Your browser doesn't support javascript.
loading
Soroprevalência, fatores e aspectos clínicos associados à leishmaniose visceral canina em Goiana, Estado de Pernambuco, Brasil / Prevalence, clinical features and factors associated with canine visceral leishmaniasis in Goiana, Pernambuco State, Brazil
Recife; s.n; 2014. 69 p. ilus, graf, tab, mapas.
Thesis in Portuguese | LILACS | ID: lil-719862
Responsible library: BR305.1
Localization: BR305.1; (043.3)"2014", A553s
RESUMO
A leishmaniose visceral canina (LVC) e uma doença parasitária causada por protozoários do gênero Leishmania, principalmente por Leishmania infantum. A epidemiologia da doença varia de região para região e o entendimento dos fatores associados à infecção em cães pode ajudar na elaboração de medidas de controle mais específicas. O diagnóstico sorológico da infecção sofreu mudanças importantes nos últimos anos com a introdução do TR-DPP® e do estabelecimento de novos critérios de diagnóstico (TR-DPP® + EIE-LVC) pelo Ministério da Saúde. Dentro desse contexto, no presente estudo objetivou-se estudar a epidemiologia da LVC no município de Goiana, estado de Pernambuco, nordeste do Brasil. Para tal, realizaram-se testes sorológicos (TR-DPP® e EIE-LVC) e análise clínico-epidemiológica em 360 cães semi e domiciliados, de ambos os sexos, raças e idades variadas, nos distritos de Atapuz, Tejucupapo e Pontas de Pedra no referido município. No TR-DPP®47 (13,1 por cento) animais foram reagentes, onde se observou associação significativa dos resultados com os seguintes sinais clínicos alopecia, lesões na pele paresia e linfonodomegalia. Já no EIE-LVC 21 (5,8 por cento) animais foram reagentes, havendo associação significativa entre a classificação clínica dos animais, condição corporal, alopecia, lesões na pele, secreção ocular, paresia e linfonodomegalia. Já de acordo com o critério do Ministério da Saúde do Brasil, apenas 15 (4,2 por cento) animais foram classificados como positivos. De fato, verificou-se uma fraca concordância (Kappa = 0,39) entre os dois testes sorológicos. Conclui-se que a LVC encontra-se estabelecida em Goiana e que o uso do TR-DPP® como teste de triagem e do EIE-LVC como teste confirmatório pode levar a perda de cães infectados, uma vez que cães positivos do TR-DPP® são negativos no EIE-LVC e vice-versa.
Subject(s)
Full text: Available Index: LILACS (Americas) Main subject: Signs and Symptoms / Risk Factors / Leishmania infantum / Dogs / Leishmaniasis, Visceral / Animals Type of study: Prevalence study Country/Region as subject: South America / Brazil Language: Portuguese Year: 2014 Type: Thesis

Similar

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Full text: Available Index: LILACS (Americas) Main subject: Signs and Symptoms / Risk Factors / Leishmania infantum / Dogs / Leishmaniasis, Visceral / Animals Type of study: Prevalence study Country/Region as subject: South America / Brazil Language: Portuguese Year: 2014 Type: Thesis