Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 73
Filter
2.
Pesqui. vet. bras ; 36(7): 574-580, jul. 2016. ilus
Article in English | LILACS, VETINDEX | ID: lil-794764

ABSTRACT

The study evaluated the effect of sub-lethal concentration of phostoxin on Clarias gariepinus juveniles. C. gariepinus juveniles belonging to the same cohort (40.1±1.2g; 18.1±1.1cm) from a commercial fish farm were randomly placed ten in each of 15 plastic tanks containing 15 liters of water. They were exposed for 96 hrs to three sub-lethal concentrations (treatments) of phostoxin (0.125, 0.250, 0.5mg L-1) and a phostoxin free control. At the end of 96 hrs exposure, they were dissected and the tissues need for histopathology removed and fixed in Bouin's fluid. The gill filament exhibited fusion at the secondary lamella that was progressive with concentration. At the highest concentration of exposure, the secondary lamellae showed marked pyknotic and necrotic changes characterized by epithelia detachment. The hepatic tissue showed mild inflammatory changes at lower concentrations while at the highest concentration of exposure there was marked inflammation with observed hydropic degeneration. In the kidney, an inflammatory change was only observed in the interstices at the highest dose of exposure with the convoluted tubules showing partial shrinkage. Phostoxin showed to have significantly caused alterations in cyto-architecture of the gills and to a considerable extent liver and kidney of C. gariepinus.(AU)


Subject(s)
Animals , Catfishes/anatomy & histology , Insecticides/adverse effects , Insecticides/analysis , Insecticides/poisoning , Nigeria , Histological Techniques/veterinary , Pest Control , Water Pollution/adverse effects
3.
Saúde Soc ; 24(1): 308-320, Jan-Mar/2015. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-744755

ABSTRACT

Este trabalho tem como objetivo fazer uma análise e propor uma discussão sobre as estratégias adotadas pelas propagandas de inseticidas para uso no ambiente doméstico, e suas implicações para a saúde pública. Foram analisadas peças publicitárias de inseticidas veiculadas na mídia televisiva no período de 2008 a 2010. Como critério de seleção das peças, foram escolhidas quatro peças publicitárias de inseticidas que foram ao ar em dois canais de TV aberta, nos horários da manhã e da noite, ao longo do período citado. Para a análise dessas peças, utilizou-se a observação da propaganda na TV. O método utilizado foi a análise de conteúdo. As categorias geradas pela análise foram: apelo ao status do usuário; ocultação e minimização dos riscos; símbolos de modernidade e cientificidade; representações de um mundo asséptico; e representações de força, poder e controle. Concluímos, então, que todas as propagandas analisadas utilizaram estratégias que ocultam os riscos toxicológicos dos inseticidas no ambiente doméstico e não cumprem a legislação brasileira.


The study aims to analyze and propose a discussion on insecticide ads for domestic use and their implications on public health. We analyzed insecticide ads broadcast on the television between the years of 2008 and 2010. As selection criteria four insecticide ads were chosen, which aired on two television channels, in the morning and in the evening, over that period. The ads were analyzed by watching their broadcast on television. The method used was content analysis. The categories generated by the analysis were: appeal to the user's status; concealment and downscaling of risks; symbols of modernity and rationality; representations of an aseptic world; and representations of strength, power and control. We, therefore, conclude that all the evaluated ads adopted strategies that concealed the risks of domestic insecticides and did not comply with Brazilian legislation.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Advertising , Environmental Exposure , Environmental Health , Impacts on Health , Insecticides/adverse effects , Insecticides/toxicity , Mass Media , Propaganda , Legislation as Topic , Health Surveillance , Toxicity
4.
São Paulo; s.n; s.n; 2015. 156 p. tab, graf, ilus.
Thesis in Portuguese | LILACS | ID: biblio-836714

ABSTRACT

O carbaril (metilcarbamato de naftila), um inseticida de amplo espectro, foi recentemente associado ao desenvolvimento de melanoma cutâneo em estudo epidemiológico de coorte com trabalhadores agrícolas norte-americanos, expostos também à radiação solar, o principal fator etiológico para o desenvolvimento de tumores cutâneos. Apesar de abrangente e bem planejado, aquele estudo epidemiológico não é suficiente para caracterizar a contribuição direta do inseticida e da radiação solar na melanomagênese. Diversos estudos têm explorado o efeito sinérgico de determinadas substâncias químicas à radiação UV, potencializando seus efeitos deletérios sobre a pele, e possivelmente contribuindo para o desenvolvimento de tumores. A hipótese deste trabalho é de que a exposição ao carbaril associada à radiação solar possa estimular a transformação de melanócitos. Esse estudo visou caracterizar melanócitos humanos após exposição individual ou combinada ao carbaril (100uM) e à radiação solar (375 mJ/ cm2). Em ensaio de microarray, o carbaril, mas não a radiação solar, induziu uma importante resposta a estresse oxidativo, evidenciada pelo aumento da expressão de genes antioxidantes, como o Hemeoxigenase-1 (HMOX1), e pela diminuição da expressão do gene MiTF, regulador da atividade melanocítica; os resultados foram confirmados por qRT-PCR. Além disso, tanto o carbaril quanto a radiação solar induziram respostas que sugerem dano ao DNA e alteração de ciclo celular. A expressão dos genes nestas categorias, como p21 e BRCA1/2, foi notavelmente mais intensa no grupo de tratamento combinado e de fato, ensaios por citometria de fluxo demonstraram parada de ciclo celular na fase S, redução do número de células em apoptose e indução mais rápida de lesões do tipo CPD neste grupo experimental. Nossos dados sugerem que o carbaril é genotóxico para melanócitos humanos, especialmente quando associado à radiação solar


Carbaryl (1-naphthyl-methylcarbamate), a broad spectrum insecticide, has recently been associated with the development of cutaneous melanoma in an epidemiological cohort study with U.S. farm workers also exposed to ultraviolet radiation, which is known to be the main etiologic factor for skin carcinogenesis. Although comprehensive and well designed, the epidemiological study is not sufficient to characterize the direct contribution of the insecticide and solar radiation in melanomagenesis. Several studies have explored the synergistic effect of certain chemicals with UV radiation, increasing its deleterious effects on the skin, possibly contributing to tumor development. We hypothesized that Carbaryl exposure associated with UV solar radiation may induce melanocyte transformation. This study aims to characterize human melanocytes after individual or combined exposure to Carbaryl (100uM) and solar radiation (375 mJ/ cm2). In a microarray analysis, Carbaryl, but not solar radiation, induced an important oxidative stress response, evidenced by the upregulation of antioxidant genes, such as Hemeoxygenase-1 (HMOX1), and downregulation of MiTF, the main regulator of melanocytic activity; results were confirmed by qRT-PCR. Moreover, both Carbaryl and solar UV induced a gene response that suggests DNA damage and cell cycle alteration. The expression of genes in these categories, such as p21 and BRCA1/2, was notably more intense in the combined treatment group in an additive manner and in fact, flow cytometry assays demonstrated cell cycle arrest in S phase, reduced apoptosis induction and faster induction of CPD lesions in this experimental group. Our data suggests that carbaryl is genotoxic to human melanocytes, especially when associated with solar radiation


Subject(s)
Humans , Male , Carbaryl , Insecticides/adverse effects , Melanocytes , Melanoma , Pesticides , Solar Radiation
5.
Rev. bras. parasitol. vet ; 23(2): 244-247, 06/2014. graf
Article in English | LILACS | ID: lil-714791

ABSTRACT

Myocoptes musculinus is the most common fur mite identified among laboratory mice; infested mice, in addition to dermatological signs, may also be prone to secondary infections, affecting the outcome of a research trial. This trial was conducted in order to assess the safety and efficacy of a single topical administration of eprinomectin (5mg/kg BW) in a naturally infested laboratory mice colony. A safety trial was conducted on 20 uninfested pregnant females assigned to two groups, receiving eprinomectin and mineral oil, respectively. The mice were examined daily for signs of illness or toxicity; nests were individually weighted at 21 and 28 days postpartum. No acute toxicity was observed, all treated females gave full term delivery and number and mean weight of newborns ranged in the physiological values. To evaluate the efficacy, 20 naturally infested non-pregnant females were divided into two groups, treated as in the safety trial. Animals were observed daily for 15 min until 21 days post-treatment (DPT) and a “pruritus index” (PI: scratching and gnawing acts/mouse/min) was calculated. Pelage examination was performed on DPT 7, 14, 21 and 50. The “PI” was significantly lower in the treated group and mites were eradicated from all infested animals. A single topical administration of eprinomectin at a (high) dosage of 5mg/kg BW was safe and effective to control M. musculinus in mice.


Myocoptes musculinus é o ácaro de pele mais comum identificado entre camundongos de laboratório. Camundongos infestados, além de sinais dermatológicos, também podem ser propensos a infecções secundárias, interferindo no resultado de um ensaio de pesquisa. Este estudo foi realizado para avaliar a segurança e eficácia de uma única administração tópica de eprinomectina (5mg / kg PV) em uma colônia de camundongos de laboratório naturalmente infestada. Um estudo de segurança foi realizado em 20 fêmeas prenhes sadias, divididas em dois grupos, recebendo eprinomectina e óleo mineral, respectivamente. Os camundongos foram examinados diariamente para detectar quaisquer sinais da doença ou toxicidade; camundongos recém-nascidos foram pesados individualmente aos 21 e 28 dias pós-parto. Nenhuma toxicidade aguda foi observada. Todas as fêmeas tratadas chegaram ao parto, o número e peso dos recém-nascidos variaram dentro de parâmetros fisiológicos. Para avaliar a eficácia, 20 camundongos não prenhes, naturalmente infestados, foram divididos em dois grupos: tratado e grupo controle não tratado. Os animais foram observados diariamente durante 15 minutos até os 21 dias pós- tratamento (DPT) e um índice de prurido (IP) - arranhões e ato de roer / camundongo / min) foi calculado. Exame da pelagem foi realizado em DPT 7, 14, 21 e 50. O IP foi significativamente menor no grupo tratado, e os ácaros foram erradicados de todos os animais infestados. Uma única administração tópica de eprinomectina, na dose de 5mg / kg de peso corporal, foi segura e eficaz no controle de M. musculinus em camundongos.


Subject(s)
Animals , Female , Insecticides/administration & dosage , Ivermectin/analogs & derivatives , Mice/parasitology , Mite Infestations/prevention & control , Administration, Topical , Insecticides/adverse effects , Ivermectin/administration & dosage , Ivermectin/adverse effects , Treatment Outcome
6.
Rev. patol. trop ; 42(1): 81-95, jan.-mar. 2013. tab, graf
Article in Portuguese | SES-SP, LILACS, SES-SP | ID: lil-673016

ABSTRACT

Avaliou-se o efeito da aplicação de inseticida sobre formas adultas de Aedes aegypti realizada a ultrabaixo volume (UBV) com atomizadores motorizados portáteis e acoplados a veículo. Os tratamentos com ambos os equipamentos foram realizados em São José do Rio Preto e Marília, estado de São Paulo, Brasil. A efetividade foi verificada pela exposição de fêmeas de Ae. aegypti em gaiolas-sentinela. O impacto das aplicações na população adulta do vetor foi avaliado por meio dacoleta de adultos no intradomicílio e peridomicílio antes e após os tratamentos. Os resultados obtidoscom cada equipamento foram semelhantes nas duas cidades. A mortalidade de fêmeas expostas emgaiolas-sentinela, no intradomicílio, atingiu percentual médio de 96,5por cento nas duas cidades nas áreastratadas com equipamento portátil. Foi de 54,3por cento o percentual nas áreas tratadas com equipamento acoplado a veículo. Na avaliação de impacto sobre a população adulta, as coletas revelaram que o equipamento portátil causou redução média de 84,3por cento na positividade dos imóveis e 77,9por cento de diminuição no número de fêmeas por imóvel. Com equipamento acoplado a veículo, houve reduçãode 49,7por cento na positividade de imóveis para fêmeas de Ae. aegypti e de 44,6por cento no número de fêmeaspor imóvel. Os resultados demonstraram impacto significativamente maior na população adulta com equipamento portátil e também maior mortalidade no intradomicílio, local de maior permanência das fêmeas do vetor.


Subject(s)
Aedes , Insect Control , Insecticides/adverse effects , Nebulizers and Vaporizers , Mortality
7.
Rev. bras. plantas med ; 14(spe): 205-213, 2012. ilus, tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-648549

ABSTRACT

Foeniculum vulgare Mill., pertencente à família Apiacea, é conhecida como erva-doce e apresenta grande importância medicinal e comercial, tanto no Brasil como em vários outros países. Objetivou-se com esta pesquisa, estudar o desenvolvimento dos estômatos em plântulas de F. vulgare oriundas de sementes produzidas em sistemas de consórcio erva-doce X algodão e com aplicação do inseticida monocrotofós. A erva-doce foi cultivada em consórcio com algodão colorido cultivar BRS Safira, sendo utilizados os seguintes tratamentos: 1A2E, uma fileira de algodão e duas de erva-doce; 2A1E, duas fileiras de algodão e uma de erva-doce; ES, erva-doce solteira; onde foram distribuídos com e sem aplicação de inseticida, totalizando seis tratamentos. As sementes colhidas foram semeadas em areia e mantidas em casa de vegetação por 25 dias. Partes das plântulas (zona de transição, caule, cotilédones e folhas) foram seccionadas à mão livre, coradas e montadas em lâminas com glicerina para observação em microscópio. Foram avaliadas as seguintes características: número de estômatos, diâmetro polar e equatorial dos estômatos e número de cloroplastos nas células-guarda. Os dados foram analisados em delineamento inteiramente casualizado e distribuídos em arranjo fatorial 3X2; sendo realizado teste de Tukey a 5% de probabilidade. Na zona de transição e no caule observou-se aumento do número e do diâmetro polar dos estômatos quando foram utilizados sistemas de consórcio. Nos cotilédones, a erva-doce solteira proporcionou maior número de estômatos, porém com menor diâmetro e com menor quantidade de cloroplastos. Já na folha, os consórcios influenciaram positivamente o número de estômatos e de cloroplastos. De forma geral, os sistemas de consórcio e o inseticida influenciaram positivamente o desenvolvimento dos estômatos das plântulas de erva-doce.


Foeniculum vulgare Mill., belonging to the family Apiaceae, is known as fennel and has great medicinal and commercial importance, both in Brazil and in several other countries. The objective of this research was to study the development of stomata of F. vulgare seedlings grown from seeds produced in intercropping systems fennel and cotton, with application of insecticide monocrotophos. The fennel was grown in association with colored cotton BRS Safira, with the following treatments: 1A2E, one rows of cotton and two fennel; 2A1E, two rows of cotton and one fennel; ES, fennel single; were distributed with and without application of insecticide, total six treatments. The seeds were sown in sand and kept in a greenhouse for 25 days. Parts of seedlings (transition zone, stem, cotyledons and leaves) were cut freehand, stained and mounted on slides with glycerol for observation under microscope. Were evaluated the following characteristics: stomata number, polar and equatorial diameter of the stomata and chloroplasts number in guard cells. The data were analyzed in completely randomized and distributed in factorial 3x2, being conducted Tukey test at 5% probability. The transition zone and stem showed an increase of the stomata number and polar diameter the when consortium systems were used. In cotyledons, fennel single provided the highest stomata number, but with smaller diameter and fewer chloroplasts. In leaf, the consortia have positively influenced the stomata and chloroplasts number. In general, the intercropping systems and insecticide positively influenced the development of stomata in fennel plants.


Subject(s)
Insecticides/adverse effects , Pimpinella/classification , Plant Stomata/growth & development , Seedlings , Chloroplasts , Factor Analysis, Statistical , Germination/physiology , Photosynthesis/physiology
8.
Rio de Janeiro; s.n; 2011. 151 p. ilus, tab, graf.
Thesis in Portuguese | LILACS | ID: lil-620487

ABSTRACT

Atualmente o uso de substâncias químicas no ambiente domiciliar é muitodifundido e utilizado para diferentes finalidades como limpeza doméstica (desinfetantes, detergentes),e controle de vetores (inseticidas, raticidas, carrapaticidas) sendo que osconsumidores na maioria das vezes desconhecem as propriedades tóxicas dos componentes das formulações que utilizam. O comércio oferta uma variedade de produtos e marcas de inseticidas e raticidas com diferentes formas de apresentações (líquidos, em pó, em pasta, e elétricos), e com grande diversidade de princípios ativos.O objetivo desse estudo foi avaliar os sentidos atribuídos ao uso de agentes químicos potencialmente tóxicos utilizados no controle dos vetores no ambiente doméstico, relacionando-os com a influência de peças publicitárias desses produtos na mídia televisiva e das mensagens de rótulos desses produtos e sua conformidade com alegislação pertinente. A pesquisa é do tipo quali-quantitativa e foi realizada nomunicípio de Niterói, na Região Oceânica em 2010. Adotamos estratégias distintas e complementares: análise documental; observação participante; questionários; eentrevistas semi-estruturadas sobre peças publicitárias de inseticidas domésticos. A pesquisa incluiu questionários em 125 residências para avaliar as práticas e a percepçãodos riscos no uso de inseticidas e raticidas no ambiente domiciliar. Destes 50 foram realizados em condomínio de classe média alta e 75 em Comunidade de baixa renda ambos na Região Oceânica de Niterói. Nossos resultados demonstraram que 92 por cento dogrupo Condomínio usam inseticidas e 77,7 por cento do grupo Colônia de Pescadores também usam. Em relação aos cuidados com manuseio de inseticidas, 54 por cento dos entrevistados do Grupo Condomínio e 25,3 por cento dos entrevistados do Grupo Colônia de Pescadores,disseram que não tomavam nenhum cuidado ao usar estes produtos. Em relação à freqüência de uso dos inseticidas, no Grupo Condomínio, 22 por cento dos entrevistados faziamuso dos inseticidas diariamente, 42 por cento só aplicavam o inseticida quando havia inseto e 10 por cento semanalmente. Já no Grupo Colônia de Pescadores, 16 por cento aplicavam inseticidas diariamente, 26 por cento quando apareciam insetos, e 9,3 por cento semanalmente. Quanto à leiturados rótulos das embalagens dos inseticidas, 60 por cento dos entrevistados do Grupo Condomínio disseram que liam estes rótulos, e 29,3 por cento do Grupo Colônia de Pescadores fizeram a mesma afirmação. Quanto à forma de conhecimento dos inseticidas foi através das propagandas de televisão referidas pelos dois grupos pesquisados. Em uma segunda etapa verificamos a influência de peças publicitárias de inseticidas domésticosno sentido atribuído a tais produtos. Para isso foram: 1) selecionadas 03 peças publicitárias em circulação na mídia televisiva; 2) analisadas e criadas categorias; 3) submetidas aos entrevistados. Foram analisadas 3 peças publicitárias de inseticidas veiculadas na mídia televisiva no período de 2008, 2009, 2010, utilizando-se o métodode análise de conteúdo. As categorias geradas pela análise foram: Apelo ao status do usuário; Ocultação e minimização dos riscos; Símbolos de modernidade e cientificidade; Representações de um mundo asséptico; Representações de força, podere controle. Com base nelas realizamos entrevistas semi-estruturadas em uma subamostra composta por 20 residências. A análise das entrevistas revelou o grau de eficácia de taisestratégias de persuasão e mostrou o quanto as propagandas influenciam na compra dos produtos.


Evidenciamos ainda que risco à saúde e ao ambiente no uso destas substâncias é percebido no grupo de maior escolaridade e que a leitura e a compreensão dos rótulos dos inseticidas é dificultada pela linguagem técnica e excesso de informação. O fato de que o uso indiscriminado e contínuo destes produtos podem acarretar resistência aos inseticidas, não foi observado por nenhum entrevistado. Observamos neste estudo que a vulnerabilidade do consumidor é (independente da classe social, uma vez que todos se expõem aos inseticidas de alguma forma. O Grupo Colônia de Pescadores (baixa renda) se expõe mais para o risco de intoxicações agudas, pois são eles que aplicam os produtos usados no ambiente doméstico, já o Grupo Condomínio (alta renda) usam mais produtos e contaminam mais o ambiente coletivo, mas também se expõem de forma crônica, pois usam inseticidas de uso contínuo, e pulverizam seus condomínios com o fumacê. Concluímos que todas as propagandas analisadas utilizaram estratégias que ocultam o risco dos inseticidas no ambiente doméstico e não cumprem a legislação.


Subject(s)
Humans , Environment , Health Surveillance , Insecticides/adverse effects , Insecticides/toxicity , Propaganda , Rodenticides/adverse effects , Rodenticides/toxicity , Chemical Contamination , Chemical Compounds/policies , Health Care Coordination and Monitoring , Products Commerce , Household Products/toxicity , Vector Control
9.
Veterinary Medical Journal. 2011; 59 (3): 279-297
in English | IMEMR | ID: emr-126594

ABSTRACT

The teratogenic effects of abamectin pesticide on pregnant rats were studied following oral administration of 2.85, 1.42 and 0.72 mg/Kg bw [1/10, 1/20 and 1/40 of the oral LD[50], respectively] during the organogenesis period. Treatment with abamectin did not influence the reproductive status [number of uterine implants, resorptions, live and dead fetuses per litter] at all dosage levels. However, it caused significant increase in the percentages of morphological, visceral and skeletal malformations in rat fetuses on exposure to the two high doses compared to control. In addition, abamectin induced different pathological alterations in the placentae and fetal organs in a dose-related manner


Subject(s)
Female , Animals, Laboratory , Insecticides/adverse effects , Pregnancy, Animal , Gestational Age , Fetal Development , Fetal Growth Retardation , Teratogens , Rats , Female
10.
Journal of the Egyptian Society of Parasitology. 2011; 41 (2): 315-326
in English | IMEMR | ID: emr-154405

ABSTRACT

A preliminary survey of domestic rodent and the efficacy of bendiocarb, diazi-non and pirimiphos-methyl insecticides to their fleas were carried out in Dakahlia Governorates [Aga, Meet-Ghamr, El-Senbellawen, Temi El-Amded, Eeni-Abed, Dekernes, Nabarow, Talkha, Menia El-Nasr and El-Kordy]. Rodent index [number of rodent /trap] and percentage frequency of drodent species were recorded from October 2010 to May 2011. The main rodent species found were the Norway rat, Rattus norvegicus, the grey-bellied rat, R, rattus alex-andrinus, the white-bellied rat, R. r. frugivorus and the house mouse, Mus muscu-lus. The rodent index at Beni-Abed, Nabarow, Meet-Ghamr, Dekernes and El-Kordy centers showed 0.46, 0.39, 0.34, 0.33 and 0.33, respectively, while Menia El-Nasr center showed the lowest [0.08]. Aga, Talkha, El-Senbellawen, and Temi El-Amded centers showed moderate [0.25, 0.21, 0.2 and 0.16, respectively]. The com-monest flea species was the oriental rat flea, Xenopsylla cheopis, the mouse flea, Leptopsylla segnis, the dog flea, Ctenocephalides canis and the sticktight flea Echidnophaga gallinacea. The highest number of fleas was on R. norvegicus [Flea index=10.9] while lowest number was on Mus musculus [Flea index=0.1]. X. cheopis was the highest frequency distributed for all domestic rodent species [60.9%], while, C. canis was the lowest [1.6%]. The results showed tfiat bendiocarb was effective [Lc5o=0.389%] than diazinon [Lc5o=1.039%] and pirimiphos-methyl [Lc5o -2.056%]


Subject(s)
Humans , Male , Female , Phenylcarbamates , Diazinon , Diazinon/adverse effects , Organophosphorus Compounds , Insecticides/adverse effects , Insecticides
11.
Rio de Janeiro; s.n; 2010. 72 p. tab.
Thesis in Portuguese | LILACS | ID: lil-620597

ABSTRACT

O presente trabalho teve por objetivo caracterizar os riscos relacionados ao uso de pesticidas na pecuária leiteira, em questões relacionadas à legislação, à saúde e à percepção de riscos de trabalhadores dessa atividade, baseando-se em articulaçãometodológica que incluiu: a) revisão sistemática da literatura de referência sobre o objeto da pesquisa; b) análise da legislação correlata (produtos veterinários e agrotóxicos); c) identificação de perigos relacionados a produtos veterinários formulados à base de princípios ativos regulados como agrotóxicos; e d) análise da percepção de riscos de um grupo de trabalhadores da pecuária leiteira. A análise dosresultados do estudo apontou uma situação de especial interesse para o campo da Saúde Coletiva. No que diz respeito aos trabalhadores da pecuária leiteira, a invisibilidade de riscos associados ao manejo de agrotóxicos de uso veterinário aumenta sua exposição epode estar relacionada a diversos problemas de saúde. Esta mesma invisibilidade leva a um negligenciamento do respeito ao período de carência, o que pode indicar risco decontaminação aos consumidores de leite. Parte dos problemas pode estar associado à não-classificação dos inseticidas de uso veterinários como agrotóxicos, o que torna necessária e urgente a discussão do tema.


Subject(s)
Humans , Animals , Animal Husbandry , Insecticides/adverse effects , Insecticides/toxicity , Milk , Milk/toxicity , Occupational Risks , Pesticide Utilization , Veterinary Drugs/adverse effects , Veterinary Drugs/toxicity , Health Care Coordination and Monitoring , Perception , Rural Health , Veterinary Public Health
12.
Belo Horizonte; s.n; 2009. XVI,80 p. ilus.
Thesis in Portuguese | ColecionaSUS, LILACS, ColecionaSUS | ID: biblio-937931

ABSTRACT

O Programa de Controle da Doença de Chagas (PCDCh) teve suas atividades. iniciadas por volta da década de 1960 em âmbito nacional. Em 1991, com a. Iniciativa dos Países do Cone Sul, o PCDCh passou a priorizar as áreas de. ocorrência do Triatoma infestans, enquanto a vigilância epidemiológica era. implantada nas áreas já sob controle da transmissão vetorial. A utilização de. inseticidas piretróides nas atividades de controle permitiram ao PCDCh obter. resultados satisfatórios, como a interrupção da transmissão vetorial da doença de. Chagas em amplas áreas. A preocupação atual refere-se á possibilidade de. desenvolvimento de resistência aos inseticidas utilizados devido à existência de uma. região abrangendo o norte da Argentina e o sul da Bolívia onde T. infestans. apresenta-se resistente aos piretróides. Além disso, outras espécies de triatomíneos. já foram descritas com resistência inicial a estes inseticidas (ex. Rhodnius prolixus. na Venezuela e Triatoma sordida em Minas Gerais). Estas informações nos. impulsionaram a avaliar as populações remanescentes de T. infestans do Rio. Grande do Sul, comparando-as com amostras resistentes da Argentina e Bolívia, e. amostras de Triatoma brasiliensis do Ceará, através de ensaios com o piretróide. deltametrina.


Complementarmente, foi estudada a variabilidade genética das. populações através de sequências do gene mitocondrial cytB e microssatélites. Os. resultados dos ensaios com deltametrina demonstraram que todas as amostras de. T. infestans e T. brasiliensis do Brasil apresentaram-se suscetíveis ao inseticida. A. variabilidade genética para T. infestans foi baixa, com valores muito inferiores aos. observados em T. brasiliensis. Também foi verificado que a variabilidade genética. demonstrada através dos loci de microssatélites em T. infestans foi muito maior que a apresentada pelas sequências do gene cytB. Apesar disso, a análise das sequências deste gene se mostrou adequada para avaliar a diferenciação genética das populações. Em nosso trabalho foram observados valores de resistência menores dos já descritos para T. infestans do Rio Grande do Sul e da Bolívia. Estas diferenças indicam que o fenômeno de resistência é muito mais complexo do que se imaginava, e por isso merece maior atenção


Subject(s)
Male , Female , Humans , Animals , Chagas Disease/prevention & control , Insecticides/adverse effects , Triatoma/genetics , Triatoma/growth & development
13.
Belo Horizonte; s.n; 2009. XVI,80 p. ilus.
Thesis in Portuguese | LILACS | ID: lil-658790

ABSTRACT

O Programa de Controle da Doença de Chagas (PCDCh) teve suas atividades. iniciadas por volta da década de 1960 em âmbito nacional. Em 1991, com a. Iniciativa dos Países do Cone Sul, o PCDCh passou a priorizar as áreas de. ocorrência do Triatoma infestans, enquanto a vigilância epidemiológica era. implantada nas áreas já sob controle da transmissão vetorial. A utilização de. inseticidas piretróides nas atividades de controle permitiram ao PCDCh obter. resultados satisfatórios, como a interrupção da transmissão vetorial da doença de. Chagas em amplas áreas. A preocupação atual refere-se á possibilidade de. desenvolvimento de resistência aos inseticidas utilizados devido à existência de uma. região abrangendo o norte da Argentina e o sul da Bolívia onde T. infestans. apresenta-se resistente aos piretróides. Além disso, outras espécies de triatomíneos. já foram descritas com resistência inicial a estes inseticidas (ex. Rhodnius prolixus. na Venezuela e Triatoma sordida em Minas Gerais). Estas informações nos. impulsionaram a avaliar as populações remanescentes de T. infestans do Rio. Grande do Sul, comparando-as com amostras resistentes da Argentina e Bolívia, e. amostras de Triatoma brasiliensis do Ceará, através de ensaios com o piretróide. deltametrina.


Complementarmente, foi estudada a variabilidade genética das. populações através de sequências do gene mitocondrial cytB e microssatélites. Os. resultados dos ensaios com deltametrina demonstraram que todas as amostras de. T. infestans e T. brasiliensis do Brasil apresentaram-se suscetíveis ao inseticida. A. variabilidade genética para T. infestans foi baixa, com valores muito inferiores aos. observados em T. brasiliensis. Também foi verificado que a variabilidade genética. demonstrada através dos loci de microssatélites em T. infestans foi muito maior que a apresentada pelas sequências do gene cytB. Apesar disso, a análise das sequências deste gene se mostrou adequada para avaliar a diferenciação genética das populações. Em nosso trabalho foram observados valores de resistência menores dos já descritos para T. infestans do Rio Grande do Sul e da Bolívia. Estas diferenças indicam que o fenômeno de resistência é muito mais complexo do que se imaginava, e por isso merece maior atenção


Subject(s)
Humans , Animals , Male , Female , Chagas Disease/prevention & control , Insecticides/adverse effects , Triatoma/growth & development , Triatoma/genetics
14.
Arq. ciênc. vet. zool. UNIPAR ; 11(2): 139-151, jul.-dez. 2008.
Article in Portuguese | LILACS | ID: lil-536967

ABSTRACT

A sarna demodécica canina, também chamada de demodicose canina ou demodicidose canina, é uma das dermatopatias mais comumente encontradas na clínica veterinária, sendo uma das mais sérias enfermidades encontradas nos cães.O tratamento pode ser insatisfatório e frustrante, fazendo com que muitos cães sejam submetidos a eutanásia, tanto em função da pouca eficácia dos acaricidas disponíveis, quanto de consecutivas recidivas. Atualmente, depois de mais de 20 anos de primazia do ectocida tópico amitraz como droga de eleição para tratamento de cães parasitados pelo Demodex canis, uma nova classe de fármacos de ação sistêmica vem ganhando a confiança dos clínicos e revolucionando conceitos terapêuticos. As lactonas macrocíclicas dividem-se em milbemicinas, como milbemicina oxima e moxidectina, e em avermectinas, como ivermectina, doramectina e abamectina. Algumas delas apresentam grande potencial, e há grande quantidade de relatos positivos sobre seu emprego. Entretanto, a falta de padronização para estudos sobre seu sucesso terapêutico limita a recomendação de protocolos definitivos, de forma que alguns ainda indicam opção primária pelo uso de amitraz, para só depois lançar mão de uma das lactonas macrocíclicas. Novos estudos e novas estratégicas para delineamento de protocolos terapêuticos, como oemprego de cálculos de extrapolação alométrica, podem contribuir grandemente para que essa linha de trabalho continue a evoluir, trazendo os esperados benefícios para médicos veterinários, clientes e pacientes.


Demodicosis, also named demodectic mange, is one of the most common dermatologic diseases in veterinary practice, and its generalized presentation is one of the most severe diseases in dogs. Therapy may be unsatisfactory and frustrating, causing the euthanasia of a lot of dogs because of acaricid inefficacy and consecutive recurrences. Nowadays, after more than 20 years of primacy of the topical ectocide amitraz as drug of choice for demodicosis, a new class of systemic drugs is gaining practitioners’ confidence and revolutionizing therapeutic concepts. Macrocyclic lactones are divided into mylbemycins such as mylbemycin oxime and moxydectin, and avermectins such as ivermectin, doramectin e abamectin. Some of them present great potential and there are a lot of positive reports with respect to their use. However, the lack of patterns for the study of their therapeutic success still limits the indication of definitive protocols, leading some clinicians to indicate the amitraz as their first option, making use of macrocyclic lactones at a later time. New studies and strategies in designing therapeutic protocols, as the use of allometric scaling calculations, may contribute decisively for the evolution of this working line, leading to the expected benefits for veterinarians, clients, and patients.


La sarna demodécica canina, también llamada demodicosis canina o demodicidosis canina, es una de las máscomunes dermatopatias encontradas en la clínica veterinaria, siendo una de las más serias enfermedades encontradas en losperros. El tratamiento puede ser insatisfactorio y frustrante, haciendo con que muchos perros sean sometidos a eutanasia,tanto en función de poca eficacia de los acaricidas disponibles, cuanto de consecutivas recidivas. Actualmente, después demás de 20 años de primacía del ectocida tópico amitraz como droga de elección para tratamiento de perros parasitados por el Demodex canis, una nueva clase de fármacos de acción sistémica viene ganando la confianza de los clínicos y revolucionando conceptos terapéuticos. Las lactonas macrocíclicas se dividen en milbemicinas, como milbemicina oxima y moxidectina, y en avermectinas, como ivermectina, doramectina y abamectina. Algunas de ellas presentan gran potencial, y hay gran cantidad de relatos positivos sobre su empleo. Entretanto, la falta de estandarización para estudios sobre su eficacia terapéutica limitala recomendación de protocolos definitivos, de manera que algunos aún indican opción primaria por el uso de amitraz, para solamente después emplear las lactonas macrocíclicas. Nuevos estudios y nuevas estratégicas para planteamiento de protocolos terapéuticos, como el empleo de cálculos de extrapolación alométrica, pueden contribuir grandemente para que esa líneade trabajo continúe a evolucionar, trayendo los esperados beneficios para médicos veterinarios, clientes y pacientes.


Subject(s)
Animals , Dogs , Mite Infestations/prevention & control , Mite Infestations/veterinary , Insecticides/administration & dosage , Insecticides/adverse effects
15.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 60(5): 1274-1276, out. 2008.
Article in English | LILACS | ID: lil-500102

ABSTRACT

Duzentos e quarenta avestruzes, com idades entre 12 e 24 meses, foram examinados quanto ao parasitismo por Struthiolipeurus spp. Destes, 168 apresentavam-se infestados por piolhos (70 por cento). Todas as aves foram tratadas com solução de cipermetrina a 15 por cento, na diluição de 1ml/l, por pulverização com auxílio de uma bomba costal. Os animais positivos foram reexaminados nos dias 7, 14 e 21 após o tratamento, e não foram mais encontrados piolhos. A cipermetrina apresentou 100 por cento de eficácia no controle de piolhos do gênero Struthiolipeurus em avestruz.


Subject(s)
Animals , Parasitic Diseases/prevention & control , Insecticides/adverse effects , Struthioniformes
16.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 60(2): 329-334, abr. 2008. ilus, tab
Article in English | LILACS | ID: lil-484656

ABSTRACT

Cardiovascular effects due to intravenous (IV) xylazine (1.0mg/kg) or amitraz (0.1 or 0.4mg/kg) were evaluated in horses. Left ventricular function indexes, heart rate (HR), and cardiac output (CO) were measured by echocardiography. Second degree atrioventricular (AV) block was detected by electrocardiography. Invasive arterial blood pressure (AP) was also evaluated. All parameters were measured immediately before and during 60 minutes after drug injection. HR, CO, and second degree AV block were different between xylazine and amitraz-0.4mg/kg groups. Xylazine induced initial hypertension 10 minutes after injection, and hypotension was observed 30 minutes after amitraz-0.4mg/kg administration. Except for the second degree AV block which occurred only at five minutes, there was no change in the echocardiographic measurements after administration of amitraz-0.1mg/kg. Thus, amitraz-0.4mg/kg and xylazine (1.0mg/kg) induced similar cardiovascular side effects, but long-lasting action of amitraz-0.4mg/kg in the cardiovascular system was observed.


Avaliaram-se efeitos cardiovasculares decorrentes da administração intravenosa (IV) de xilazina (1,0mg/kg) ou amitraz (0,1 ou 0,4mg/kg) em cavalos. Os índices ventriculares, a freqüência cardíaca (FC) e o débito cardíaco (DC) foram mensurados por ecocardiografia, e o bloqueio atrioventricular de segundo grau (BAV2), detectado por eletrocardiografia. A pressão arterial invasiva foi também avaliada. Todos os parâmetros foram mensurados imediatamente antes e durante 60 minutos após a administração dos fármacos. Os valores da FC, do DC e do BAV2 apresentaram alterações significativas nos grupos da xilazina e do amitraz na dose de 0,4mg/kg. A xilazina induziu hipertensão inicial 10 minutos após sua administração e a dose de 0,4mg/kg amitraz induziu hipotensão após 30 minutos. Exceto pela ocorrência de BAV2 aos cinco minutos, não houve alteração nas mensurações ecocardiográficas após a administração de amitraz-0.1mg/kg. Nas doses utilizadas, a xilazina (1,0mg/kg) e o amitraz-0,4mg/kg promoveram alterações semelhantes no sistema cardiovascular, porém os efeitos cardiovasculares provocados pelo amitraz foram mais prolongados.


Subject(s)
Animals , Cardiovascular System , Echocardiography , Equidae , Insecticides/adverse effects , Xylazine/adverse effects
17.
Journal of the Egyptian Society of Toxicology. 2008; 38: 119-127
in English | IMEMR | ID: emr-88241

ABSTRACT

The possible modulatory potential of thymoquinone [TQ] against imidacloprid [IC] induced toxicity was examined in male albino rats. One hundred and forty four adult male albino rats, Rattus norvegicus, were allocated into six groups, three groups are control and the other three groups are treated. IC was given orally at a dose of 1/100 LD50 / day for 4 weeks, with or without pretreatment of TQ that given weekly as a single i.p. injection at a dose of 1mg/kg.b.wt. Oral administration of IC significantly decreased RBC, Hb, Hct, ALP, and total protein, while increased AST, ALT, cholesterol, triglycerides, creatinine, and lipid peroxide. Recovery of haematological and biochemical changes was observed after TQ supplementation. It is concluded that TQ might alleviate disturbance in haematological and biochemical parameters induced by IC toxicity


Subject(s)
Animals, Laboratory , Insecticides/adverse effects , Liver Function Tests , Cholesterol , Triglycerides , Oxidative Stress , Malondialdehyde , Protective Agents , Benzoquinones , Treatment Outcome , Rats , Blood Proteins , Creatinine
18.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 59(5): 1236-1244, out. 2007. graf
Article in English | LILACS | ID: lil-471207

ABSTRACT

This work studied the effects of experimental amitraz intoxication in cats. Sixteen cats were randomly divided equally into two groups: amitraz group - animals received 1.5 percent amitraz at 1mg/kg IV; and the control group - animals without amitraz. Physiological parameters from blood, cardiorespiratory system, and sedation indicators were quantified over time up to 360 minutes. Blood profile, urea, creatinine, alananine aminotransferase and aspartate aminotransferase were not affected by amitraz. Sedation, loss of reflexes, hypothermia, bradycardia, bradyarrhythmia, hypotension, bradypnea, mydriasis, besides transitory hyperglycemia, hypoinsulinemia and decrease of cortisol levels were observed in cats experimentally exposed to amitraz. The alpha2-adrenergic effects induced by amitraz intoxication in cats are very similar to the same effects reported in others species, contributing with more information about this type of intoxication to veterinary toxicology


Este trabalho estudou os efeitos da intoxicação experimental por amitraz em 16 gatos, distribuídos, aleatoriamente, em dois grupos: grupo amitraz - animais receberam amitraz a 1,5 por cento na dose de 1,0 mg/kg IV; e grupo controle - animais sem amitraz. Parâmetros fisiológicos sangüíneos, do sistema cardiorespiratório e de sedação foram aferidos até 360min. Perfil sangüíneo, uréia, creatinina, alanina aminotransferase e aspartato aminotransferase não foram afetados pelo amitraz. Sedação, perda de reflexos, hipotermia, bradicardia, bradiarritmias, hipotensão, bradipnéia, midríase, além de transitória hiperglicemia, hipoinsulinemia e diminuição dos níveis de cortisol, foram observados nos gatos experimentalmente expostos ao amitraz. Os efeitos alfa 2-adrenérgicos induzidos pela intoxicação por amitraz em gatos são muito similares aos mesmos efeitos relatados em outras espécies, contribuindo com mais informações dessa intoxicação para a toxicologia veterinária


Subject(s)
Animals , Adult , Adrenergic Agents/analysis , Adrenergic Agents/poisoning , Adrenergic Agents/pharmacology , Animal Experimentation/standards , Cats/physiology , Cats/blood , Insecticides/adverse effects , Insecticides/toxicity
19.
Journal of the Egyptian Society of Parasitology. 2007; 37 (3): 893-902
in English | IMEMR | ID: emr-135348

ABSTRACT

Insecticides susceptibility tests were conducted on Culex pipiens larvae from both Doha and Al-Rayan. The insecticides used were chloropyrifos, propetamphos [Organophosphorous], cyphenothrin, cyfluthrin [Synthetic] and etofenprox. Larvae in Al-Rayan district were more susceptible to all insecticides than in Doha. The chlorophyrifos and cyfluthrin were the most effective larvicides, cyphenothrin was moderate and propetamphos and etofanprox were the least ones


Subject(s)
Insecticides/adverse effects , Organophosphorus Compounds/adverse effects , Cholinesterase Inhibitors
20.
Journal of the Egyptian Society of Toxicology. 2007; 36: 53-60
in English | IMEMR | ID: emr-83713

ABSTRACT

The present study aims at comparing the in vivo effect among B. thuringiensis [bioinsecticide], chlorpyrifos [organophosphorus insecticide] and flufenoxuron [insect growth regulator] on the biochemical parameters, toxicity some reproductive parameters and histopathological changes in tissue specimens of different organs of albino rats. In flufenoxuron and chlorpyrifos administrated rats body weight and kidney weight significantly decreased as compared with the corresponding weights of the control groups. Also, significant reduction occurred in total protein and serum cholinesterase activity after oral administration of chlorpyrifos and flufenoxuron. Values of total lipids, triglycerides and cholesterol significantly increased throughout the experiment and hyperlipidemia, hypercholesolemia and hyperuremia were noticed in chlorpyrifos and flufenoxuron administrated rats. Also, the mean values of serum transaminases [ALT and AST] and alkaline phosphate [ALP] activities were increased. Prolonged administration of chlorpyrifos caused no effect on hemoglobin concentration, however, it significantly decreased leukocyte count, erythrocyte count, hematocrite values, platelet count and blood indices. On the other hand, flufenoxuron exerted significant decreases in all hematological parameters as compared with the control group. Likewise, chlorpyrifos and flufenoxuron administration significantly decreased testis weight, concentration of sperm cells, percentage of live sperms but on the other hand, caused increase in percentage of abnormal sperms. The orally administration of flufenoxuron and chlorpyrifos led to histopathological changes in liver, kidneys and testis of the treated rats. On the other hand, bio-insecticides [Bacillus thuringiensis] did not show such hazardous effects on the orally administrated rats and consequently it would be safe to people and can be used on all food crops


Subject(s)
Animals, Laboratory , Male , Insecticides/adverse effects , Rats , Weight Loss/drug effects , Testis/drug effects , Kidney/drug effects , Liver/drug effects
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL