidal detachment and myopic shift as adverse events when compared with scleral buckle. Although there is no statistically significant difference in visual acuity between standard and heavy silicone oil and between C3F8 and silicone oil, the following interventions may present some benefits for RD: (a)LMWH with 5-FU versus placebo at high-risk of developing postoperative proliferative vitreoretinopathy (PVR); (b) silicone oil was favorable for macular attachment at 2 years compared to sulfur hexafluoride (SF6); (c) Retinal redetachment was reported in fewer participants in the Pars plana vitrectomy (PPV) group compared to the scleral buckling group. So, these points can be considered when choosing the technique to improve better results in cases of retinal detachment. In addition, there is still a need for studies with a prophylactic RD approach and studies with greater evidence of which surgical technique is most appropriate for each indication of RD considering the economic cost and the patient's quality of life.


RESUMO Descolamento de retina (DR) é uma emergência oftalmológica comum que pode evoluir como uma das causas de cegueira se não for tratada ou tiver o tratamento demorado. Esta é uma revisão de revisões sistemáticas da Cochrane sobre descolamento de retina, relacionada às intervenções realizadas no tratamento do DR, após uma estratégia de busca apresentamos e analisamos os dados narrativamente conduzida no departamento de oftalmologia da Escola Paulista de Medicina-UNIFESP. Como resultado, o grupo de retinopexia pneumática foi menos suscetível ao descolamento de coroide e miopização como efeito adverso em comparação ao grupo de introflexão escleral. Apesar de não ter diferença estatisticamente significante entre a acuidade visual entre o uso de óleo de silicone padrão versus pesado, nem entre C3F8 e óleo de silicone, as seguintes intervenções apresentaram benefícios para o tratamento: (a) Heparina de baixo peso molecular com 5 fluorouracil diminuíram o risco de evoluir com proliferação vítreo-retiniana; (b) Uso de silicone foi mais favorável como substituto vítreo na fixação macular em 2 anos comparado com o uso de hexafluoreto de enxofre; (c) Novo descolamento de retina foi menor em pacientes submetidos a Vitrectomia pars plana comparada ao grupo de introflexão escleral. Portanto, esses dados podem ser considerados na escolha da técnica empregada para obter melhores resultados nos casos de DR. Além disso, existe a necessidade de estudos de alto nível de evidência em busca do procedimento cirúrgico mais apropriado e profilático para DR, levando em consideração custo-benefício e qualidade de vida.


Subject(s)
Retinal Detachment/therapy , Evidence-Based Medicine , Evidence-Based Practice
16.
Rev. colomb. anestesiol ; 49(1): e501, Jan.-Mar. 2021. tab, graf
Article in English | LILACS, COLNAL | ID: biblio-1149799

ABSTRACT

Abstract Introduction Making decisions based on evidence has been a challenge for health professionals, given the need to have the tools and skills to carry out a critical appraisal of the evidence and assess the validity of the results. Systematic reviews of the literature (SRL) have been used widely to answer questions in the clinical field. Tools have been developed that support the appraisal of the quality of the studies. AMSTAR is one of these, validated and supported by reproducible evidence, which guides the methodological quality of the SRL. Objectives To show a historical, theoretical and practical guide for critical assessment of systematic reviews using AMSTAR to guide the argumental bases for their use according to the components of this methodological structure in health research, and to provide practical examples of how to apply this checklist. Methods We conducted a non-exhaustive review of literature in Pubmed and Cochrane Library using "AMSTAR" and "Systematic Reviews" as free terms without language or publication date limit; we also collected information from experts in the evaluation of the quality of the evidence. Conclusions AMSTAR is an instrument used, validated and supported by reproducible evidence for the evaluation of the internal validity of systematic reviews of the literature. It consists of 16 items that assess the overall methodological quality of a SRL. It is currently used indiscriminately and favorably, but it is not exempt from limitations and future updates based on new reproducibility and validation studies.


Resumen Introducción Tomar decisiones basadas en la evidencia ha sido un reto para profesionales de la salud; se requiere tener herramientas y habilidades para apreciar la evidencia críticamente y evaluar la validez de los resultados. Las revisiones sistemáticas de la literatura (RSL) han sido muy usadas para dar respuesta a preguntas del ámbito clínico. Se han desarrollado herramientas que apoyan la apreciación de la calidad de los estudios. El AMSTAR es una de estas, validada y soportada por evidencia reproducible que orienta la calidad metodológica de las RSL. Objetivos Mostrar un abordaje histórico, teórico y de guía práctica para la apreciación crítica de las revisiones sistemáticas con el AMSTAR, orientar las bases argumentales para su uso, según los componentes de esta estructura metodológica en investigación en salud, y proporcionar ejemplos prácticos sobre cómo aplicar esta lista de chequeo. Métodos Realizamos una revisión no exhaustiva de literatura en PubMed y The Cochrane Library con los términos libres "AMSTAR" y "revisiones sistemáticas'', sin límite de idioma o año de publicación; también, recolectamos información de expertos en evaluación de la calidad de la evidencia. Conclusiones El AMSTAR es un instrumento validado y soportado por evidencia reproducible para la evaluación de la validez interna de las revisiones sistemáticas de la literatura. Consiste en 16 ítems que evalúan de manera global la calidad metodológica de una RSL. Actualmente, se usa de manera indiscriminada y predilecta, pero no está exenta de limitaciones y futuras actualizaciones basadas en nuevos estudios de reproducibilidad y validación.


Subject(s)
Humans , Quality Assurance, Health Care , Epidemiologic Methods , Evidence-Based Practice , Review Literature as Topic , Meta-Analysis as Topic , Instruments for Management of Scientific Activity
17.
Rev. cuba. cir ; 60(1): e1068, ene.-mar. 2021. tab
Article in Spanish | LILACS, CUMED | ID: biblio-1289376

ABSTRACT

Introducción: Los Programas de Recuperación Posoperatoria Mejorada (Enhanced Revovery After Surgery, ERAS, por sus siglas en inglés), también denominados de "rehabilitación multimodal quirúrgica" o "Fast-track" constituyen estrategias perioperatorias para mejorar la recuperación postoperatoria de forma segura. Objetivo: Evaluar el conocimiento y la aplicación práctica de evidencias científicas actuales que sostienen a los programas de Recuperación Posoperatoria Mejorada. Métodos: Se realizó una investigación cualitativa en 5 servicios de cirugía general de hospitales universitarios de la capital. Se aplicó un cuestionario anónimo a 107 médicos especialistas y residentes de 3er. y 4to. año de la especialidad. Resultados: El 40 por ciento de los encuestados no tenía conocimiento de la existencia de los programas de rehabilitación multimodal. Las evidencias relacionadas con la descompresión naso-gástrica, el ayuno preoperatorio y la preparación mecánica del colon, fueron las menos conocidas, con porcientos de respuestas no acordes a evidencias actuales de 62,2 por ciento, 50,1 por ciento y 50,1 por ciento, respectivamente. Conclusiones: Importantes evidencias científicas actuales en varias acciones claves de la recuperación postoperatoria no son bien conocidas y por ende no han sido incorporadas a la práctica médica(AU)


Introduction: Enhanced recovery after surgery (ERAS) programs, also known as "surgical multimodal rehabilitation" or "fast-track," are perioperative strategies to improve postoperative recovery safely. Objective: To assess the knowledge and practical application of current scientific evidence that supports enhanced postoperative recovery programs. Methods: A qualitative investigation was carried out in five general surgery services of university hospitals in the capital of Cuba. An anonymous questionnaire was applied to 107 specialist physicians, as well as residents from the third and fourth academic years. Results: 40% of the respondents did not have any knowledge about the existence of multimodal rehabilitation programs. The evidences related to nasogastric decompression, preoperative fasting and mechanical preparation of the colon were the least known, with percentages of responses not in accordance with current evidence, being of 62.2 percent, 50.1 percent and 50.1 percent, respectively. Conclusions: Important current scientific evidences concerning several key actions of postoperative recovery are not well known and, therefore, have not been incorporated into medical practice(AU)


Subject(s)
Humans , Surveys and Questionnaires , Health Strategies , Enhanced Recovery After Surgery , General Surgery , Knowledge , Qualitative Research , Evidence-Based Practice/methods
18.
Diagn. tratamento ; 26(1): 27-34, jan.-mar. 2021. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1247981

ABSTRACT

Contexto: A COVID-19 é uma doença viral que surgiu recentemente e associada à síndrome da angústia respiratória severa (SARS). Seu potencial de gravidade e impacto na saúde da população e economia global é objeto primordial na busca por uma terapêutica eficaz e a ivermectina tem sido recomendada para prevenção e tratamento da COVID-19. Objetivo: Avaliar as evidências na literatura relativas ao uso de ivermectina para prevenção e tratamento de casos de COVID-19. Desenho de estudo: Trata-se de uma sinopse de evidências. Métodos: Procedeu-se a busca nas bases eletrônicas de dados PubMed (1966-2021), EMBASE (1974-2021) e Clinical Trials (2021) e em dois megabuscadores de evidências: Turning Research Into Practice (TRIP) database (2021) e Epstemonikos (2021). Não houve restrição geográfica e de idioma, sendo utilizados descritores e termos do DeCS (Descritores em Ciências da Saúde). O método de síntese envolveu a combinação de estudos semelhantes em uma revisão narrativa. Resultados: Foram identificadas 527 citações e 5 estudos foram incluídos. Há poucos ensaios clínicos concluídos e todos apresentam amostragem pequena. Discussão: A maioria dos estudos disponíveis na literatura respalda-se em respostas terapêuticas in vitro e a recomendação para uso em humanos tem-se baseado nos achados desses estudos. A questão não pode ser respondida com os estudos atuais, sendo recomendada a realização de ensaios clínicos de qualidade. Conclusões: Não há suporte atualmente na literatura para uso da ivermectina na prevenção ou tratamento COVID-19.


Subject(s)
Pneumonia , Ivermectin , Coronavirus Infections , Evidence-Based Practice
20.
Rev. bras. oftalmol ; 80(1): 42-48, jan.-fev. 2021. tab
Article in English | SES-SP, LILACS, SES-SP, CONASS, SESSP-IDPCPROD, SES-SP | ID: biblio-1251321

ABSTRACT

ABSTRACT Background: Retinopathy of prematurity (ROP) is a vasoproliferative retinal disorder that affects extremely premature infants and is the leading cause of irreversible blindness in childhood. Objective: This study presents a review of Cochrane systematic reviews about ROP. Methods: We analyzed and summarized the results of all intervention, prevention and treatment, from Cochrane Systematic Reviews (SR) for ROP designed to the highest standard of rigor to show the current position and propose studies that are missing for decision making. Results: Eight SR were analyzed in this study, four in prophylaxis and four in treatment of ROP. The outcome 'Beneficial effect of oral beta-blockers on progression to stage 3 ROP but not to stage 2 ROP with plus disease or to stage 4 or 5 ROP was the only one that presented moderate evidence quality, all the others outcomes presented evidence quality floating from low to very low. Conclusion: There is a lack of studies showing the quality of evidence in the treatment and prevention of retinopathy of prematurity, particularly in long-term outcomes after treatment in order to assess the impact and quality of life of these patients.


RESUMO Introdução: A retinopatia da prematuridade (ROP) é um distúrbio vasoproliferativo da retina que afeta recém nascidos extremamente prematuros e é a principal causa de cegueira irreversível na infância. Objetivo: Este estudo apresenta uma revisão das revisões sistemáticas da Cochrane sobre ROP. Métodos: Analisamos e resumimos os resultados de todas as intervenções, prevenção e tratamento, das revisões sistemáticas (SR) da Cochrane para ROP, projetada com o mais alto padrão de rigor para mostrar a posição atual e propor estudos que estão faltando para a tomada de decisão. Resultados: Oito RS foram analisados neste estudo, quatro em profilaxia e quatro em tratamento de ROP. O efeito benéfico dos betabloqueadores orais na progressão para a ROP do estágio 3, mas não para a ROP da fase 2 com doença positiva ou para a ROP da fase 4 ou 5 foi o único que apresentou qualidade de evidência moderada, todos os outros resultados apresentaram qualidade de evidência flutuante de baixo a muito baixo. Conclusão: Faltam estudos demonstrando a qualidade das evidências no tratamento e prevenção da retinopatia da prematuridade, principalmente em desfechos em longo prazo após o tratamento, a fim de avaliar o impacto e a qualidade de vida desses pacientes.


Subject(s)
Humans , Infant, Newborn , Quality of Life , Retinopathy of Prematurity/prevention & control , Retinopathy of Prematurity/therapy , Evidence-Based Medicine , Decision Making , Evidence-Based Practice
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL