Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 1.162
Filter
1.
J. coloproctol. (Rio J., Impr.) ; 41(2): 138-144, June 2021. graf, ilus
Article in English | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1286992

ABSTRACT

Abstract Due to the ethnopharmacological use of Campsiandra laurifolia (Fabaceae), popularly known as Acapurana, to treat wounds and ulcers, associated with the lack of alternative treatments for intestinal inflammations such as ulcerative colitis (UC), the present work sought to characterize its phytochemical and antioxidant activities, and to evaluate remedial action in experimental colitis with acetic acid. Phytochemical analyzes were performed through qualitative and quantitative colorimetric tests of the main secondary metabolites. In the colitismodel, 24male Wistar rats aged±60 days oldwere used, divided into 4 groups: Control (CO) control+aqueous extract of C. laurifolia 50mg/kg (CO+A50); Colitis (CL); and Colitis+aqueous extract of C. laurifolia 50 mg/kg (CL+ A50).Measurement of sphincter anal pressure and histological tests of the large intestine, lipoperoxidation (LPO), enzymeactivity of superoxide dismutase (SOD), and levels of glutathione (GSH)were performed. For statistical analysis, the oxidative stress (OS) results were expressed as means±standard error, adopting a significance level of p < 0.05. The screening indicated the presence of flavonoids, saponins and tannins in the extract, with high levels of phenolic


Resumo Devido ao uso etnofarmacológico de Campsiandra laurifolia (Fabaceae), popularmente conhecida comoAcapurana, para tratar feridas e úlceras, associado à falta dealternativas de tratamentos para as inflamações intestinais como a retocolite ulcerativa (RCU), o presente trabalho buscou caracterizar sua constituição fitoquímica, sua atividade antioxidante, e avaliar sua ação reparadora na colite experimental com ácido acético. As análises fitoquímicas foram realizadas por meio de ensaios colorimétricos qualitativos e quantitativos dos principaismetabólitos secundários.Nomodelo de colite, foramutilizados 24 ratos machos Wistar de±60 dias de idade, divididos em 4 grupos: Controle (CO), controle+ extrato aquoso de C. laurifolia 50mg/kg (CO+A50); Colite (CL); e Colite+extrato aquoso de C. laurifolia (CL+ A50). Foram realizadas aferições da pressão anal esfincteriana e avaliações histológicas do intestino grosso, lipoperoxidação (LPO), atividade da enzima superóxido dismutase (SOD) e níveis da glutationa (GSH). Para a análise estatística, resultados do estresse oxidativo (EO) foram expressos em médias±erro padrão, adotando um nível de significância de p < 0,05. O screening indicou no extrato a presença de flavonoides, saponinas e taninos com altos teores de compostos fenólicos e taninos, relacionando-os a uma elevada capacidade antioxidante. Na análise histológica, o grupo CL apresentou perda das criptas, do edema e do infiltrado inflamatório. O uso do extrato de C. laurifolia reestruturou as criptas, diminuiu o edema e aumentou a pressão anal esfincteriana, com diminuição da LPO, da SOD, e aumento da GSH. Sugere-se que o uso do extrato de C. laurifolia diminui o EO por seu poder antioxidante, conferido pelos compostos fenólicos presentes no extrato.


Subject(s)
Animals , Rats , Colitis/chemically induced , Antioxidants , Tannins , Rats, Wistar , Oxidative Stress , Acetic Acid , Phenolic Compounds , Fabaceae
2.
Brasília, DF; (DEPROS/SAPS/MS; 29 dez. 2020. 69 p. ilus, graf.
Non-conventional in Portuguese | LILACS, ColecionaSUS, PIE | ID: biblio-1344317

ABSTRACT

O problema: O consumo adequado de frutas, legumes e verduras (FLV) é indicado para prevenção e controle das doenças crônicas não transmissíveis (DCNT), responsáveis pelas principais causas de morbidade e mortalidade no Brasil. Contudo, apesar da existência de uma política de saúde persiste a dificuldade de se alcançar esse objetivo. Esta síntese rápida de evidências teve como propósito identificar estratégias que contribuem para aumentar o consumo de FLV. Opções para enfrentar o problema: A busca nas bases de dados resultou em 1.854 referências, sendo selecionadas 73 revisões sistemáticas (RS) para compor esta síntese narrativa. Na avaliação da qualidade metodológica (AMSTAR-2), uma revisão foi classificada como de confiança alta, três de confiança moderada, quatro de confiança baixa e 65 de confiança criticamente baixa. Sete opções para abordar o problema foram sintetizadas, agrupando-se as estratégias conforme sua similaridade quanto ao público e/ou local de oferta. Opção 1. Promoção do consumo de FLV em ambiente escolar: Os efeitos de intervenções com foco em estudantes ou na comunidade escolar foram avaliados em 34 RS. As estratégias, de modo geral, foram realizadas em escolas, algumas vezes com a participação dos pais, e incluíram: educação nutricional e mudanças nas políticas nutricionais e alimentares das instituições; aconselhamento e intervenções comportamentais; atividades envolvendo prática culinária e manejo de hortas; e divulgação eletrônica de hábitos alimentares saudáveis, dieta e saúde. A maioria das revisões concluiu que as intervenções foram efetivas, embora sejam apontadas incertezas quanto aos resultados de algumas delas. Opção 2. Oferta de subsídios financeiros em programas governamentais O uso de subsídios financeiros (descontos, vouchers, cupons, distribuição de alimentos) foi avaliado em 6 RS. As intervenções, que estavam relacionadas a programas governamentais, foram realizadas em pontos de venda, na comunidade ou em locais de trabalho. Os resultados foram favoráveis às intervenções, no entanto, mostraram-se pouco consistentes com relação às crianças beneficiárias do WIC (Special Supplementary Nutrition Program for Women, Infants and Children), programa amplamente implementado nos Estados Unidos. Opção 3. Incentivo à abertura de pontos de venda de alimentos saudáveis: Intervenções em pontos de venda foram analisadas por 6 RS. A maioria das estratégias se referia a abertura de mercados, supermercados, mercados itinerantes ou feiras em regiões que não possuíam esses tipos de comércios para a promoção do acesso a alimentos saudáveis. Também foram analisados os efeitos de estratégias de marketing utilizadas nos pontos de venda para promover o consumo de FLV. Embora os resultados, de maneira geral, tenham se mostrado favoráveis a essas intervenções, relatou-se também redução do consumo de FLV com a abertura de supermercados, e resultado indiferente com relação à publicidade. Opção 4. Uso de intervenções de telessaúde/eHealth para incentivar o consumo de FLV Dez RS avaliaram os efeitos de intervenções de telessaúde/eHealth, relacionadas a aplicativo de celular, computador e mensagens de texto (SMS), aconselhamento ou educação Estratégias para o aumento do consumo de frutas, legumes e verduras (FLV) nutricional, subsídios financeiros e jogos. O uso dessas tecnologias apresentou resultados positivos, no entanto, um estudo mostrou que o efeito não se manteve a longo prazo. Opção 5. Promoção do consumo de FLV na comunidade: Intervenções na comunidade foram analisadas em 12 RS, em geral envolvendo multicomponentes, incluindo educação nutricional, política nutricional, hortas, intervenções comportamentais, aconselhamento e atividades de culinária. Os resultados da maioria dos estudos foram favoráveis ao uso dessas intervenções, mas mostraram incertezas principalmente com relação à efetividade da educação nutricional. Opção 6. Promoção do consumo de FLV em locais de trabalho Cinco RS apresentaram os efeitos de intervenções nos locais de trabalho, como educação nutricional, política nutricional, distribuição de alimentos, divulgação, aconselhamento, culinária, descontos e hortas. As análises mostraram resultados positivos das intervenções, porém em uma revisão não se demonstrou efetividade de intervenções ambientais e de educação. Opção 7. Promoção do consumo de FLV por meio de serviços de saúde: Intervenções no contexto de serviços de saúde foram analisadas em 7 RS, envolvendo educação nutricional, aconselhamento, dietas específicas, e telessaúde. Embora as revisões tenham apresentado resultados favoráveis às intervenções, incertezas foram levantadas com relação à efetividade de consultas com profissionais, educação nutricional e intervenções envolvendo pares (pessoas com características e/ou em situações similares ao público-alvo, geralmente formadas para atuar como líderes). Considerações finais: Esta síntese rápida de evidências identificou uma ampla gama de estudos que mostraram a efetividade de intervenções de diferentes naturezas, realizadas em locais variados, para aumentar o consumo de FLV. Os estudos também levantaram algumas incertezas, apresentando às vezes resultados contraditórios, sendo necessário olhar para os detalhes das intervenções e os contextos de aplicação. Não são feitas aqui considerações sobre implementação e implicações relativas à equidade quanto a cada uma das opções, etapas consideradas importantes para a tomada de decisão


Subject(s)
Humans , Nutrition Programs/organization & administration , Eating , Diet, Healthy , Plants , Feeding Behavior , Fruit , Fabaceae
3.
Pesqui. vet. bras ; 40(12): 963-969, Dec. 2020. tab
Article in English | ID: biblio-1155046

ABSTRACT

This study aimed to assess the possible occurrence of reproductive changes in male goats associated with ingestion of Cenostigma pyramidale hay. Sixteen animals divided into two experimental groups, G1 and G2 (control group) were used. Animals in G1 received 2% of forage, based on live weight (LW), composed of 100% of C. pyramidale, and animals in G2 received 2% of Panicum maximum "Massai' grass hay, based on LW. Both groups received 1% of concentrated feed supplementation based on LW, along with mineralized salt and water ad libitum. The goats were subjected to weighing, testicular biometry, and semen and blood collection every 30 days. After 120 days, the animals were castrated and their testes were collected. Testicular measurements were performed and fragments were collected for histological processing to determine the gonadosomatic index (GSI), diameter of the seminiferous tubules, height of the germinal epithelium (HGE), volumetric proportion and volume of the testicular parenchyma components, total length of the seminiferous tubules, length of the seminiferous tubules per gram of testis, and leydigosomatic and tubulosomatic indexes. The data were evaluated for normality using the Student's t-test. Data with normal distribution were assessed using analysis of variance (ANOVA) and the non-parametric data were evaluated using the Kruskal-Wallis test, both at 5% probability. Statistically significant differences (p<0.05) were observed for GSI (G1=0.48 ±0.08 and G2=0.34 ±0.09) and HGE (G1=52.95 ±2.99 and G2=.47.63 ±2.67) between treatments. Consumption of C. pyramidale hay increased LW and, consequently, testicular weight, contributing to high GSI. In conclusion, ingestion of C. pyramidale has no toxic effect on the testicular, seminal and histological parameters of goat testis. Due to its nutritional characteristics, consumption of this plant improves animal body development. Because C. pyramidale is adapted to semi-arid regions, it can be an alternative source of feed for goats during periods of shortage.(AU)


Para avaliar a possível ocorrência de alterações reprodutivas em caprinos machos associado ao consumo de Cenostigma pyramidale, foram utilizados 16 animais divididos em dois grupos experimentais, G1 e G2 (grupo controle). Animais pertencentes ao G1 receberam 2% de volumoso, com base no peso vivo (PV), constituído de 100% de C. pyramidale e o G2 receberam 2%, com base no PV, de feno de Panicum maximum 'Massai'. Todos os grupos receberam 1%, com base no PV, de suplementação concentrada, além de sal mineralizado e água ad libitum. A cada 30 dias os animais eram submetidos à pesagem, biometria testicular e coletas de sêmen. O sêmen foi avaliado quanto ao volume, turbilhonamento, vigor, motilidade, concentração espermática, defeitos maiores, menores e totais. Após 120 dias os animais foram castrados e os testículos coletados. Foram realizadas as mensurações testiculares e coletados fragmentos para o processamento histológico, para determinação do índice gonadossomático, diâmetro dos túbulos seminíferos, altura do epitélio germinativo, proporção volumétrica e volume dos componentes do parênquima testicular, comprimento total dos túbulos seminíferos, comprimento de túbulo seminífero por grama de testículo, índices leydigossomático e tubulossomático. Os dados foram avaliados quanto à normalidade pelo teste t de Student, os dados com distribuição normal foram analisados por análise de variância com 5% de probabilidade e os não paramétricos, pelo teste de Kruskal-Wallis, a 5% de probabilidade. Houve diferenças significativas (p<0,05) para índice gonadossomático (G1=0,48±0,08 e G2=0,34±0,09) e altura do epitélio germinativo (G1=52,95±2,99 e G2=47,63±2,67) entre os tratamentos. O feno de catingueira promoveu aumento no peso corporal e consequentemente maior peso testicular, o que contribui para elevação do IGS. Concluiu-se que o consumo da C. pyramidale não possui efeito tóxico sobre os parâmetros testiculares, seminais e histológicos do testículo dos caprinos e que a planta, por suas características nutricionais promoveu melhora no desenvolvimento corporal dos animais e por ser uma planta adaptada ao clima do semiárido, se constitui uma fonte alternativa de alimentação para esta categoria animal, durante períodos de escassez de alimento.(AU)


Subject(s)
Animals , Male , Semen , Testis , Goats , Analysis of Variance , Semen Analysis , Fabaceae/chemistry
4.
Pesqui. vet. bras ; 40(11): 842-851, Nov. 2020. tab, ilus
Article in English | ID: biblio-1155027

ABSTRACT

Bovine Digital Dermatitis (BDD) was studied in crossbred dairy cows grazing in Rondon do Pará, in the state of Pará, as well as in Açailândia and Cidelândia, in the state of Maranhão, Brazilian Amazon biome. The digits inspection from the dairy cows during milking was performed in ten farms comprising four visits (August and November 2016; April and July 2017). The cows were kept all year in pastures, and were mechanically milked on concrete floors and the animals were protected against the rains in eight farms, maintaining a daily cleaning, however, it could not be found a concrete floor in pre- or post-milking to ensure milking parlor on three farms. Manual milking on no concrete floors was performed in two farms. No preventive measures against hoof lesions were adopted. The BDD prevalence was 1.3% (22/1664), and no statistical difference among rainy or no rainy season was obtained (p = 0.72). The BDD lesions were classified according to "M system" (M0 = no lesion, M1 = active ulceration <2cm, M2 = active ulceration >2cm, M3 = healing stage, M4 = chronic stage, M4.1 = M4 with active ulceration). Regarding the 22 BDD lesions observed, 22.7% (5/22) were M1 stage, 36.4% (8/22) M2, 22.7% (5/22) M3, 13.6% (3/22) M4 and 4.5 (1/22) M4.1. Hypertrophic hairs at the edges of the lesions caused by fly larvae of genus Cochliomyia spp. as well as alterations on the hoof were also observed. Topical treatment was performed in six BDD lesions with a raw extract from trees of the genus Copaifera reticulata (Copaiba oil) and compared with the treatment of salicylic acid paste in five BDD lesions. The lesions were protected with a bandage for seven days and followed weekly until recovery. The complete therapeutic responses were 83.4% (5/6) and 75% (3/4), respectively, with an average time of seven weeks. The BDD in the Amazon biome occurs in low prevalence, not seasonal, and presents macro and microscopic features similar to BDD lesions from dairy cattle kept in free-stall housing. The treatment with copaiba oil showed similar results to the treatment of salicylic acid paste and can be used in control measures to BDD in the Amazon biome.(AU)


A dermatite digital bovina (DDB) foi estudada em vacas mestiças leiteiras nos municípios de Rondon do Pará no Pará, Açailândia e Cidelândia no Maranhão, bioma amazônico brasileiro. Para tanto, foram realizadas quatro visitas a 10 propriedades, nos meses de agosto e novembro em 2016 e abril e julho em 2017, e realizada a inspeção dos dígitos de 1.664 vacas em lactação durante a ordenha. Nestas propriedades as vacas eram criadas a pasto durante todo o ano e ordenhadas mecanicamente em oito propriedades. As quais, as salas de ordenha tinham piso concretado, com proteção contra as chuvas e era realizada a limpeza diariamente. No entanto, em três dessas propriedades, as salas de pré ou pós ordenha tinham piso não concretado e em duas, a ordenha era manual em piso de chão batido. Em todas elas não havia medidas profiláticas para afecções podais. A prevalência de DDB foi de 1,3% (22/1.664) e não se obteve diferença estatística entre os períodos chuvoso e não chuvoso (P = 0,72). As lesões observadas foram classificadas de acordo com o sistema M (M0-sem lesão; M1-lesão ulcerada <2cm; M2-lesão ulcerada >2cm; M3-lesão em cicatrização; M4-lesão crônica; M4.1- M4 com área ulcerada). De 22 lesões observadas, 22,7% (5/22) apresentavam-se em estágio M1, 36,4% (8/22) em M2, 22,7% (5/22) em M3, 13,6% (3/22) em M4 e 4,5% (1/22) em M4.1. Pelos hipertrofiados nos bordos das lesões, larvas de moscas do gênero Cochliomyia spp. e alterações no tecido córneo também foram observados. Nas lesões de 11 bovinos, em seis, foi realizado o tratamento tópico com extrato bruto de Copaifera reticulata (óleo de copaíba) e em cinco, com a pasta de ácido salicílico a 660mg/g e ambos os tratamentos foram protegidos com bandagem por sete dias. Após, as lesões foram acompanhadas semanalmente até a cura e obteve-se um índice de 83,4% (5/6) e 75% (3/4) de cura com esses tratamentos, respectivamente, com uma média de 7 semanas. Conclui-se que no bioma amazônico a DDB ocorre em baixa prevalência, não sazonal e com características macroscópicas semelhantes às lesões de vacas leiteiras criadas em sistema free stall. O tratamento com o óleo da copaíba apresentou resultados semelhante ao ácido salicílico e pode ser uma alternativa como medida de controle da DDB no bioma amazônico.(AU)


Subject(s)
Animals , Female , Cattle , Digital Dermatitis/therapy , Fabaceae , Pasture , Salicylic Acid/therapeutic use
5.
Pesqui. vet. bras ; 40(10): 750-757, Oct. 2020. tab, ilus
Article in English | ID: biblio-1143407

ABSTRACT

Determining if reproductive failures in ewes at the semiarid region in the state of Bahia are related to the consumption of the species Cenostigma pyramidale (Tul.) Gagnon & G.P. Lewis, and this study was developed using pregnant ewes divided into six groups: G1, G2, G3, G4 with six animals each, G5 and G6 with ten animals. Each group received fence leaves in the proportion of 1%, 2%, 0.5%, and 0.25% of live weight (LW) respectively; G5 and G6, with ten animals each, receiving 0.25% and 0.5% of the LW, respectively, and the Control Group, comprising 16 ewes, were grass feeding (Cynodon dactylon). Ewes from G1 to G4 were the same, except for two, and started ingestion of the plant four days after ending of natural mating on the 80th day of gestation, while those regarding from G5 to G6 groups started ingestion on the 26th day of gestation ending on the 98 day. The ultrasonographic test was performed weekly. In G1 ewes (1%), there was an embryonic loss on the 32nd and 39th days of gestation and abortion on the 46th day. In G2 (2%), the embryo loss was earlier (on the 26th day of gestation), and abortion on the 46th day of gestation. In G3 group (0.5%), there was an embryonic loss around the 40th day of gestation. In G4 group (0.25%), it was observed the occurrence of one death lamb with bone malformations. In G6 (0.5%), abortion occurred later (108 days), followed by retained placenta. This was also verified in G5 group (0.25%). The presence of fetal malformation was found in death lambs born in G4 group, born alive from G5 and G6 groups, and one aborted from G6. In G5 and G6 groups, there were also genetic alterations on surviving lambs. In addition to these results, recurrent estrus was observed without gestation in G1, G2, G3, and G4 ewes. From the Control Group, 13 normal lambs were born without genetic alterations; furthermore, concerning a quadruple birth, three lambs were born dead. The results infer that species of C. pyramidale in low doses causes reproductive losses in pregnant ewes, therefore it is not recommended for sheep diet over the first 60 days of gestation.(AU)


Para determinar se falhas reprodutivas em ovelhas na região semiárida da Bahia estão relacionadas ao consumo de Cenostigma pyramidale (Tul.) Gagnon & G.P. Lewis, foi realizado um estudo utilizando-se ovelhas prenhes divididas em seis grupos e dois Grupos Controle. Os grupos G1, G2, G3 e G4 com seis animais cada. Cada grupo recebeu folhas fenadas na proporção de 1%, 2%, 0,5% e 0,25% do peso vivo (PV) respectivamente; G5 e G6, com 10 animais cada, que receberam 0,25% e 0,5% do PV respectivamente. Os Grupos Controle foram alimentados com ração e capim (Cynodon dactylon). Ovelhas dos grupos 1 a 4 iniciaram ingestão da planta quatro dias após monta natural com término aos 80 dias de gestação, enquanto as dos grupos 5 a 6 iniciaram ingestão no 26º dia de gestação com término aos 98 dias. Avaliação ultrassonográfica foi realizada semanalmente. Nos animais do G1 (1%), verificou-se perda embrionária aos 32 e 39 dias de gestação, e aborto aos 46 dias. Nos do G2 (2%) a perda embrionária foi mais precoce (26 dias), e aborto aos 46 dias. No G3 (0,5%), houve perda embrionária em torno dos 40 dias. No G4 (0,25%), verificou-se ocorrência de natimorto com malformações aos 150 dias de gestação. No G6 (0,5%) o aborto ocorreu mais tardiamente (108 dias), seguido de retenção de placenta. Essa ocorrência também foi verificada no G5 (0,25%). A presença de malformação fetal foi encontrada em fetos natimorto do G4, nascidos vivos do G5 e G6, e um abortado do G6. No G5 e G6 também foram observadas alterações de aprumos em cordeiros sobreviventes. Do Grupo Controle nasceram 13 borregos normais, porém uma ovelha apresentou gestação quádrupla com três natimortos. Os resultados inferem que C. pyramidale fenada em baixas doses causa perdas reprodutivas em ovelhas gestantes, não sendo por isso recomendada para a dieta de ovelhas durante os primeiros 60 dias de gestação.(AU)


Subject(s)
Animals , Female , Pregnancy , Plant Poisoning/veterinary , Teratogens , Abortion, Veterinary/etiology , Sheep, Domestic/abnormalities , Embryo Loss/etiology , Fabaceae/poisoning
6.
Rev. chil. nutr ; 47(5): 865-869, set. 2020.
Article in Spanish | LILACS | ID: biblio-1138623

ABSTRACT

RESUMEN Las legumbres son un alimento de origen vegetal, con gran variedad en el aporte de nutrientes; contienen proteínas, minerales, fibra y antioxidantes. Se realizó una revisión bibliográfica en las bases de datos PUBMED y SCIELO, que incluyó artículos entre 2013 y 2019, bajo los términos claves "legumbres", "obesidad", "enfermedad cardiovascular" y "síndrome metabólico" y se incluyeron estudios que concluyeron una asociación beneficiosa entre consumo de legumbres y ECNT, síndrome metabólico y riesgo cardiovascular. Entre los resultados destacó que el consumo regular de legumbres aporta beneficios para la salud cardiovascular, el control de glicemia y la liberación de insulina, regulación de presión arterial, entre otros. Como conclusión esta revisión destaca que existen beneficios directos para mejorar la salud cardiometabólica provenientes del consumo regular de legumbres.


ABSTRACT Legumes are natural foods from plants with a high quantity of different nutrients, such as proteins, minerals, fiber and antioxidants. An investigation was conducted in the PUBMED and SCIELO databases, between 2013 and 2019 using the following key words: "legumes/beans", "obesity", "cardiovascular disease", and "metabolic syndrome". Articles identified showed a beneficial association between legume intake and chronic disease, metabolic syndrome, and cardiovascular risk. An important result was that regular legume intake contributes to cardiovascular health, glycemic control, insulin liberation, and control of the arterial pressure. In conclusion, this review highlighted the direct benefits of regular legume intake and improved metabolic and cardiovascular health.


Subject(s)
Humans , Diet , Noncommunicable Diseases/prevention & control , Fabaceae , Cardiovascular Diseases/prevention & control , Metabolic Syndrome/prevention & control , Obesity/prevention & control
7.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 72(4): 1555-1560, July-Aug. 2020. ilus
Article in English | ID: biblio-1131472

ABSTRACT

Este trabalho descreve um surto de rumenite e abomasite decorrente de sobrecarga de carboidratos em um rebanho de 238 bezerros, com idades entre 12 e 15 meses, causada pela ingestão dos frutos de Enterolobium contortisiliquum. As taxas de morbidade, mortalidade e letalidade foram de, respectivamente, 12,7%, 5,2% e 42,1%. Clinicamente, os bovinos apresentaram fotossensibilização, salivação e diarreia. Os achados de necropsia foram semelhantes nos dois bezerros necropsiados e consistiram de fotodermatite e rumenite ulcerativa multifocal, subaguda a crônica, e abomasite. A relevância deste relato é que, pela primeira vez, foi possível associar a ocorrência da rumenite devido à sobrecarga de carboidratos com a intoxicação espontânea por E. contortisiliquum em bovinos, confirmando achados anteriormente descritos em experimentos realizados com ovinos.(AU)


Subject(s)
Animals , Cattle , Plant Poisoning/veterinary , Rumen/pathology , Acidosis/veterinary , Abomasum/pathology , Photosensitivity Disorders/veterinary , Plants, Toxic , Fabaceae/toxicity
8.
Rev. chil. nutr ; 47(3): 381-389, jun. 2020. tab, graf
Article in Spanish | LILACS | ID: biblio-1126135

ABSTRACT

El género Pseudomonas es una fuente importante de proteasas; sin embargo, su uso está restringido en la industria alimentaria. El clonaje permite aprovechar la capacidad catalítica de estas enzimas mediante su producción en microorganismos inocuos. Por otro lado, las leguminosas son fuentes ricas en proteínas, a partir de las cuales se pueden obtener compuestos con valor agregado mediante procesos de hidrólisis enzimática. En este estudio, se produjo y caracterizó una proteasa recombinante (PT4) alcalina y termoestable de Pseudomonas aeruginosa M211, para la obtención de hidrolizados proteicos de leguminosas. Para ello, el gen de la proteasa se clonó en el vector pJET1.2/blunt utilizando E. coli DHalfa como hospedero. El análisis de la secuencia nucleotídica parcial de la proteasa indicó un 99 % de similitud con Peptidasas de la Familia M4 de Pseudomonas aeruginosa. La enzima recombinante presentó un peso molecular de 80 kDa, demostró ser activa y estable en condiciones alcalinas y termófilas con un pH y temperatura óptimos de 8 y 60 °C, respectivamente, y fue inhibida por EDTA. Además, hidrolizó proteínas de semillas de Glycine max, Phaseolus lunatus, Lupinus mutabilis y Erythrina edulis, obteniéndose fracciones peptídicas menores a 40 kDa. Esta proteasa recombinante se podría utilizar en la elaboración de hidrolizados proteicos funcionales a partir proteínas de distintas fuentes y residuos agroalimentarios.


The genus Pseudomonas is an important source of proteases; however, in the food industry the use of this bacterium is restricted. Cloning allows for the use of the proteolytic activity of Pseudomonas proteases through their production in innocuous microorganisms. Leguminous are protein-rich sources from which value-added compounds can be obtained through enzymatic hydrolysis. In this study, an alkaline and thermostable recombinant protease (PT4) from Pseudomonas aeruginosa M211 was cloned and characterized in order to obtain protein hydrolysates from leguminous. Therefore, protease gene was cloned into the pJET1.2 / blunt vector using E. coli DHalpha as a host. Analysis of protease partial nucleotide sequence showed 99% homology with Peptidases M4 Family from Pseudomonas aeruginosa. The molecular weight of the recombinant enzyme was 80 kDa, it was active and stable under alkaline and thermophilic conditions, presented an optimum pH and temperature of 8 and 60 °C, respectively, and was inhibited by EDTA. In addition, it hydrolysed Glycine max, Phaseolus lunatus, Lupinus mutabilis y Erythrina edulis proteins, obtaining peptide fractions less than 40 kDa. This recombinant protease could be used in the elaboration of functional hydrolysates using protein from different sources and agricultural waste.


Subject(s)
Peptide Hydrolases/metabolism , Protein Hydrolysates/metabolism , Pseudomonas aeruginosa/enzymology , Recombinant Proteins/metabolism , Peptide Hydrolases/genetics , Temperature , Enzyme Stability , Cloning, Molecular , Hydrogen-Ion Concentration , Fabaceae
9.
Pesqui. vet. bras ; 40(6): 438-442, June 2020. ilus
Article in English | ID: biblio-1135651

ABSTRACT

This is a report on an outbreak of cattle poisoning by Stryphnodendron rotundifolium var. villosum (Benth.) Scalon in the state of Goiás in Brazil. In a herd of 80 cattle that consumed the mature fruit of this plant that was present in their pasture, 12 animals fell ill and died. The clinical signs that they presented were apathy, progressive weight loss, reeling, bristling, and dry stools containing seeds. The main necropsy findings were jaundice, an increased lobular pattern and orange coloration in their liver, enlarged kidneys with yellowish medullae, and pre-stomachs containing fruit peels and seeds. A histopathological examination revealed vacuolar degeneration and necrosis in the liver and kidneys and vacuolar degeneration in the rumen, omasum, reticulum, and intestine. The diagnosis of poisoning by S. rotundifolium var. villosum was based on epidemiological data, clinical findings, and pathological changes. Our results can aid in the differentiation between poisoning by S. rotundifolium var. villosum and poisoning by other toxic plants that are of interest to lifestock.(AU)


Relata-se um surto de intoxicação em bovinos por Stryphnodendron rotundifolium var. villosum (Benth.) Scalon no estado de Goiás, Brasil. De um rebanho composto por 80 bovinos, os quais consumiram frutos maduros da planta presente na pastagem, 12 animais adoeceram e morreram. Os sinais clínicos apresentados foram apatia, emagrecimento progressivo, andar cambaleante, pelo eriçado e fezes secas contendo sementes. Os principais achados de necropsia foram icterícia, fígado com padrão lobular e coloração alaranjada, rins aumentados e com amarelamento da medular e pré-estômagos com presença de cascas e sementes do fruto. Ao exame histopatológico, notou-se degeneração vacuolar e necrose no fígado e rins e degeneração vacuolar no rúmen, omaso, retículo e intestino. O diagnóstico da intoxicação por S. rotundifolium var. villosum baseou-se nos dados epidemiológicos, nos achados clínicos e nas alterações patológicas. Nossos resultados podem auxiliar na diferenciação entre a intoxicação por S. rotundifolium var. villosum e a intoxicação por outras plantas tóxicas de interesse pecuário.(AU)


Subject(s)
Animals , Cattle , Plant Poisoning/pathology , Plant Poisoning/veterinary , Plant Poisoning/epidemiology , Fabaceae/poisoning , Plants, Toxic
10.
Biosci. j. (Online) ; 36(3): 713-719, 01-05-2020. tab, graf
Article in English | LILACS | ID: biblio-1146499

ABSTRACT

The relationship of crops grown in rotation or in succession has increased every day and the use of antagonistic plants and/or non-host plants is one of the most efficient practices of integrated management of nematodes. This study aimed to evaluate the efficiency of crotalaria (Crotalaria spectabilisRoth) and millet [Pennisetum glaucum (L.) Leeke] 'ADR 300' in reducing the population of Meloidogyne incognita and M. javanica and in increasing the productivity of okra [Abelmoschus esculentus (L.) Moench] when cultivated in succession. The experiment was conducted in an area cultivating okra (host culture) in rotation, with a history of severe infestation by phytonematodes. The experimental design involved randomized blocks with six treatments and four replicates, with the following treatments: T1, 15 kg.ha-1 of millet seeds; T2, 30 kg.ha-1 of crotalaria; T3, 10 kg.ha-1 of millet + 20 kg.ha-1 of crotalaria; T4, 20 kg.ha-1 of millet + 6 kg.ha-1 of crotalaria; T5, 6 kg.ha-1 of millet + 36 kg.ha-1 of crotalaria; and T6, control. The nematode populations in the soil and roots were evaluated about 60 d after planting okra, and the yield was evaluated at the end of the crop cycle. Simple treatment with millet or crotalaria reduced the nematode population by 61% and 72%, respectively. The millet-crotalaria intercropping treatments reduced the nematode population by up to 85% compared with the control. In terms of productivity, there was an increase of 787 kg.ha-1 in the millet treatment and 2,109 kg.ha-1 in the intercropping treatments. Both the single cultivation of crotalaria or millet and the consortia of crotalaria and millet were effective in controlling the root-knot nematodes, and increased the productivity of okra.


A relação de culturas cultivadas em rotação ou em sucessão tem aumentado a cada dia, e a utilização de plantas antagônicas e/ou plantas não hospedeiras é uma das práticas mais eficientes de manejo integrado de nematoides. O trabalho teve como objetivo avaliar a eficiência do cultivo de crotalária (Crotalaria spectabilis Roth) e milheto [Pennisetum glaucum (L.) Leeke] 'ADR 300' no incremento de produtividade e redução populacional de Meloidogyne incognita e M. javanica em quiabeiro [Abelmoschus esculentus (L.) Moench] cultivado em sucessão. O experimento foi conduzido em área de rotação com quiabeiro (cultura hospedeira), que tem histórico de grande infestação dos referidos fitonematoides. O delineamento experimental adotado foi o de blocos casualizados com seis tratamentos e quatro repetições, sendo T1 ₌ 15 kg.ha-1 de sementes de milheto, T2 ₌ 30 kg.ha-1 de crotalária, T3 ₌ 10 kg.ha-1 de milheto + 20 kg.ha-1 de crotalária, T4 ₌ 20 kg.ha-1 de milheto + 6 kg.ha-1 de crotalária, T5 ₌ 6 kg.ha-1 de milheto + 36 kg.ha-1 de crotalária e T6 ₌ Testemunha. Foram avaliadas as populações de nematoides no solo e nas raízes cerca de 60 dias após o plantio do quiabeiro e a produtividade ao final do cultivo. Os tratamentos milheto e crotalária solteiros reduziram a população de nematoides em 61 e 72%, respectivamente. Nos cultivos consorciados, obteve-se a redução de 85%, comparado com a testemunha. Quanto a produtividade, houve acréscimo de 787 kg.ha-1 no tratamento com milheto solteiro e de 2.109 kg.ha-1 nos tratamentos consorciados. Tanto o cultivo solteiro de crotalária e milheto, quanto seu uso em consórcio, efetivaram o controle dos nematoides de ganha e elevaram a produtividade do quiabeiro.


Subject(s)
Crotalaria , Abelmoschus , Millets , Nematoda , Plant Tumors , Tylenchoidea , Crops, Agricultural , Control , Fabaceae , Nematode Infections
11.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 72(2): 599-606, Mar./Apr. 2020. tab, graf
Article in Portuguese | ID: biblio-1128488

ABSTRACT

O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de produção de leite ha-1 de três consorciações de aveia-preta e leguminosas em detrimento da aveia-preta estreme fertilizada com N mineral. Os tratamentos utilizados foram: aveia-preta + 200kg de N ha-1 (Av+N); aveia-preta + trevo-branco (Av+Tb); aveia-preta + ervilhaca (Av+Er) e aveia-preta + trevo-vermelho (Av+Tv). As espécies foram implantadas em parcelas de 80m2, sob um delineamento de blocos ao acaso com quatro repetições. As amostragens foram realizadas previamente aos cortes, em três oportunidades, e o material foi avaliado quanto à produção de matéria seca, à composição químico-bromatológica (PB, EE, FDN, FDA, CNF, MM, digestibilidade estimada da matéria seca e digestibilidade do FDN em 48 horas) e à produção estimada de leite por área (kg ha-1). Os resultados foram submetidos à análise de variância, e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de probabilidade. A composição químico-bromatológica não diferiu entre os tratamentos Av+N e Av+Er em nenhum dos atributos avaliados. O tratamento Av+N proporcionou maior produção de leite por área em relação aos demais, explicado pela maior produção de MS.(AU)


The objective of this work was to evaluate the potential of milk production ha-1 of three consortia of black oats and legumes in detriment to black oats fertilized with N mineral. The treatments used were black oats + 200kg of N ha-1 (Av+N); black oats + white clover (Av+Tb); black oats + vetch (Av+Er) and black oats + red clover (Av+Tv). The species were implanted in 80 m2 plots under a complete randomized complete block design with four replicates. Samples were collected three times and the material evaluated was dry matter yield, chemical and bromatological composition (CP, EE, NDF, ADF, NFC, MM, estimated dry matter digestibility and NDF digestibility in 48 hours) and estimated milk production by area (kg ha-1). The results were submitted to analysis of variance and the means were compared by Tukey test at 5% probability. The chemical-bromatological composition did not differ between Av+N and Av+Er treatments in any of the evaluated attributes. The Av+Er treatment provided higher milk yield per area in relation to the others, explained by the higher DM production.(AU)


Subject(s)
Pasture/analysis , Nitrogen Compounds/administration & dosage , Avena , Milk , Fabaceae , Seasons , Nutritive Value
12.
Electron. j. biotechnol ; 44: 33-40, Mar. 2020. graf, tab, ilus
Article in English | LILACS | ID: biblio-1087694

ABSTRACT

BACKGROUND: The preparation of broad bean koji is a key process in the production of Pixian broad bean paste (PBP). Protease is essential for the degradation of proteins during PBP fermentation. To obtain broad bean koji with high protease activity using the cocultivated strains of Aspergillus oryzae QM-6 (A. oryzae QM-6) and Aspergillus niger QH-3 (A. niger QH-3), the optimization of acid and neutral protease activities was carried out using Box­Behnken design with response surface methodology (RSM). RESULTS: The optimum conditions were found to be as follows: inoculation proportion (X1), 3:1 (A. oryzae QM-6: A. niger QH-3, w/w); culture temperature (X2), 33°C; inoculum size (X3), 0.5% (w/w); incubation time (X4), 5 d. The acid and neutral protease activities were 605.2 ± 12.4 U/g and 1582.9 ± 23.7 U/g, respectively, which were in good agreement with the predicted values. Sodium dodecyl sulfate-polyacrylamide gel electrophoresis profiles revealed that the broad bean koji extracellular proteins in the case of cocultivation were richer compared to those in the case of A. oryzae QM-6 or A. niger QH-3 strain only. In addition, the free amino acids (FAAs) in the fermentation product were 55% higher in the cocultivation process than in that involving only A. oryzae QM-6, further confirming the diversity of proteases in the fermentation products. CONCLUSIONS: The optimal conditions of koji-making in PBP were obtained using RSM. The cocultivation of A. oryzae and A. niger increases the overall enzyme activities in the culture medium and the FAAs content, which would thus have potential application in the PBP industry.


Subject(s)
Peptide Hydrolases/metabolism , Aspergillus niger , Aspergillus oryzae , Fabaceae/enzymology , Coculture Techniques , Vicia faba , Electrophoresis, Polyacrylamide Gel , Fermentation , Amino Acids
13.
Braz. j. biol ; 80(1): 23-29, Feb. 2020. graf
Article in English | LILACS | ID: biblio-1089294

ABSTRACT

Abstract Most of the wild and native legume seeds has a hard and impermeable testa, which causes physical dormancy and prevents them from germinating even when environmental conditions are favorable. The study evaluated the effect of scarification treatments on germination and enzymatic activity of Crotalaria longirostrata (Cl) and Lupinus exaltatus (Le) seeds. After scarification treatments, germination percentage (GP) and rate (GR) were assessed during 30 days after seeding (DAS); and water absorption (WA) and specific enzymatic activity (SEA) during early germination (0, 6, 18, 36, 72, 120 h) in a growing chamber at 25 °C and photoperiod of 12 h. Scarification with 98% H2SO4 15 min increased GP and GR in both species. At 30 DAS, GP and GR of Le seeds were 34% and 0.97 seeds day-1, respectively. In Cl seeds, GP was 64% and GR 0.90 seeds day-1. Scarification with H2O at 80 °C 1 min also promoted germination in Cl (52%). At 120 h after seeding, Le and Cl seeds showed already a high GP with acid scarification (31% and 48%, respectively). In seeds of both species, scarification treatments affected WA and SEA during early germination. During this period, scarification treatments that increased GP also showed a higher α-D-galactosidase activity. The maximum enzyme activity was observed 72 h after hot water scarification in Cl (82.6 U/mg total protein), followed by acid scarification (54.5 U/mg total protein). In Le, the activity peak was 36 h after acid scarification (9.5 U/mg total protein). No relationship was observed between β-glucosidase activity and GP in both species. In conclusion, during early germination of both species, the increase in GP is accompanied by a rise in α-D-galactosidase activity between 36 and 72 h after seeding; and in Cl seeds, an alternative scarification treatment to increase GP may be the use of hot water.


Resumo A maioria das sementes de leguminosas nativas e selvagens têm um tegumento rígido e impermeável, ​​o que causa dormência física e impede a germinação, mesmo se as condições ambientais forem favoráveis. O estudo avaliou o efeito de tratamentos de escarificação sobre a germinação e a atividade enzimática de sementes de Crotalaria longirostrata (Cl) e Lupinus exaltatus (Le). Após os tratamentos de escarificação, a percentagem (PG) e a velocidade de germinação (VG) foram avaliadas durante 30 dias após a semeadura (DAS); absorção de água (AA) e atividade enzimática específica (AEE) na fase inicial da germinação (0, 6, 18, 36, 72 e 120 h) em uma câmara de crescimento a 25 °C e fotoperíodo de 12 h. A escarificação com 98% de H2SO4, durante 15 min aumentou PG e VG nas duas espécies. Aos 30 DDS, PG e VG de sementes de Le foram de 34% e 0,97 sementes dia -1, respectivamente. Em sementes de Cl, PG foi de 64% e VG 0,90 sementes dias-1. A escarificação com H2O a 80 °C 1 min também promoveu a germinação em Cl (52%). A 120 h após a semeadura, as sementes de Cl e Le já tinha atingido uma alta PG com escarificação ácida (31% e 48%, respectivamente). Nas sementes das duas espécies, os tratamentos de escarificação afetaram a AEE e a AA nafase inicial da germinação. Durante este período, os tratamentos de escarificação que aumentaram PG, também mostraram a atividade mais elevada de α-D-galactosidase. A atividade enzimática máxima foi observada 72 h após o tratamento com água quente em Cl (82,6 U/mg de proteína total), seguido por escarificação ácida (54,5 U/mg de proteína total). Em Le, o pico de atividade foi de 36 h após a aplicação do tratamento ácido (9,5 U/mg de proteína total). Em contraste, não foi observado nenhuma relação entre a actividade β-glicosidase e PG. Em conclusão, durante a germinação precoce das duas espécies, o aumento da GP é acompanhado por um aumento da atividade da α-D-galactosidase entre 36 e 72 h após a semeadura; e em sementes de Cl, um tratamento de escarificação alternativo para aumentar GP pode ser o uso de água quente.


Subject(s)
Crotalaria , Lupinus , Fabaceae , Seeds , Water , Germination
14.
Biosci. j. (Online) ; 36(1): 102-112, jan./feb. 2020. tab, graf
Article in English | LILACS | ID: biblio-1049200

ABSTRACT

In some leguminous plants, associations with nitrogen-fixing microorganisms allow their nutrition with nitrogen (N) from the atmosphere. This process is known as Biological Nitrogen Fixation (BNF), where through nitrogenase enzymes, N2 is converted to an available form. This process can replace in part, or in total, nitrogen fertilizers. Cowpea bean is a legume species that is recognized for its high capacity to carry out BNF. In the last decades, studies have encouraged small farmers from north and northeast Brazil to use inoculants with rhizobia species since the results of researches have demonstrated that inoculation is an interesting strategy to improve cowpea production. Considering the specific function of molybdenum (Mo) in the N assimilation, different doses of Mo were tested in this study in order to find doses that could improve and enhance BNF. Therefore, this study aimed to compare nitrogen fertilization and BNF in the N assimilation by plants with different Mo doses. Inoculation was performed with the strains UFLA 03-84 and INPA 03-11B. Doses of Mo were applied in seeds and each pot contained five seeds. Thirty-five days after germination, the plants were analyzed for shoot dry matter and fresh matter, N contents and accumulation, as well as the Soil-Plant Analysis Development (SPAD) Index and nodulation in inoculated plants. The different doses of Mo and also the nodulation treatments did not show significant differences in the contents of N. Plants with N fertilization had significant higher shoot dry matter and root dry matter production, in addition to higher N foliar contents and N accumulation. Therefore, BNF was not as efficient as nitrogen fertilization in the evaluated experimental conditions using cowpea beans.


Em algumas plantas de leguminosas, as associações com microorganismos de fixação permitem a sua nutrição com N (nitrogênio) da atmosfera. Este processo é conhecido como Fixação Biológica de Nitrogênio (FBN), onde através de enzimas nitrogenase N2 é convertido na forma disponível. Este processo pode substituir em parte, ou no total, fertilizantes nitrogenados. O feijão-caupi é uma espécie de leguminosa que é reconhecida pela sua alta capacidade de FBN. Nas últimas décadas, estudos encorajaram os pequenos agricultores do norte e nordeste do Brasil a usar inoculantes com espécies de rizobio, uma vez que os resultados das pesquisas têm demonstrado que a inoculação é uma estratégia interessante para melhorar a produção dessa cultura. Considerando a função específica do molibdênio (Mo) na assimilação do N, diferentes doses de Mo foram testadas neste estudo, a fim de encontrar doses que possam melhorar e potencializar a FBN. A inoculação foi feita com as estirpes UFLA 03-84 e INPA 03-11B. As diferentes doses de Mo foram aplicadas na semente, cinco sementes por vaso. Trinta e cinco dias após a germinação, as plantas foram analisadas com relação à matéria seca aérea e radicular, teor de N e acúmulo, índice de análise de desenvolvimento solo-planta (SPAD) e nodulação nas plantas inoculadas. As diferentes doses de Mo não mostraram diferenças significativas no conteúdo de N, nem no processo de nodulação. As plantas com adubação nitrogenada tiveram mattera seca da parte aérea e de raízes superior as inoculadas, além de maiores teores foliares de N. Portanto, para feijão-caupi, a FBN não foi tão eficiente quanto o fertilizante nitrogenado nas condições experimentais avaliadas.


Subject(s)
Micronutrients , Bradyrhizobium , Fabaceae , Molybdenum
15.
Arq. Inst. Biol ; 87: 0702018, 2020. tab, graf
Article in English | ID: biblio-1096038

ABSTRACT

Currently, the common bean (Phaseolus vulgaris L.) productivity has been reduced by the fungus Fusarium oxysporum f. sp. phaseoli (Fop), the causative agent of Fusarium wilt. Considering the integrated management of diseases, the objectives of the present work were to verify the compatibility between chemical and biological fungicides for Fusarium oxysporum Schlecht. f. sp. phaseoli Kendrick & Snyder (Fop) control in common bean seeds. In laboratory, the effects of the treatments were evaluated by sanity, germination, seedling total length and seedling dry matter tests. In greenhouse conditions, the emergence speed rate, the percentage of emergence and the rate of pathogen transmission through the pathogen infestation in a substrate to plants were evaluated. Common bean seeds BRS Estilo were artificially inoculated with Fop isolate (IAC 11.299-1). In the seeds' treatment, the chemical fungicides fludyoxonyl, flutriafol, methyl tiofanate, and biological products of Trichoderma sp. (isolates SF04, GF 422 and strain 1306), separately and mixed, were used. Treatments that promoted the best pathogen control in seeds were the combination of methyl tiophanate with biological products. Both flutriafol and GF 422 isolated and in mixed treatments affected the seeds' physiological quality. The protective effect of the products was noted in the transmission test, whose Fop incidence was from 5 to 40% in the hypocotyl and from 5 to 30% in common bean roots.(AU)


Atualmente, a produtividade do feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) foi reduzida pelo fungo Fusarium oxysporum f. sp. ­phaseoli (Fop), o agente causador da murcha de Fusarium. Considerando o manejo integrado de doenças, os objetivos do presente trabalho foram verificar a compatibilidade entre fungicidas químicos e biológicos para Fusarium oxysporum Schlecht. f. sp. phaseoli Kendrick & Snyder (Fop) em sementes de feijão. Em laboratório, foram avaliados os efeitos dos tratamentos pelos testes de sanidade, germinação, comprimento total de plântulas e matéria seca de plântulas. Em uma estufa, foram avaliadas a velocidade de emergência, a porcentagem de emergência e a taxa de transmissão de patógenos através da infestação de patógenos no substrato às plantas. As sementes de feijão comum BRS Estilo foram inoculadas artificialmente com isolado Fop (IAC 11.299-1). No tratamento das sementes, foram utilizados os fungicidas químicos fludioxoxil, flutriafol, tiofanato metílico e produtos biológicos de Trichoderma sp. (isolados SF04, GF 422 e cepa 1306), separadamente e misturados. Os tratamentos que promoveram o melhor controle de patógenos nas sementes foram a combinação de tiofanato de metila com produtos biológicos. Tanto o flutriafol quanto o GF 422 isolados e em tratamentos com misturas afetaram a qualidade fisiológica das sementes. O efeito protetor dos produtos foi observado no teste de transmissão, cuja incidência de Fop foi de 5 a 40% no hipocótilo e de 5 a 30% nas raízes do feijão comum.(AU)


Subject(s)
Seeds , Pest Control, Biological/methods , Fungicides, Industrial , Fusarium/pathogenicity , Fabaceae , Trichoderma , Pest Control
16.
Arq. Inst. Biol ; 87: e1002018, 2020. ilus
Article in English | ID: biblio-1145890

ABSTRACT

The demand for food in the world grows year after year due in part to population growth, but also to the improvement of emerging markets. Brazil is one of the largest food producers in the world. In 2017, its cereal, legume and oilseed crops totaled 238.6 million tons, 29.2% more than the year before. Much of the great increase in productivity is due to the incorporation of transgenic seeds, especially cotton, maize and soybean, which possess genes that will increase plant's adaptability to harsh soil and water conditions and, resistance to pests, but also tolerance to herbicides. Virtually, all transgenic soybeans planted in Brazil are resistant to glyphosate, the herbicide initially launched on the market by Monsanto in the 1970s under the trade name Roundup. Due to the existence of several transgenic crops tolerant to glyphosate, such as soy, wheat, corn and canola, this product is the most commercialized herbicide in the world. The use of glyphosate allows the sowing of transgenic crops immediately after application, making the planting and maintenance processes very practical. Soybeans, such as other transgenics, have biological safety already well defined, but the use of glyphosate is still an extremely controversial subject. This review presents some historical aspects of the binomial Roundup Ready soybean/glyphosate and discusses the most recent controversies about the use of glyphosate in Brazil and worldwide.(AU)


A demanda por alimentos no mundo cresce ano após ano devido em parte pelo aumento populacional, mas também pela melhoria dos mercados emergentes. O Brasil é um dos maiores produtores de alimentos do mundo. Em 2017, a safra nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas totalizou 238,6 milhões de toneladas, 29,2% superior à obtida em 2016. Boa parte do grande aumento da produtividade se dá pela incorporação de sementes transgênicas, especialmente de algodão, milho e soja, que apresentam genes que conferem maior adaptabilidade da planta ao solo, pragas, condições hídricas, mas também conferem resistência a herbicidas. Praticamente toda a soja transgênica plantada no país é resistente ao glifosato, inicialmente lançado no mercado pela empresa Monsanto nos anos 1970 pelo nome comercial Roundup, que é hoje o herbicida mais utilizado no mundo, principalmente pela disseminação da soja e outros produtos transgênicos como trigo, milho e canola. A utilização do glifosato permite a semeadura de culturas transgênicas imediatamente após a aplicação, tornando o processo de plantio muito prático. A soja, como outros transgênicos, apresenta segurança biológica já definida, mas a utilização do glifosato ainda é um assunto extremamente controverso. Esta revisão apresenta alguns aspectos históricos do binômio soja transgênica Roundup Ready/glifosato e discute as controvérsias mais recentes sobre o uso do glifosato no Brasil e no mundo.(AU)


Subject(s)
Biotechnology , Food , Genetics , Seeds , Soybeans , Triticum , Agricultural Cultivation , Pest Control, Biological , Population Growth , Agricultural Pests , Containment of Biohazards , Zea mays , Brassica napus , Agribusiness , Herbicide Resistance , Fabaceae
17.
Arq. Inst. Biol ; 87: e0052020, 2020. ilus
Article in English | ID: biblio-1145884

ABSTRACT

Arachis repens Handro (Fabales: Fabaceae) peanut grass shoots were collected at São Paulo State University, Campus of Registro, São Paulo, Brazil, in March 2017 to record a Lepidoptera that was injuring the plant. The species was identified as Biclonuncaria deutera Razowski & Becker, 1993 (Lepidoptera: Tortricidae).(AU)


Folhas de grama-amendoim Arachis repens Handro (Fabales: Fabaceae) foram coletadas no Câmpus da Universidade Estadual Paulista, no município de Registro (SP), no mês de março de 2017, para registrar um Lepidoptera que causava injúrias à planta. A espécie foi identificada como Biclonuncaria deutera Razowski & Becker, 1993 (Lepidoptera: Tortricidae).(AU)


Subject(s)
Arachis , Fabaceae , Lepidoptera , Ants , Poaceae , Hymenoptera
18.
Article in Spanish | LILACS, MTYCI | ID: biblio-1145996

ABSTRACT

Este trabajo rescata el acervo etnobotánico de la región más septentrional de Uruguay. En este país la etnobotánica, ha tenido poco desarrollo, siendo escasos los estudios y publicaciones científicas. El área de estudio comprende los departamentos de: Artigas, Rivera, Tacuarembó y Cerro Largo. Por medio de un muestreo aleatorio fueron entrevistadas 315 personas. Entre otras variables, los datos obtenidos se refieren a los usos especiales de las plantas. La información fue procesada en planilla de cálculo y listada por medio de técnicas de estadística descriptiva. Se identificaron 134 especies utilizadas, distribuidas en 57 familias botánicas. Las familias de mayor frecuencia fueron: Lamiaceae, Asteraceae, Apiaceae y Fabaceae. La medicina convencional es complementada con plantas cultivadas que presentan aplicaciones medicinales. Fueron reportadas nueve formas de usos, la infusión mostró ser la práctica más utilizada. El conocimiento relativo a las propiedades de las plantas proviene de personas de mayor edad y se trasmite por tradición oral. La metodología puede ser replicada a otras zonas del país.


This work rescues the ethnobotanical heritage of the northernmost region of Uruguay. In this country, ethnobotany has had little development, with scarce studies and scientific publications. The study area includes the departments of: Artigas, Rivera, Tacuarembó and Cerro Largo. Through random sampling, 315 people were interviewed. Among other variables, the data obtained refer to the special uses of the plants. The information was processed in the spreadsheet and listed by means of descriptive statistics techniques. 134 species used were identified, distributed in 57 botanical families. The most frequent families were: Lamiaceae, Asteraceae, Apiaceae and Fabaceae. Conventional medicine is complemented with cultivated plants that have medicinal applications. Nine forms of uses were reported, the infusion proved to be the most used practice. The knowledge related to the properties of plants comes from older people and is transmitted by oral tradition. The methodology can be replicated to other areas of the country.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Ethnobotany/classification , Plants, Medicinal , Uruguay , Apiaceae , Asteraceae , Lamiaceae , Fabaceae
19.
Arq. Inst. Biol ; 87: e1102018, 2020. tab
Article in English | ID: biblio-1118056

ABSTRACT

The objective of this research was to develop fertility life tables in order to estimate the population parameters of black aphid (Aphis craccivora Koch) in cowpea (Vigna unguiculata) varieties, aiming to propose a risk scale for its use. The experiment consisted of six treatments and six replicates (five varieties plus the cultivar VITA 7 as a susceptible control). A cohort was formed with six adult females distributed in six replicates of each genotype, and the insects were observed daily. Based on the data, fertility life tables were drawn for each variety and the population parameters were estimated. The different values of the finite growth rate (λ) were considered to propose a risk scale for the use of the genotypes. The results obtained give the dimension of the variability of V. unguiculata in respect to the character, resistance to A. craccivora, with antibiosis as the main mechanism of resistance. Considering all the results, the varieties studied can be classified according to their suitability as a plant favorable to the development of the black aphid as follows: VITA 7 > CE-13 > CE-51 > CE-08 = CE-07. The proposal of a risk scale for the use of V. unguiculata genotypes against the A. craccivora population, based on the finite growth rate (λ) values, was adequate to discriminate the varieties studied.(AU)


Objetivou-se nesta pesquisa elaborar tabelas de vida de fertilidade com o intuito de estimar os parâmetros populacionais de pulgão-preto (Aphis craccivora Koch) em variedades de feijão-caupi (Vigna unguiculata), visando propor uma escala de risco para o seu uso. O experimento constituiu-se em seis tratamentos (cinco variedades mais o cultivar VITA 7 como padrão de suscetibilidade) com seis repetições. Formou-se uma coorte com seis fêmeas adultas distribuídas em cada genótipo, sendo todos os indivíduos observados diariamente. De posse dos dados, foram elaboradas tabelas de vida de fertilidade para cada variedade e estimados os parâmetros populacionais. Para propor uma escala de risco de uso de genótipos, ponderou-se sob os diferentes valores da razão finita de crescimento (λ). Os resultados obtidos dão a dimensão da variabilidade de V. unguiculata com relação ao caráter da resistência a A. craccivora, sendo a antibiose o principal mecanismo de resistência associado. Considerando-se todos os resultados, foi possível hierarquizar as variedades estudadas segundo sua aptidão como planta favorável ao desenvolvimento ao pulgão-preto conforme segue: VITA 7 >> CE-13 > CE-51 > CE-08 = CE-07. A proposta de uma escala de risco do uso de genótipos de V. unguiculata frente à população de A. craccivora, baseada nos valores da razão finita de crescimento (λ), foi adequada para discriminar as variedades estudadas.(AU)


Subject(s)
Aphids , Vigna , Fabaceae , Pest Control , Genotype , Antibiosis
20.
Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci. (Online) ; 57(3): e166095, 2020. ilus, tab, graf
Article in English | ID: biblio-1122191

ABSTRACT

Copaifera langsdorffii is a Brazilian native plant that is used for wound healing or as an anti-inflammatory agent. Non-healing wounds are an important health problem, particularly in horses, because they can cause the animal invalidity or even lead to death. In addition, horses respond to skin wounds with chronic inflammatory response and intense wound granulation, thereby delaying the healing process. By this way, our aim was to evaluate the healing potential of Copaifera langsdorffii hydroalcoholic extract (HE) and oil-resin creams (OR) in horse skin wounds. Four wounds were performed bilaterally in the lumbar region of six horses with a 2 cm punch and treated daily with the respective treatments: saline solution, vehicle, 10% HE creams or 10% OR cream. Daily planimetry analyses were performed to measure the wound area and clinical parameters. In four different experimental periods (3, 7, 14 and 21 d), wound biopsies were removed and used for microscopic analyses. SS wounds presented a significant small area at day 3 and 7, OR wounds presented significant small area in comparison with HE at 14 d, and no significant difference was observed between treatments at 21 d. A better microscopic and clinical healing activity of HE and OR was identified in comparison with the controls. The OR group showed better healing quality, specifically after 7 d of treatment. Therefore, Copaifera langsdorffii formulations demonstrated their wound healing potential in horse skin lesions, exhibiting an improvement of the macro- and microscopic parameters.(AU)


Copaifera langsdorffii é uma planta nativa brasileira usada para cicatrização de feridas e como agente anti-inflamatório. As feridas que não cicatrizam são um importante problema de saúde em equinos, devido à possibilidade de afastamento da carreira atlética ou até mesmo levar à morte. Além disso, os cavalos respondem às feridas com resposta inflamatória crônica e intensa granulação, atrasando o processo cicatricial. Dessa forma, o presente trabalho avaliou o potencial do extrato hidroalcoólico (EH) e cremes de óleo resina (OR) de Copaifera langsdorffii em feridas cutâneas de equinos. Quatro feridas de 2 cm foram realizadas bilateralmente na região lombar de seis equinos e tratadas diariamente com: solução salina, veículo, creme EH 10% ou creme OR 10%. Diariamente foi efetuada a análise macroscópica das feridas e planimetria para mensurar a área da ferida. Em quatro períodos experimentais diferentes (3, 7, 14 e 21 dias), as biópsias foram realizadas e utilizadas para análises microscópicas. As análises microscópica e clínica indicaram melhor resposta cicatricial nas feridas tratadas com HE e OR em comparação com os controles. O grupo OR apresentou melhor qualidade de cicatrização, especificamente após sete dias de tratamento. Portanto, as formulações de Copaifera langsdorffiiutilizadas apresentaram potencial de cicatrização de feridas em lesões de pele de cavalo, exibindo uma melhora nos parâmetros macro e microscópicos.(AU)


Subject(s)
Animals , Wound Healing , Wounds and Injuries/veterinary , Horses , Fabaceae , Resins, Plant/therapeutic use , Phytotherapy/veterinary
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL